1. Spirit Fanfics >
  2. Roubou tem que devolver >
  3. Devolução

História Roubou tem que devolver - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oie
Essa é no ponto de vista do Daniel
Boa leitura ♥️

Capítulo 1 - Devolução


O som alto envolvia meus ouvidos, meu corpo se movia sem muito esforço e seguia o ritmo da música, a galera em volta de mim dançava e o suor escorria pelo meu rosto

Eu tentava não pensar muito, sempre fui um cara de deixar rolar e a festa ajuda a esquecer

A bebida nublava os meus pensamentos e tudo que fazia sentindo agora era o alí e o presente

A música, a dança, a bebida era só o que importava

É por isso que beber é o perigo da sanidade.

Sinto alguém me puxando pelo braço, me rodando com a música

Era o Prior

Tivemos desentendimentos durante esse pouco tempo que eu entrei na casa Mas quem se importa com isso agora, né?

Dançava com ele, não sei se dança tinha a ver com a música mas era a nossa dança, e ela se encaixava com a gente

E nesse vai e vem da música e harmonia, sinto um selinho roubando e ele se afastando

Meu primeiro instinto foi rir e puxar ele de volta

Mas quando vi, ele tinha ido

E eu fiquei perdido, aquilo foi como uma chuva de manhã

Me despertou

E os pensamentos transbordavam em mim como um copo cheio

Será que aquilo significava algo ou era só coisa de bêbado?

Felizmente ou não a coragem alcoólica não tinha ido embora

Entrei dentro da casa atrás do causador dos meus pensamentos confusos e o encontrei no quarto

Não tinha ninguém

Só eu e ele

“Prior”

Eu o chamei, e o nome saiu estranho da minha boca, como algo novo mas familiar

“Que foi, cara?”

O jeito simples dele falar de repente despertou algo frio na minha barriga e o silêncio se alastrou pelo quarto

Então quando eu não respondi, ele virou seu corpo totalmente para minha direção e me olhou com cara de perdido.

Queria que ele soubesse que eu estava tão perdido quanto

Péssima ideia vir aqui

“Você roubou algo de mim e acho que eu mereço devolução”

No momento em que aquelas palavras saíram da minha boca, o arrependimento surgiu junto.

E ele apenas me olhou, perdido.

Já que a bobagem já estava feita, fiz um biquinho com os lábios pra ver se ele entendia.

O pior que podia acontecer ali é eu levar um soco mas então ele seria expulso do programa e acho que iria ser um lucro.

“Você quer devolução?’

Ele entendeu, é óbvio que ele entendeu e ele estava se aproximando e aquele frio na barriga virou dor e o suor que antes era da dança, agora era de nervoso.

“Eu acho que sim, talvez, só se você quiser óbvio por que eu não quero forçar ning-“

E de repente ele me calou com os lábios no meu

Não foi um beijo de amor, não tinha amor ali mas tinha calor e talvez algum carinho se você procurasse.

Ele me empurrou com cuidado para uma cama próxima e se deitou por cima de mim.

O beijo se tornou mais quente e exigente.

Foi como se a gente estivesse colocando a vida naquele beijou mas um barulho do lado fora me despertou daquele momento.

“Espera” e o empurrei de cima de mim

Ele me olhou confuso mas depois que prestou atenção também ouviu o barulho

“A gente continua isso em outro momento” ele disse isso e saiu

Passou por aquela porta e simplesmente saiu

E me deixou ali, quente e confuso

E eu só conseguia pensar:

Que porra foi que eu fiz?


Notas Finais


Essa terá continuação
A dança deles ontem me deu muita imaginação kkkk
Desculpa se ficou muito curto, eu nunca consegui escrever algo longo e só sou acostumada a escrever poemas.
Então, me fale pra quem vocês tão torcendo no BBB? Eu tô com a Marcela, Manu, Thelma e Babu (o Pyong me decepcionou e assediou as meninas então não tá na minha torcida mais).


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...