História Rose Smell - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Neo Culture Technology (NCT)
Personagens Jaemin, Jisung
Visualizações 17
Palavras 873
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, LGBT, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá!!
Voltei com mais um clichezinho
Eu to muito surpreso comigo mesma por não ter escrito nada relativamente triste esses dias, isso é um feito para mim kkkk

Espero que goste

Capítulo 1 - Only chapter


Fanfic / Fanfiction Rose Smell - Capítulo 1 - Only chapter

Jaemin estava aninhado sobre o peito de Jisung enquanto recebia carinho do mesmo. Os dois garotos haviam passado uma semana extremamente conturbada e foi em uma tarde de sábado que conseguiram arranjar um tempinho para eles.

-Sungie... - O Na sussurrou com medo de acordar o namorado, porém sentiu-se livre para falar o que queria quando escutou um "hm" do mesmo - Você tem cheiro de rosas, mas não aquele cheiro enjoativo de milhares de rosas acumuladas em um só lugar, é um cheirinho doce e agradável...

-Sério mesmo? - Jaemin concordou com a cabeça fechando seus olhos para aproveitar ainda mais o carinho que recebia em seus cabelos - Você tem cheiro de morango cortado na hora, talvez seja o creme que você usa ou um perfume mas acho difícil que seja isso, pois você já acorda com esse cheiro.

-Então você está querendo dizer que enquanto eu durmo você acorda e fica me cheirando senhor Park? - Disse em um falso tom de indignação.

-É, é tipo isso que eu estou querendo dizer - riu baixo o suficiente apenas para que Jaemin escutasse e lhe desse um tapa fraco em seu abdômen. 

-Não posso reclamar, eu adoro sentir o seu cheiro também - Sentiu sua cabeça arder levemente devido a um puxãozinho em seus cabelos que Jisung havida dado. Apenas resmungou em reprovação sobre a ação do mais novo.

-Você me deu um tapa, nem vem - Sussurrou brincalhão voltando a fazer carinho no local.

Os dois continuaram a conversar sobre coisas que achavam um sobre o outro, como o quanto Jisung amava acariciar os cabelos rosados do mais velho para ouvi-lo quase ronronando enquanto lutava para não pegar no sono, ou como Jaemin amava quando eles se deitavam na varanda para observar as estrelas e os braços do mais alto sempre o aqueciam do frio. 


···


No domingo de manhã, como de costume, Jisung foi o primeiro a acordar e desta vez não ficou tantos minutos inalando o cheiro gostosinho que a pele do namorado exalava. Levantou-se calmamente para não acordar o Na que dormia tão calmamente como um bebê, pegou as chaves do apartamento que dividiam e saiu em direção ao supermercado. Teve a brilhante ideia de fazer um café especial para o mesmo.

Enquanto fazia seu caminho de volta para casa com algumas sacolas nas mãos, observou um senhor que regava algumas flores da vitrine de uma pequena floricultura do outro lado da calçada em que estava. Atravessou a rua chegando a porta do local sendo recebido por um sorriso e um gentil "bom dia" do senhor, saiu do estabelecimento com um pequeno bouquet de rosas brancas retomando seu caminho para casa.

Com o café pronto, colocou tudo em uma bandeja juntamente às rosas e foi em direção ao quarto onde Jaemin ainda dormia, agora abraçado ao seu travesseiro. Deixou as coisas sobre o móvel rústico que ficava ao lado da cama e se sentou sobre a pontinha da mesma.

-Nana… É hora de acordar meu amor - Jisung levou sua mão esquerda para os cabelos do garoto iniciando ali um carinho gostoso.

-Me deixa dormir só mais um pouquinho Sungie, deita aqui comigo, por favorzinho - Nunca que o Park negaria um pedido tão manhoso como aquele para o outro.

Deu a volta na cama deitando-se de frente para o outro deixando que sua cintura fosse rodeada pelos braços do rosado. Pousou novamente sua mão sobre os cabelos de Jaemin, onde voltou a acariciar levemente.

-Por que não me acordou junto com você? - Perguntou com a voz rouquinha e com os olhos ainda fechados.

-Você parecia tão cansadinho que preferi te deixar dormir - Não recebeu resposta nenhuma, apenas um resmungo do mais baixo.

-Acho que vou descer fazer o café… - Sua voz era tão preguiçosa quanto seus olhos que lutavam para permanecer abertos.

-Não precisa meu amor, eu já fiz - A expressão de surpresa que Jaemin esboçou fora impagável na opinião do mais novo.

-Sério? Tipo mesmo, mesmo, mesmo? - Jisung apenas sorriu se desvencilhando dos braços do mais velho pegando a bandeja novamente observando o outro sentar-se sobre a cama de casal - Ah Sungie… Você é o melhor namorado do mundo! 

-Eu te trouxe mais uma coisa além do café - Pegou o bouquet de flores que estava, até o momento, fora da vista do namorado.

-Eu te amo demais Park Jisung - O Na retirou a bandeja das mãos do outro e o abraçou forte pelo pescoço.

-Eu também te amo mais que tudo Nana - O mais alto o abraçou pela cintura o puxando possessivamente para seu colo o apertando mais.

Passaram mais alguns minutos abraçados até a barriga de Jaemin começar a clamar por comida, assim os dois se afastaram e começaram a comer vendo um filme que o Na havia escolhido. O dia dos garotos havia sido mais uma vez na cama deles, Jaemin no conforto dos braços de Jisung, este que apenas aproveitava o som das risadinhas e dos comentários sobre o filme que o seu pequeno fazia. Eles sabiam que tinham coisas para serem feitas ainda naquele dia, mas preferiram ignorar tudo e todos a sua volta e focar apenas no conforto que estavam no momento.



Notas Finais


Obrigado por lerem e me desculpem pelos erros

Queria entender o porquê de não conseguir escrever algo curto, sempre acabo me empolgando e passando das 500 palavras, antigamente não tinha esse problema, mas tudo bem

Se cuidem direitinho
Até mais


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...