1. Spirit Fanfics >
  2. Recomeços Inesperado >
  3. Aventura na selva

História Recomeços Inesperado - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Olá caros leitores, aqui estou eu de volta, com mais um capítulo maravilhoso. Espero que gostem. Bjokas!!!

Capítulo 5 - Aventura na selva


Fanfic / Fanfiction Recomeços Inesperado - Capítulo 5 - Aventura na selva

Não sei o certo, em que momento eu adormeci na noite passada. Só sei dizer que acordei pela manhã no sofá da sala; kim já tinha feito o café da manhã pelo visto, pois o cheiro forte e delicioso do café exalava por toda a casa. 

Me levanto e começo a procurar kim pela casa, avisto sobre a mesa um pequeno bilhete escrito " fui buscar o carro na estrada, volto logo, aproveite o café. Bjos!"...fico mais tranquila após ler o bilhete. Caminho até o quarto e fecho a porta do mesmo e logo começo a me despir ali mesmo, até ficar totalmente nua. Pego apenas uma toalha que se encontrava encima da cama e entro no banheiro. 

Abro as torneiras para encher a banheira e enquanto eu esperava encher a mesma, fico debruçada sobre a pia olhando fixamente para meu próprio reflexo no espelho. Passo minha mão sobre meus cabelos para tirar os fios que caíam sobre meu rosto e percebo que as linhas de expressões em volta dos meus olhos estavam um tanto visíveis e avermelhadas, penso que aquilo provavelmente devia ser o resultado do quanto me derramei em lágrimas a noite passada. —oh my god!...que horror....tô acabada!

Logo entro na banheira e fico totalmente submersa naquela água morna e deliciosa, aquilo era tudo que meu corpo e minha mente precisava naquele momento. Fico ali por uns longos minutos...tudo que escuto é o total silêncio e a quebra do silêncio de vez enquando por uma gota d'agua que caía da torneira sobre a banheira...me levanto e me enrolo numa toalha e logo vou em direção a pia onde se encontrava um secador de cabelo. 

Seco um pouco meus cachos e logo caminho enrolada apenas numa toalha até a sala, pois ainda estava esperando kim chegar com a minha mochila que continha minhas coisas que se encontrava no carro. Saio do quarto bem plena e a vontade pois só estava eu ali, quando me deparo com o kim na cozinha colocando um pouco de café numa xícara. Ele me olha com os olhos arregalados e um tanto corado, sem parar de encher a xícara de café que estava sobre a mesa. Eu apenas me assusto e digo com pressa: — faz muito tempo que você voltou? 

— Não! Eu cheguei à alguns minutos atrás. Mas, como não vi você aqui na sala, imaginei que tinha ido para o quarto voltar a dormir mais um pouco.

— Eu apenas tinha ido tomar um banho. Você trouxe minha mochila? Digo isso pressionando com força a toalha sobre meu corpo, morrendo de medo que a mesma caísse. Se caísse, aí fudeu de vez!!! 

— S-i-m, sim...está aqui! 

Ele me passa a mochila rapidamente, seu rosto encontrava-se vermelho e a forma que suas mãos apertavam a xícara dava pra ver que, kim estava um tanto desconcertado e nervoso. Saio rapidamente de sua frente e vou para o quarto colocar uma roupa. Tiro da minha mochila um par de roupas e minha escova de dente. Após está totalmente vestida e ter escovado os dentes, enfim vou para a cozinha tomar café. Kim já estava um pouco mais calmo e sentado na mesa, pelo que via, estava me esperando para tomar café juntos. 

  Me sento na cadeira à frente dele, ele me serve um pouco de café e meio desconcertado me pergunta se eu dormir bem. Eu respondo que sim, inclusive agradeço por seu afago e cuidado comigo na noite passada. Ele sorrir e diz não há de quê. Eu sem demora o pergunto que horas vamos voltar para a cidade? Ele sorrir e diz, apenas na segunda de manhã. Eu fiquei totalmente surpresa, como assim gente, vou passar dois dias sozinha aqui com ele. 

  Ele percebe que estou um pouco sem entender o que tava acontecendo, ele diz não se preocupe seus tios sabem que só vamos voltar na segunda-feira, eu vou cuidar bem de você. 

—Pensei que você soubesse, achei que seus tios tivessem lhe falado. Mas pela sua expressão acho que não. Hahahaha

— Pois é, eles não falaram, por isso estranhei minha tia ter colocado mais roupas na minha mochila. Bem que eu achei aquilo suspeito! Rsrs...

—Então... qual é a programação de hoje Mr. kim?

—Vamos fazer uma caminhada até uma cachoeira aqui perto. Vamos pegar uma trilha e seguir até chegarmos lá. 

— Wow...você vai fazer eu caminhar bastante em...Hahaha...mas, eu amo a natureza e faz muitos anos que não vejo ou tomo um banho de cachoeira. Vamos lá!!! 

— Adoro esse seu espírito aventureiro, esse seu entusiasmo é muito bom. Espero que você se desligue de tudo esses dois dias e apenas tire esse tempo para relaxar. 

 Terminamos de tomar café e logo nos preparamos para pegar a trilha. Vou ao quarto procurar algo na minha mochila adequado para vestir, para uma aventura na selva. Vejo que minha tia sabia de todo o cronograma do final de semana que eu iria passar com o kim. Tinha até um biquíni, e uma roupa leve. Coloquei o biquíni e logo coloquei uma blusa fina e um short leve. Quando voltou pra sala, kim já estava pronto, com uma blusa leve e de bermuda. Caramba...nunca tinha visto kim de bermuda, pohar... que pernas tornozeadas e grossas ele tinha. Olhei pras minhas pernas de grilo, ai que vergonha...Eu fiquei um bom tempo procurando um defeito nele e não conseguir encontrar. Droga...merda.

 Parece que ele realmente já tinha tudo perfeitamente planejado. Ele estava terminando de colocar algumas guloseimas dentro de uma cesta de piquenique. Percebi que ele era exigente e muito organizado com as coisas. 

—Pronto terminei! Vamos Luh!!! Posso te chamar assim?

—Claro, sem problemas...vamos lá!!! Digo isso um tanto surpresa, nossa....agora ele até já me deu um apelido. hahaha... que fofo. Confesso que gostei. 

Logo saímos de casa e pegamos a trilha; ele na frente com uma mochila nas costas e a cesta de alimentos em uma das mãos. Insistir em ajudar ele a levar a cesta, mas, ele não quis. Aquelas árvores altas e bonitas, aqueles pássaros que cantavam alegremente...tudo era maravilhoso. Ele de vez enquando olhava para trás para ver meu rosto que brilhava de alegria. Não demorou muito e chegamos aquela linda queda d'agua que vinha de uma montanha e debrussava-se sobre as pedras. 

Respirei fundo e disse: —wow...isso é lindo kim, é magnífico! Meus olhos brilhavam de emoção. Aquela era a primeira vez que via algo tão magnífico daquele jeito. 

— sim! É realmente uma visão maravilhosa e esplêndida! Mas, não me referia a cachoeira...Ela estava deslumbrante, a visão da paisagem já não me surpreendia tanto, mas, ver a Luh na minha frente com aquele olhar brilhante e aquele sorriso de orelha a orelha, era algo realmente magnífico. A paisagem e ela, dava um contraste perfeito para os meus olhos. 

  Me viro em direção ao kim, e ele encontrava-se parado me olhando, como se estivesse em um tipo de transe, com aquele sorrisinho de canto de boca. 

— por que está aí me olhando com essa cara de bobo. Hahaha 

— hahaha...desculpa me destrair por um breve momento. 

— Hahaha, percebi isso!!! 

Olhei ao redor e vir que tinha uma mesa improvisada por troncos de madeiras e uns banquinhos também feito com os próprios troncos das árvores dali. Bem rústico e bacana. Ele tira um pano da mochila e forra sobre a tora de madeira, ops, desculpa, quero dizer a " mesa". Hahaha. Eu o ajudo a colocar as coisas sobre a mesa. E logo vou até a beira daquele lago que se formava com as águas correntes da cachoeira que descia do pico da montanha. Fico sentada na beira de uma areia branquinha e aquela água azul piscina era tão lindo, fiquei ali observando os peixes passando e vindo até a margem para comer pequenos frutos da mata que caiam sobre as águas. Sou interrompida do meu transe pela chegada repentina do kim atrás de mim.

— você não quer entrar um pouco na água? 

— O quê? N-ã-o, não. Minha voz sai trêmula e meu olhar de medo tomou conta do meu rosto de imediato. Dou um leve passo para trás...

— Calma, não precisa ficar nervosa. Foi apenas uma pergunta. Quer me contar porque tem tanto medo de água assim?

— respiro fundo e digo: Eu já cair em uma piscina uma vez e quase morri afogada. Então meio que criei um certo trauma em relação à isso. 

— Compreendo você. Você não sabe nadar...espero ter a oportunidade de te ajudar a superar esse seu trauma. 

— Obrigada por entender! 

Me afasto um pouco do lago e vou sentar próximo da " mesa" onde estava as coisas. Abro uma garrafa de água e tomo um gole, de repente o kim começa a tirar a camisa e caminha em direção a água, apenas de bermuda. Quase me engasgo com a água...Oh meu santo cristinho...que visão tentadora é essa? Te controla Luana, você não é uma tarada. Recomponha-se...fico observando ele de longe, enquanto nadava e mergulhava naquela água cristalina. Oh vontade de entrar nessa água e te rasgar todinho Mr. kim...hahaha...eu juro que tava tentando controlar meus pensamentos maliciosos, mas tava realmente difícil...a mente da gente é um negócio complicado. 

Parecia que aquela água estava realmente boa, e eu tava morrendo de calor. Eu tinha que vencer meu medo, eu tinha que viver aquele momento intensamente, sem medo e sem arrependimentos. Kim percebeu eu andando para um lado e para o outro um tanto inquieta. Ele se aproximou da areia e me chamou. 

— Luh, por que você está tão agitada assim? Já estou tonto de tanto ver você de lá pra cá! .....Hahahaha....

— Eu tô tomando coragem para entrar na água também. Hahaha...

— Aish! Hahaha....Venha eu vou te ajudar. Apenas se apoie em mim. Não se preocupe não vou te soltar. 

Tirei minha blusa e fiquei apenas de short e a parte de cima do biquíni. Ele me olhava desconcertadamente, aquela era a primeira vez que ambos se viam com poucas roupas daquele jeito. Tomo coragem e caminho em direção à ele, que já me esperava na parte rasa do lago. Ele segura minha mão e me puxa para dentro da água. Minha pele toda se arrepiou ao entrar em contato com a água fria. 

Aos poucos fui chegando mais próxima da cachoeira, ele me levou bem embaixo dela para eu sentir sobre minha cabeça a água que caía do alto da montanha. Meu pai do céu, porque não entrei antes. Eu abrir os braços e sentir aquela água escorrer por todo meu corpo, era como se toda tristeza e dor de uma vida inteira estivesse sendo lavado e tirado de mim naquele momento. Kim continuava adorando aquele momento em que eu estava sendo eu mesma. E em como eu confiei nele para superar aquele medo que tinha em relação à água. 

Ele segurou pela minha mão e tentou me levar pra uma parte com menos correntezas, o meu medo que ainda tinha um pouco nesse momento fez com que eu me abraçasse a ele. Ele simplesmente disse para não ter medo que ele não ia me deixar sozinha. Eu não conseguia soltar ele...estava tremendo era de medo e não de frio...hahaha...fiquei um bom momento abraçada à ele com minhas pernas entrelaçadas em sua cintura. Ele apenas me abraçou apertado. E continuava bagunçando pelo fato de eu tá tão grudada nele que parecia um macaquinho grudado na mãe....Hahahaha 

Acho que ele queria quebrar um pouco a minha tensão que eu estava sentindo naquele momento. E realmente tava funcionando, pois aos poucos conseguir relaxar novamente. Eu pedi desculpas por me agarrar nele daquele jeito brusco. Ele apenas sorriu e disse tá tudo bem. Vamos comer alguma coisa, pois já passava das 12:45 da manhã. Comemos e conversamos muito sobre assuntos paralelos. Tomamos bastante banho, brincamos na água, eu quase afoguei ele...hahaha...sorte dele que era raso. O tempo passou rápido, eu diria que voando. 

Nos vestimos, recolhemos as coisas e seguimos para casa. Chegando em casa, logo fui para o quarto tomar um banho quente e tirar a areia das calças, literalmente da calcinha....hahahaha...kim também foi fazer o mesmo. Estávamos um pouco cansados da aventura na selva. Mas, ainda tinha o jantar que tínhamos que fazer!!! 

Eita preula...que ainda tem o jantar pra fazer! Mas, sinceramente o dia valeu muito a pena...vivi aquele dia intensamente e quase sem medo eu diria. Tudo isso graças à ele, kim hoje foi mais uma vez, minha segurança, meu apoio, não me deixou afundar ou sucumbir ao medo. Pelo contrário, ele me instigou a ser corajosa e a superar meu medo.

  




Notas Finais


É isso minha gente!!! Espero que tenham gostado. Aguardem os próximos capítulos. Bjos!!! 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...