História Realeza Moderna-(BTS) - Capítulo 36


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rep Monster, Suga
Visualizações 46
Palavras 1.368
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Festa, Fluffy, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Prontas? Chegamos com mais um capítulo, sei que pode não está legal, mas me forcei a sair de um bloqueio criativo nessa fanfic.

Espero que gostem e é isso aí!

Boa leitura xerinhos

Capítulo 36 - Sweet part. 1


Fanfic / Fanfiction Realeza Moderna-(BTS) - Capítulo 36 - Sweet part. 1

Finalizadas as comemorações e felicitações, nos reunimos para seguirmos o esquema montado para a lua de mel.


Resumindo tudo, a limousine que estaria nos levando para o aeroporto, onde o jatinho particular, estava a nossa espera, sairia do "castelo" escoltada por vários carros de segurança, só que quem estaria sendo escoltado, era uma casal que fazia parte da nossa equipe de segurança.


Enquanto isso, eu e Jin, sairiamos pelos portões do fundo, junto com alguns seguranças que estariam sendo dispensados naquela hora. Depois seguiriamos para a casa que ganhei de presente do meu pai.


°°°


Quase duas horas depois nosso carro estacionou na linda casa, que agora é minha. Saímos do carro e seguimos para dentro da casa.


_ Não quer tomar um banho? - Jin perguntou após nos separarmos do beijo quente que iniciamos assim que atravessamos a porta de entrada.


_ Ta me chamando de fedorenta? - Respondi com outra pergunta.


_ Você sabe que é extremamente cheirosa, só perguntei por que pensei que queria relaxar um pouco, enquanto guardo as nossas coisas. - Respondeu ele, acariciando meu rosto.


_ Tudo bem, irei fazer isso. - Celei nossos lábios e segui em busca do nosso quarto.


Assim que encontrei o quarto, fui logo me despindo, enquanto a banheira enchia. Relaxei meu corpo na água quente, fiquei por alguns minutos perdida em meus pensamentos.


Voltei ao planeta terra quando ouvi a porta do banheiro ser aberta, e meu marido passar por ela. O fitei curiosa, ele apenas caminhou até o balcão da pia e deixou minhas peças íntimas ali. Caminhou até onde eu estava e abaixou-se ao meu lado.


_ Essa imagem é tentadora, mas eu estarei te esperando no quarto. Tenho uma surpresa para você. - Beijou-me e levantou-se saindo do banheiro logo em seguida.


_ Eee parece que essa é minha deixa. - Suspirei e levantei, sai da banheira e me enrolei na toalha em seguida.


Fitei as peças que ele havia colocado por sobre o balcão e me questionei por alguns minutos. Uma lingerie rosa, com todos os acessórios e um perfume diferente ao lado dela.


Peguei o perfume e senti a essência, comprovei mais uma vez que Jin, tinha um extremo bom gosto. Após alguns minutos, sai do banheiro "arrumada".


A sena que vi foi uma das mais lindas, o quarto estava todo a luz de velas, na cama havia um balde de gelo com uma garrafa de vinho, pétalas de rosas estavam espalhadas por todo o quarto, mas era todo o quarto mesmo, até na porta do banheiro.


Alguns incensos queimavam, deixando o lugar com um cheiro agradável. Jin estava com um lindo buquê de rosas azuis. Sim, azuis. Seu rosto mantinha um olhar sexy e um sorriso de canto safado.


_ Eu já tinha imaginado você de rosa, mas confesso que me surpreendeu e muito, você está linda Isi. - Jin falou de onde estava.


_ Obrigada, eu gostei muito. - Respondi.


_ Se você gostou, imagina eu. - Devolveu ainda no mesmo lugar. Isso só significava uma coisa... Ele queria que eu fosse até ele.


Comecei a caminhar pelo tapete de pétalas, sentindo sua maciez em meus pés descalços. Cheguei até onde meu lindo Jin estava e parei perto de seu corpo, o fitando.


_ Você pensou em tudo não é mesmo? - Questionei, passando minhas mãos suavemente por seus ombros largos, ainda que cobertos pela camisa social branca.


_ Claro que eu pensei. Essa é a nossa lua de mel, eu me casei com a mulher que amo, como não pensaria? Eu quero que seja perfeito. - Falou para logo em seguida beijar-me intensamente. - Eu sei que gosta de azul, e, para não ser tão egoísta, encomendei esse buquê para você.


_ São lindas, eu adorei. - Peguei o buquê de suas mãos e o levei até o nariz, inalando seu perfume, que era bem parecido com a essência do perfume que ele que ele havia me dado. Eu o fitei curiosa.


_ Sim! Com parte das rosas azuis cultivadas, eu mandei que fizessem uma fragrância especial para você. Todo o lote de rosas estão aqui, no seu buquê e no seu perfume. Um lote de rosas azuis todo cultivado especialmente para você.


Eu já estava com lágrimas por todo meu rosto. O esforço que ele fez só para me agradar, só por me amar. Não tem como não ama-lo.


Me lancei em seus braços e me entreguei em um beijo intenso e apaixonado. Sem reservas, entreguei-lhe naquele momento, o meu coração. Ali naquele quarto, amei Kim Seokjin.


°°°


A noite nos braços de Jinnin, foi maravilhosa, e para ninguém dizer ao contrário, as marcas roxas espalhadas por meu corpo, pernas, braços, costas, colo, abdômen e pescoço comprovavam isso. Fora que comi na cama, tanto o café da manhã, que por falar nisso, estava uma delícia, quanto o almoço.


Tudo por não conseguir andar. Os meninos dizem que o Joonnin é um monstro, isso porque não conhecem Kim Seokjin. Isso é a turma dos vingadores tudo junto em um homem só.


Ainda consego sentir ele por cima do meu corpo, me penetrando forte e firme. Claro, isso depois de ter sido um amorzinho nas três primeiras rodadas. OK, eu sei que estão curiosos pra saber como foi, então pra sanar a curiosidade de vocês, amados leitores... Aqui está a noite mais louca da minha vida.


Depois que me lancei em seus braços, Jinnin me virou de costa para ele e começou a deixar beijos molhados por meus ombros e nuca. Senti suas mãos me apalparem e me enlouquecer só com seus toques.


Seu membro duro já roçava em minhas costas, sutilmente levei uma de minhas mãos até o meio de suas pernas e o ouvi soltar um xingamento com meu aperto.


_ Não faça isso, - Começou ele com a voz rouca - não quero perder o controle agora, não antes de ser gentil e carinhoso com você. - Finalizou e me empurrou até a cama.


_ Você falando assim... - Fui calada por sua boca sendo colada a minha e seu corpo cobrindo o meu.


As preliminares foram ótimas, seus dedos explorando todo meu corpo, sua boca me marcando e me beijando. Tudo certo, até sentir ele me invadir, nossas roupas estavam em algum canto do quarto. Quer dizer, as dele, já que a minha ele fez questão de estourar as costura e rasga-las.


É impressão minha ou ele é maior que o Jun... Ô minha nossa! Ele é enorme!!! Exclamei no meu consciente. Grande e grosso, 'num parece mas é. Depois de minha constatação, o senti parar.


_ Estou te machucando? - Ele perguntou. Agora que fui me tocar, estava de olhos esbugalhados, com a boca em "o" perfeito, tensa e apertando seus ombros.


_ Oh! Não! Eu estou bem. - Relaxei.


_ Poço continuar? - Questionou meio receoso. Grudei nossas bocas e o senti corresponder.


_ É claro que pode, meu amor. - Afirmei.


Logo em seguida ele começou a me arrancar suspiros e ofegos de prazer. Suas estocadas mansas e suaves me faziam delirar. Quando o sentir ir mais rápido e alcançar meu ponto sensível, deixei de suspirar e passei a gemer.


Não demorou nada até sua voz máscula me acompanhar nos gemidos. O quarto estava quente, ele estava quente, eu estava quente. Mas era tão perfeito, tão intenso, tão a gente. Sem explicação.


Assim seguiu por mais duas vezes. Calmo, mais ainda assim intenso. Todas na cama, e quando chegavamos ao orgasmo, tudo era ainda mais perfeito.


Depois da terceira vez, ele levantou e foi para o banheiro, escutei as torneiras da banheira serem ligadas e ele entrar novamente no quarto. Fui pega no colo e levada até o banheiro, fui colocada na banheira e ele apenas disse para eu relaxar enquanto preparava algo para nós comer.


Banhada, comida e relaxada. Pronta para dormir, quando fui surpreendida por sua fala.


_ Pronta? Podemos recomeçar? - Pisquei algumas vezes aturdida. Busquei em seu rosto algo que mostrasse que ele estava brincando, mas só o que constatei foi que, ele não poderia falar mais sério.


_ An, você por acaso é um daqueles homens viciados em sexo? - Perguntei incrédula.


_ Não, não sou viciado, só gosto de fazer com você. É extremante gostoso. - Afirmou e o vi se aproximar, me puxando para ficar de pé. - Só que agora, não serei delicado, você vai me ter de todas as formas e intensidade.


E foi dessa forma que Jinnin me fez sua novamente.


Notas Finais


E foi isso, quer dizer... Ainda tem a parte dois, mas também não tô feliz com ela não.

Mas saibam que fiz o melhor que consegui em meio a esse bloqueio. Tô demorando a atualizar? Estou, mas não me agrada oferecer a vocês algo tão chulo e sem graça.

Prefiro demorar e escrever algo legal e bom de se ler, do que postar qualquer coisa e ponto.

Vocês merecem o melhor, se dedicam a ler, comentar e as vezes compartilhar com seus amigos, doam parte de seu tempo para essa fic, então eu me vejo no direito de lhes entregar o melhor.

Embora a fic não seja lá essas coisas, mas tenham sempre em mente que eu me dedico, as vezes deixo de falar com o mozão pra escrever. Mereço uns puxão de orelha? Mereço. Não nego.

Nas eu amo vocês de coração, e mesmo você não comentando, eu me imposto com sua opinião.

Obrigada mais uma vez por lerem e acompanharem RM.

E para quem acompanha ND, amanhã terá capítulo fresquinho para o deleite de vocês.

Beijo meus xerinhos e até amanhã 😘😘😘😘

Credo! As notas finais ficaram enormes, tô parecendo uma velha. Cruzes.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...