1. Spirit Fanfics >
  2. Retornando aos corvos >
  3. Capítulo 11

História Retornando aos corvos - Capítulo 11


Escrita por:


Notas do Autor


História também disponível no wattpad!!!

Capítulo 11 - Capítulo 11


Muita coisa mudou depois que beijei Tsukishima. Os dias continuavam passando, os amistosos continuavam acontecendo, nós do Karasuno continuávamos perdendo e fazendo as punições que variavam entre escalar o morro e dar voltas de peixinho ao redor da quadra.

Resumindo, tá tudo indo de mal a pior. Além de estarmos perdendo, a dupla dinâmica brigou e agora treinam separados. Não temos mais ataque rápido e nem sincronia. Agora somos uma máquina onde cada engrenagem age por si só e não por um todo. Estamos tão mal que me recuso a jogar com eles.

Pedi para parar de participar dos jogos e focar apenas em ser assistente junto com as outras garotas, e disse que só voltaria a jogar quando todos os conflitos estivessem resolvidos. PORÉM é óbvio que eu não vou deixar de praticar assim do nada. De noite, quando todos estão dormindo, eu vou para quadra que tem nos fundos e fico praticando. Confesso que é mais difícil é chato treinar sozinha, mas não vou dar o braço a torcer.

E adivinha... é isso que eu estou indo fazer agora! Quer dizer, é isso o que eu faria se não tivesse notado as luzes acesas e o barulho das bolas batendo no chão.

- O que pensam que estão fazendo acordados a essa hora da noite na quadra? -

Os garotos presentes foram se virando lentamente até estarem completamente dentro da minha visão. Vamos lá, nós temos o Capitão descarado, a coruja emo, o Akashi, o tangerina, e... temos também o Saltissauro.

- Eu fiz uma pergunta, o que estão fazendo aqui esse horário? -

- S/n-chan! Por favor não brigue com a gente! Nós só queremos treinar mais! -

- Não grita menino! Eu não sou sou x9 pra ficar espalhando por aí, mas vou ficar aqui pra ter certeza de que não madrugar treinando -

Comprimento os meninos e vou para o banco que tinha ali. Se eu soubesse que teria que ficar de babá pra um bando de garotos com quase o dobro da minha altura (tirando o Hinata, tadinho) eu teria ficado no dormitório mesmo, perda de tempo.

No geral eles só estavam treinando coisas normais, focando sempre no bloqueio do poste e nos ataques de Hinata. Ao que parece eles tão meio que ensinando os meus kouhais. Uma cena um tanto icônica de se ver.

Mas mudando de assunto completamente. Lembram que eu tinha visto no celular do Yama ele conversando com a Yashi? Então, eu fui tirar essa história a limpo obviamente!

*Flashback on*

- Yachi, eu posso conversar um segundinho com você? -

A loira assente e me acompanha até o banheiro mais próximo do local.

- É o seguinte, vou ser direta. Você e o Yamaguchi estão tendo algo? Sei que é repentino, mas acabei vendo uma conversa no celular dele e queria confirmar as minhas suspeitas -

Esperei uma afirmação ou uma negação da mesma, porém nada vinha. Já estava ficando ansiosa e irritada, quando ela quase cai pra traz. Quase, porque se não fosse por eu e meus reflexos a bixinha tinha caído feio.

- Yachi do céu! Não faz uma coisa dessa não! Respira e inspira, se não quiser me responder não tem problema! -

- Não é isso S/n-chan! É que você me pegou de surpresa sabe? Não queria que os outros ficassem sabendo, sendo que ainda não temos nada concreto.. -

- Tá tudo bem! E desculpa ser intrometida, mas fiquei bem curiosa quando vi que os dois pombinhos poderiam ter algo escondido de todos kkkk -

- Não diga coisas vergonhosas!! -

Kkkkk

*Flashback off*

E acreditem ou não eles estão se conhecendo... só se conhecendo... Eu sei leitoras! É frustrante, eles fariam um casal tão bonito, e eles estão só se conhecendo....

Triste.

Mas mudando de assunto novamente. Eu queria tanto jogar com eles😢 Sinto falta da quadra, dos gritos, da adrenalina, de tudo! Não sei o que fazer se não puder mais jogar! Vai ser como se tirassem uma parte de mim....

*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'


*Tsukishima on*


Beijar S/n só me trouxe mais certeza de que realmente existia algum sentimento ali. A alguns meses antes, diria que seria impossível me apaixonar por alguém, principalmente tão rápido assim. Mas ela me provou ao contrário, e de pouquinho e pouquinho, a cada palavra, cada gesto, cada toque, cada patada que a mesma me dava, ela foi me conquistando.


.


.


.


Que ridículo. Estou me sentindo ridículo.


Enfim, de alguma forma, o desgraçado do Kuroo me convenceu a treinar com eles. E por algum acaso do destino, bem nesse dia a nossa preciosa S/n apareceu de surpresa. A mesma disse que iria ficar pra olhar a gente e ter certeza de que não iríamos ficar até muito tarde. Bem, no final ela dormiu.


- ~Hey, princesa~ -


- Humm -


- ~Acorda, você precisa voltar pro dormitório~ -


Ela estica os braços em minha direção ainda com os olhos fechados. Não acredito que vou me submeter a uma coisa dessas.


A pego no colo como uma criancinha e espero ela se ajeitar, no caso, apoiar a cabeça no vão do meu pescoço e entrelaçar os braços no meu pescoço e ombro.


- Bro! Não acredito que está fazendo isso, quem diria que você tem coração -


- Não enche -


Simplesmente saio, os deixando falando sozinhos. Caminho calmamente até o dormitório feminino torcendo pra que não esbarra-se com ninguém no caminho. Se bem que é improvável isso acontecer, todos estão dormindo a essa hora, só nós "aventureiros" que estamos acordados.


- ~Hey, chegamos~ -


Aos poucos a garota volta pro chão e me solta.


- ~Boa noite garotinha~ -


- ~Boa noite Kei~ -


Espero ela entrar para, enfim, poder ir dormir.


"E quando vai sair o próximo beijo!??"
Segura a emoção afobados. Não que seja da conta de vocês, mas estou esperando o momento certo.


*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'


No dia seguinte, nos encontramos pra treinar no mesmo horário, só que dessa vez, sem a presença ilustre da chibi.


- Oya oya! Tsukishima bro, você tem alguma coisa com a S/n? -


- Por que quer saber? É tão importante assim essa informação? -


- Sim, ela é importante. Porque quero tentar algo com ela -


Solto uma risada sarcástico. Quem ele pensa que é pra falar uma coisa dessas?


- Desencana, ela já é minha garota -


Encerro o assunto por ali mesmo, quem diria que ele tem coragem de tentar algo com o time rival ksksks patético.


*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'*'


Oioi!

Mais um capítulo atualizado pra vocês!

Já tinha escrito ele antes, MAS não tinha dado 1000 palavras. Então esperei pra chegar um pouco de criatividade e poder completa-lo!

Percebi que o número de leitores vem diminuindo.... Mas tudo bem! Faz parte da jornada perder.

Me desculpem pelos erros. E se puderem, deixem uma estrelinha e comentários.

Tchau, tchau

Gabi~



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...