História Rough (Áspera) - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Eijirou Kirishima, Katsuki Bakugou, Midoriya Izuku (Deku), Personagens Originais, Shouto Todoroki
Tags Kirideku, Todobaku
Visualizações 18
Palavras 449
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Literatura Feminina, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Slash, Violência
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Self Inserction, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 3 - Mano, ele vai explodir a cara do Shoto só nos chute


Bem chegando ao complexo de prédios idênticos cheios de apartamentos, Todoroki pagou a viagem e os dois saíram. Enquanto ele foi logo andando em direção ao prédio de Midoriya, Miyazaki ficou em pé em frente à janela do motorista, Yasuhiro Yamada de 21 anos que tem um gato chamado Samurai-san e um crush no ex-namorado babaca, com quem tinha feito amizade.

— Pois então, Yasu-kun, você tem que deixar de ser trouxa, meu caro. Não pode ficar praticamente se dando de mão beijada pro Nakamura assim não! Tem que deixar ele querendo, entendeu? Aí ele vai procur---- AI, CARALHO!? Que isso porra!?

Bufando, Todoroki tinha abraçado a cintura de Miyazaki e agora estava carregando-a assim, para longe do carro aonde o Sr. Yamada ria ao longe, balançava a cabeça e dava tchau, acelerando e desaparecendo de vista. Miyazaki mexia as pernas descontroladamente e tentava bater com as mãos na cara de Shoto, sem sucesso e sem realmente tentar. Mas foi nesse cenário que Midoriya, Kirishima, Ochako, Uraraka e Bakugou chegaram da ida à loja de conveniência.

De repente Miyazaki parou de se contorcer e rir, Todoroki parou de apertá-lae deixou ficar no chão novamente, porém, ainda surpreso continuou com as mãos em volta de sua parente maluca, os dois imóveis. O grupo de amigos de Todoroki olharam para os dois como se eles fossem alienígenas, até porque Miyazaki estava totalmente coberta por roupas, meias, luvas e cachecol, toda preto como uma gótica, exceto pelo seu rosto. E claro, existia o fato de que o garoto bicolor estava tocando em alguém que não fosse Bakugo. E em falando neste…

O louro tinha uma expressão furiosa o no rosto, estava vermelho de raiva. Podia-se ouvir algumas pequenas explosões em suas mãos e seu olhar mortal pairava sobre um Todoroki Shoto estático e olhando-o de volta com horror em seus olhos. Não deu tempo de perceber muita coisa, logo Bakugo estava correndo em direção à Shoto gritando furiosamente, enquanto que o bicolar apenas repetia a mesma frase.

— EU POSSO EXPLICAR, BAKUGO, EU JURO!

— SEU ARROMBADO DE MERDA! É SÓ FICAR DOIS DIAS NA PORRA DA CIDADE NATAL E TU JÁ VEM TRAZENDO O CARALHO DE UMA NINFETA GÓTICA PRA TRAÇAR ENQUANTO EU, IDIOTA, TAVA PLANEJANDO O TEU MALDITO ANIVERSÁRIO!? EU VOU MUITO TE QUEBRAR NA PORRADA, TU NUM VAI NEM LEMBRAR TEU NOME AMANHÃ! QUERO É VER SE VAI ME ENGANAR DE NOVO COM ESSA TUA CARA DE PAVÊ!

No canto, assistindo a cena com muita empolgação estavam Kirishima, Tsuyu e Miyazaki, apostando sobre como seria o fim daquela situação toda. Enquanto isso, Midoriya e Uraraka gritavam para o casal parar a briga, ainda chocados pela revelação de que àqueles dois tinham algum envolvimento romântico.


Notas Finais


Já deu pra perceber meu nível de maluquice? Não? Oxi, então tá pouco

Easa fic tá sendo feita por diversão/ pra melhor minha escrita/ passar o tempo (como todas as outras, na verdade) e eh extremamente provável que eu esqueça da existência dela ou fique meses sem postar nada

Peço perdão antecipadamente e vou dormir agora, tchau


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...