História Redenção - Capítulo 54


Escrita por:


Notas do Autor


---- //// ----

NOTA DO AUTOR

Ok, gente bonita, essa próxima parte pode fazer você se encolher ou se sentir desconfortável e me desculpe, mas eeeehhhh é hilário aos meus olhos. Espero que você não se ofenda com isso, mas algumas famílias o fazem especialmente quando estão intoxicadas. XD Diga-me o que você acha bom ou ruim. Adoro ler seus comentários de qualquer maneira. FELIZ LEITURA xCortize Cooperx

Capítulo 54 - Capítulo 54


ZENDREA

Khan abre a porta e todos nos escondemos enquanto balas voam para fora da sala. 

- Zander !!

- Entendi. - Um grito vem de dentro do escritório. - Ela está triste. - Todos nós estamos correndo para o escritório. Ouço Khan rosnar andando pela mesa e pegando uma mulher que acho que é Cindy Harrison.

- Finalmente. - Ele a joga aos pés de seus irmãos, fazendo-a sibilar de dor. Ela vai se levantar, mas eu chuto a parte de trás da perna dela, deixando-a cair no chão.

- Hahahaha oh, que prazer ver vocês, meninos de novo.

- Queríamos que você visse nossos rostos antes de morrer.

- Pelo menos eu tenho uma platéia me dizendo como está seu querido pai, oh espere, ele está morto junto com sua irmã e patético ... - Eu dou um soco no rosto dela arrancando alguns dentes.

- Cale a boca, puta.

- Quem diabos é você?

- Zendrea Kaius e fico feliz por vê-lo morrer. - Dou-lhe um sorriso maligno e um olhar de medo cruza seus olhos quando eles pousam em Greger.

- Você está ajudando eles? Eu pensei que você estava aposentado.

- Oh, eu sou, mas eles precisavam de mim, aqui estou eu. Você estragou a Cindy. Ficou ganancioso.

- Por quê? Por que você os ajudaria? Eles devem significar nada para você.

- Ele é da família, não é da sua conta. - ela estreita os olhos para mim e Greger. De repente, eles se arregalam e ela ri de tanto rir. Ela é louca.

- Oh meu Deus, agora eu sei por que sua irmã se escondeu também. Hahahahaha oh, ele vai amar isso.

- Quem?

- SUFICIENTE. - Greger atira na perna dela, fazendo-a chorar de dor. - Acabar com isso já gostaria de ir para casa. - Khan e seus irmãos pegam armas e apontam para Cindy. Todos juntos, eles disparam as armas que esvaziam o clipe. A sala fica em silêncio enquanto todos encaramos o corpo sem vida de Cindy Harrison. Khan me alcança e bate seu corpo no meu. Ele respira fundo exalando de alívio. Seu corpo completamente relaxando no meu. Olho por cima do ombro para seus irmãos. Todos parecem aliviados por chamarem minha atenção e passarem por ali nos cercando, pois temos um momento. Greger anda pelo escritório procurando não sei o quê, mas estou feliz que ele tenha nos deixado.

- Uuuhhhh senhor, há um monte de carros vindo em nossa direção, precisamos nos mover.

- Merda, tudo bem, vamos lá. - Todos saímos de casa e alcançamos Zander e Colton. Eu puxo os dois para um abraço antes de pularmos na van e acelerarmos de volta para o avião.

---- //// ----

Uma vez que estamos todos no avião, ele decola voltando para casa.

- Finalmente acabou.

- Graças a Deus.

- Precisamos ter uma grande festa gorda. Estou precisando de alguns dias de compulsão.

- Oh inferno, sim, eu estou pronto para me desperdiçar. O que você acha amor?

- O que vocês quiserem. Lucas?

- Sim, eu vou gostar disso. Apenas família tho. Beber jogos, música soa bem para mim. - Zander se aproxima de mim com um suspiro.

- Como ela está, Twinny?

- Agir como se não a incomodasse. Eu sei que vi as lágrimas, mas ela está se segurando. - Ele esfrega o rosto enquanto eu dou um tapinha nas costas dele.

- Eu falo com ela. - E agora? Todos olhamos para Khan surpresos com o que ele acabou de dizer.

- Não, você não vai. Ela quer ficar sozinha.

- Quero pedir desculpas e, mesmo que ela quisesse sua mãe morta, ela ainda era sua mãe e isso a machucaria, mesmo que ela diga de forma diferente.

- Tudo bem, você pode falar com ela, mas não sozinha. Zen você vai com ele?

- Claro. - Eu e Khan estamos caminhando para o quarto. - Você está bem?

- Sim. Eu só quero que ela saiba que não a vejo como uma ameaça. - aceno com a cabeça lentamente abrindo a porta e nós dois entramos. Harmony está parada na janela, esfregando sua barriga ainda plana, perdida em pensamentos.

- Harmonia? - ela enxuga os olhos e se vira para nós. Ela nos dá um pequeno sorriso.

- Olá. Vocês estão bem?

- Estamos bem, só queria algumas palavras com você.

- Claro. Como posso ajudar?

- Só quero agradecer por ajudar minha família. Eu sei que era difícil que ela fosse sua mãe, afinal.

- Sim, ela era, mas também era um monstro e, com ela desaparecida, finalmente posso me libertar do meu passado.

- Entendi. - Ela assente. Ela parece pálida, mas tenta esconder seu desconforto.

- Você está bem? Você não parece bom.

- Estou bem, acho que é a viagem. Eu não acho que o bebê goste. - eu sorrio dando um passo para ela. Eu a abraço e ela responde.

- Obrigado Harmony.

- Não há de quê.

- Precisas de alguma coisa? Vitaminas ou água? Comida?

- Não basta descansar.

- Ok, vamos lá amor, deixe-a descansar. - Vou para Khan e pego a mão dele.

- Se você precisar de alguma coisa, Harms, não hesite em perguntar.

- Obrigado pessoal. Importa-se de enviar Zander?

- Claro.

- Além disso, se você é sério sobre Zander, pode ficar em nossa casa o tempo que quiser.

- Obrigado. - Nós a deixamos e dizemos a Zander que ela o quer.

- Shawn disse que nos encontrará em casa. - Khan geme e eu ri abraçando ele.

- Precisamos conversar sobre a situação de Shawn.

- O que há para conversar? Ele me odeia, eu o odeio final da discussão.

- Não, não final de. Eu sei que você não gosta dele, mas ele é como uma família para mim.

- Sim, com quem você dormiu.

- Ok, sim, eu perdi minha virgindade com ele, mas não estou na cama dele todas as noites completamente nua, estou?

- Não, mas ainda. Não suporto ver você interagir com ele, sabendo que ele a teve como eu. - Ok, como diabos eu respondo a isso? - Mas eu vou superar isso.

- Você tem certeza?

- Ele salvou sua vida, então eu devo isso a ele. Pelo menos ser civilizado.

- Eu te amo, Khan. Eu não vou esfregar na sua cara. Apenas me diga seus limites e eu vou cumpri-los.

- Eu confio em você, Zendrea.

- Ainda me diga o que mais te incomoda em nós? - Ele pensa por um segundo brincando com meu cabelo.

- Eu não gosto quando você beija a bochecha dele.

- Ok, não mais beijos na bochecha.

- Eu não gosto dele tocando em você.

- Tudo bem, eu vou resolver isso.

- Mas você pode lhe dar um abraço, olá e adeus, mas não no meio.

- Ahh, tudo bem.

- E é isso mesmo. - Trago seus lábios aos meus apoiando minha cabeça contra o homem que me apaixonei impotente por todo o meu corpo inflama enquanto ele passa as mãos levemente pelas minhas costas.

- Eu te amo amor.

- Sempre.

---- //// ----

 

Quando chegamos em casa, todos vão direto para a cama. Bella nos recebe em casa e mergulha no marido, que a leva para o quarto. No dia seguinte, passamos a comemorar. Apenas nós e é exatamente o que precisávamos. Todos nós fomos martelados além de Harmony e foi hilário. Eu e Bella sentamos no bar rindo de nossos corações enquanto assistimos Cruze Lucas e Khan brigando sobre quem é o pau maior. Honestamente, os meninos Kaius são tão engraçados quando são desperdiçados.

- Hahahaha, eles realmente estão tendo esse argumento?

- Hahahahaha, só espero que eles não sacem suas espadas para que todos vejam. - Eu e Zander nos olhamos e gritamos. LUTA DE ESPADAS!!

- Hahahahahaha, caras do feno pegam uma régua e medem então essa merda será finalmente resolvida.

- Oh, Zander, não lhes dê idéias.

- Hahahahaa sim faça isso.

- Bella, sua garota safada.

- Encontre-nos um governante fodido.

- Hahahaha eu já sei tho. Eu sou o mais velho com a maior espada. Hay amor diga a eles.

- Não me arraste para isso.

- Espere, espere, espere ... todos nós sabemos que você pulou feias e me bateu.

- Por favor, há uma razão para chamá-lo de "pequeno" irmão.

- Foda-se Cruze, é por isso que você ainda não tem uma namorada ... assim que ela vê sua merda, ela ri agradecendo aos deuses que você não é seu namorado.

- Seu idiota. Cruze derruba Vincint no chão e eles começam a brigar. Todos caímos na gargalhada.

- Haaaaaaaayyyyyyy nós temos uma régua.

- Faça, faça, faça.

- Bella !!

- Hahahahaha, faça, faça. - Pelo amor de Deus.

- Porra, faça, faça. - Todos eles tropeçam para lá pés. Fico feliz que Greger e Shawn tenham saído esta manhã.

- Venha aqui, Zander. - Zander ri beijando Harmony e tropeçando na linha.

- Droga, eu queria poder beber.

- Ok, ok, precisamos de alguém para fazer as medições de maneira justa. - Os meninos se alinham e todos começam a soltar as calças.

- Vamos, Colt, você é tímido?

- Hahaahahaha. - Colton entra na fila. Não acredito que isso esteja realmente acontecendo.

- Ok, é assim que vai funcionar. Vocês, senhoras, serão os juízes. Sem tocar a menos que seja seu marido. - Khan pisca para mim e eu caio na gargalhada.

- Sem período tocante.

- Bem bem.

- Hahahahahaha, porra, estou perdido.

- Pahahaha eu também.

- Isso deve ser bom. - Bella bate palmas.

- Garotos certos os largam. - Todos puxam as calças para baixo e nós três gargalhadas.

- Eu não estou bêbado o suficiente para essa merda.

- Hahahahaha, chupa. Direita vamos descer a linha. - Um por um, eu e Bella e Harmony fazemos medições rindo à medida que avançamos. Nós fazemos o Cruze primeiro.

- Eu sei senhoras, é bonito, certo?

- Colton?

- Sim homem?

- Dê um tapa nele por mim, você faria. - Colton dá um tapa na nuca de Cruzes nos fazendo rir. Nós vamos abaixo da linha. Vinny em seguida.

- Hahahahaha hiiiii pequeno Vinny.

- Pahahahaha cuuuutttteeeee

- Oh meu Deus, vocês dois. Lucas, Khan, pegue suas esposas.

- Por quê? É fodidamente hilário.

- Hahaahaha pequeno Vinny.

- Adorável.

- Foda-se todos vocês, senhoras. - Vamos para Colton, depois Zander e eu temos que desviar o olhar.

- Sim, eu realmente não quero ver meus irmãos lixo.

- Boa ligação, Twinny. - O próximo é Lucas. Bella se inclina e dá um beijo.

- Hay hay hay isso engana Bells.

- Opa, eu não pude resistir.

- Mais tarde, babe. - Deus, estamos todos os tipos de fodidos agora. Isto é hilário. Khan por último. Ele sorri para mim e eu pisco.

- Uau.

- Sim.

- Hahahahaha não diga mais senhoras. - Tomo sua medida e dou um beijo nos lábios puxando suas calças. - Ok, pessoal, tragam. - Bella nos serve uma dose ao longo do bar e todos nós alinhamos.

- Para paus grandes. - Todos nós rimos e diminuímos nossos tiros. Lucas bate palmas puxando Bella nos braços, beijando-a por todo o rosto.

- Tããããão amor da minha vida quem tem a maior espada?

- Seja sincero agora, Bells.

- Sim, vamos ouvir. - Bella cora e enterra o rosto nas mãos quando ela fala.

- Khan.

- Hahahahahaha, claro, obrigado, obrigado, obrigado.

- Twinny, você trapaceia.

- Hay, eu não trapaceei. - Bebo meu vinho e me sirvo outra. Khan me puxa para seus braços rindo enquanto os homens bufam e lá embaixo cervejas.

- Vocês todos viram minha merda. Não odeie minha esposa porque ela tem a espada do troféu.

- Phahahaha.

- Eu ainda chamo trapaça.

- perdedores doloridos.

- Para ser justo, todos vimos junk de vocês e o dele era o maior visualmente.

- Maneira de derrubar um homem, querida.

- Se isso faz você se sentir melhor, o seu foi um segundo próximo.

- Está tudo bem, Harmony, você não precisa aumentar o ego dele.

- Pelo menos me diga que sou maior que aquele idiota.

- Bem. - Todos nós olhamos para Vincint, que sorri, tomando um gole direto da garrafa de bourbon. Colton cora, pegando a garrafa de Vincint e engolindo seu próprio gole.

- Hahahahahahaha Deus, estamos todos meio fodidos esta noite.

- Concordo, vamos fazer isso uma vez por mês.

- Não importa quantas vezes o façamos, sempre terei o maior coc ... - Beijo Khan para calá-lo. Ele me puxa mais fundo.

- Uuuuuggggghhhh vamos deixar bichanos desperdiçados.

- Cheeerrrrrsssss faaammiiillyyyy - Nós aplaudimos e bebemos a tal ponto que todos caímos na sala do bar. Eu amo minha família fodida.

---- //// ----

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...