História R.E.D - Min Yoongi - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Suga, Vermelho
Visualizações 108
Palavras 737
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Comédia, Drabble, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Mistério, Policial, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Slash, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá 💕

Capítulo 11 - Intuição


Fanfic / Fanfiction R.E.D - Min Yoongi - Capítulo 11 - Intuição

3 meses depois...



 Estressada e de cabeça quente, obviamente meu estado atual de espírito. Sem falar do nervosismo correndo por minhas veias. Minhas mãos suavam, meu corpo todo tremia e minha garganta estava seca. Preciso de água ou senão morro seca no meio do palco.


Hoje era o dia em que minha vida começa de verdade. Terminei com êxito a faculdade de administração, tendo os trabalhos, provas e TCC feitos com orgulho e recebendo o resultado perfeito depois. Obviamente, muita dor de cabeça e noites mal dormidas para finalizar os textos em Arial. Agora, meu sucesso estaca garantindo e hoje iria curtir, minha formatura.


Mas mesmo que esteja aqui pelo esforço e dedicação, e até explodindo de felicidade, o nervosismo e a ansiedade transbordava em cada poro do meu corpo. Tremia na base ao olhar todos aqueles rostos conhecidos por mim, porém, um sorriso gengival e sincero acalma - ou pelo menos tenta - meus sentidos e minha respiração se normaliza. Eu já havia dito as palavras, só esperava por Hwasa que era a oradora da turma.


Suas palavras calculadas e pensadas com exatidão se finalizam e ela deixa o palco, sendo aplaudida depois. Totalmente merecidos os aplausos, Hwasa era uma aluna dedicada e sempre se esforçou mais do que a maioria dos estudantes da Universidade. Então colo minhas palmas num estalo alto e audível, sorrindo para ela. A ruiva devolve o gesto, acenando sorridente para mim.


Depois te tirar algumas fotos e assinar algumas folhas de aprovação do curso, tirei a beca e entreguei à gestora, que assentiu e me deu os parabéns pelo curso concluído. Puxei meu vestido verde musgo pelas mãos, caminhando até o homem que me esperava encostado na parede do ginásio. Forço meus pés contra o salto alto e desconfortável da sandália e corre em sua direção, sendo pega no colo. Yoongi me abraça fortemente, sussurrando vários "parabéns e você merece" em meu ouvido. Sorri, selando nossos lábios.


Um pigarrear interrompe o momento e olhei para o lado, sorrindo para os dois rapazes loiros com as mãos no bolso.


- Atrapalhamos alguma coisa?


- TAETAE!! - corri até o mesmo, que me abraçou fortemente.


- Pensou que eu não fosse vir, Lyly?


- Pensei sim, estou tão feliz que esteja aqui. - nos separei e o fitei sorridente. 


- Digamos que o Sr. Min tenha dado uma de bom samaritano e me deu uma folga. Te devo uma, hyung!


- Que nada! Ela gosta de você. - disse o pálido, se aproximando. Taehyung abaixou a cabeça, envergonhado. Logo, uma garota surge em nosso campo de visão e me abraçando. Era Hwasa.


- Nem tive tempo de te parabenizar, Lya! - diz a mesma me dando um abraço apertado.


- Para você também, Hwasa!


Ela sorri, se separando e abraçando Tae logo depois. Este desvia o olhar, corado. Sim, eles se gostavam.


- É claro que Taehyung não veio aqui só por causa da Lya... - cutucou SeokJin, gargalhando e nos levando junto na sua risada. O outro loiro fechou a cara, dando um soco fraco no braço de seu hyung.


- Idiota.


Depois de mais algumas risadas e piadas feitas pelo meu colega de turma, meus olhos se projetam num ser de cabelos ruivos e mãos no bolso da calça, indo até a parte de fora do ginásio.


- Pessoal, eu já volto. - aviso e saio dali, seguindo o mesmo caminho que o garoto de fios vermelhos.


Sem encontrar ninguém, suspiro e me apoio na barra de ferro que protegia a parte de fora.


- Parabéns pelo curso...


Ouço uma voz rouca se pronunciar ao meu lado e olho minhas mãos, nervosa com sua aproximação.


- Pra você também, Jungkook...


- Eu queria me desculpar pelo ocorrido naquele dia, eu estava estressado e acabei descontando em você. E no seu namorado, eu sinto muito.


Desviei o olhar para as luzes dos prédios, meditando sobre suas palavras.


- Espero que não se repita. Eu nunca imaginei aquilo de você, Kookie. De verdade.


- Eu sinto muito. Amigos?


Ergo os olhos para o moreno e aperto sua mão, mas que logo vira um abraço. Suas mãos fazem um carinho em minhas costas e suspirei.


- Preciso ir, te vejo amanhã no Starbucks certo?


- Claro...


Minha vontade era de negar, mas eu não tinha fôlego o suficiente para isso. Havia virado hábito tomar um cappuccino com meus melhores amigos e se eu negasse, seria errado. Talvez não seria...


Ele se desfaz do contato, me deixando sozinha ali.



Algo me diz, que isso é errado. E minha intuição nunca erra...

 


Notas Finais


E aí pessoas cheirosas?? O que acharam?!?! Jungkook trama alguma coisa?? Lya terminou a facul yeeeey... E aí? Shippam Taehyung e Hwasa?? Hehe

Conta: @Kim_Soo_in22


Kissus 💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...