1. Spirit Fanfics >
  2. RIVALS - Fanfic Billie Eilish >
  3. O Valor de Um Grammy

História RIVALS - Fanfic Billie Eilish - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Nova ficccc, beijos gente, boa leitura, eu que lute pra atualizar as que eu tenho agora.

Capítulo 1 - O Valor de Um Grammy


Fanfic / Fanfiction RIVALS - Fanfic Billie Eilish - Capítulo 1 - O Valor de Um Grammy

POV Billie


Hoje, mais uma vez, eu iria participar do Grammy, estava concorrendo a vários, e bom, eu sou boa certo? As pessoas começaram a achar isso depois que eu levei 5 Grammys pra casa, com apenas 18 anos, e bom, agora, três anos depois, eu continuo trazendo vários, eu não achava que merecia todos aqueles, mas me esforçava, e ficava feliz com o resultado do meu esforço, eu nunca fui de ligar muito pra ganhar ou não um prêmio, eu fico feliz claro, mas não acho que eu dependa de um prêmio pra ser boa, porém, nesses últimos tempos, alguém apareceu, uma garota, da mesma idade que eu, ela já soltava umas músicas pela internet, mas criou um álbum, com uma ideia incrível, e bom, todos gostaram, e estamos concorrendo pelo mesmo prêmio, não apenas nos duas, mas, é oque parece, já que a internet não me deixa respirar, " Billie você acha que ela vai ganhar?" "Não ninguém é capaz de vencer a Billie" isso é pressão pra caralho.


Bom, de quem eu estou falando? Perry, ela soltou um álbum, baseado em músicas antigas que fizeram sucesso, foi uma puta ideia legal, e isso deixou as pessoas bem surpresas, e graças, as pessoas, eu meio que criei uma situação de rivalidade com ela, sei lá, eu sinto que posso ser melhor, então, as vezes parece que tudo que eu faço, ela copia.


Com aquela carinha de anjinho dela, ela pensa que engana quem?


- Eii, gata, é então hoje se você ganhar, ou não ganhar, sabe, a gente pode ir em uma festa?- Chris, o garoto que eu ficava me perguntou.


- Ai, isso é sério? Não tá colocando fé em mim? Acha mesmo que ela vai ganhar?- digo olhando séria pro garoto.


- Calma, não disse isso, só que você está concorrendo a vários, e ela a apenas um, porém, um dos mais importantes, e você sabe que, eu me amarrei no álbum dela.- Ele diz sorrindo.- E ela é gente boa.


- Tá eu já entendi isso, mas eu não sei.- digo mexendo em meu cabelo.


- Ela chamou você, se caso ela ganhar.- Ele diz e eu solto uma risada alta.


- Ela já tem toda essa certeza?- pergunto rindo.


- Não Eilish, nem é ela quem quer dar a festa, os caras que tiveram a ideia, e aí eu disse que se tem possibilidades, que ela deveria sim fazer.- Ele diz e eu o olho séria.- Vamos vai, ela me lembra você sabia?


- Aii que nojo Christian, eu não preciso saber do que tem com outras garotas por aí.-digo e o mesmo revira os olhos.


- Eu não comi ela, tá doida, ela é lésbica, você não sabia? Ela me lembra você, porque ela é toda marrenta, é só isso.


- Hmm, lésbica? É ela parece mesmo.- respondo.


- Ahh e você não parece?


- Você tá me irritando hoje, eu vou pensar nessa festa aí, se ela ganhar né. E eu já cansei de dizer, que eu nao sou lesbica.-digo sorrindo.


- As pessoas crescem, descobrem coisas novas sobre si mesmas, as vezes você é bi, já parou pra pensar nisso?- Ele diz sussurrando no meu ouvido.


- Já parei, e não, eu não sou.- digo rápido, pegando meu celular.


POV Perry


Tá tudo bem Perry, não tem porque ter medo, ou insegurança.
Tá eu tô com muito medo, oque eu faço?


Eu sou a Perry, a uns seis meses atrás eu lancei meu primeiro álbum, e graças a todas as forças superiores, ele foi muito bem recebido pelas pessoas, é um álbum baseado em todas as músicas que eu ouvia na minha infância, pra pré adolescência, adolescência, e que eu ouço até hoje, juntei 12 das músicas que eu mais gosto, e pedi permissão pra cada um dos cantores, pra eu usar apenas o toque da música, e bom, aceitaram, com um preço é claro, o preço que eu nem tinha, mas eu apostei tudo naquilo, e bom, consegui, eles não botaram fé que faria sucesso, mas fez, e eu cheguei em cada um deles dançando Say My Name das Destiny's Child, feliz da vida, mas não sabia que iriam gostar tanto assim, e bom, agora eu estou concorrendo a um único Grammy, mas um bem importante, que iria definir o melhor álbum do ano.


Só tinha pessoas incríveis concorrendo aquele prêmio, uma delas ganhou por três anos, a Billie claro, eu curto as músicas dela, são muito boas, mas os fãs dela não gostam muito de mim, e acho que ela também não, já que toda vez que alguém perguntava de mim pra ela em entrevistas, ela era sempre muito grossa, mas eu não sei, vários amigos meus dizem que ela realmente, não vai muito com a minha cara, e outra parte diz que ela simplesmente não se importa se eu existo ou não, que legal né?


Não queria ser uma rival dela, então aproveitei que meus amigos queriam dar uma festa, e convidei ela, eu ia fazer um churrasco, e lembrei que ela é vegana, então comprei uns chikens de soja pra ela, aí eu fritava em outro lugar, espero que ela não se importe com o cheiro.


Um monte de gente veio me arrumar, e eu estava bem nervosa, o Grammy iria começar daqui duas horas e eu já estava quase pronta.


[...]


Chegando no Grammy, eu fui passar pelo tapete, pra tirarem as fotos, e bom, Billie estava na minha frente, falando com alguns entrevistadores, eu tentei não parecer nervosa.


- Ai meu Deus, você é ainda mais linda pessoalmente, parabéns pelo álbum ele é incrível.- Ariana Grande diz me abraçando.


- Oii, ai brigada, eu fico feliz que tenha gostado, o seu álbum ficou incrível.- digo retribuindo o abraço.


- Arrasa hoje, você tem tudo, pra arrasar hoje, até mais.- ela diz e vai até o tapete.


- Olá Perry, eu posso ver como você está vestida? Meu deus, você está sensacional.- Liza me chama e eu sorrio.


- Ai que isso, você tá fantástica como sempre.- digo e a mesma sorri.


- Bom, você está concorrendo pra melhor álbum do ano, como se sente?- ela pergunta.


- A tô nervosa, mas se vier eu vou adorar, e se não vier, quem sabe da próxima vez.- digo sorrindo.


- Você tem concorrentes potentes com você não é mesmo? Temos Ariana Grande, Dua Lipa, entre outros e também, uma que está dando oque falar, a Billie né? Acha que pode tirar esse Grammy que ela leva pra casa por tanto tempo?- ela pergunta e a olho e mordo o lábio inferior.


- A câmera está alinhada?- digo provocando a mesma e ela afirma sorrindo. - Bom, isso eu não sei te dizer, sei que ela tem um talento incrível, mas, vamos ver quem leva hoje.- Digo e ela sorri.


- Eu quero ver no que isso vai dar, obrigada Perry pela sua atenção, e boa sorte.- ela diz e eu sorrio deixando o local.


Abracei e cumprimentei diversos famosos, passei por Billie e lá simplesmente passou reto, eu não tive coragem de falar com ela, vai que ela me ignora, entao ficou por isso mesmo, até que deu a hora para o Grammy começar.


Sentei no meu lugar e começaram as apresentações, e indicações.


Logo o prêmio de melhor álbum do ano seria entregue e eu estava um pouco sem esperança, um porque com as pessoas que eu concorria era impossível de perderem, e outra, que a Billie já havia levado dois, e toda vez que passava por mim, me olhava do jeito mais debochado que ela aparentava conseguir, não tinha mesmo como eu ganhar.


Todas as pessoas que concorriam comigo já haviam ganhado com outras indicações, e eu, que só fui indicada a uma, provavelmente não levaria, comecei a acreditar que aquilo foi uma brincadeira pra fazer eu me sentir menor que todos ali, mas tudo bem.


- Bom, e vamos agora, a categoria de melhor álbum do ano, que mais surpreendeu as pessoas do mundo, com o seu talento.- A apresentadora diz me tirando do meu transe.


Ela abre o envelope e diz " Ai meu Deus" com uma expressão de surpresa.


- Não fui eu quem ganhou mesmo.- digo rindo e minha mãe que estava do meu lado riu.


- E quem ganhou o Grammy de melhor álbum deste ano foi o álbum... 2007 da Perry.- ela diz sorrindo e naquele momento todo o meu mundo tinha parado.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...