1. Spirit Fanfics >
  2. Resistindo Ele - Mikelly >
  3. Sequestro

História Resistindo Ele - Mikelly - Capítulo 17


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura ❤️

Capítulo 17 - Sequestro


Uma semana depois...

- O dia vai ser ótimo para nós duas termos um papo de mulher para mulher, depois vamos ao shopping fazer umas compras. - Jenny comentou.

- Eu vou adorar passar esse dia excelente com a minha sogra. - Kelly respondeu. - Eu vou pegar uma água, volto já.

- Ok, estarei esperando por você na sala de massagem. - Jenny saiu.

- Oi Kelly. - Jerry falou dando um sorriso tosco.

- O que você tá fazendo aqui? Por acaso está me seguindo? - Kelly perguntou com as sobrancelhas arqueadas.

- Isso é um SPA, eu preciso te lembrar que o lugar é público? - Jerry perguntou com deboche cruzando os braços.

- Seja o que for, que estiver pensando em aprontar, pode desistir. - Kelly respondeu com escárnio.

- Como pode pensar isso da minha pessoa? - Jerry perguntou com deboche.

- Vindo de você eu penso as maiores desgraças que pode acontece na vida de alguém, principalmente na minha. - Kelly disse.

- Ai Kelly, você acha que me ofende com essas palavras horríveis? Você não me ofendeu nem me traindo com aquele babaca do seu namorado ou devo dizer noivo? - Jerry sorriu.

- A única coisa que eu me arrependo de ter ficado com você, pois eu não me arrependo nem um pouco de ter traído com o Mike. - Kelly deu de ombros. - Se eu pudesse voltar no tempo eu faria tudo de novo.

- Você não é diferente das outras vagabunda que eu saía na escola. - Jerry sorriu com deboche.

- Você não é diferente dos outros babacas, é igual seus amiguinhos, continua igual, o mesmo merda de sempre. - Kelly sorriu debochada. - Eu nem sei o que que eu vi você, olha na verdade eu acho, que eu tava necessitada de alguém e fui lá e peguei você.

- Você é ridícula, uma vadia. - Jerry rosnou com raiva.

- Eu prefiro ser chamada de vadia do que ser chamada de sua ex-namorada. Quando você fala que eu te traí, eu me sinto orgulhosa disso, até por que eu achei alguém bem melhor que você, em tudo. - Kelly sorriu.

- Mas isso vai acabar porque você não vai aparecer no seu noivado. - Jerry esperou ela virar de costas para pegar água no bebedouro e pressionar um pano com álcool contra o nariz dela fazendo a desmaiar rapidamente.

 Ele pegou ela no colo jogando seu corpo através dos seus ombros e levando ela para o carro, colocando-a no banco de trás. Saiu rapidamente dali para que ninguém pudesse ver ele sequestrando ela, depois de percorrer por alguns quilômetros, Jerry chega ao seu destino onde estava Mandy e Tommy encostados no carro apenas esperando por ele.

...

- Hanna, Alice não se esqueçam de escolherem o melhor vestido, vocês que conhece a Kelly, ela vai amar o vestido que vocês escolherem. - Mike disse. - Aliás não esqueçam do vestido de madrinha também.

- Mike tenha calma, você está muito nervoso, você já disse isso milhões de vezes só hoje. - Hanna respondeu.

- Me desculpe é que eu nunca me senti assim tão apaixonado. - Mike sorriu com nervosismo.

- Tudo bem, o Erick entende você, ele é super apaixonado por mim. - Hanna sorriu convencida.

- Depois eu vou pedir umas dicas para ele, preciso saber como essa vida de casado. - Mike respondeu.

- É difícil, mas você vai sobreviver. - Erick disse colocando a caixa em cima da mesa e indo até eles.

- Vamos agilizar aqui no salão porque o noivado é amanhã. - Mike mandou saindo dali para pegar outras caixas.

- E então o que você queria me falar de tão importante assim que não pode falar por telefone? - Hanna perguntou para Alice.

- Justin McDaniel me pediu em noivado. - Alice respondeu dando pulinhos.

- Você tá noiva também? Ah meu Deus. - Hanna exclamou com a boca aberta.

- Noiva e muito rica, meu amor. - Alice respondeu sorrindo. - Vou casar com o amor da minha vida.

- Me conte mais detalhes disso, eu quero ser madrinha. - Hanna sorriu.

- Ele foi atrás de mim só pra constar depois que terminou por mensagem. - Alice deu pulinhos e sorrindo. - Ele me beijou, ele me levou para o quarto e me fodeu em todas as posições possíveis.

- Uau, vocês fazem um belo casal, você vai casar com Justin McDaniel, seu gângster favorito. - Hanna respondeu abrindo as caixas e decorando a mesa.

- Ele é o amor da minha vida, mas tem um babado no meio disso. - Alice comentou.

- O que? - Hanna perguntou olhando séria.

- Ele matou o John para me defender e ainda ocultou o cadáver dele, antes disso fez ele assinar uns papéis passando algumas pra mim depois do que fez comigo. - Alice respondeu sorrindo. - Mesmo que eu esteja chocada, eu vou acobertar o crime dele.

- E onde ele escondeu o corpo do seu ex? - Hanna perguntou curiosa. - Isso faz uma declaração de amor?

- Ele ainda não me disse, mas também não importa, ele acabou com a raça daquele babaca. - Alice respondeu sorrindo.

...

- Finalmente hein? Que demora! - Mandy revirou os olhos. - Cadê ela?

- Tá no carro. - Jerry abriu a porta. - Pode pegar ela.

- Ótimo. - Tommy pegou Kelly no colo, colocando ela dentro do porta malas do carro dele.

- Quando que eu pago a parte do meu dinheiro? - Jerry perguntou.

- Dinheiro? - Tommy sorriu. - Você não vai pegar nada.

- Mas eu fiz a minha parte. - Jerry rosnou com as sobrancelhas arqueadas.

- Eu vou te dar uma coisinha que você não vai esquecer. - Tommy sacou uma arma e atira no peito de Jerry.

- O que você tá fazendo? - Mandy perguntou aos berros.

- Eu não vou dividir meu dinheiro com esse otário. - Tommy respondeu guardando a arma. - Vamos embora daqui.

Eles entram no carro e vão embora dali.

Casa de Mike

Mike estava reunido na sala de estar com todos os seus amigos, comemorando seu último dia de solteiro, ele recebeu uma mensagem deixando-o preocupado.

- Kelly sumiu. - Mike se pronunciou para os amigos.

- Como assim sumiu? - Hanna perguntou.

- Minha mãe mandou mensagem dizendo que ela foi beber água e não voltou para sala de massagem. - Mike respondeu. - E que ninguém viu ela andando pelo SPA.

- Meu Deus como um lugar tão lotado não pode ter visto ela sumir? - Alice comentou.

- Eu vou ligar pra ela. - Mike disse. - Ela não tá atendendo, droga!

- Calma, não é hora para nervosismo. - Lucca disse.

- Como eu posso ficar calmo sem saber o que aconteceu com ela? - Mike rosnou com as sobrancelhas arqueadas.

- Ela vai aparecer, vamos esperar. - Erick comentou.

Cativeiro

Kelly estava amarrada sentada em uma cadeira quando é acordada com um balde de água gelada jogada em seu rosto, seus olhos estavam meio embaçados mas logo ela voltou a ter sua visão normal de volta enxergando quem estava ali na sua frente.

- O que eu estou fazendo aqui? - Kelly perguntou se balançando na cadeira.

- Calma princesinha não vamos te machucar se você fizer o que nós mandarmos. - Tommy respondeu.

- Sequestramos você e iremos pedir o resgate ao homem que você tirou de mim, nem preciso te lembrar quem é porque sua memória deve tá fresquinha. - Mandy se pronunciou.

- Não roubei ninguém de você, você é louca. - Kelly gritou tentando se soltar.

- Acho melhor você colaborar, pois você não está em boas mãos. - Tommy comentou. - Eu vou ligar para o seu namorado e pedir dinheiro. Espero que ele colabore e não traga a polícia, se não você vai morrer.

- E só para te dar uma notícia boa no meio de toda essa tensão, seu ex namorado morreu. - Mandy sorriu com deboche.

- Eu tenho nojo de você. - Kelly cuspiu no rosto dela.

- Nunca mais faça isso sua vadia. - Mandy acertou vários tapas no rosto dela.

- Ei! Já chega, eu preciso dela inteira para pegar o resgate. - Tommy rosnou.

Telefone On

- Alô! Kelly? - Mike falou ao atender o telefone.

- Quase. - Tommy respondeu. - Eu só vou falar uma vez e não quero interrupções, eu sequestrei sua namorada e quero 30 milhões em troca dela, ela está bem sem nenhum ferimento foi apenas um sequestro. - Mike apenas ouvia calado. - Eu te dou apenas 24 horas para conseguir toda grana sem chamar a polícia, se não a princesinha vai se machucar, eu vou ligar novamente para saber se você já pegou todo dinheiro, iremos se encontrar para fazer a troca às 3 horas da madrugada, só eu e você. - Tommy desligou.

...

- Droga! Kelly foi sequestrada. - Mike disse. - Eles me pediram 30 milhões, eu só tenho 24 horas.

- Não temos todo esse dinheiro. - Tom respondeu.

- O que vamos fazer? Temos que dar um jeito de trazer a Kelly de volta. - Jenny se pronunciou.

- Pai, por favor tira o dinheiro da empresa, eu prometo que depois eu trabalho para você para recompensar tudo. - Mike pediu.

- Eu não posso fazer isso, é muito dinheiro. - Tom respondeu.

- É a mulher da minha vida, eu não tenho outra escolha. - Mike exclamou.

- Tom por favor, é em caso de vida ou morte. - Jenny disse olhando séria para ele.

- O máximo de dinheiro que a gente consegue tirar da empresa é 10 milhões para baixo, não tem como tirar 30 milhões em um dia só. - Tom disse.

- Podemos fazer uma vaquinha, cada um de nós podemos contribuir com 800 reais. - Hanna se pronunciou.

- Eu não posso aceitar, gente. - Mike negou com a cabeça.

- Mike, isso não é hora pra orgulho, você precisa aceitar esse dinheiro, é isso ou a vida da Kelly. - Lucca respondeu.

- Tem razão. - Mike respondeu. - Muito obrigado.

- Eu vou na minha casa pegar o dinheiro. - Lucca disse.

- Erick e eu vamos ao banco sacar alguma. - Hanna falou pegando a bolsa.

- Eu vou em casa ver se tenho alguma coisa pra ajudar. - Alice comentou.

Casa de Lucca

- Que bom que chegou. - Rebecca disse. - Precisamos conversar.

- Podemos fazer isso outra hora? Eu preciso voltar novamente para casa do meu amigo. - Lucca respondeu.

- Não vai ter outra hora, essa é a última vez que você coloca qualquer asneira em cima do nosso relacionamento. - Rebecca rosnou.

- Do que você tá falando? - Lucca perguntou.

- Vamos deixar de brincadeira Lucca, você sabe muito bem do que eu estou falando. - Rebecca respondeu. - Eu cansei de fingir que não estou vendo você não gosta daquela garota.

- Eu posso explicar tudo, eu amo a Alice, mas eu quero ficar com você. - Lucca respondeu.

- Você não vai explicar nada, eu acho que já estava na hora de cair a fixa pra trouxa aqui que só estar sendo usada para tampar um buraco. - Rebecca exclamou irritada. - Acabou tudo entre a gente, e não tente se redimir.

- Eu só tenho que te pedir desculpas por tudo, eu não queria que tudo terminasse assim. - Lucca respondeu.

- Assim como? Um final feliz pra você e um final triste pra Rebecca Phillips? Mas quem disse para você que eu estou triste? Eu estou feliz por estar me livrando de um relacionamento tóxico que só eu sinto amor. - Ela respondeu

- Você tem razão, não há motivos para você ficar triste, não é? - Lucca deu de ombros.

- Vai ficar com sozinho, se ela tá feliz com o namorado dela, você vai procurar felicidades em outra pessoa. - Rebecca pegou as malas. - Estou voltando para minha cidade natal, vou se reconciliar com meu ex namorado, alguém que me amou de verdade. - Ela saiu.

...

De volta a casa de Mike, todos chegou com um pouco de dinheiro para ajudar ele, os 10 milhões já estavam lá dentro da mala.

- Trouxemos 10 milhões para completar o dinheiro, eu só quero minha filha de volta. - Sharon comentou chorando.

- Calma meu amor, iremos trazer nossa filha de volta. - Jason respondeu.

- Ainda não é o suficiente, só temos 17.200 milhões de dólares. - Mike comentou.

- Precisamos fazer alguma coisa. - Jason disse. - Eu vou pedir um empréstimo no banco.

- Será que ele não pode aceitar algumas jóias? - Jenny perguntou.

- São importantes para você, mãe. - Mike respondeu.

- Não importa meu filho, a vida de sua noiva está em jogo e precisamos fazer algo. - Jenny respondeu.

O telefone novamente tocou, Mike atendeu em desespero, ele precisava saber como ela estava, Tommy passou o telefone para Kelly e eles trocaram algumas palavras antes de Tommy novamente arrancar o telefone das mãos dela, o lugar estava marcado, era hora de fazer a troca.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...