1. Spirit Fanfics >
  2. Raio De Luz >
  3. Chiquititas

História Raio De Luz - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Continuando.

Capítulo 2 - Chiquititas


Fanfic / Fanfiction Raio De Luz - Capítulo 2 - Chiquititas

Depois de muitas horas esperando finalmente amanhece e (Barulho de apito) Bora Gambada chega de moleza! Eu tomei o susto daquele grito e sai correndo para se esconder em um cômodo, eu nervoso pensando mas não tive tempo e acabei me escondendo sabe aonde? Atrás da tv. Eu achei que isso não ía dar certo, (chiquititas quase indo para as escadas)

(Eu pensando) Eu vou esconder aqui! É isso o que eu fiz.

Vivi: Eu não aguento mais tantos meninos indo atrás do meu perfil

Tati: Coloca essa boca pra lá, parece que todos os meninos estão indo atrás do perfil

Vivi: Acontece tati é que eu postei a foto do meu vestido novo e agora todos os meninos estão atrás do meu perfil

(Eu pensando) O que que a Vivi está falando?

Tati: Essa foto que. Achei, essa foto não tem nada de diferente

Mili: Gente, o que tá pegando?

Tati: A vivi postou uma foto com vestido novo dela mas ela fica reclamando que todos os meninos estão atrás do perfil dela.

Cris: Cheguei.

Ana: Eu também (Bia, Maria, Dani, Teca e outras meninas chegam) (Conversa paralela)

Mili: Meninas calma calma uma de cada vez

Pata: Lá no quarto tá cheio de conversas

Cris: E falando nessa conversa quem falou pra todos os meninos para ir atrás do perfil da vivi?

Ana: Não fui eu

Tati: Eu também não

Dani: Não me julgue

Cris e Pata: Então quem foi algumas daqui?

Meninas: Você! (Conversa paralela Quem? O que)

(Eu pensando) Jesus essa história está estranha.

Mili: Ninguém sabe quem foi?

Vivi: Só pode ter sido os meninos

Pata e Bia: O que? Mili: Eles não fariam essas coisas!

Tati: É

(Eu pensando) Lá vem a vivi. 

(Meninos saindo correndo na escada e conversa paralela)

(Eu pensando) Que história é essa do perfil da vivi sendo perseguido?

Mosca: Imagina, a gente não fez nada

Vivi: Então quem foi então

Mosca: Só pode ter sido os vizinhos

(Eu pensando) Vizinhos? Os vizinhos não fazem nada

(Conversa paralela)

Matilde como a ernestina: Ô gambada vamos se não vão chegar atrasados bora bora bora

(Chiquititas saem) E depois eu fui devagar para sentar no sofá e falei:

Eu: Que barraco é esse? Perfil, por causa de um perfil, e quem são esses meninos e quem são essas outras meninas que eu achei que fosse Tati, Ana, Cris, Vivi, Bia e Mili só? E a dúvida fica chegando na minha cabeça que vai até no topo (Eu olhando em volta vê se tem alguém) eu tô bem sozinho e ninguém vai escutar eu. Bom continuando, depois que as chiquititas foram tomar café, eu fui discreto até o sofá mas eu nem percebi que tinha um quadro ali e era muito estranho era um quadro de uma mulher e fiquei tipo: Sai fora! E pra que, era minha visão de novo e nem tinha o quadro desse aí eu falei: Ah não é sério! Depois de ficar com lero lero sentado esperando e tudo do nada (Chiquititas indo até a sala)

Eu falando baixo: Droga! (Eu escondendo de novo atrás da TV)

(Conversa Mili começa e termina chiquititas menores) Depois dessa conversa a van buzinou e chiquititas foram embora e entra uma mulher que eu achei que era ernestina original, mas eu não sabia nessa época que é que era a matilde que está substituindo a Ernê. Em seguida fui discretamente até a porta de entrada só que eu passei com muito cuidado é como se eu fosse uma onça, pronto atravessei a sala e tô lá fora de novo, eu nervoso pensei: E se eu fingir que cheguei agora, aí seria mais fácil de entrar no orfanato. É, eu tive que fazer isso.

(Barulho de campainha do orfanato) Matilde como a Ernestina: Oxi essa hora? Eu não tô esperando ninguém.

Eu: Com licença senhora aqui é o orfanato raio de luz?  

Matilde como a Ernestina: Sim por que?

Eu: Então posso entrar para falar sobre isso?

Matilde como a Ernestina: Ta entra. (Abre a porta e eu dou passos pra frente)

Eu: Então meus pais morreram

Matilde como a Ernestina: Mas como que seus pais morreram? Você viu eles

Eu: Não, quando cheguei na minha casa minha mãe não tá mais e fui no quarto da minha vó não está também.

Matilde como a Ernestina: E depois o que você fez ligou para polícia o Junior te buscou?

Eu: Não, eu fugi, mas não vi ninguém nem pelo menos o Junior.

Matilde como a Ernestina: Para conhecer melhor o orfanato, por favor me segue até a diretoria.

Eu: Sim vamos! Resumindo, eu fui na diretoria, e quando entrei na diretoria eu ouvi essas coisas.

Matilde como a Ernestina: Essa é a diretoria do orfanato.

Eu: Legal.

Matilde como a Ernestina: Sente-se. Esse é o arquivo para colocar numa gaveta junto com as pestes quer dizer as crianças

Eu: Hmm interessante também sou criança.

Matilde como a Ernestina: Ok, muito bem eu vou fazer as perguntas pra você e você responda corretamente

Eu: Tudo bem.

Matilde como a Ernestina: Qual é o seu nome?

Eu: Pedro Otávio Pimentel. (Matilde como a ernestina anotando no arquivo)

Matilde como a Ernestina: Quantos anos tu tem?

Eu: 7.

Matilde como a Ernestina: Tem algumas crianças que têm a mesma idade de você

Eu: Nossa, eu não sabia!

Matilde como a Ernestina: Que data que nasceu?

(Eu falando data e Ernestina anotando)

Matilde como a Ernestina: Onde você mora?

Eu pensando: Ih, como que vou falar pra ela eh.

Eu: Em São Paulo mesmo.

Matilde como a Ernestina: Qual é o nome do seus pais

(Eu falando o nome dos meus pais)

Matilde como a Ernestina: Isso muito bem agora seu arquivo pronto, eu vou guardar junto com outros arquivos das crianças. Tem alguma coisa a me dizer

Eu: Não não

Matilde como a Ernestina: Você costuma mal igual as outras crianças que vieram se adaptar?

Eu: Não

Matilde como a Ernestina: Bem vindo ao Orfanato Raio de Luz.

Eu feliz: Obrigado (pensando) Não acredito que deu certo, eu vou ver as chiquititas de pertinho tô ansioso! Vocês não acreditaram no que aconteceu, deu certo mesmo!

Eu acabei de ir pra sala e pensei nas expectativas.

Eu: Nossa, finalmente eu vou realizar os meus sonhos ver chiquititas de perto e descobrir quem são as outras crianças.

Música clipe: Sonho de Pedro Pimentel (Toque original Out there instrumental version)

Letra: Quando vejo eles na tela de televisão

e sente a vontade de conhecer

No mundo normal eu sinto tão sozinho

Que só posso ver quando estou dormindo

Aqui agora eu sinto tranquilo

E sem ninguém com meu cuidado

Na minha figura são as 6 meninas e de repente havia mais

Havia mais

O sonho se torna realidade há fãs

Que também tem o sonho de ser chiquitito

Com todo brasil inteiro a falar

Aqui é onde tudo começou

Com bonecas, acessórios e também o diário

Banheiro com confusões e até correria até o vaso

E corredores marcantes e cozinha divertida

Eu sou a luz que brilha no orfanato

Oooo sonho se torna realidade há fãs

Que também tem o sonho de ser chiquitito

Com todo brasil inteiro a falar

Chiquititas, você é segunda novela, marcar a minha infância, Que esteja

No meu coração! Tudo lindo, Tudo mágico Tudo fantástico Tudo sonho

Que você pode sonhar!

(Na escola estadual Dom Joao do nascimento)

Na escola, as chiquititas estão conversando sobre tal de perfil da vivi que está sendo hackeado mas eu não sei o que falar a vivi realmente tá nervosa

Vivi: Ai meu deus quem foi? Tô pagando mico

Mili: Calma, vivi calma (Van buzinando) Quando a buzina do van buzinou as chiquititas estão indo de volta pro orfanato. E eu tô na sala e falei assim

Eu: Eu acho que vou lá no pátio depois eu volto pra sala, Ih essa hora chiquititas estão voltando. E eu fui no pátio fazer alguma coisa e.

Eu: Nossa quem é você que bonitinho, Pipoca prazer eu sou pedro eu entrei horas atrás, nossa, Pipoca você é uma cachorra mais linda que eu já vi

Pipoca: Au au

Eu: Que bom que você gostou de mim pipoca. É até a pipoca.

(Enquanto isso na sala)

Vivi: Ok, e agora vamos resolver o problema do meu perfil agora?

Cris: Não vai ser fácil mas

Mili: Vamos fazer isso outra hora, o almoço está quase pronto (Matilde chega)

Tati: Oi Ernestina, tem uma novidade?

Matilde como Ernestina: Tem sim

Ana: O que?

Dani: Novidade? Que novidade é essa?

Matilde como Ernestina: Tem o menino novo no orfanato

Chiquititas menores: Menino novo? (Todos correm)

Eu: Pois é pipoca foi uma história horrível, Droga, game over, nossa como que demora as chiquititas nem chegaram ainda. (Chiquititas fazendo falatório) é impressão minha ou tô ouvindo conversa alta na minha cabeça?

Eu: Mas que falatório é esse? (Surpreso) Não acredito que são vocês! Tati, Ana, Cris, Vivi, Bia, Pata, Mili, Mosca, Binho e Rafa. Quais são as novas!

Mili: Que bom que você gostou da gente

Tati: Você conheceu a pipoca?

Ana: É.

Cris: Oi, qual é seu nome?

Vivi: Que bom que você gostou ou reparou na minha beleza (Beijinho no ombro)

Bia: Com certeza você goste aqui no orfanato.

Pata: É, você pode se adaptando, conhecendo pessoalmente

Mosca: A gente vai se divertir com essa aventura

Rafa: Exatamente

Binho: É isso aí

Eu: Obrigado, quem são esses? Esses eu não conheço

Mili: Esses são as outras crianças que entraram recentemente, Essa é a Dani, essa é a Maria, esse é o Thiago, esse é o Samuca, esse é o Neco e essa é a Teca. Ah e tem a Marian mas não está aqui junto quando a mili mostrou.

Eu: Oi amigos, prazer

Dani, Maria, Thiago, Samuca, Neco e Teca: Oi

Eu: Quem não me conhece, Eu sou Pedro eu tenho 7 anos, eu entrei aqui quando vocês estão na escola

Pata: Como você sabe que a gente tá na escola?

Eu: A Ernestina que contou. Ah outra coisa, lembram que vocês foram no acampamento que cada um de vocês tem 3 times, jacaré açu, arara azul e lobo guará.

He-Man OST: 76 - He-Man Trapped

Todos menos eu: O que?

Dani: Como você sabe de tudo isso?

Eu: Eu assisto vocês.

Rafa: Então quer dizer que você é o telespectador?

Eu: Isso. (Música continua) (Chiquititas surpresas e alguns ficam de queixo caído)

Eu: Eu quero conhecer agora de pertinho! (Eu correndo em voltas no pátio inteiro)

Eu: Vamos gente? (Todos me seguem) Gente, olha a reação deles quando eu falei isso, melhor reação de todos. Pior que outros ficaram de queixo caído, nossa, ficaram surpresos.

(Todos chegam na sala e eu deparo com a Carol)

Carol: Que isso que correria é essa?

Mili: Apareceu o novo menino no orfanato.

Carol: Mais um?

Eu: Perdão, moça, eu fiquei perdido sem meus pais. Peraí, você deve ser a Carol.

Carol: Sim

Eu: Prazer, eu sou Pedro Pimentel.

Carol: Quantos anos você tem? Parece tão pequenininho

Cris: E fofo também!

Eu: Eu tenho 7

Carol: A Maria e Dani também.

Eu para elas: Nossa que coincidência!

Carol: Sabe Pedro, tem pessoas que falam pra mim que existe um homem sentado no banco esperando o menino de 7 anos e pequenino

Eu: Então eu sou esse tipo de menino

Carol: Mas tome cuidado.

Eu: Está bem. Eu fico me perguntando, um homem esperando? Minha dúvida começa a ficar na minha cabeça de novo até eu ir pra fora pra ver.

(Tela de congelamento de chiquititas) Continua.

 


Notas Finais


E aí? O que será que vai acontecer se eu encontro um homem sentado? Comentem aqui baixo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...