1. Spirit Fanfics >
  2. Relações inconvenientes. >
  3. Cabine do trem.

História Relações inconvenientes. - Capítulo 5


Escrita por:


Capítulo 5 - Cabine do trem.


Fanfic / Fanfiction Relações inconvenientes. - Capítulo 5 - Cabine do trem.

A viagem no trem,havia demorado mais tempo do que haviam previsto.


Com o céu já se escurecendo perceberam que já haviam chegado.


Descendo juntos ao outros alunos,não sabiam para onde deveriam ir.


Fascinados com a a beleza e encanto de Hogwarts,não viram que havia um professor esperando por eles.


-Senhor Potter.Ele chamou.


Harry ouvindo seu nome,olhou para o professor que havia o chamado.Sentindo a aflição em seu pescoço Harry,não conseguia olhar para o professor e segurou a mão de Hermione,como se fosse um sinal de socorro.


-Senhor Potter.Senhor Malfoy.Senhorita Gaunt.Estou aqui para levá-los ao castelo.


Sem falar muitas palavras o professor saiu andando para o grande lago que havia dois barcos à espera deles.


Draco percebendo que Harry não iria sair do lado de Hermione se sentou no pequeno barco com o professor,deixando seus amigos juntos.


Sem muita demora já estavam dentro do castelo.


-Esperem aqui.O professor disse e subiu as escadas os deixando sozinhos.


-Aqui é muito bonito.Disse Hermione tentando acalmar Harry que ainda segurava forte sua mão.


-Vocês devem ser os alunos transferidos.Disse uma senhora no topo da escada.-Sou a professora Minerva McGonagall.Estou aqui para levá-los a seleção de casas.


-Seleção?Pergunto Draco olhando para ela.


-Sim.Como devem saber,Hogwarts foi criado por quatro fundadores:Godric Grifinória,Rowena Corvinal,Helga Lufa-Lufa e Salazar Sonserina.Cada casa é representada por um animal,leão,águia,texugo e a cobra.Os uniformes constrastam as cores de sua casas como vermelho,azul,amarelo e verde.Iram se sentar em frente à todos e saberão as suas casas,e iram se dirigir as mesas à espera do monitor para levá-los ao dormitório. Alguma pergunta?


-Sim eu tenho.Disse Hermione subindo as escadas junto aos meninos.-Não sei se a senhora sabe qual é a minha família,mas eu gostaria que não me chama-se pelo meu último nome.As pessoas ficam diferentes quando sabem qual é a minha família.


-Hermione não faça isso.Diz Draco tentando impedir sua namorada.


-Se quer assim.Como devo chamá-la.


-Malfoy.Hermione Rosier Malfoy!


-Irei falar com os outros professores para que não haja nenhum problema com isso.


-Obrigada.


-Agora sigam-me.


Passando pelas grandes portas do salão principal,podiam ouvir que todas as conversas haviam acabado no momento que entraram.Todos olhavam para eles,querendo saber quem eram.


Andando sem dizer muito atrás da professora.Harry Potter foi o primeiro a se sentar e ouvir qual era seu lugar.


-Harry Potter,uma família que pensei que nunca mais iria ter a chance de ver novamente.Poderia ser útil em todas as casas,sua coragem seria ótimo na Grifinória,mas seu orgulho fala mais alto.SONSERINA!!!!


Com alguns gritos da mesa da Sonserina Harry se sentou na ponta da mesa esperando seus amigos.


-Draco Malfoy.Outro Malfoy,sinto que você irá ser grande.Maior do que qualquer Malfoy já existente.SONSERINA.


Com o sorriso presunçoso em seu rosto Draco se sentou ao lado de Harry à espera de sua namorada.


Ao colocar o chapéu em sua cabeça,viram algo nunca presenciando o chapéu não havia dito nenhuma palavra para ela.


-Aconteceu alguma coisa?A menina perguntou assustada olhando para seu namorado.


Sem aviso.O diretor se levantou e andou até a menina que já estava com medo.


-Sou Albus Dumbledore,você deve estar com muito medo estou certo?


-Sim.


-Creio que poderá escolher sua própria casa.


-Mas eu preciso da seleção.Ela disse.


-Albus essa criança já sofreu muita coisa,suas características são para todas as casas, mas ao mesmo tempo para nenhuma.Ela é única!.Disse o chapéu.


-O que quer?Perguntou Dumbledore para Hermione.


-Ficar com quem amo.Ela disse olhando para Harry e Draco.


-SONSERINA.O chapéu gritou.


Mas ninguém disse nenhuma palavra,nem mesmo a mesa de sua casa.


-Ótimo,já sou a estranha.


-Você não é estranha, só nunca vimos algo assim.Diz uma menina de cabelos castanhos se aproximando do trio.


-Eu sou Pansy Parkinson. 


-Somos Harry,Hermine e Draco.Harry diz apresentando-os.



-Sejam bem-vindos a escola.Pansy diz.


-Obrigada.Responde Hermione.




Andando para o seu salão comunal,Hermione sabia que teria que mandar cartas para sua tia a respeito dos uniformes e a seleção.

-Hermione se quiser você pode ficar no meu quarto.Diz Pansy segurando seu braço.


-Ela vai adorar.Responde Draco.


Sem ao menos saber o que responder Hermione foi puxada pela duas meninas para os dormitórios.


-Então já estamos nesse quarto alguns anos,então já temos nossa cama.Você pode ficar com a outra.


-Obrigada.


Hermione não conseguia descobrir o motivo por elas estarem sendo tão legais com ela.Não conheciam ela e isso a assustava.


Colocando seu malão ao pé da cama, Hermione o abriu tirando seu pijama o colocando em cima da cama.


-Hermione seu nome é muito grande,não tem nenhum apelido?Perguntou Daphne olhando para ela.


-Os meninos falam Mione.Ela diz.


-Que tal Herms?


-Eu gostei.


Arrumando seu uniforme para a manhã seguinte, Hermione viu suas colegas de quarto deitarem em suas camas e fecharem as cortinas.


Sem muita demora,Hermione fez o mesmo mais com precaução colocou feitiços de silêncio em sua cama,não queria que a ouvissem gritar com seus pesadelos.


Virando para um lado ao outro.Hermione não conseguia dormir, sentia a falta de algo, sentia saudade de Draco ao seu lado.Mas não podia fazer nada,já que as regras eram claras.


Meninas não podiam ficar no dormitório dos meninos, mas o que ela podia fazer sentia sua falta.Levantando de sua cama, colocou seu robe e saiu de seu quarto.Com a escuridão das masmorras Hermione começou a andar em direção do dormitório masculino, mesmo sem saber o que fazer quando chegar lá.Não sabia qual era o quarto de seu namorado.


-Está perdida?


Hermione reconheceu aquela voz, era a voz de Elliot.


-Elliot.


-Quer ajuda?


-Não precisa.


-Quer achar seu namorado?É a primeira porta.


-Obrigada.


Sem olhar para ele,Hermione bateu na porta do quarto que Elliot havia lhe falado.


-Sabe que se o monitor passar você leva uma detenção.


-Sabe que eu não posso falar com você.


Hermione bate mais uma vez na porta que é aberta por Harry sem camisa.


-Hermione o que está fazendo aqui?Já está tarde.


-Pesadelos.


-Entra.


Entrando no quarto Hermione viu seu namorado dormindo em sua cama.


-Se quiser pode se dormir com ele, eu não ligo.Disse Harry deitando em sua cama.


-Não tem outra pessoa?


-Não.E a vantagem de ser transferido um quarto só para nós.


-Sortudos.


-Algum problema no seu quarto?


-Nenhum elas pensam que eu sou uma Malfoy.Já até me deram um apelido novo Herms.


-Não acho certo você esconder quem realmente é.Mas aproveite faça amizades.Agora vamos dormir.


Se deitando na cama,Harry viu Hermione se deitar junto ao Draco.E fechou sua cortina.


-Hermione caso algo aconteça por favor feitiços de sons.Diz Harry fazendo Hermione ficar com vergonha.


Hermione ainda olhando para seu namorado, o viu dormir calmo.Sentiu inveja por não ter um sono assim.


-Hermione?Ele a chamou.-Aconteceu alguma coisa?


-Senti sua falta.Ela diz se deitando ao seu lado.


-Vamos dormir então meu amor.Ele diz a puxando para ficar perto dele.


Hermione sente o braço de seu namorado em sua cintura e conseguiu dormir.




Com a manhã começando, a maioria dos estudantes já estavam acordados se arrumando para suas aulas.Hermione ainda estava abraçada a seu namorado, quando Harry puxou as cortinas acordando os dois.


-Casalzinho vamos levantaremos.Temos aula.


-5 minutos.Disse Draco.


-Hermione você ainda tem que pegar seu uniforme.E os corredores estão cheios de meninos descendo,então ao menos que quer todos os homens te olhando.


-Ela vai ficar.Draco diz se levantando.-Eu vou pegar seu uniforme e a senhorita vai ficar aqui.


-Harry vai.


-Por que eu?


-Eu quero falar com o Draco.


-10 minutos.Harry diz saindo do quarto.


-O que aconteceu?


-Só quero ficar aqui com você.


-Hermione me fala.


-Aquelas meninas estão sendo muito legais comigo.Elas não sabem quem eu realmente sou.O Harry falou para mim fazer amizades, mas eu estou com medo.


-Vem aqui.Ele diz a abraçando.-Vai ficar tudo bem, ninguém vai te machucar.Se eles tentarem eu vou machucar sem me importar com quem são.


-Elas fazem parte das 28 famílias.Elas podem descobrir quem eu sou.


-Você é uma Malfoy.Não importa o que digam.


Hermione olhou para seu namorado e o beijou ferozmente.Draco a colocou em seu colo, com as mãos em sua cintura.


-O Harry pode entrar.Hermione diz em meio ao beijo.


-Para isso que vamos fechar a cortina.


Hermione fecha a cortina, sem se importar se Harry já estava de volta.A única coisa que importava era Draco.                                                                                                                                             Sentindo seus beijos pelo seu corpo, a fez com que ela o quisesse mais.Principalmente seu pescoço.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...