História Rebeldes X Populares - Capítulo 53


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Jimin, Parkjimin
Visualizações 58
Palavras 1.548
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Literatura Feminina, Luta, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi amores🍦

Capítulo 53 - Casais


Fanfic / Fanfiction Rebeldes X Populares - Capítulo 53 - Casais

Suk on_

Bom, acho que tenho que me abrir aqui, eu estou por um tris de terminar com o Liam, antes ele não me dava atenção porque tinha que juntar o trio dele, agora que se juntaram de novo ele não me dá atenção porque fica o tempo todo com eles. Vocês devem estar pensando, nossa que egoísta, o namorado acabou de reatar a amizade e ele fica assim, gente vocês não estão entendendo, não é uma falta da atenção tipo, ele fica metade do dia dele comigo e a outra com os amigos, se fosse assim eu até apoiaria, porque ele passou muito tempo afastado dos melhores amigos, essas coisas, mas não... ele acorda do lado do Dong, vai tomar café com a Ayla, senta junto com o Dong já que nós três somos da mesma sala e a Ayla é de outra, passa o intervalo só com eles, horário livre, sala de luta com os dois ou fliperama, vai dormir junto com o Dong de novo, as vezes os três na sala para não se separarem, no máximo o que ele fala comigo é "oi amor" e me dá um selinho depois sai de perto de mim ou "agora não Suk, vou ficar com meus amigos". Essas são as duas frases que eu estou escutando a dois meses, mês que vem é o casamento do Tio Jimin e da Tia S/n... muito tempo só tentando segurar uma ponta em quanto à outra já se soltou, não é? Em fim... vou tentar falar com ele hoje, mas se ele não me escutar eu... eu vou terminar, por mais que eu queira continuar namorando com ele, eu não posso aguentar isso, eu nunca sai do ele de lado por nada, nem por um segundo, mas ele está me deixando de escanteio a dois meses, não há mais o que fazer

HN: sabe que eu e todos os outros estamos do seu lado, não sabe? - minha irmã me encara em quanto faz carinho em meu cabelo 

SK: sei - suspiro - mas... vai ser difícil mesmo assim 

HN: eu sei que sim - da um beijo em minha cabeça - vamos falar de alguma outra coisa 

SK: quando você é o Chin vão ficar juntos? - ela me encara boquiaberta 

HN: não é da sua conta pentelho - eu dou uma risada e ela me acompanha 

CH: o que é tão engraçado? - fala entrando no quarto 

SK: quero saber quando vocês vão assumir um namoro - ele olha para ela e baixa o olhar

CH: quando ela parar de ser cu doce - fala e tapa os ouvidos 

HN: cu doce? - se levanta e se aproxima dele - cu doce é a senhora sua avó - empurra ele para trás 

CH: mas é verdade - revira os olhos - eu já tentei de tudo - cruza os braços e faz um bico, mas logo desfaz e seu rosto adquire uma expressão triste - mas... acho que... não é para ser - da de ombros e me encara - acho que não vamos assumir um namoro, irmão - da um sorriso triste e olha para Hana que está com os olhos arregalados sem saber o que fazer - bom, vou indo, talvez tenha sorvete na cantina hoje - sai do quarto e deixa a porta aberta 

SK: vai atrás dele - ela assente e sai correndo atrás do Chin - bom... parece que eu e o Liam vamos ser os únicos solteiros do grupo afinal - me viro de lado na cama e acabo dormindo 


(...)


Acordo com o toque de horário livre soando, não acredito que perdi todas as aulas, que droga, cara. Me levanto e vou para a cozinha do meu dormitório na mesma hora que o Liam chega com a Ayla e o Dong, passo para a cozinha dando um sorriso para eles que retribuem

Dong: vou tomar um banho - escuto um barulho de beijo e um de tapa e depois a porta do quarto se fechando 

Começo a procurar alguma coisa bem gordurosa para comer. Ele nem percebeu que eu faltei aula hoje, não perguntou nem se eu estou bem ou falou "oi amor" e me deu um selinho e foi ficar com os amigos, ele só sorrio, o que está me deixando com um bolo na garganta.

AL: eu vou ir dormir - escuto um barulho de beijo - não deixa o Dong me acordar, tô morta - da uma risada 

LM: sim senhora - da uma risada e ouço a porta bater 

Acho um pote de nutela e salgadinhos, pego os dois com a intenção de sair do dormitório para ir ficar com o Chin e com a Hana, quero saber o que deu na novela mexicana deles dois. Olho para a sala e ele está lá, sozinho olhando para a TV, deixo o que peguei em cima do balcão, decidido a falar com ele agora 

SK: Liam - ele me procura com o olhar e da um sorriso - precisamos conversar - o seu sorriso murcha e ele engole seco 

LM: é que... agora não dá - da um sorriso triste - vou ir para o fliperama com o Dong

DG: Eu - pula no sofá e aponta para si e eu reviro os olhos discretamente 

SK: Liam, você ainda não entendeu - dou uma risada cínica - nós PRECISAMOS conversar - dou ênfase em precisamos e ele revira os olhos? Foi isso mesmo que eu vi? 

LM: agora não Suk - se levanta e puxa o Dong para a porta - outro dia talvez - Dong gira a maçaneta para abrir a porta 

SK: não vai ter outro dia Liam - ouço ele bufar e vejo Dong sair - eu quero terminar - ele trava no caminho e Dong coloca a cabeça para dentro com os olhos arregalados 

LM: o... o que? - se vira para mim aos poucos com os olhos arregalados 

SK: acho que sua audição é muito boa para eu precisar repetir - dou uma de frio, mas eu quero muito chorar

DG: vou chamar Ayla - entra de novo e fecha a porta correndo para o quarto das meninas 

LM: v...você não tá falando sério, não é? - se aproxima de mim - é só para chamar minha atenção para conversar, é isso, não é? - fala visivelmente nervoso 

SK: não, não é só para chamar a sua atenção - escuto passos do corredor 

AL: aí Dong, da pra parar - ela olha para o estado do Liam e depois para mim - o que está acontecendo gente? 

DG: Ayla - puxa mais ela - só cala a boca e vem - pega ela estilo noiva e sai do dormitório fechando a porta 

LM: para de graça Suk - da uma risada nervosa 

SK: Liam eu tô cansado - ele se senta de súbito no sofá - faz dois meses Liam, que você só fala, "oi Suk" ou então " oi amor " - bagunço o cabelo e os olhos dele estão atentos em mim - a não ser quando eu te chamo para conversar, ai a frase muda, ela fica assim "hoje não, vou sair com a Ayla e com o Dong" - ele abaixa a cabeça e eu reviro os olhos - não vai falar nada? - ele continua de cabeça abaixada - então tá, nós terminamos aqui - me viro para voltar para a cozinha 

LM: você está sendo incompreensível - fica frente a frente comigo e eu dou uma gargalhada descrente 

SK: eu estou? - ele murmura um "está" - então, é melhor para os dois se terminarmos 

LM: não Suk, eu... - respira fundo - você tem que entender, eu não fico com eles juntos a dois anos 

SK: é - concordo - sabe a quanto tempo você me deixa de lado inúmeras vezes e eu digo que está tudo bem, mesmo sem estar? - ele olha para mim 

LM: dois anos - fala baixo 

SK: pois é - sorri soprado - eu que não estou compreendendo as coisas, mas agora vai lá, seus amigos estão te esperando, assim como os meus estão a minha espera - me viro e entro na cozinha sendo seguido por ele 

LM: não pode terminar comigo - me prende entre ele e a mesa 

SK: eu já terminei - seguro o choro 

LM: não, não terminou - me beija 

Tento empurrar ele, mas não consigo, porém também não cedo ao beijo o fazendo parar 

SK: não temos mais nada - tento empurrar ele 

LM: Suk... Suk, por favor - fala chorando - eu prometo te dar atenção, prometo ser um namorado melhor, mas por favor, não termina o que temos - funga 

SK: eu já terminei - não aguento e choro também 

LM: Suk... - coloca as mãos em meu rosto - eu te amo - olha em meus olhos - você não pode fazer isso comigo 

SK: eu também te amo - choro ainda mais - só que não dá para continuar assim 

LM: eu prometo que vou melhorar - me dá um selinho - por favor - me dá outro selinho - por favor, só me dá essa chance 

SK: certo - ele me abraça - essa é a última 

LM: eu te amo 

SK: eu também te amo 


Notas Finais


Foi isso...☀️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...