História Redenção - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Naruto, Naruto Shippuden, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Sasusaku
Visualizações 140
Palavras 892
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção Adolescente, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olha só esse capítulo bônus, depois dizem que eu não sou boazinha, rum!




Divirta-se (com moderação hehe) :*

Capítulo 8 - "Mar aberto"


*Sala do Hokage; 12hr10min*

Shikamaru: - Finalmente.

Naruto: - Bom dia pra vocês também.

Sakura: - Boa tarde, Naruto – o corrigiu.

Naruto: - Cadeira vazia. Kakashi-sensei está no banheiro?

Shikamaru: - O Hokage está parcialmente desaparecido. Mas isso é outra história.

Sasuke: - Como ele pode estar parcialmente desaparecido? E isso é um desastre.

Shikamaru: - Acontece que ele foi visto saindo possivelmente fora do juízo normal. Não é algo que possamos falar por aí senão vai estragar a reputação dele. Mas estamos dando um jeito nisso.

Sakura: - Eu duvido muito. Kakashi-sensei não é irresponsável assim, eu esperaria isso do Naruto.

Naruto: - Meu espírito jovem agradece.

Shikamaru: - Sim, eu concordo com você. – Pigarreou nitidamente nada confortável por ter de lidar com o Uchiha após tantos anos.

Com um rolo em mãos, estendeu na direção de Sasuke, que pegou e leu de imediato.

Sasuke: - É um memorando de uma aldeia oculta no país do fogo. Diz que foram atacados recentemente pela... – Franziu o cenho incrédulo – Pela Trindade da Quarta Guerra.

Os dois componentes do time 7 se entreolharam perdidos.

Sakura: - Mas nós somos a Trindade da Quarta Guerra, isso é impossível.

Shikamaru: - Exatamente. Preciso que investiguem da onde vêm esses ataques, quem e por quê.

Naruto: - Fácil. Mas acha que é uma boa ideia que eu saia da Vila com Kakashi-sensei desaparecido?

Sasuke: - Desde quando ficou tão confiante?

Com o clima pautado no humor, Uzumaki pôs os braços para trás da cabeça e seguiu até a porta.

Naruto: - Desde quando eu te enchi de porrada.

Saiu vitorioso deixando enormes discussões para trás. Sakura foi-se em seguida.

Shikamaru: - Ahm, Sasuke, eu queria convidá-lo pro meu... Você sabe, casamento.

Sasuke: - Obrigado Shikamaru. Estarei lá. – Parou à porta – Temari hein?! Quem diria. Eu me lembro de quando você a conheceu no exame Chunin.

Shikamaru: - Nossa, isso tem uns vinte anos.

Sasuke: - E se me permite dizer eu já havia notado algo em vocês dois. – Sorriu com o canto dos lábios – Era explícito seu medo por ela.

Antes de largar um riso por concluir que o rapaz não é tão ruim assim, voltou e recebeu como um comentário tanto quanto sarcástico.

Shikamaru: - É, dizem que os mais fortes procuram mulheres de sangue quente. – Inclinou a cabeça – Boa sorte com a Sakura.

Sasuke: - Vou precisar.

*Floresta vermelha; 12hr36min - Leste de Konohagakure*

- Eu não sou a maior fã da natureza, mas tudo bem. – Ino se esgueirava entre os galhos pontudos.

- Confia em mim.

Sai a puxava com certa pressa. A floresta vermelha ficava a Oeste e tinha fama de beleza incomparável.

- Sai o que você tá inventando? Já não basta termos sido presos por insinuações sexuais em local público?

- Essa foi divertida – Riu de maneira ingênua.

Fazia dois meses que havia transacionado a fase dos beijos rápidos para relações mais íntimas. Foi uma surpresa para ambos; a primeira vez desconfortável e estranha, contudo naquele instante ela percebeu que Sai é o motivo do seu coração bater mais forte. Ninguém se comparava a esse homem.

- Agora fecha os olhos.

- Pra que?

- Fecha. Surpresas entre namorados fortalecem a relação. – Informou.

Desejando agradá-lo, ela o fez. Sai a segurou pela cintura posicionando por trás, depositou um beijo em sua nuca e iniciou o discurso que seria gravado no tempo.

- De todos os sentimentos, eu sempre tive mais dificuldade com o amor. Achava exagerado e idiota. Mas o que não sabia é que não se escolhe sentir como as outras emoções, ele escolhe você. E eu fui pego de um jeito que nada mais que eu venha a fazer seja mais importante do que estar ao seu lado. Ino, eu estou amando pela primeira vez e quero que seja a única. Pode abrir.

Com os olhos pesadamente encharcados ela distinguiu com dificuldade a surpresa. Era um enorme quadrado feito com as flores mais vibrantes e bonitas que vira em anos, e bem aos pés dela uma faixa com letras minuciosamente escritas com tinta vermelha. “Quer casar comigo?”.

- Eu prometo dar a você minha vida, dia após dia. – Continuou.

Num abraço apertado ela soluçava. As flores eram as favoritas de seu pai. Aquilo era um sim.

*Mar aberto; 13hr*

- Tá, vamos recapitular o plano. – Kakashi segurava-se no mastro principal.

- Eu estava andando no porto e nos esbarramos.

- Você com o seu namorado, e eu sozinho. Convidei os dois pra entrarem e verem o espetáculo e aí ele se machucou e teve que voltar urgente.

- Aí veio a tal onda e viemos parar aqui. Perfeito.

- Certo. – Oscilou – Ninguém vai acreditar não é?! Droga, eu sou um desastre.

- Hokage-sama, nós prometemos nunca contar a verdade. Então vai ser isso sim e ponto.

Ele olhou o horizonte sul. Como se deixou chegar tão longe? Não estava acostumado a beber dessa forma, mas conseguir se perder do porto de Konoha?! Isso é demais. Algo não se encaixa.

- Se você pelo menos soubesse navegar... – Irritada pelo calor, ela soltou a farpa.

- Nem começa. Já disse que não gosto do alto mar. Cada um com suas preferências.

- Que seja. Escuta, não é a melhor hora pra falar disso, mas a dúvida está me corroendo e sei que a você também... – Procurou as palavras certas – Usamos preservativo? 


Notas Finais


E aí bebês, não se esqueçam de comentar!



Até a próxima :D


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...