História Riders - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias My Little Pony, Sonic The Hedgehog, The Flash
Personagens Amy Rose, Applejack, Barry Allen (Flash), Big the Cat, Black Doom, Blaze The Cat, Chaos, Charmy Bee, Cisco Ramon (Vibro), Cream the Rabbit, Discórdia, Dr. Ivo "Eggman" Robotnik, Dra. Caitlin Snow (Nevasca / Killer Frost), E-123 "Omega", Eobard Thawne (Flash Reverso), Espio the Chameleon, Fang the Sniper, Flash Sentry, Fluttershy, Jay Garrick, Jet the Hawk, Knuckles the Echidna, Maria Robotnik, Mephiles the Dark, Metal Sonic, Mighty the Armadillo, Miles "Tails" Prower, Pinkie Pie, Professor Gerald Robotnik, Rainbow Dash, Rarity, Ray the Flying Squirrel, Rouge the Bat, Scootaloo, Scourge the Hedgehog, Shadow the Hedgehog, Silver the Hedgehog, Soarin, Sonic The Hedgehog, Spike, Storm the Albatross, Sweetie Belle, Tikal, Twilight Sparkle, Vanilla the Rabbit, Vector the Crocodile, Wally West (Kid Flash)
Tags Adolescentes, Flash, Mlp, Riders, Sonic, Universo Alternativo
Visualizações 17
Palavras 2.023
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Científica, Luta, Misticismo, Policial, Romance e Novela, Sci-Fi, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Aloha meus docinhos de caramelo! Mais um capítulo de Riders após essa sessão minha atualizando a minha nova fanfic chamada Guardians, aconselho a irem ler porque ela se passa no mesmo universo que esta e explicará algumas coisas que aparecem mais para a frente da fanfic, por hora, desejo uma Boa Leitura!

Capítulo 10 - O Encontro


Fanfic / Fanfiction Riders - Capítulo 10 - O Encontro

Se passaram alguns dias após o incidente com Blaze, Sonic, por causa de algumas obrigações, ou simplesmente por não ter paciência, acabou nem falando mais com a amiga, mesmo quando passava ao lado dela com seus companheiros, ele não a chamava para resolver o assunto e isso estava irritando tanto o jovem azulado quanto a jovem roxeada que não paravam de se perguntar quando iriam resolver o problema…

Mas hoje, o jovem Edgerock acordou com uma inspiração fora do normal, se decidindo a falar com a amiga hoje, mas mal sabia ele que um certo… “imprevisto”… poderia acabar fazendo esse plano não servir de nada… quando acordou, o garoto de cabelos azuis se dirigiu ao banheiro onde fez sua higiene matinal e desceu para tomar café, onde estava Hilla, sua mãe, preparando a comida.

-E aí mãe, que cheiro bom é esse?

-Ah, é bacon com ovos, nada demais… -Disse a mulher azulada com um sorriso e pousando na mesa um prato com a comida, enquanto o filho começava a comer… -Você sabia que vamos ter novos vizinhos na segunda casa à direita? –A pergunta da mãe colocou certo temor em Sonic, teria ele de fazer amizade com os novos vizinhos, bem, mesmo que fosse esse o plano de Hilla, o jovem tinha como escapar…

-Aghhh… não… não sabia…

-Ouvi dizer que são duas pessoas, uma mãe e uma filha!-O garoto não podia evitar um aceno negativo com a cabeça, afinal, sua mãe adorava sempre saber de tudo, até mesmo o que não era de sua conta e isso já causou alguns problemas para Sonic no passado…

-Mãe, na moral, você não podia ser um pouquinho menos… sabe? Não ficar tentando saber de tudo sobre a vida dos outros… -Disse, vendo a mãe colocar uma cara de brava.

-Sonic Den Edgerock! Como sua mãe, quero respeito e nada dessas calúnias para cima de mim! Eu só… gosto de estar informada… -A desculpa de Hilla fez a face do filho dizer algo como “ata”… enfurecendo mais ainda a mulher… -Olha, esquece, acaba seu café para não se atrasar, não tem ainda de chamar seu amigo Miles?

-Na verdade, não… eu fiz um acordo com a Cream, que é a irmã dele, para não deixar o idiota dormir até tarde e ter tudo preparado para saírmos, em troca eu dou a ela 1$ por dia…

-Nossa, que bom negócio… -Disse a mãe com sarcasmo, isso era praticamente um roubo, mas pelo menos faria seu filho não chegar atrasado por causa de Miles…

-Ei, já que você tá numa de sabe-tudo por aqui… -Começou Sonic, vendo a cara da mãe ficar azeda. –Pode me dizer se essa garota… é bonita… ou anda na minha escola? –Com essa simples pergunta, Hilla ficou mais animada, já que seu filho estava começando a ficar mais sociável, ou pelo menos a querer tentar conhecer outras pessoas.

-Bem… se é bonita, eu não sei… nem sei o nome delas… mas, sim, ela deve ir estudar na sua escola, afinal, foi por isso mesmo que elas se mudaram… pelo menos foi o que me disseram… -Um “yes!” pode-se ouvir pela parte de Sonic com muita alegria, ele ainda tinha alguns dilemas por causa de Amy e como iria tratar desse problema, mas conseguir mais opções não era um crime… só uma forma de prevenção…

«…»

A primeira aula foi chata, isso era a única coisa que Sonic tinha certeza no momento, ele e seus amigos… mesmo sendo uma aula com a mãe de Knuckles, o ruivo afirmava que ouvir todo aquele papo da progenitora era deveras… secante…

-Cara… eu não entendo pra quê serve a escola… eu sei criar máquinas e outros aparelhos graças a livros que eu li, não à escola… então pra quê preciso vir num lugar que não me ensina nada de novo? –Perguntou Tails, com as mãos atrás da cabeça enquanto andava com os amigos.

-Bem, nem tudo na escola é mau cara… -Começou Knuckles, surpreendendo os dois garotos.

-Ah é? O que tem de bom?

-Hmmm… hoje é quinta-feira, né? –Perguntou, recebendo acenos positivos do azulado e do loiro. –Então venham comigo…

Os jovens cumpriram a vontade de Knuckles e o seguiram pelos corredores até chegarem na cafetaria da escola, onde tinha um cartaz com a imagem de uma pizza e em cima escrito: “Quinta-feira de Pizza!” só essas palavras deixaram água na boca dos dois jovens que estavam chateados com a escola.

-Quintas de pizza?! Nunca soube disso! –Exclamou Miles, sorrindo.

-É, isso é feito de semana a semana, nos outros anos também foi assim, é uma semana com quinta de pizza, outra sem e depois tem de novo…

-Cacete! Agora sim temos algo bom na escola! –Disse o azulado, abrindo as portas e vendo todo aquele lugar com mesas ocupadas e pizzas sendo servidas por segundo. –Estou no céu…? –Perguntou, seguindo o cheiro delicioso das fatias de pizza junto de seu amigo loiro…

-Eu vou pegar uma mesa… -Comentou o ruivo, se separando da dupla…

Após pegarem a comida e a mesa, os 3 jovens enfardavam suas barrigas com fatias deliciosas de pizza com vários condimentos, mas um que deixou dois garotos do grupo estranhando foi a pizza com abacaxi que Tails comia como se não houvesse amanhã…

-Cara, cê gosta mesmo de abacaxi na pizza? –Perguntou o azulado, com uma gota de suor escorrendo pela bochecha.

-É bem bom!

-Pra mim, ninguém gosta desse tipo de pizza… só você…

-Ah é? –Começou Tails, preparado para rebater o argumento do ruivo. –Se ninguém gostasse, não existiria, idiota!

-Agh!

-Oooohhhhh! Calou! Calou total! –Exclamou o azulado enquanto ria e o ruivo se preparava para estrangular o loiro, mas uma coisa chamou sua atenção.

–Ei, Sonic, olha ali a Blaze!

Ao ouvir o nome da garota, o jovem Edgerock se virou para encontrar a roxeada saindo da cafetaria rapidamente, um sentimento veio ao de cima para ele a seguir, mas deixou de lado e continuou sentado.

-Você não vai atrás?!

-Não…

-Cara, se continuar enrolando vai acabar ferrando a amizade de vocês dois e ela já nem era uma coisa assim muito boa… -Comentou o jovem Prower, fazendo o amigo repensar e se virar para a porta…

-Tá… eu vou… não toquem nas minhas fatias! –Ordenou, correndo para a porta e, assim que saiu, o loiro e o ruivo olharam para o prato de Sonic com um sorriso malicioso.

-Metade pra você, metade pra mim? –Perguntou Tails, abrindo mais o sorriso.

-Claro e de relance eu soco sua cara para parecer que alguém roubou…

Enquanto alguns armavam planos maléficos para ficar com fatias de pizza, o azulado corria pelos corredores em busca de Blaze, olhando todos os lugares, mas era como achar uma agulha num palheiro, afinal, a escola era enorme!

Mas finalmente, no pátio, ele a achou, estava sentada num banco enquanto olhava uma das árvores do local, nem parecia incomodada com as diversas moscas ao redor, na verdade, elas nem tocavam em Blaze, era como se tivesse um escudo…

Após ganhar alguma coragem, Sonic caminhou até à garota e tocou em seu ombro, a fazendo se virar para encontrar o azulado com a mão no pescoço e uma feição nervosa.

-O-oi Blaze…

-Olá Sonic… o que foi? –“O que foi?” essa pergunta saiu de repente, Blaze nem queria falar isso, já que sabia o porquê do garoto tê-la seguido, mas foi mais um impulso…

-Então… sobre aquela coisa que se passou uns dias atrás… sabe? Eu ter dito que você não seria feliz se agendasse tudo em sua vida e você falou que não sabia o que falava… bem… queria só dizer que não tô zangado por causa disso e peço desculpa se ofendi você… -As palavras do azulado eram como brisas suaves de ar que a roxeada estava adorando sentir, mas, mesmo assim, ela sabia que a culpa não era apenas de Sonic, na verdade, ele não tinha culpa de nada…

-Não… eu que peço desculpas, me exaltei demais e não devia ter levado a sério o que você falou… amigos? –Perguntou a jovem Catte, levantando enquanto estendia um dos braços para dar um aperto de mão ao garoto.

-Amigos! –Respondeu, apertando a mão da jovem com um sorriso, os dois se encararam por um tempo e depois voltaram para dentro da escola, a próxima aula estava prestes a começar e seria de matemática…

No caminho, o jovem pensava no que podia dizer, afinal, seus temas de conversa com a garota eram poucos, mas tinha uma pergunta que não saía da cabeça de Blaze e isso ajudou o azulado a não ter de iniciar a conversa…

-Sonic… você… conhece alguém, ou tem um parente, chamado Silver? –Perguntou, ansiosa pela resposta, o garoto parou e coçou sua orelha, pensativo.

-Silver…? Não… porquê? –Blaze até ia responder, mas se assustou com uma jovem garota de cabelos rosados que deu uma investida por trás de Sonic, o lançando ao chão como um boneco de pano, a garota o abraçava forte e beijava seu rosto várias vezes, deixando a roxeada paralisada e sem entender nadinha do que se passava…

-Sonic! Tive tantas saudades suas! –Disse a garota, quase lacrimejando e, ao vê-la, o jovem azulado ficou de boca aberta.

-A-A-A-Amy?! Aiii!!! –Reclamou quando sentiu um soco em seu peito vindo da rosada.

-“A-A-A-Amy?!” –Imitou a voz de Sonic, com alguma raiva. –É assim que você recebe sua namorada depois de tantos dias sem a ver?! Você é o pior! –Disse, rindo enquanto ajudava o garoto a se levantar e, como espectadora, tinha Blaze de boca aberta. –Quem é a uva-passa? –“Uva-passa”, ao ouvir isso, Sonic se desesperou ao ver a amiga emanando uma aura de fúria e um olhar mortal para Amy…

-E-ela é minha amiga, o nome dela é Blaze…

-Ohhh! Entendi! Hihihi, desculpa aí uvinha, eu não queria insultar… -Disse, segurando a mão da roxeada e apertando, subindo a mesma para cima e para baixo, surpreendendo a jovem pela força que a rosada possuía. –Meu nome é Amy Rose, prazer!

-B-Blaze… -Respondeu, ainda atônica sobre a situação.

-Nossa, aqui todos estão gaguejando, pegaram a febre do ga-ganejo? –Brincou, fazendo o namorado soltar umas risadas.

-Hahah! Muito bom, Amy! Ahhh! Eu estava com tanta saudade, você não me respondia!

-Desculpa, é que tive de me mudar para cá e fiquei sem poder usar internet, mas agora que estou aqui vamos aproveitar cada segundo! –Exclamou, chegando perto do azulado e a jovem passava sem dedo indicador pelo peito do mesmo, dando, em seguida, um beijo em seus lábios e os dois ficaram nisso um tempo, tendo a roxeada como vela…

«…»

-E foi isso!!! –Gritou a jovem na sua limousine com Rouge se deliciando com alguns doces. –Eles se beijaram e ficaram em uns amassos, na minha frente! Fazendo de vela!

-Hmmm… -Durante todo aquele falatório, a albina nem estava aí para o que Blaze falava, apenas se deliciava com cada doce que a amiga tinha à disposição, porém teve de se importar quando apanhou um soco na cabeça. –Aiii! Aghhh… desculpa, é que esses bolos com recheio de morango são impossíveis de resistir… mas voltando ao seu problema… eu não entendo o que tem de mal… -Disse, fazendo a roxeada arregalar os olhos de forma incrédula. –Afinal, são namorados e ficaram um tempo separados, é normal se pegaram em qualquer lugar e sem se importar com ninguém…

-Tá! Mas…

-Mas… você tá gostando do azulão e por isso não gostou da visão… opa! Até rimou!

-Não! Eu não gosto do Sonic, só achei… falta de respeito! É! Ela apareceu no meio da conversa e nos interrompeu! Foi isso!

-Ai, ai, minha querida Blaze, o ciúme é algo forte e que destrói casais e amizades… melhor se controlar…

-Eu não tô com ciúme!

-Se você diz… -Terminou Rouge a conversa com mais uma fatia daquele bolo enquanto Blaze ficava pensando sobre o dia de hoje e os seus acontecimentos…

Estaria ela gostando desse jovem rebelde e sem leis…? Ou… simplesmente gostava da sensação familiar que tinha com Silver…? Bem, seja o que fosse, não deixaria nenhum ciúme bobo separar o casal e nem prejudicar sua amizade com Sonic…


Notas Finais


E é isso meus doces, será que a Blaze vai cair no ciúme? Ou vai continuar contendo seus sentimentos? Quero saber o que acham disso e do capítulo em si porque me incentiva a trazer mais capítulos na velocidade do som! Até mais! Aloha!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...