História Real Beliefs - Capítulo 4


Escrita por:

Visualizações 23
Palavras 1.077
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Hentai, Luta, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Então, demorei, mas ta ai.

Capítulo 4 - Verdade ou Desafio?


Fanfic / Fanfiction Real Beliefs - Capítulo 4 - Verdade ou Desafio?


- Xu... Acorda. - Ele gemeu em reprovação. - MinMin? - Eu estava hipnotizada pela sua boca, ah, que vontade de beija-la, eu devia? Ele estava dormindo, não saberia correto? Só um selinho, nada de mal, eu já estou aqui mesmo.
Depois de um tempo pensando, eu decidi.
Eu acho melhor...


Beija-lo de uma vez, caramba, eu estava tão pertinho daquela boca que eu tanto achava linda, ele nunca iria saber. Tomei minha atitude. Me aproximei cada vez mais e beijei aqueles lábios macios, ah, era tão bom, tudo nele era incrível. Eu estava lá, beijando Xu Minghao, me afastei e me abracei em seu peito. Não me importava se ele estivesse acordado, mas eu torcia para que não.


QUEBRA DE TEMPO


Eram quase 6 horas quando eu acordei, chamei por Xu e ele acordou.
- Bom dia Carol. - Ele me abraçou mais forte. Acho que ele não percebeu ainda.
- Bom Dia MinMin. Tem como me soltar, estou com fome. Levante e coloque uma roupa, vamos comer.
- Como você veio parar aqui? E por que minha boca tá com gosto de morango? - O chinês pergunta desesperado por uma resposta.
- Bom, quando eu vim te acordar, eu estava te apertando até que você me puxou e me abraçou. O gosto do morango? Não faço ideia - Menti, claro que eu não ia contar pra ele.
Me levantei, não percebendo que meu moletom se encontrava acima da minha barriga.
- Carol, seu moletom. - Avisou Minghao.
- Meu Deus, me desculpa eu não vi. - Comecei a abaixar o moletom frenéticamente. Nos arrumamos e fomos até a porta do grupo de Minghao. Minghao abriu a porta e entrou, eu fiquei parada, esperando.
- Entre - Disse Minghao.
Entrei pela porta e comecei a examinar o dormitório, eram menor que o meu, mas parecia organizado.
- Olha quem apareceu, Xu Minghao. - Disse Wonwoo.
- Se arrumem, vamos sair para comer,e rápido. - Falou Minghao, alto o suficiente para que todos no dormitório escutassem.
- Olha ele, dando ordens. - Retrucou Wonwoo indo eu direção a uma  das portas.
- Só estou com fome Wonnie. Podemos chamar mais gente? - Minghao perguntou a mim.
- Além do seu grupinho? Pode, claro, desde que sejam legais. - Disse a ele, examinando o dormitório.
- Vem comigo? - Ele perguntou esticando a mão para mim. Segurei na sua mão e seguimos em direção ao dormitórios dos Bad Boys. 
- E-eles? Xu? 

-Eles são legais, só precisa conhece-los melhor. - Disse o chinês, calmamente. Chegamos a frente da porta do dormitório onde ficava Johnny,Taeyong,Jisung e Yuta.

-Você bate. - Disse Xu , olhando pra mim.

Bati na porta ao som de Frozen,Xu riu, Johhny atendeu a porta, só de cueca, ele era um pecado em forma de gente. Estava perdida em meio aos meus pensamentos impuros quando Johnny estalou os dedos em frente ao meu rosto.

-Tira uma foto, dura mais bebê. - Ele riu.

- Se você quiser me dar uma foto com menos que isso eu aceito - Retruquei, Xu me olhou incrédulo.

-Me passa seu número bebê. - Eu anotei em um papel e entreguei ao moreno. Xu estava FURIOSOOOO.

- PRA ELE VOCÊ DA E PRA MIM NADA? - Ele explodiu.

- Calma MinMing, se você se comportar hoje eu te dou uma coisinha a mais, mas isso só mais tarde. - Eu segurava em sua mão, ele parecia mais calmo, ele acabou de ter um surto de ciúmes, ok. PERA Q, ele teve um surto de ciúmes por que eu dei meu número para Johnny, ele realmente me trata como uma irmã mais nova, que fofo.

- Mas então, você e seu grupinho de bad boys querem ir comer conosco? - Perguntei a Johnny que mexia distraidamente no celular.

- Tá, pode ser. 

- Coloque uma roupa descente Johnny. - Disse Minghao, olhando sério para o moreno que não deu atenção.

 

QUEBRA DE TEMPO

 

Todos nós já haviamos comido, eu estava com a cabeça encostada no peito de Xu que fazia carinho nos meus cabelos negros e lisos.

- Tá com sono boneca? - Perguntou Minghao me olhando. -

Um pouco Xu. - Eu respondi a ele. -

Você está me devendo um número de telefone. - Xu me encarava sério. -

- Ah, claro. - Me levantei de seu peito e passei meu número para ele.

- Posso te mandar uma mensagem a noite, madame? - Perguntou o garoto entre risos.

- Estarei sempre a disposição monsieur - Respondi ao garoto com voz de madame rica.

- Vocês são tão infantis. - Disse um dos meninos do NCT.

- Eu sei, vamos brincar de JO KEN PO? - Eu disse com voz de criança a Xu.

-Vamoooooss! - Respondeu o menino no mesmo tom. 

Começamos a brincar até recebermos um tapa no ombro vindo de Jeonghan. O garoto ria e debochava, fingindo ser nossa mãe. Os meninos do NCT começaram a brincar entre si e a receberem xingamentos vindos de Taeyong. Quando paramos de brincar começamos a nos retirar do shopping, por que tava fechando, se não a gente ia ficar lá mesmo.

 

QUEBRA DE TEMPO

 

Voltamos para a universidade e fomos para o meu dormitório, por que era o maior. Chegamos  no meu dormitório e nos organizamos eu uma roda, peguei uma garrafa de Soju. Johnny começou a girar. Caiu em Jun para JeongHan.

- Verdade ou Desafio? - Perguntou o chinês.

- Desafio - Disse Han.

- Eu te desafio a dar um pega bem gostoso no Seungcheol. - Disse Jun.

- Ah, tudo bem. - Han se levantou e foi em direção a Cheol, sentou em seu colo e deu um beijo brutal em Cheol. O maior simplesmente respondeu ao beijo também de forma brutal. Eles estavam REALMENTE se pegando. Quando a pegação entre os dois parou, não obrigatóriamente, alguém teve que separar aqueles dois, continuamos o jogo. Giramos de novo e caiu em eu perguntava a Minghao.

- Verdade ou Desafio? - Perguntei a ele.

-Verdade.

- Você me comeria? - Perguntei a ele, na brincadeira. Johnny me encarou e olhou para Minghao, Johnny simplesmente desatou a rir.

- Talvez, depende do que você estará vestindo por baixo. - Disse o maior, retrucando. Eu ri e Minghao girou a garrafa, Kwan para mim.

- Verdade ou Desafio? - Perguntou Kwan.

- Desafio.

- Eu te desafio a ficar com Minghao, do mesmo jeito que JeongHan.

- Eu...

 

 

FIM

 

 


Notas Finais


SDHBSDFBHGSDFVGSD DESCULPA DSNGDSNM, te amo Bru. <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...