História RedFive - Capítulo 21


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha, Temari
Tags Ação, Amor, Drama, Fbi, Gaara, Haruno Sakura, Hinata, Ino, Luta, Máfia, Morte, Naruto, Neji, Policial, Realidade, Sadomasoquismo, Sakura, Sakura Uchiha, Sarada, Sasuke, Sasuke Uchiha, Sasusaku, Tiro, Uchiha, Vida
Visualizações 151
Palavras 1.371
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drabs, Esporte, Famí­lia, Fantasia, FemmeSlash, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Hentai, Literatura Feminina, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Poesias, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá leitores, demorei né? Desculpem, tive uns problemas sérios de saúde com pessoa da família, concurso chegando e entre mil coisas que me deixaram um pouco de cabelo em pé esses dias. Mas o tempo que tive vim logo escrever pra vocês e espero que gostem. Porque eu estou amando cada comentário que recebo de vocês!
Agradeço os mais de 85 favoritos, vocês são demais!
Agora que é de lei vou deixar meus especiais: Diane_haruno , obrigada pelo carinho e incentivo! Estou aqui continuando ❤
Nekoharuno , amo você! Obrigada por estar aqui sempre comigo, sempre adoro seus comentários.❤
eveebell , obrigada pelos comentários simples, mas de grande significado. ❤
Abcstuvxz10 , espero que tenha sentido minha falta. Porque senti muito a sua! Como sempre deixo meu te adoro. ❤
baby , obrigada por sempre inspirar e incentivar. ❤
Chega de conversa, vamos pra leitura! :*

Capítulo 21 - E agora o que faço?


Fanfic / Fanfiction RedFive - Capítulo 21 - E agora o que faço?

Capítulo 20

- O que eu faço? - 

 

'Narrado por Sakura'

Escrito por ~ @uchiha_souza

 

 

— Sakura que jantar comigo hoje? — No mesmo instante que ele me fala eu sinto algo crescendo no meu peito, meu coração bateu mais forte e intenso. Meu corpo foi a órbita, minha mente perdeu a linha de raciocínio, minha boca não conseguia manter fechada, meus olhos lacrimejaram, não me controlava mais e eu não sabia o que era isso. Apenas posso dizer que é o efeito Sasuke que está me causando isso, me sinto mais sensível, mais feliz, mais confiante, diferente e isso não sei até qual certo ponto é bom. Mas até aqui, tem sido maravilhoso sentir esse frio no estomago, essas borboletas no meu coração, realmente queria entender e compreender tudo isso que sinto desde que vi ele. Achei que era apenas atração ou um jogo, mas em menos de pouco tempo acabo por sentir tantas coisas novas e tenho medo de grandes partes delas.  

—  Sakura? Falei algo errado? —  Ao ouvir a voz de Sasuke novamente fui retirada dos meus pensamentos e o furação de sentimentos que já tomava conta do meu ser, de certo modo não jogava com ele. Era natural, eu tenho certeza disso, ele podia dizer que jogava comigo; porque talvez isso seja real mesmo. Ele manda no jogo, dar as cartas do jogo, ele pisa, ganha e samba em cima de todo o tabuleiro. Ele é o poder, ele é sobre mim o que nunca ninguém foi. Droga! Isso é terrível, ele poderia ser fácil rotulado como meu ponto fraco e eu odeio saber que tenho um.  

—  Sakura? —  De novo ele fala comigo, agora olho seus lábios em forma séria e ao olhar seus olhos carregavam um pouco de preocupação, as suas sobrancelhas estavam um pouco franzidas e juntas. Claramente sua expressão era de alguém preocupado por eu não ter respondido e consequentemente porque não tinha escutado nenhuma resposta, nem ao menos um não.  

—  Oh! Sasuke, perdoe-me por não ter respondido antes. Estava aqui pensando se é real ou não? Eu não sou quem pensa Sasuke, eu não sou e sinto que deveríamos parar. Isso está indo longe demais, não acha? Meu passado não é nada justo, mas é muito obscuro. —  No que minha boca fala isso, minha mente começa trabalhar de volta, começo pensar no quanto isso está errado. Não o conheço, Sasuke tem que ser alguém que eu não posso me envolver, não mesmo. Ele parece ser alguém especial e legal. Deve ter pais, família, amigos, uma vida calma, bem-sucedida e diferente da minha que tenho mais inimigos do que amigos, carrego traumas que mal consigo imaginar. Tenho uma vida a base de tiros, mortes, poder. Definitivamente ele não merece alguém tão suja e quebrada como eu. Abaixo minha cabeça e sinto meu rosto molhar, sinto agora a impotência de que eu nunca vou poder ser feliz. Sinto seus dedos uns poucos gélidos passarem limpando aonde a lágrima insistiu em cair no rosto, seus dedos fazem o percurso que acaba em minha boca. E sinto um puxar no meu queixo, meus olhos fecharam automaticamente. Eu não choro muitas vezes e porque acabei fazendo isso agora? Foi tão involuntário quando pensei que ele pode ser feliz, mas longe de mim e isso será o certo 

—  Sakura olhe nos meus olhos, diga-me o que você quer e não o que deveria. Não pense no amanhã, viva o hoje. Não pense em mais nada, só em nós. Não pense em ninguém, pense em mim. Pense antes de tudo em você. —  Eu me perco naquele céu totalmente negro, tão negro quanto era minha alma antes de sua chegada. Aqueles olhos que me fazem sair do inferno e ao mesmo tempo desejo que eu me queime cada vez mais em chamas. Olhando-o eu não irei conseguir negar, não vou conseguir dar um não. Esse olhar tão fundo e intenso que ele me lança; me desarma, mas ao mesmo tempo me fazer saber que o olhar de Sasuke era uma arma carregada com todas as munições.  

  Sasuke, minha resposta é ... — Na hora exatamente que iria falar a resposta ouvimos alguém forçar a porta, a gente se entreolhou ele parecia um pouco tenso. Bruscamente me afastei mais de sua presença e comecei procuras ou até mesmo vasculhar saída. Se alguém conseguir entrar aqui, com toda certeza eu estaria completamente ferrada. Pelo amor de odin quais comentários iria sair depois disso aqui, não! Não posso deixar que isso aconteça.  

— QUEM ESTÁ AI? SASSSSSSSSSSUKEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE! VOCÊ ESTÁ AI? ABRE A PORTAAAAAAAAAAAA, VOCÊ E A DOIDA DE CABELO ROSA SUMIU E TODOS ESTÃO PROCURANDO VOCÊS. PRECISAMOS CONTINUAR A REUNIÃO. — Droga! Todos já perceberam que nós dois sumimos, puta que pariu!!! Todas as meninas devem estar puxando os cabelos, eu nunca sumi assim. Não sem ao menos Ino saber! Droga! Inferno! Mil vezes inferno! E pera lá... Quem é esse idiota que me chamou doida de cabelo rosa? Vou encher ele de bala na cara para aprender respeitar uma dama e muito mais a Hime que manda em tudo nessa porra.   

—  Sasuke me diga o nome desse idiota agora, que vou mostrar quem é a doida de cabelo rosa. —  Agora sei que a Sakura antiga voltou, pelo olhar espantado de Sasuke eu não devo estar com um semblante muito bom não. Se tem algo que eu não gosto é quem fica de brincadeira comigo. Isso me irrita de uma forma, que rodo a cabeça de alguém tão fácil quanto corto os membros dos traidores do meu clã.  

—  Calma princesa, isso agora é o de menos. Temos que pensar em um jeito desse idiota sair daqui ou se não dará ruim tanto pra você e muito mais pra mim. —  Volto a realidade ao lembrar da situação, agora não há motivos de matar alguém; mas depois esse idiota irá me pagar. Não fala isso comigo e sai sem nenhuma punição, mas agora tenho outra preocupação como vou sair daqui ou me esconder. Só tem duas portas de banheiro aqui e nenhum saída de ar ou ventilação; nem ao menos uma janela se quer. Aihs! 

—  SASSSSSSSSSSSSSUKE, ABRE LOGO ESSA PORCARIA DE PORTA. —  Porra! Que cara mais chato, era só ele ir embora. E agora o que faço?  

—  DOBE IDIOTA, VAI EMBORA. JÁ VOU SAIR. —  Sasuke praticamente gritou também para a pessoa lá fora, mas foi em vão pois a pessoa correspondeu que não iria sair até ele abrir. Que situação deplorável eu me encontro agora, se eu sair dessa com mil certezas que nunca mais vou invadir um banheiro masculino, em uma base militar para ser fodida. No fim de dúvidas corri para trás da porta de um dos banheiros, fechei a porta, sentei no vaso e coloquei minhas pernas dobradas apoiando meus joelhos. Sasuke ficou lá fora e eu ouço o trinco girar, escuto passos e o homem agora reclamar com Sasuke e falando da demora e que eu também havia sumido e que tinha outras garotas me procurando como malucas e que Hinata já havia surtado com meu sumiço. Mas que porcaria! Lá se vai me paz por longos e duradouros tempos. Ouvir Sasuke falar que estavam em ligação com alguém cujo o nome não reconheci bem e depois ele pedir pra ficar só, o homem respondeu pra ele ir rápido enquanto iria saber se já haviam me encontrado. Seus passos iam diminuindo, até que eu ouvi a porta bater e o moreno suspirar de forma aliviada. Nesse tempo até pensei porque não me permitir ser feliz apenas um pouco? Depois posso conversar com ele e falar que não dá para ficar juntos, resolvi me jogar um pouco agora.  Depois se me certificar que o idiota havia ido embora,  me levantei e abri a porta de onde eu estava trancada, ao colocar meu corpo pra fora vejo Sasuke encostado na pia onde a poucos minutos atrás eu estava sendo completamente saciada. Deu um pequeno riso e ouço ele perguntar o porquê, passei direto por ele e giro a maçaneta na porta. Parei olhei para aquele homem, ele me olha fixo e arqueia uma sobrancelha, dou mais um riso, desço meu olhar por todo seu corpo maravilhoso, subo o olhar, paro em seus olhos. 

—  Sim Sasuke, aceito jantar com você. —  

 

Continuar...  


Notas Finais


Primeiro peço desculpas pelos erros, não tive tempo pra revisar.
AGORA CONTINUO OU PARO POR AQUI?
Não sou tão má assim, amanhã se possível posto mais um capitulo!
Obrigada desde já, beijinhos :*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...