1. Spirit Fanfics >
  2. Relatos Sobrenaturais

História Relatos Sobrenaturais


Escrita por: AugusHistory

Fanfic / Fanfiction Relatos Sobrenaturais
Sinopse:
Relatos, experiências sobrenaturais vivência por mim e por várias outras pessoas, podem ter deixar arrepiados, ou podem até mesmo ter acontecido com você, espero que todos curtem.

Quer ter seu relato aqui? Só me mandar por mensagem.
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Visualizações 630
Favoritos 15
Comentários 5
Listas de Leitura 3
Palavras 3.454
Concluído Não
Categorias A Hora do Pesadelo, Annabelle, Arraste-Me Para o Inferno, Fenômenos Paranormais, Halloween, Horror em Amityville, Invocação do Mal, It: A Coisa, O Babadook, O Chamado, O Grito, Ouija: O Jogo dos Espíritos, Poltergeist

NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Mistério, Suspense, Terror e Horror

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1
A Criança De Vestido Branco
1
128
346
 
2
Jogando Charlie Charlie.
1
96
338
 
3
Eu joguei: Ouija.
0
65
389
 
4
Sozinho em casa.
1
64
290
 
5
Alguém me seguiu?
0
56
217
 
6
A sombra atrás da geladeira.
0
44
216
 
7
Alguém olhando pela janela.
0
43
103
 
8
Marcas de arranhões.
1
39
157
 
9
Fantasma ou paranóia?
0
18
212
 
10
Assobios estranhos.
0
20
166
 
11
Quem é ele?
1
22
386
 
12
Cumadre Florzinha
0
18
234
 
13
Bia - Eu só queria ter sido amada
0
17
400

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por sophyzy
Capítulo 1 - A Criança De Vestido Branco
Usuário: sophyzy
Usuário
Olha, sei lá pq mas deu vontade... Algo aconteceu comigo, mas não teve nada a ver com essa história... Eu só precisava desabafar.
Eu estava fazendo minhas obrigações (lavando banheiro) quando começo a cantar Lil Peep, a mangueira estava no chão quando do nada ela "voou" para o outro lado do banheiro. Achei tranquilo pensando que era a pressão da água e fez ela se movimentar de tal forma. Então continuei cantando enquanto esfregava o chão, daí eu ouvi batidas na porta e quando abri não havia ninguém, aí bateu aquele certo medo. Fechei a porta e entrei dentro do box, onde tomamos banho e quando voltei para pegar mais sabão a porta estava ABERTA!
Pensei que era algo da minha cabeça, mas lembrei que em uma música o Lil Peep (que já morreu) disse que quando morresse ele estaria do lado dos fãs, então nem me importei e se fosse mesmo ele, poderia ficar pra sempre.
Passei o dia inteiro tranquila e então a noite eu fui dormi, deitei na cama e apaguei. Acordei no meio da madrugada (com todo mundo dormindo) com alguém me chamando, era uma voz masculina e rouca pra valer, em vez de ficar lá deitadinha eu fui pra sala saber a origem desses "chamamentos" e vi que não tinha ninguém pra fora dos quartos. Aproveitei para ir na cozinha e acendi a luz, eram umas duas da manhã, tomei um copo da água e foi aí que senti um ar gelado na minha nuca, foi estranho pois as janelas estavam fechadas. Então voltei pra cama e vi que em cima havia um caderno de trap (um caderno que eu fiz para colocar coisas sobre os rappers que eu gosto, como Lil Peep) e ele estava aberto justamente na página do Peep. As folhas começaram a passar e do nada parou em outro rapper , Lil Xan, que não está morto. Então eu perguntei:
Oq vc quer? - a voz não respondeu. Perguntei umas três vezes até que tive a resposta
Quero ajuda. - depois de ouvir essa voz como se ela estivesse do meu lado corri pra cama e rezei muito, estava chorando de tanto medo. Quando abri os olhos novamente percebi que era de manhã.
Nunca mais aconteceu nada, mas também nunca mais cantei as músicas do Lil Peep no banheiro.
Seria ele ou não?
Não sei e nem quero saber. ;--;
Obrigada pela atenção, amei suas histórias!