História Reality - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias ASTRO, Weki Meki (WEME)
Personagens Elly, Eunwoo, Jinjin, Lucy, MJ, Moonbin, Rocky, Sanha, Sei
Tags Binu, Binwoo, Coração De Tinta, Eunbin, Mjin, Myungjin
Visualizações 17
Palavras 298
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Escrevi isso pensando apenas nas coisas que assisti vendo o filme Coração de Tinta, não li o livro então não sei muito bem se a adaptação cinematográfica está certa e tal, além de ter mudado bastante coisas que não sei se existem nesse universo para que o enredo desse certo aqui. Só avisando que talvez esteja bem diferente, não sei.

A história não vai ser longa, serão apenas três capítulos e vou tentar postar assim que der, mas juro que não vai demorar.

Boa leitura!!

Capítulo 1 - Prólogo


Bin nunca lia em voz alta, não depois da primeira vez, com seus 12 anos.

Sua irmã adorava histórias antes de dormir e foi num pedido inocente para que o irmão lesse para si que o Moon descobriu ser um Língua Encantada. Quando menos esperava, os vários pássaros cantando no conto de fadas estavam voando por seu quarto e seu próprio cachorro havia sumido. Não era tão novo assim, mas foi impossível não se assustar.

Assim que seus pais apareceram pela porta, depois de todo o barulho dos pássaros e do choro dos dois irmãos e virem um livro nas mãos do mais velho, entenderam o que estava acontecendo. O Sr. Moon sempre ouvia histórias de seu avô de como ele era capaz de trazer personagens à vida, pensava que fossem bobagens contadas a uma criança e a mesma coisa era com a mãe de Bin, parecia que o sangue dos dois havia feito seu primogênito ganhar esse poder.

Tiveram que explicar, então, para Bin que ele jamais deveria ler em voz alta novamente, assim como tiveram que dizer para a pequena Suah a mesma exigência, não poderiam correr riscos.

A escola foi realmente um problema para Bin, como poderia explicar a seus professores o motivo de nunca ler em classe? Seus pais haviam sido chamados na diretoria algumas vezes por conta disso, mas nem mesmo eles conseguiram achar uma desculpa boa o suficiente e Bin sempre acabava saindo como o errado. Fora isso, conseguia muito bem se impedir de ler em voz alta e, por mais que amasse livros tanto quanto o mais velho, sua irmã nunca mais lhe pediu para contar histórias e Bin conseguiu guardar o segredo de todos por longos anos.

Isso até um homem desconhecido aparecer em sua porta lhe pedindo um favor que não sabia como realizar.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...