História Rastros da Esperança - Capítulo 10


Escrita por: e Lendara

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Caos, Infectados, Jimin, Storn, Suga
Visualizações 9
Palavras 593
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Survival, Terror e Horror
Avisos: Álcool, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpem a demora 😓 mas hoje tem dois capítulos 😉😘

Capítulo 10 - 10


Fanfic / Fanfiction Rastros da Esperança - Capítulo 10 - 10

P.O.V. Jimin


_Você não precisa brigar o tempo todo , sabia?

Perguntei olhando para a morena que estava de costas pra mim naquele banheiro minúsculo, ela soltou uma risada sarcástica e falou.

_E você chorar o tempo todo.

Eu sabia que chorava muito mas era uma coisa que não conseguia evitar.

_Eu só estou falando que se continuar explodindo assim você vai se machucar mais e mais .

Fui até ela peguei seu braço gentilmente e coloquei debaixo da água da torneira Ela tentou se soltar mais eu falei.

_Você e a Noona cuidaram de mim e do Hyung, me deixe eu fazer isso.

_Não precisa parecer gentil .... não me importo com isso.

Ela falou brava e então eu sorri a deixando sem reação.

_Você é como aqueles chihuahuas bravos.... Mas sério não precisa brigar o tempo todo.

Ela fechou os olhos sentindo a dor e falou se abrindo comigo pela primeira vez.

_É só que eu sinto raiva o tempo todo.... Eu não sei que porra está acontecendo.... Eu e (G/S) viemos estudar aqui na Coreia deixamos famílias e amigos tudo pra trás e de repente o mundo virou de cabeça pra baixo, nem sei se eles estão vivos.... e tem esses filhas de uma puta que ..... só. .. só. .....

Ela me olhou nos olhos e então abaixou a cabeça fugindo do meu olhar.

_Por que estou falando disso com você mesmo?

_Por que sou bom ouvinte.....Mas me diz Hannah ela é. ..

_É uma cadela vagabunda isso que ela é.

Escutei aquilo é meu coração se partiu novamente, então tudo era mentira .... cada promessa cada toque, cerrei os dentes para não chorar e ela percebeu.

_Foi mal pelo jeito que falei mas ela é isso mesmo, sei que você gosta dela...

_Não mais, agora eu só a odeio ... e a odeio com todas as minhas forças, agora me deixe ver suas sobrancelhas, elas estão sangrando.

Ela me olhou duvidosa então fechou os olhos, cheguei meu rosto perto dela então a sala pareceu ainda mais pequena .Peguei uma toalha e molhei a ponta, limpei o ferimento com cuidado e quando acabei ela me olhou .

_Obrigada..

_Será que ficaremos presos aqui por muito tempo?

_Espero que não.... é perigoso o lombriga matar a (G/S).

- Yoongi não é tão ruim assim.

Ela levantou as sobrancelhas e falou.

_Ele atirou em mim.

Nos rimos e então ela sentou no vaso e eu entrei dentro da banheira me deitando confortável.

_Até que aqui não é muito ruim..

_Não .

Ela falou me olhando.

_Você cabe certinho ai dentro.

_E ainda sobra espaço.

Falei e ela me olhou ficando vermelha , não falei aquilo com segundas intenções eu só estava controlando meu nervosismo. Ficamos em silencio por alguns minutos e ela então me perguntou .

_Como que é viver la fora ?

Pensei alguns segundos e então falei brincando com minhas mãos.

_Ah vida está toda estranha .... como é viver la fora? A gente não vive, só luta pra sobreviver ..... é tudo tão cinza tudo tão louco que eu nem sei como sobrevivi todos esses anos.... vemos poucos sobreviventes e eles são de dois tipos: os que você tem medo e os que são capturados pela Storn.

_Mas cuidamos de todos que chegam aqui.

Ela falou já ficando brava e então falei.

_Aquilo que aconteceu com o garoto é cuidar ?

Ela me olhou e então ficou calada , o silencio se intensificou assim como o tempo e então comecei a cantar uma canção .

_Você canta bem.

Ela falou sorrindo com a voz sonolenta.

_Obrigado.

Continuei cantando e ela dormiu sentada, me levantei e peguei seu corpo no colo a colocando dentro da banheira, a arrumei de maneira mais confortável possível e então ali percebi o quanto ela era bonita.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...