História Riverdale - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Riverdale
Personagens Alice Cooper, Antoinette "Toni" Topaz, Archibald "Archie" Andrews, Cheryl Blossom, Chuck Clayton, Clifford "Cliff" Blossom, Elizabeth "Betty" Cooper, Ethel Muggs, Forsythe Pendleton "FP" Jones II, Forsythe Pendleton "Jughead" Jones III, Frederick "Fred" Andrews, Hal Cooper, Hermione Lodge, Hiram Lodge, Jason Blossom, Joaquin, Josephine "Josie" McCoy, Kevin Keller, Melody Valentine, Penelope Blossom, Polly Cooper, Pop Tate, Reginald "Reggie" Mantle, Valerie Brown, Veronica "Ronnie" Lodge, Waldo Weatherbee, Xerife Keller
Tags Drama, Festas, Mistério, Riverdale, Romance
Visualizações 16
Palavras 2.423
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, LGBT, Mistério, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero quem gostem.
Boa leitura.

Capítulo 1 - Capítulo Um


  Era 7 horas da noite eu estava sentada no sofá assistindo ao telejornal que anunciava o desaparecimento de Jason Blossom ( garoto popular, capitão do time de futebol e membro da família mais rica e poderosa da cidade) segundo o jornal ele desapareceu em 4 de julho no Rio Sweetwater e desde então não foi visto mais; O jornal também anunciava o caos que estava acontecendo no lado Sul da cidade, o jornalista não entrou em detalhes mas disse que estava ocorrendo brigas entre as gangues (serpentes × canibais).

- Lollipop... - meu celular começou a tocar.

- Alô? -eu atendi um pouco assustada.

- Oi Betty, é o kevin, eu estava pensando se você está afim de ir no pop's tomar um milkshake? - o Kevin perguntou muito entusiasmado.

- Claro Kevin, daqui uns 15 minutos eu chego ai.

- Não, não... eu passo ai para te pegar.

-Ok então, estou te esperando.

Enquanto eu esperava o Kevin chegou uma mensagem no meu celular que dizia o seguinte "Querida Santa Betty, já conheceu a nova amiguinha do Archie?" Eu não entendi a mensagem e nem queria entender, eu sabia que seja lá quem mandou aquela mensagem queria me deixar envergonhada porque sabe que eu gosto do Archie (um garoto popular, jogador do time de futebol, e músico nas horas vaga e membro da família Andrews que é dona da casa de construção da cidade).

- Ei Betty já está pronta? Posso entrar? - era voz do Kevin que batia na porta.

- Oi, sim estou vamos? - eu disse saindo do quarto e puxando o Kevin para fora de casa quando minha mãe nos enterompeu.

- Onde a mocinha pensa que vai? - minha mãe perguntou olhando para mim.

- Mãe eu só vou no pop's com o Kevin.

- É verdade Sr.Cooper, nós só vamos no pop,s colocar a fofoca dia - o Kevin disse convencido que minha mãe iria deixar nós ir.

- Ok, podem ir, más não demora, amanhã tem aula em.

Ufa! Minha mãe deixou nós ir... Chegando no pop's vi o Archie que estava sozinho esperando seu pedido, fui até ele com o Kevin e nós sentamos juntos.

- Oi Archie, ta esperando alguém ou só um hambúrguer mesmo kkkk - o Kevin perguntou.

- A não eu só estou esperando meu pedido mesmo.

- Como foi seu verão Archie? - eu perguntei entrando na conversa.

- A foi legal até, estou mais forte - ele disse mostrando seus músculos e rindo - passei o verão trabalhando com meu p... Pai.

Percebi que ele falou a última frase já sem foco na conversa, foi ai que eu percebi que ele estava voltada sua atenção para uma garota baixinha do cabelos de égua, cuja eu não sabia o nome e nunca tinha visto antes.

- Pronto Archie, vamos? Quem são? Seus amigos? - a garota disse falou se virando para eu e Kevin.

- A Betty essa é Verônica, ela se mudou hoje para Riverdale - o Archie disse apresentado a garota.

- Verônica eu sou a Betty Cooper -eu disse me apresentando.

- Verônica, Verônica Lodge - a menina disse me comprimentando com um beijo na bochecha.

- Oi gente eu sou o Kevin e estou aqui - o Kevin falou entrando na conversa.

- Oi Kevin, prazer. Me desculpe eu e o Archie já estamos atrasados, até amanhã - a garota disse agarrando o braço do Archie e indo embora.

- Tchau galera - o Archie disse já dando o braço para a garota.

Como assim essa era a nova amiguinha do Archie, porque ele falou que estava sozinho esperando o pedido. Ela tinha acabado de se mudar como alguém já sabia dela.

- Kevin olha essa mensagem que eu recebi hoje antes de você me buscar em casa - eu disse mostrando o celular para o kevin.

- "Santa Betty" Só a Cheryl te chama assim né? - ele perguntou.

- Acho que sim, mas como ela sabia que Verônica era a nova amiguinha do Archie? - perguntei.

- Ela é a Cheryl, o que mais me surpreende é o irmão dela desapareceu e ela continua com esses joguinhos.

- Kevin eu preciso ir pra casa já tá tarde e amanhã eu tenho que apresentar a escola nova para os novos alunos - eu disse já indo embora

- Más a gente nem comeu ainda - o Kevin falou um pouco triste.

- Outro dia a gente vem aqui no pop's, vai conversar com o Joaquim, ele está ali te olhando desde que a gente entrou no pop's - eu disse convencendo o Kevin a ir falar com o Joaquim e me deixar ir embora.

- Ele é um SERPENTE Betty !!! - o Kevin falou gritando.

- Ele é um gato e é gay, então aproveita - eu disse rindo e caminhando até a porta de saindo do pop's.

Chegando em casa eu fui direto para meu quarto dormir afinal amanhã as aulas começaria; Quando eu entrei no quarto e olhei pela janela vi a Verônica no quarto do Archie, como assim ela mal chegou em Riverdale e já tá na casa no Archie no quarto dele. Feichei a janela e fui dormir pensando o quanto eu era idiota de gostar do meu melhor amigo "Archie" Eu passei minha vida inteira tentando mostrar pra ele que eu gosto dele e aquela menina mal chegou e já tá no quarto dele.

*DIA SEGUINTE*

Eu acordei com minha mãe gritando pela casa dizendo que estava "afastando os espíritos ruim", eu levantei da cama e fui para o banheiro tomar meu banho; quando eu estava tomando meu café chegou uma mensagem no meu celular "Já olhou a paisagem do quarto do Archie hoje, Santa Betty", Eu fui até a janela e vi a Verônica colocando um vestido preto e penteando o cabelo, Como assim ela passou a noite na casa do Archie, no quarto dele.

Terminei meu café e fui dar tchau para minha mãe.

- Betty chegou esse envelope para você - minha mãe disse me passando o envelope.

Eu abri e tinha uma carta que dizia o seguinte " Lembre - se de chamar o Archie e a RONNIE para ir até a escola juntos".

Eu estava caminhando até a casa do Archie quando ouvi ele chamar.

- Vamos Ronnie.

- Já vou Archiezinho.

Que palhaçada era essa já tinham até apelidinhos.

- Lollipop... - celular da Betty tocando.

-Alô? - eu atendi.

- Já viu a Polly Cooper hoje, Bettyzinha? Socorro, Bet... Me ajud... - do outro lado da chamada falava um homem e a Polly gritando socorro.

- Quem era Betty? - o Archie perguntou se aproximando de mim.

- Não interessa.

- Poxa Betty eu sou seu amigo só estava preocupado - o Archie falou.

- Você deveria se preocupar com a "Ronnie" "Archiezinho" - eu falei irritada e continuei a caminho da escola.

Chegando na escola o Werdebi (diretor do colégio) reuniu os novos alunos e pediu para que eu apresentasse a escola a eles.

- Por favor, Betty Cooper, apresente a escola as nossos novos alunos: Verônica Lodge, Joaquim, Jellybean Jones e Jughead Jones; por favor acolha nossos alunos sem diferença - ele disse essa última frase se referindo ao Joaquim, Jellybean e Jughead por eles serem serpentes do lado sul.

- Seria um prazer - eu disse fazendo a educada com os novos alunos.

- O prazer é todo nosso Betty Cooper - Verônica disse com um tom de provocação.

- Me acompanhe por favor - eu disse mantendo a calma.

- Bom vamos primeiro colocar vocês em alguma atividade extra-corricular, Jellybean acho que você se daria bem participando da natação, não acha?; Joaquim faça teste para o time de futebol da escola; Verônica, eu tive a honra de ver você dançando na casa do Archie talvez você queira participar das líderes de torcida, Jughead você gostaria de participar do Blue and Gold (jornal da escola)

- Eu vou tentar sim participar da natação - disse Jellybean toda empolgada.

- Eu não vou me dar bem no time de futebol, Bulldogs e serpentes não se mistura - Joaquim falou olhando para o Archie que passava correndo pelo ginásio.

- Eu adoraria, amo escrever, Betty - Jughead falou contente.

- Por acaso a senhorita estava me espiando com o Archie? - Verônica falou um pouco brava.

- Caso ele não tenha mencionado, nós somos vizinhos "Ronnie" - eu disse provocando-a.

Nesse momento meu telefone tocou.

-Lollipop...

- alô?

- Peça desculpas para Verônica por seu surto de ciúmes - a voz do outro lado da linha falava.

Meu Deus até parece que eu vou pedir desculpas para essa vaca mal amada.

- Verônica depois a gente termina essa conversa, porque agora eu tenho mais o que fazer ao contrário de você -eu disse um pouco irritada; e já indo para sala do blue and gold junto com o Jughead.

Quando eu estava passando pela porta fui surpreendida com o Archie me puxando pelo braço.

- Betty posso falar com você rápidinho, a Vee é só minha amiga, ela e a mãe dela está ficando em casa por causa de alguns motiv...

- Eu não quero saber me deixa em paz e vai atrás da sua "Ronnie".

- Betty para de graça, você sabia que ela está muito mal pelo jeito que você está tratando ela.

- Eu não quero saber, me solta - eu disse gritando.

- Solta ela cara - o Jughead falou empurrando o Archie.

- iala a minhoquinha gosta da Betty é - o Archie falou empurrando o Jughead.

- Para de ser tolo Archie - eu disse puxando o Jughead para fora do ginásio.

Resolvi ir até o banheiro esfriar a cabeça; tentei ligar para Polly para saber onde ela estava e se aquela ligação mais cedo era algum babaca querendo zoar com a minha cara. 5 chamadas e nada da Polly atender. Resolvi então perguntar para alguem; eu estava quase saindo do banheiro quando a Cheryl entrou.

- Oi Santa Pol... Ops eu pensei que era a Polly, você tá bem Betty.

Eu não estava nada bem, primeiro que o menino que eu gosto não gosta de mim, segundo aquela Verônica que eu não fui com a cara dela e depois a Polly que eu não sei se tá viva ou onde está.

- Oi Cheryl, não eu não to nada bem - eu disse desabafando.

- O que aconteceu garotinha perfeita - a Cheryl perguntou.

- Muitas coisas mais a que mais me preocupa é a Polly você viu ela hoje?

- Aaa a Polly, pergunta para o time de futebol, ela gosta de ficar com alguns dos bulldogs - a Cheryl falou querendo causar discórdia entre eu e a minha irmã, mas como o que me importava era se ela estava vida eu agradeçi e fui perguntar a alguém do time.

- Obrigada Cheryl, eu já estou indo perguntar para algum bulldog.

- Espera ai mocinha, eu não ajudo ninguém sem nada em troca, quero você e Verônica hoje na minha festa.

- Não, não, não; eu nem a conheço - eu disse querendo sair da conversa.

- Relaxa bobinha eu tenho uma surpresinha para ela - a Cheryl falou com um sorriso sínico.

- Tá, ta bom, tchau - eu disse saindo do banheiro.

Caminhei até o blue and gold e lá estava o Jughead escrevendo um artigo sobre o desaparecimento do Jason Blossom.

- Oi Jug, desculpa hoje não vai ter como eu te orientar sobre o uso do blue and gold.

- Eu posso me virar sozinho Betty.

- Amanhã, hoje eu preciso que você convide Verônica para festa da Cheryl.

- Primeiro que eu não fui convidado e outra o que você está tramando contra a Verônica?

- A escola inteira vai na festa da Cheryl, é uma surpresa para a Verônica Ué.

- Eu não gostei nem um pouco da idea, e nunca que a Verônica vai aceitar ir comigo.

- Não precisa ir de parzinho, você só precisa arrastar ela para festa.

- Eu não sei não em Betty.

- Lollipop... - meu celular começou a tocar.

- Alô?

- veja a foto que eu te mandei Betty se você chegar aqui até 10 minutos consegue me impedir de postar.

Era uma imagem da minha mãe a 20 anos atrás quando ela ainda era serpente.

- Jughead vamos.

- Quem era Betty?

Fui correndo até o vestiário masculino e chamei todos os garotos do lado Sul.

- Betty você não pode vim aqui - o Archie falou se cobrindo.

- Cala a boca Archie - eu falei estressada.

- I Bettyzinha quer ser uma menina má é? - o chuck perguntou.

- Do que você está falando Chuck? - eu perguntei.

- Sabe não é? Sua irmã a Pollyzinha vinha todo dia aqui se encontrar com o Jason, acha que ela encmgravidou do nada foi?

- A Polly e o Jason namoravam antes dele sumir? - eu perguntei chorando.

- namorava com o Jason, mas antes ela estrementou o time inteiro - o Chuck disse rindo.

- Eu quero saber quem aqui é do Sul - eu perguntei gritando.

- ixi doida sai fora agora você e sua mãe vão começar a detonar o sala Sul - uns garotos falaram.

- Betty eu sou do Sul - o Jughead falou meio raivoso e triste.

- vamos então, eu quero ir para o bar dos Serpentes - eu falei puxando ele e chorando.

No caminho eu expliquei que alguém estava ameaçando postar um artigo falando que minha mãe era serpente; Chegando no bar dos serpente eu só vi uma garota digitando sobre o jingle jangle, como assim se quem estava fazendo a matéria da minha mãe ter sido do lado Sul não era um serpente quem era.

Alguns segundos se passaram e o Joaquim entrou com um celular na mão mostrando o novo artigo do jornal da cidade "ALICE COOPER EX SERPENTE detona o lado Sul, leia a matéria para saber mais".

Nesse momento eu vi tudo ficar escuro e já acordei na cama de um hospital, eu estava exausta tanta coisa acontecendo que eu não dava conta, a minha irmã Polly Cooper namorava o Jason, minha mãe era uma serpente como tudo isso era possível, e quem estava me ligando com certeza não era um babaca qualquer, essa pessoa estava com a Polly essa mesma pessoa postou o artigo sobre minha mãe, mas quem era essa pessoa? 


Notas Finais


Estão animados para saber o que vai rolar na festa da Cheryl? E essa pessoa misteriosa quem seja que é?
Fiquem a vontade para comentar sugestões de coisas que vocês gostariam de ver na história.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...