História Red Hood - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Bruxa, Drama, Lobisomem
Visualizações 14
Palavras 977
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Eu vou tentar fazer uma capa pra cada capítulo Igual fiz agora. Acho que fica mais bunitim doq foto dos personagens hehe

Capítulo 6 - Amalia


Fanfic / Fanfiction Red Hood - Capítulo 6 - Amalia

BRANDON


Recusei a mão da ruiva, me levantando sozinho. Ela franziu as sobrancelhas.

-Isso foi rude...- Eu estava com os olhos arregalados. Eu nunca tinha encontrado um caçador em toda minha vida. Dei alguns passos para trás, pegando minhas facas do chão e ficando em posição de defesa. -Quem é você?!- Disse pisando no corpo do lobisomen morto sem querer. A mulher levantou uma sobrancelha.

-Ahn... Quem sou eu? Querido quem é você? Eu só estava aqui fazendo meu trabalho e você surgiu do nada estragando tudo....- Ela disse cruzando os braços, me olhando dos pés a cabeça enquanto deu um sorriso malicioso. -Mas como você é fofo, meu nome é Amalia...- Corei, engolindo seco.

- "T-Trabalho"?, Não sabia que chorar para não ser morta por Lobisomens fosse um trabalho...- Ela riu, guardando sua arma em seu cinto.

-Por favor, eu poderia matar aquele lobisomem quando bem entendesse, como disse antes, só estava tentando coletar informações...- Ela disse sorrindo. Não posso negar, Amalia estava mechendo comigo. Olhei para baixo, começando a sentir algo crescer. Ignorei, e voltei a olhar para ela, que tinha chegado mais perto neste meio tempo.

-Informações sobre o que?.....- Ela abriu a boca, fazendo uma cara de frustrada.

-Esses projetos de caçadores, tão decepcionantes....- Ela revirou os olhos, e depois continuou. -Uma alcatéia que vivia aqui até que foi expulsa voltou, e nós temos que ficar matando esses sacos de merda....- Ela disse olhando para o cadáver com repugnância.

-E-espera, você disse "estamos".... Quantos de vocês são? - Disse sem perceber que ela já estava praticamente colada em mim.

-Red Hood inteira, mas por enquanto só eu, Adele e mais alguns estamos ativos...- Entortei a cabeça confuso. -Red Hood? O que é....- Arregalei os olhos com o final da frase. -A-Adele?! Adele Ruby?!

Amalia acenou com a cabeça em forma de sim. -Por que a surpresa? Qualquer um que se diga caçador sabe que minha avó é caçadora...- Arregalei mais ainda meus olhos.

-"A-Avó"?!- Eu não conseguia acreditar naquilo, mas comecei a reparar, e realmente, Amalia se parecia com Adele. Ela sorriu.

-Você vai mesmo ficar repetindo tudo o que eu falo?... Sim, Amalia Ruby, prazer denovo....

Minha cabeça estava explodindo com aquela enorme quantidade de informação. Amalia era neta de Adele!, Pior, Prima de Rooby!

-E-Eu.... Preciso ir....- Dei alguns passos para trás, e virei de costas, ameaçando sair dali rapidamente. Amalia apertou minha mão, me segurando.

-Tem certeza que ir embora, Brandon Brown? Essa alcatéia de lobisomens vai te interessar bastante....- Arregalei meus olhos, olhando para ela que estava sorrindo de lado. Em momento algum eu havia revelado meu nome.

-C-Como você sabe meu nome?!- Disse soltando sua mão rapidamente, encarando ela.

-Você acha mesmo que eu não pesquisei a vida do querido irmão de coração da minha priminha? Eu sei tudo sobre você, Brandon.... E sei que sua família foi morta por Lobisomens....- Franzi as sobrancelhas com raiva, me aproximando bastante de seu corpo em uma forma ameaçadora.

-Não diga uma palavra sequer sobre minha família!- Disse apertando seu pulso com força. Ela deu um leve gemido de dor.

-Ah, já que é assim, acho melhor não te contar o que eu sei sobre sua família....- Ela soltou seu pulso, olhando feio para mim. Amalia então virou de costas para mim, começando a ir embora. Tentei me controlar, mas não aguentei, pegando em sua mão.

-Espera!... O que você sabe?....- Ela olhou para mim, e colocou as mãos dentro dos bolsos de sua blusa.

-Sua família foi morta por uma alcatéia... A mesma alcatéia que voltou recentemente....- Arregalei meus olhos novamente, soltando uma lágrima.

-O-Oque?.... N-não.... Você tá mentindo....- Disse me afastando, soltando várias lágrimas. Amalia se aproximou, colocando as mãos em meu rosto, limpando minhas lágrimas.

-Por que eu mentiria pra você Brandon?....- Olhei para baixo, me lembrando das cenas horrendas de minha família morrendo na minha frente. Começei a soltar mais lágrimas ainda, me segurando para não chorar na frente dela.

-Ei.....- Amalia ergueu minha cabeça, e antes que eu pudesse sequer olhar em seus olhos, ela me beijou. Arregalei os olhos corando bastante, mas retribui o beijo, pegando em sua cintura. Senti um grande aperto no meu coração ao me lembrar de Madison, mas agora não tínha mais volta.


ROOBY


Eram dez horas da manhã. Eu estava na frente de uma sorveteria, esperando Madison sair. Eu ainda estava muito abalada com toda aquela história, e gentilmente, Madison me chamou para ir na cidade com ela. Recusei de primeira, mas ela foi tão fofa e simpática que não resisti. Precisava ir para o apartamento ver Brandon também, então teria que sair da mansão de qualquer jeito.

Olhei para trás, vendo Madison saindo da sorveteria segurando três Milk Shakes com dificuldade. Sorri e fui até ela, pegando o de chocolate.

-Você demorou...- Sorri, começando a beber do meu. -Por que você comprou três?

-Ah, já que vamos para seu apartamento, pensei em levar um para o Brandon....- Ela disse sorrindo. Levantei às sobrancelhas, olhando para ela. Madison parou de sorrir, me olhando um pouco confusa. -O que foi?...

-Nada, só achei fofo você querendo agradar ele....- Sorri. Madison corou bastante. -C-Cala a boca! N-não é nada disso!- Começei a rir, quase derrubando meu Milk Shake. Ela revirou os olhos.

-Vamos logo!- Madison começou a andar. Olhei para ela segurando o riso. -Você tá indo pela direção errada....- Ela bufou, voltando para trás. -Não diga uma palavra sequer!- Ri, e depois de alguns minutos chegamos no prédio.

Subimos até o último andar, e bati na porta. A porta se abriu, e eu e Madison arregalamos os olhos. Não era Brandon, e sim uma mulher ruiva apenas de toalha. Ela olhou para mim, e por algum motivo senti uma conexão com ela. Logo atrás dela veio Brandon, apenas de cueca box branca. Ele arregalou muito os olhos ao ver Madison. Eu sabia sobre o beijo dos dois, por isso estava tão impactada. Olhei para Madison. Lacrimejando muito, ela derrubou os dois Milk Shakes no chão, saindo correndo logo em seguida. Arregalei os olhos.

-MADISON!





Notas Finais


Personagens na capa: Amalia, Brandon e Madison


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...