1. Spirit Fanfics >
  2. Renjun só queria estudar - NoRen - JenRen - One Shot >
  3. Capítulo único

História Renjun só queria estudar - NoRen - JenRen - One Shot - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Olá aliens

Gente KKKK
essa é a minha primeira One Shot
E é o primeiro hot que eu to escrevendo
A vergonha meu pai KKKKK

Bom, boa leitura para vocês, e me desculpem pelos erros de ortografia ♡

Capítulo 1 - Capítulo único


Fanfic / Fanfiction Renjun só queria estudar - NoRen - JenRen - One Shot - Capítulo 1 - Capítulo único


Renjun tentava por tudo prestar atenção na aula de matemática, afinal a semana de provas estava chegando, mas parecia algo impossível quando se tem um Jeno como namorado

O coreano não parava de jogar bolinhas de papel no mais velho tomando cuidado para não ser pego pelo professor, e Renjun já estava se estressando com isso

E quando o chinês pensou em revidar o namorado, ambos foram pegos pelo professor 

- Huang Renjun e Lee Jeno, detenção após a aula - o professor de matematics disse e Renjun não deixou de bufar e Jeno revirou os olhos


[...]


- isso é culpa sua, se não fosse as suas gracinhas eu já estaria em casa jogado na minha cama depois de um belo banho - Renjun estava reclamando desde o momento que havia entrado naquela sala, esta que estavam apenas ele e o Lee já que o professor passou apenas alguns textos para os dois copiarem e saiu da sala

- aish, para de reclamar Injunnie, se você não tivesse tacado de volta em mim não estariamos aqui - o namorado revidou fazendo um bico crescer em seus lábios

- a claro, a culpa é minha agora - debocha 

O chinês já estava terminando de cópias os textos, sempre fora um aluno exemplar, enquanto Jeno não tinha passado nem do primeiro

E foi ai que a ideia veio na cabeça de Renjun

O chinês levou suas pequenas mãos lentamente até sua intimidade começando a acaricia-la tomando cuidado para seu namorado não ver 

- a-ah - acabou soltando um gemido baixo quando apertou o próprio membro, mas Jeno escutou o pequeno gemido

- Renjun? O que você 'ta fazendo? - perguntou com os olhos arregalados

- Jeno-ah, eu preciso de ajuda - soltou mais um gemido 

- aqui não é lugar, Renjun - repreendeu o menor tentando tirar o olhar do que o chinês fazia, inutilmente

- você me fodeu no vestiário da quadra de basquete semana passada, Jeno, quer mesmo discutir sobre isso? - perguntou irritado enquanto se levantava da cadeira indo em direção a porta da sala de aula, a trancando

- Renjun... 

- calado, estamos aqui por culpa sua, e agora você vai me obedecer - disse indo até o mais novo se sentando no colo do mesmo, e Jeno nem tentou relutar dessa vez, sabia que não funcionária

Renjun começou um beijo quente com o coreano, este que levou suas mãos até a cintura fininha do menor a apertando por baixo da camiseta amarela que o mesmo usava

Jeno parou o beijo para tirar a sua camiseta a jogando no chão, enquanto Renjun começava a rebolar no colo do mais alto

- aish, Renjun - gemeu baixinho

O mais velho saiu do colo do coreano tirando suas vestes junto com a calça de Jeno

Renjun se agachou na frente do garoto que permanecia sentado na cadeira apertando o membro do mesmo por cima da cueca boxer

- anda logo com isso, amor - jogou a cabeça para trás quando sentiu a boca do chinês beijar seu pau ainda por cima de cueca

- calado - disse por fim antes de finalmente tirar a cueca do mais alto e começar uma masturbação lenta - você me irritou muito nos últimos dias, bebe , será que eu deveria te punir? 

- o-o que você pretende f-fazer? Hum - pergunta tentando segurar os gemidos

- você vai descobrir - da um sorriso maroto para o mais novo antes de enfiar seu membro inteirinho na boca 

- a-ah... Huum... Sua boca é tão quentinha, amor 

Renjun chupava com força a cabecinha do pau do namorando enquanto alternava em chupar a cabecinha e lamber todo o cumprimento do mais alto

- continua a-assim... Huum - Jeno gemia enquanto puxava os fios loiros do mais velho

Até que o chinês se concentrou em chupar toda a extensão do pau  com sua cabeça indo para frente e para trás enquanto massageava as bolas do mais alto

Na cabeça de Jeno seu namorado o levava ao céu e ao inferno usando apenas a sua boquinha 

- Ren-jun e-eu... Vou go- 

- ainda não, bebe - para de chupar o mais velho antes dele se desmanchar em sua boca

Renjun fica em pé tirando a sua própria cueca ficando de costas para o coreano e se apoiando na mesa que antes era ocupada pelos cadernos de Jeno, e empina bem a bunda 

Jeno logo entende oque o chinês queria, logo começando a bater e apertar o bumbum do mais velho

- o que você quer, me diga Renjun - bate de novo

- m-me chupa, Jeno-ah - era claro que a pose de certinho do chinês era apenas na frente dos professores e familiares, somente o namorado e amigos do Huang sabiam o quão safado Renjun era

- tudo bem, amor, mas não solte gemidos altos, não queremos que o professor volte e nos pegue nessa situação, não é? - pergunta com um sorrisinho cínico vendo o mais velho concordar com a cabeça rapidamente 

- anda logo, j-jeno

Jeno separa ambos os lados da bunda do menor começando a massagear a entrada rosada com a ponta de um dos dedos, ameaçando entrar, mas antes ele leva o músculo quente da língua até a entradinha começando a chupar com vontade fazendo o chinês gemer tanto na língua coreana quanto em sua língua de origem

Quando Jeno sente que a entrada do mais velho já está bem lubrificada enfia dois dedos de uma vez, fazendo o pobre chinês arquear as costas e prender um gemido alto

O coreano começou a meter rapidamente seus dedos na entrada apertada do menor

- m-mais... Jeno-ah 

- o que você quer, Injunnie? 

- eu p-preciso de mais... Awwn - jeno concedeu ao pedido do namorando enfiando mais um dedo

- acho que já está pronto para mim, não é? 

- u-uhum

O coreano então tira os dedos de dentro de Renjun e fica em pé se masturbando antes de entrar com força dentro do menor

- AH - Renjun grita ao ser penetrado com força pelo maior, afinal, Jeno não era nada pequeno

- não importe quanto tempo passe, você sempre será apertadinho assim... Não sabe o quanto eu gosto de te foder, amor

Renjun não conseguia responder o namorado, estava concentrado demais nas envestidas fortes e fundas que o namorado dava  contra si

- m-mais rápido... Hum.. Jeno - o chinês pede fazendo o mais novo acelerar as esticadas

Não havia nada que Renjun pedisse que Jeno não faria na hora do sexo

- geme baixo - Jeno o repreendeu enquanto distribuía tapas pela bunda redondinha do menor

Quando o coração sente que o Huang estava prestes a gozar, ele para as estocadas saindo de dentro do último citado e se sentando novamente na cadeira

- senta em mim, amor, eu sei que você gosta - pediu e Renjun não pensou duas vezes antes de se sentar no colo do mais novo e deixar o membro do mesmo se afundar em si de uma vez, novamente, soltando outro grito - você quer que o professor nos pegue, não é? Se é assim irei lhe dar mais motivos para gritar 

Renjun começou a cavalgar rapidamente, e Jeno aproveitou a oportunidade para investir forte para cima no momento em que o chinês descia, assim fazendo o mais velho gemer cada vez mais alto enquanto sentia sua entrada sendo surrada e tendo sua cintura apertada pelas mãos grandes e ágeis do mais alto 

- Je... No

- o que foi, Injunnie? - pergunta sem diminuir as estocadas

- eu v-vou... Go- - não consegue terminar a fala e se desmancha sujando ambos os abdômens

Jeno continuou envestindo no mais novo atrás do próprio orgasmo

- Bebe... E-eu quero que v-voce g-goze na minha... B-boca

- como quiser - para as estocadas saindo de dentro do mais velho 

Renjun se agacha na frente de Jeno sem demorar para começar a chupar o mais novo, novamente

Jeno pendia sua cabeça para trás enquanto soltava diversas palavras de baixo calão puxando o cabelo do chinês 

O Huang estava torturando o chinês com chupadas lentas e fortes, e quando sentiu que o namorado iria vir a qualquer momento ele simplesmente, parou, fazendo Jeno soltar um gemido de repreensão pelo o mais novo ter parado

- por que parou? - joga a cabeça para o lado confuso ao ver o namorado começando a se vestir novamente

- sua punição, bebe - se levanta colocando a mochila nas costas e indo em direção a porta da sala a abrindo - vamos, nossa detenção acabou - da um sorriso cínico antes de sair pela porta, deixando um Jeno desapontado e bravo para trás por não ter conseguido o seu precioso orgasmo



Os dois não haviam sido pegos pelo professor

Mas mal sabiam que um certo coreano de cabelos rosas havia ouvido tudo e gravado pela pequena janelinha que havia na porta




Na Jaemin


 


Notas Finais


Que vergonha KKKKK

BOM

acho que é isso, talvez eu traga um bônus

Me sigam para mais histórias:https://www.spiritfanfiction.com/perfil/hwangjheni


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...