1. Spirit Fanfics >
  2. RED TULIPS - Uchiha Obito .(Naruto AU). >
  3. - MARCA - Capítulo 12

História RED TULIPS - Uchiha Obito .(Naruto AU). - Capítulo 12


Escrita por:


Notas do Autor


Ohayo pessoal!! Aqui um capítulo fresquinho para vocês. Espero que gostem e vejo vocês lá em baixo ❤️

Capítulo 12 - - MARCA - Capítulo 12


MAHINA SENJU  P. O. V AKATSUKI • Esconderijo



    E uma semana se passa, estava sentada no sofá olhando para o teto a espera do Tobi. Iríamos pegar uma Jinchuuriki, de duas caudas. Estava com um certo medo, nunca tinha enfrentado um Jinchuuriki e vai ser meio difícil a pegar sem a mata-la. Mas tudo bem, eu dou meu jeito.


   Tobi desce as escadas enquanto arrumava seu manto, estava com um mal pressentimento. Sinto que algo de ruim está para acontecer nessa missão... Me levanto do sofá e observo o mascarado, nos despedimos do pessoal e fomos para fora do esconderijo


          — Sabe Tobi... Eu estou sentindo que algo de ruim vai acontecer... – disse enquanto andava olhando para o chão.


       T — Isso é normal, Mahina-chan. Todos nós quando vamos capturar um Jinchuuriki sentimos isso..


           — Hm.. – olho para Tobi e penso "Por que será que ele usa uma máscara?" pensava enquanto o olhava


          T — Por que Mahina-chan está me olhando assim desse jeito? – disse com um certo desconforto


           — Tobi... Por que você usa essa máscara? – disse o olhando com curiosidade.


       T — Ah porque... Porque... OLHA – disse apontando para um lugar — UMA CASA DE BOLINHOS – disse ele tentando mudar de assunto. E saiu correndo para a casa.


     Ri com o desespero dele querendo não explicar o do porque usa aquela máscara, mas logo fiquei seria. Se ele usa aquela máscara é porque tem algo que faça ele esconder seu rosto.. pensei enquanto caminhava para perto dele. Se ele não vai me explicar então eu vou fazer de tudo para que ele mostre seu rosto.


      Sorri convencida de que isso vá dar certo, me sentei no banco ao lado dele. O primeiro plano, se ele for comer vai precisar tirar a máscara. O olhei atentamente enquanto ele tirava a máscara, parecia câmera lenta isso. Mas sou surprendida por ele se virando e começando a comer os bolinhos. Suspirei pesadamente e comecei a comer.


     Terminamos de comer e paguei a conta, voltamos a caminhar para irmos até a duas caudas. Enquanto não chegamos na Jinchuuriki vou fazer algumas coisas para que ele tire a máscara, até agora não sei o do porque estou fazendo isso, mas a curiosidade de ver o rosto dele é imensa agora.


     Mesmo eu fazendo esses tipos coisas, ainda sentia um pressentimento ruim. Estou fazendo essas coisas para me esquecer disso, mas não consigo. Caminhamos por um tempinho até a gente chegar em um lago, falei que poderíamos beber uma água, para beber água ele vai precisar tirar a máscara não é mesmo?


     Fingi que ia pegar a água para beber mas só estava enrolando para que ele tire a máscara e beba a água. Mas sou surpreendida novamente com ele dizendo que já tomou a água. E que só estava esperando eu, bufei desaprovada. Se não funciona esses truques é melhor que eu mesma tire a máscara.


    Voltamos a caminho, parei e Tobi percebeu.


              T Ué por que parou, Mahina-chan? – disse ele virando seu corpo para mim esperando alguma resposta


              — Olha Tobi! Um elefante cor de rosa voando – disse apontando para o céu


             T — Como é que é? – disse ele se virando para olhar, me aproximei dele e tentei tirar a máscara dele só que ele se vira antes que eu pudesse fazer isso. – Mahina-senpai, eu não vi nenhum- o que está fazendo?


         — Suspirei derrotada e cruzei os braços olhando para as árvores – eu estava tentando tirar sua máscara Tobi... – por enquanto não vou tentar tirar a máscara dele. Eu vou tentar algo diferente..


         T — Por que Mahina-senpai quer tanto ver o rosto do Tobi? – disse voltando a andar.


           — Curiosidade mesmo... –volto a andar ao lado dele.



        Tinha anoitecido e começou a chover, decidimos que seria melhor nos abrigar enquanto a chuva não passa e o dia comece. Fiz uma fogueira para nos aquecer, fiquei observando a fogueira enquanto esperava o peixe assar.


OBITO UCHIHA  P. O. V 


         Não só como Mahina mas como eu também sentia um pressentimento ruim. Pelo jeito que Mahina tinha agido estava tentando esquecer desse pressentimento, tentando tirar minha máscara. Ela tentou de todos os jeitos ver meu rosto, dá até dó pelo jeito desesperador de ver meu rosto falhando miseravelmente.


       Tinha chegado a noite e começou a chover, ficamos abrigados em uma caverna sem saída. Ela fez uma fogueira e começou a observar o fogo esperando o seu peixe ficar pronto, ela estava tão linda essa noite. Queria tanto chegar nela e falar que estou vivo e do meu plano, mas por agora não posso.


     Comecei a observa-la, seu olhar tinha mudado estava meio triste perdida. Provavelmente ela ainda está sentindo esse pressentimento. Deixei isso para lá, me aconcheguei e fui dormir.


[•••]


      Sinto minha máscara sendo retirada, não acredito que ela ainda está nessa de tirar minha máscara. Segurei no braço dela, ela se espantou um pouco me desculpe, Mahina. Mas vou precisar fazer isso. Ela deixou minha máscara de lado, e a beijei. Ela se assustou, mas logo retribuiu o beijo.


    Ela fechou seus olhos calmamente e colocou sua mão no meu rosto. Céus como ela beija bem! Passei minha mão pela sua cintura, até que me dei conta e parei o beijo.


       Desculpa, Mahina-chan! Você estava tentando tirar a minha máscara e achei que queria me beijar. – inventei uma desculpa e coloquei minha mão atrás da minha cabeça.


     M — Tudo bem, Tobi! – ela sorrio e se asfaltou de mim, a segurei a mesma olha para mim – Que foi Tobi? 


     — Mahina-chan, está frio fique com o Tobi – a puxei para perto de mim. A mesma ficou assustada mas depois se aconchegou e dormiu.


QUEBRA DE TEMPO

MAHINA SENJU  P. O. V 


         Acordei nos braços de Tobi, me afastei um pouco dele e olhei para os lados. Já era dia, a fogueira já estava apagada. Balancei o corpo dele tentando o acordar, tentei ser calma mas ele não colaborou, fui tentando algumas vezes calma já na última vez dei um grito que fez ele acordar pulando.


           T — O que? – disse olhando para os lados.


             — Seu sono é muito pesado Tobi – disse me levantando e rindo – te chamei umas quatro vezes


          T — Tobi dorme muito! – disse limpando umas sujeiras que estava no seu manto. — Vamos voltar a ir em busca da duas caudas?


         — Vamos sim! – sorri pequeno e nós voltamos a caminhar.


          Esse pressentimento ruim ficou pior hoje... Pensei enquanto arrumava meu cabelo e olhava para o chão.


          T — No que Mahina-chan tanto pensa? – disse ele parando de andar e virando seu corpo para me olhar.


         — Sabe ontem eu tinha te falado que estava com um pressentimento ruim sobre essa missão, lembra? — ele balançou a cabeça repetidas vezes — então esse sentimento tá mais forte...


      Disse voltando a andar ao lado dele.


        T Ué por que? – disse voltando a andar também.


      — Não sei... – suspiro pesadamente.


         E então começamos novamente nossa rota para ir pegar a duas caudas. Se levaram alguns dias para chegarmos na Jinchuuriki, mas paramos quando sentimos um chakra perto de nós. Coloquei meu braço na frente do Tobi o barrando.


          — Tem alguém aqui – disse enquanto observava ao redor


        T — Tem? – ele falou enquanto olhava ao redor também.


      Somos surprendidos com ele chegando... Não é possível! Não acredito que ele esteja aqui... Pensei com os olhos arregalados enquanto olhava a figura do homem parado em nossa frente me olhando fixamente.


          XX A quanto tempo, Mahina! – disse ele sorrindo psicótico e passando a língua em seus lábios.


                — O que você quer Orochimaru? digo já irritada por essa cobra pessonhenta em minha frente.


           O — É assim que se recebe o amigo de sua Sensei? – revirei meus olhos irritada – não sabia que tinha entrado na Akatsuki.. – disse me olhando de cima a baixo.


         — O que você quer de mim? – disse pegando minha kunai pronta para atacar


          O — Nada demais... Só quero você como experimento meu – diz ele de uma forma simples


         comecei a gargalhar de puro deboche e logo fiquei séria — Não. Não serei experimento seu! 


         O — Sabia que diria isso.. então será a força mesmo 


         E ele veio até e começamos a lutar, Tobi se afastou de nós e se sentou em uma árvore.


NARRADORA  ON


  E então começou uma luta, Orochimaru invocou sua cobra e Mahina invocou seu dragão. Obito que estava acompanhando tudo ficou impressionado com a invocação de sua amiga, achava que ela podia invocar só a Katsuyu e seus lobos, mas um dragão? Talvez Mahina esteja certa, o pressentimentos ruim vinha de Orochimaru a querendo como experimento.


  Eles ficaram por um tempo batalhando com suas invocações mas eles são surprendidos com ele indo até Mahina e a mordendo no cangote deixando a marca da maldição nela. Obito se assustou com oque acabou de ver, Mahina caiu de sua invocação sentindo uma dor enorme. Orochimaru sorrio e depois sumiu, Obito a segurou antes que caia no chão.


 Mahina acabou desmaiando com a dor da marca, então era esse o pressentimento ruim que estávamos sentindo.. pensou Obito olhando preocupado para sua amiga. Ele usou seu Kamui e se teletransportaram para frente do esconderijo. Tinha pegado ela no colo e a deixou no estilo noiva, entrou desesperado que assustou os membros.


            K O que houve? Cadê a Jinchuuriki? – disse Konan chegando perto deles dois.


       T — Mahina acabou lutando contra o Orochimaru e recebeu a marca da maldição. – todos se espantaram e se levantaram olhando para Mahina desacordada 


         K — Coloque ela no sofá, meninos saiam do sofá – disse Konan e eles saíram deixando espaço para a branquela se deitar. Obito colocou Mahina deitada no sofá e se asfaltou dela.


 Itachi se aproximou dela e colocou uma mão em sua testa e viu que ela estava quente, ele sabia que provavelmente ela não iria resistir a marca da maldição.


       I Mahina está muito quente. Provável que ela não resista a marca.. – disse olhando para ela. — enquanto ela estiver desacordada vamos cuidar dela até ela não acordar.


  Todos concordaram e começaram a cuidar dela.


HORAS DEPOIS 

MAHINA SENJU  P. O. V 


    Acordo sentindo uma dor enorme na minha cabeça, olho para os lados e vejo todos me olhando preocupados. Tento me levantar e Deidara me ajuda a ficar sentada.


        D você está bem, Mahina? – disse me entregando uma chicara, a peguei com uma certa difícil e tomei o chá


         — Um pouco... – fecho meus olhos com a pontada na minha cabeça – aí... O que aconteceu que eu não me lembro?


      K — Você e Tobi estavam em uma missão para capturar a Jinchuuriki de duas caudas mas Orochimaru atrapalhou vocês e te marcou com a marca da maldição.. – disse Kisame se sentando e me olhando – que bom que sobreviveu a marca.


     Sorri pequeno e voltei a beber o chá. Sinto uma fisgada no cangote botei minha mão e senti ela... A marca, arregalei meus olhos a sentindo.


          Aí caralho... – fechei meus olho com força pela dor.


         I — Tá doendo mais? – disse Itachi se aproximando e olhando para a marca – Ao que parece vamos ter  que fazer um selamento nela. (Selamento que Kakashi fez no Sasuke no clássico)


       — Tudo bem.. eu vou tomar um banho... – disse tentando me levantar do sofá com a ajuda da Konan.


 Subi as escadas e fui para meu quarto tomar um banho. Entrei nele e percebi que já era noite, eu fiquei desacordada por tanto tempo assim? Pensei enquanto procurava um pijama meu.


OBITO UCHIHA  P. O. V 


Fui na sala do Pain dar depoimento da missão. Apesar de ter falharmos falei que coloque Kakuzu e Hidan nessa missão, depois de ter feito isso fui para o quarto, entro nele e vejo se trocando me assusto mas não pude deixar de notar suas curvas bem feitas, seu corpo era lindo. Ela se assusta e coloca a toalha em frente a seu corpo escondendo ele.


           D-desculpa M-mahina-chan! Eu não sabia que estava se trocando.. – tinha ficado nervoso, ia sair do quarto mas ela me para 


         M — Tudo bem Tobi! Você veio tomar banho né? Pode ir.. – balancei a cabeça com uma certa vergonha. Fui pegar minha toalha, e quando fui passar olhei bem para seu corpo e sem que eu perceba mordi meus lábios.


 Deixei meus pensamentos impuros para lá e peguei minha toalha e me direcionei para o banheiro tomar meu banho...


Continua...


Notas Finais


Espero que tenham gostado e até o próximo capítulo ❤️

Mahina recebeu a marca da maldição oque será daqui em diante em?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...