História Reflection - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Mamamoo
Personagens Baekhyun, Hwasa, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Moonbyul, Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Solar, Wheein
Visualizações 7
Palavras 1.376
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção Adolescente, Lemon, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Sucesso


Assim como eu todos na mesa olharam para o Jimin com espanto, mas eu também sentia a curiosidade pairando sob a minha cabeça. Eu não ligava mais de contar essa história e muito menos de falar dele, mas curiosamente eu não tinha contado a nenhuma das pessoas com quem eu trabalho e por um momento eu fiquei um pouco decepcionada comigo mesma. Dei mais um gole na minha cerveja e interrompi o menino no meio das desculpas dizendo "não tudo bem, eu posso contar essa história pra vocês. Bom a gente começou a sair e logo depois a gente começou a namorar. Na época do meu debut a gente brigou e deu um tempo, mas uns 3 meses depois a gente se entendeu e resolvermos morar juntos. Quando a gente já tava a 1 anos juntos decidimos casar em segredo total, tipo só nós dois sabiamos disso. Aí contamos pra minha família e obviamente não tivemos nenhum problema, mas não foi a mesma coisa com a família dele já que mãe dele é extremamente preconceituosa. Quando eu passei um final de semana com eles eu ouvi ela me chamando de 'puta latina' e dizendo pro irmão dele que não aceitava o filho dela ter casado com alguém a pele tão escura igual a minha". Nesse momento o Jimin que prestava toda atenção na história colocou a mão na boca e o Hoseok e Yoongi que estavam ao seu lado beberam um gole das duas cervejas quase que simultaneamente. Eu bebi um pouco também e mesmo não tendo problema nenhum para contar isso sentir a mão do Baekhyun nas minha costas me deu um ânimo a mais. Eu continuei dizendo que "nesse momento eu fiquei muito abalada, mas não tive medo de contar isso pro meu marido só que o grande problema veio nesse momento: ele concordava com a mãe! Ele me disse que eu podia deixar de usar roupas tão decotadas porque a MÃE DELE não gostava e que eu podia pegar menos sol pra minha pele não ficar tão escura. Gente o meu pai tem descendência porto-riquenha e brasileira não tem como eu ser mais branca que isso e mesmo que eu pudesse nunca ia querer mudar tanto por ele. Bom resumindo, depois que eu vi que ele não iria me proteger de nada como ele tinha me dito eu resolvi me divorciar, mas só foi noticiado que tivemos um relacionamento relâmpago e sinceramente eu prefiro acreditar que foi isso também". Após eu terminar de contar a minha história com o Hyungsik todos ficaram quietos e tentavam fazer o mínimo de contato visual comigo, mas para amenizar o clima o Baek ofereceu a todos uma rodada de sorvete.

Depois de todos terminarem se comer eu paguei a dona do restaurante e fomos embora. Jimin que ainda estava muito curioso sobre as fofocas que eu poderia lhe contar pediu o meu número e com isso fez os outros membros me pedirem também e no fim de tudo um grupo de conversas acabou surgindo e eu fiquei responsável por atualiza-los sobre as coisas que aconteciam e eles não estavam por perto. Namjoon que eu via sempre sendo um dos mais falantes não disse quase nada durante todo o jantar e mais uma vez eu me senti culpada. O Baek disse que eu não tinha feito nada de errado, mas será que não? Minha avó sempre me disse que eu deveria ser uma pessoa que sempre diz o que pensa e o que quer, mas parece que nem sempre isso funciona ou pelo não é com toda pessoa. As vezes esses pensamentos invadiam a minha cabeça e a melhor solução estava sendo trabalhar em músicas novas, mas no único dia que eu resolvi dormir e não fazer absolutamente nada eu perdi várias coisas. Acordei com o telefone tocando devido as mensagens que eu estava recebendo e com as notificações de chamadas perdidas. Eu acordei um pouco desnorteada e não estava entendendo porque o o Baekhyun tinha me mandado tantas mensagens e feito tantas ligações, mas logo eu descobri quando vi o e-mail da Mnet.

ligação on

Baekhyun: onde você tava? Não importa, eu preciso saber agora da sua resposta: você vai ou não apresentar o prêmio?
Eu: bom dia pra você também Baek. Bom eu não sei se devo, você sabe muito bem que da última vez não deu certo.
Baekhyun: eu já entrei em contato com eles e me falaram que você vai poder ser totalmente livre quanto as suas roupas. E aí? Vai querer?
Eu: se eles não vão mandar eu trocar a minha roupa de última hora eu aceito sim.
Baekhyun: VOCÊ É DEMAIS E TENHA UM BOM DIA!

ligação off

Baekhyun amava ir em premiações e ainda mais quando eu podia apresentar algum prêmio ou performar com o grupo. Eu tive problemas com a Mnet em 2015 porque momentos antes do meu show eles me disseram que a minha roupa não era apropriada para o local e eu precisei troca-la. Como eu não sou de ficar calada diante dessas injustiças que passo, postei no meu Instagram uma foto com a roupa que eu queria me apresentar e com a roupa que eu iria usar com a legenda "o que eu queria usar X o que eu tô sendo obrigada a usar. A noite já começou bem machis... Ops maravilhosa. #Mama2015 @mnet_mama'' é óbvio que depois disso eu tive problemas e acabei brigando com um dos organizadores do evento que não me chamaram para apresentar nada por 3 anos, ou seja, até agora.

A noite do Mama para mim vai ser bem mais atarefada do qualquer outro dia já que eu e meninas fizemos comeback a pouco tempo e fomos chamadas para performar. Eu precisei reservar um tempo para poder ensaiar com elas a música nova e quais modificações faríamos e também precisei ensaiar como seria a entrega do prêmio. O organizador com que eu briguei a uns anos atrás mal falou comigo, mas ambos mantemos o profissionalismo e por isso tudo ocorreu muito bem. Na hora da performance eu, a Moonbyul e a Solar usávamos macacões estampados com flores e decotes enormes, a Wheein usava shorts de estampa de palmeiras e a Hwasa usava uma espécie de maiô com um kimono por cima. Foi a melhor apresentação que fizemos dessa música e fomos complementarmente ovacionadas quando estávamos no palco. Na hora de anunciar o prêmio de melhor música do ano eu vesti um terno bem justo e nada decotado que foi escolhido pelo Baekhyun.

Eu: você acha que eu tô bonita assim?
Baekhyun: você está incrível amiga e além disso eles disseram que as suas pernas estavam muito de fora e que mostrar os ombros também não era legal, então agora você tá dentro das normas.
Eu: nossa agora que eu vi: minha bunda tá enorme! Definitivamente eu amei de verdade essa roupa.

Ficamos rindo e ele deu tapas na minha bunda antes de eu entregar no palco. Eu fiquei nervosa por estar ali sozinha, mas receber o BTS e entregar esse prêmio para eles foi revigorante. Antes de sair eu recebi um abraço do Jimin o que fez com que eu ficasse bem envergonhada, mas como éramos amigos eu consegui fingir costume e ir embora do palco. Mais tarde o meu grupo subiu ao palco novamente para receber o prêmio de melhor grupo feminino e quando fomos para o backstage eu me encontrei novamente com o Jimin e então conseguimos conversar melhor. Depois de ser parabenizada por todos os meninos e também parabenizar eles eu pude perceber que eu e Namjoon estavamos usando praticamente o mesmo terno (só diferenciava porque minha blusa era lisa e transparente e a dele continha babados) e por isso decidimos tirar uma foto juntos. Eu postei no meu twitter dizendo que eramos irmãos gêmeos, mas muitos dos nossos seguidores diziam que estávamos namorando por causa da cultura de alguns casais coreanos usarem a mesma roupa e até mesmo os nossos amigos ficaram rindo disso. Era divertido estar perto do Namjoon porque o mesmo parecia estar sempre de bom humor e sinceramente esse era o meu tipo preferido de pessoa. Eu amei o fato de todos nós estarmos nós dando bem e que provavelmente íamos nos ver muitas outras vezes fora dos nossos encontros enquanto trabalhávamos.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...