História Revoluão gótica - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias The Loud House
Personagens Bobby Santiago, Clyde McBride, Lana Loud, Leni Loud, Lily Loud, Lincoln Loud, Lisa Loud, Lola Loud, Lori Loud, Luan Loud, Lucy Loud, Luna Loud, Lynn Loud, Personagens Originais, Ronnie Anne Santiago
Tags Guerra, Terror, The Loud House
Visualizações 150
Palavras 1.331
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Policial, Romance e Novela, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Nada contra góticos eu respeitos todos eles e ñ tenho discriminação essa é somente uma fanfic para diversão e ñ uma opinião minha e o q deveria acontecer.

Capítulo 1 - O começo da revolução


É meia-noite e a jovem Lucy Loud acaba de sair de uma festa gótica, ela gostava de ir nessas festas principalmente depois que completou 18 anos pois não se dava muito bem com sua família por ser diferente preferindo ficar mais tempo com seus amigos sendo a única pessoa mais intima não sendo de sua personalidade seu namorado Rockie.

Como estava muito tarde as ruas estão escuras mas a mulher nem se preocupava pois está acostumada então não percebeu três homens que ali estavam e odiavam e odiavam góticos.

-Eles são uma praga mesmo vamos acabar logo com ela  -Um homem branco e magro

-Calma ela é gostosa vamo se divertir um pouco  -Um negro e gordo

-Verdade tô querendo uma animação essa noite tão chata  -Um pardo musculoso

Os três começam a segui-la, a Loud percebe e anda mais rápido os homens também andam para alcansá-la, quando percebem a moça está correndo e eles correm atrás dela, quando a pegam rasgam suas roupas a deixando só de  sutiã e calcinha, os homens a seguram e quando iam começar a estrupa ouvesse três tiros e os caras caem no chão formando uma poça grande sangue.

Lucy olha para cima e vê o seu salvador, um rapaz mais ou menos da sua idade 19 anos vestindo uma blusa preta estampada com uma faca e escrito death, ele lhe dá uma sacola onde tem um vestido parecido com um francês do séc.  XVIII, ela agradece e o seu salvador fala que dentro da bolsa tem seu número de contato, então ele vai e some nas sombras.

Chegando em casa a Loud guarda seu vestido novo, veste seu pijama e tenta dormir mas fica relembrando os acontecimentos e nem consegue pegar no sono, de manhã pensa muitas vezes em ligar para o seu salvador até que de noite toma coragem e liga para ele:

-Alô  -Lucy

-Eu sabia que ia ligar

-Qual seu nome e por que me ajudou?  -Lucy curiosa

-Meu nome é Keni e respondendo sua segunda pergunta te ajudei pois nós góticos devemos nos ajudar

- Eu percebi que você parecia um gótico mas nunca imaginei que fosse um  -Lucy

-Legal, olha eu vô te passar um endereço vai lá para conversarmos melhor

-Ok então  -Lucy

Keni então lhe passa o endereço, no outro dia Lucy vai ao local chamado ''Noite Fria'', quando entra percebe um local muito parecido com os clubes frequentados por ela, a única diferença são alguns homens armados, a mulher foi até um deles e pergunta sobre Keni, o homem pediu para segui-lo, a mulher o acompanha á uma porta e depois o cara a deixa.

Abrindo a porta viu Keni sentado em uma cadeira, o rapaz percebeu a presença feminina e foi logo a cumprimentando, eles conversam muito com o rapaz a convencendo a frequentar mais vezes o local, Lucy aceita e vai muito ao local.

Seis meses se passam e muita coisa aconteceu como por exemplo Lucy e Keni começam a namorar, a família Loud não reclama já que a moça de cabelos negros começou a conversar melhor com eles depois de frequentar mais o ''Noite Fria'', mas uma coisa intrigava a mulher, as caixas estranhas sempre vindas ao clube.

Um dia ela perguntou sobre essas caixas á seu namorado e disse-lhe nem aceitar não como resposta, Keni estão revela que naquelas caixas tem armamento pesado comprado na Deep Web e explicou melhor:

-Nós pretendemos organizar uma revolução para que o país ou até o mundo trate melhor nós góticos  -Keni

-Mas para que isso já temos muitas leis á nosso favor meu querido  -Lucy

-Mas eu quero mais olhe isso  -Keni tirando sua camisa e mostrando muitas cicatrizes umas de armas outras de facadas

-Eu estou chocada  -Lucy

-é por isso que temos que faze a revolução, pra mais nenhum gótico sofrer como eu, ou por acaso nunca sofreu na mão de preconceituosos  -Keni

-Sim muitas vezes mas Rockie sempre me ajudou com isso  -Lucy

-Então não sabe como é sofrer e ninguém te ajudar, te confortar  -Keni começando a chorar

-Me desculpe eu não sabia, talvez tenha mesmo que haver uma revolução  -Lucy

-Que bom que compreende  -Keni a abraçando

Passam-se seis meses e nesse meio tempo os góticos conseguiram muitas armas e seu plano está a ponto de ser executado, a estratégia é invadir o gabinete do prefeito e faze-lo renunciar, outros clubes aliados a eles fariam a mesma coisa e com o gabinete do governador do estado de Mistigan.

Assim fizeram e depois de todo estado de Mistigan estar sobre o controle dos góticos eles proclamam a Republica Social Democrática Gótica, ouve uma votação e os líderes dos ataques escolheram Keni como seu líder pois ele tinha mais experiência com estratégias o que precisariam porque os EUA tentaria reconquistar o território.

Todos do clube estão comemorando muito o conseguido, Lucy principalmente, ela bebe muito e dança muito com seu namorado e alguns de seus amigos por estar um pouco bêbada, ao longo do tempo ela bebe mais então Keni resolve subir com a moça para o segundo andar do clube e deitá-la em uma cama de um dos quartos, chegando lá a moça o agarra e o joga na cama:

-O que está fazendo  -Keni

-Uma coisa que eu quero fazer desde que começamos a namorar  -Lucy

A Loud abaixa suas calças e começa a fazer um boquete lambendo o membro ereto de seu parceiro até ficar duro, depois ela tira sua calcinha e começa a cavalgar, após isso tira seu sutiã e deixa seus seios a mostra e o rapaz os chupa fazendo a mulher soltar gritos de tesão, quando termina a vira e joga Lucy na cama e enfia seu membro ereto na xota dela ficando assim por muito tempo, terminado os dois dormem para acordar no outro dia.

Após o almoço um dos aliados do namorado de Lucy o encontra e pergunta se ele vai continuar a enganar Loud, o rapaz fecha os olhos por um momento, abre e fala:

-Não tem mais necessidade ontem eu vi o quanto ela é boa na cama e vou preservá-la disso tudo e você também  -Keni

Três meses se passam, o EUA tenta recuperar os territórios mas as cidades fronteiriças estavam cheias de civis e o presidente americano decidiu não invadi-las já que não queria manchar a imagem americana no mundo, mal sabiam que aquelas pessoas inocentes são góticos disfarçados que receberam lavagem cerebral leve (Eles foram convencidos aos poucos a se tornarem góticos).

Com toda essa loucura acontecendo a família Loud só pensava em fugir dali (Nem todos estavam presentes Leni, Luna, Luan e Liza não estão presentes), os Louds restantes resolveram fazer uma reunião sem Lucy:

-O que faremos agora com tudo isso acontecendo?  -Lori

-Eu disse que não deveríamos confiar nesse Keni, estranhei esse cara desde sempre  -Lincoln

-Não temos tempo pra discutir temos que arranjar uma forma de sair daqui -Lynn

Depois de muito tempo discutindo e planejando decidiram seu plano, ir para a fronteira com os EUA disfarçados de soldados góticos, se vestir como soldados americanos, fugir daquilo tudo e se refugiar na casa da família Casagrande, assim fizeram, conseguir as roupas nem seria dificuldade porque Lucy é alguém muito importante no governo de seu país, o plano estava indo bem só até um soldado pensar que eram espiões, os prender e manda-los para seu líder para dizer o que sabem.

No gabinete Keni os reconheceu pois namora a Loud de cabelos pretos, então os liberta mas não sem uma punição, dois meses de trabalhos comunitários, logo após saírem o general do exercito entra desesperado começando a falar as notícias:

-Nós começamos a ser invadidos

-Como os EUA disseram não invadir as cidades fronteiriças por causa dos civis que nós disfarçamos  -Keni

-É mas um espião entregou documentos e gravações provando que são disfarçados

-Mesmo assim nenhum homem conseguiria penetrar nas nossas defesas bem armadas  -Keni

-O líder deles não é um homem é uma mulher



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...