História Ruins - Capítulo 22


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Barbara Palvin
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Criminal, Palvina
Visualizações 208
Palavras 998
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Festa, Ficção Adolescente, Policial, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


• Olá lovers! Voltei rapidão com mais um capítulo, espero que gostem e tenham uma boa leitura!

Capítulo 22 - Better.


Fanfic / Fanfiction Ruins - Capítulo 22 - Better.

 

— Você realmente achou que ele viria? 

Taehyung perguntou encarando o menor do seu lado que estava concentrado analisando as imagens das câmeras da festa em sua casa. 

— Eu tinha certeza de que ele viria. 

Jimin disse suspirando alto. O moreno repousou suas costas sobre o acolchoado macio de sua cadeira. Havia passado mais de duas horas desde que o mesmo havia começado a olhar aquelas filmagens. Tanto sua vista como suas costas estavam exaustas. 

— Era um bom plano. — Comentou o Kim. — Mas isso não significa nada. Foda-se que ele não veio, se a caça não vem até o caçador, o caçador vai até ela. — Disse, obtendo toda a atenção do olhar do moreno ao lado.

— O que você quer dizer com isso? — Jimin perguntou. O moreno estava demasiado interessado na conversa do castanho.

— O óbvio, é claro. Já que ele não veio até nós, nós iremos até ele. — Respondeu-o. 

— Hong Kong? — Jimin perguntou mais para si mesmo do que para Taehyung.

— Pode apostar, parceiro. — Sorriu largo.

— Eu realmente gostei disso. — Jimin sorriu largo, do mesmo modo que o castanho. A ideia não era apenas boa por ir atrás de Hoseok, mas sim pela diversão que eventualmente, eles possuíam sempre que iam até o lugar. 

— Mas tem uma condição. — Taehyung disse. — Sem a Candice, afinal, iremos nos divertir de qualquer jeito por lá. — Sorriu. 

— A ideia de levá-la não passou nem por um segundo em minha cabeça. — Jimin disse sorrindo sacana. 

A verdade era que desde que ele havia a trago para sua casa, ele mal havia saído com outras, não por se sentir culpado, mas sim, por nenhuma conseguir deixá-lo como Candy, tão facilmente, conseguia. Jimin não sabia explicar de forma clara o que ela fazia com ele, mas, sem dúvidas, era algo grande. Grande o suficiente para fazê-lo querer ter apenas uma. Apenas ela.

— Ótimo, podemos ir agora, mandarei uma mensagem para Jungkook avisando. 

Taehyung disse, sem demora, pegando seu celular, procurando o número do maior, digitando uma mensagem ao mesmo. 

Jimin fez o mesmo, mas mandando uma mensagem para Candy. Ele sabia que havia feito uma promessa para ela, mas naquele momento, para ele, uma noite em Hong Kong renderia muito mais do que uma noite com ela. 

— Tudo pronto e avisado. — Taehyung disse risonho. — Podemos ir? 

— Você sabe que não temos um bom plano, certo? 

Jimin disse, pondo em seus ombros uma mochila preta. Taehyung riu, guardando o notebook numa mochila, jogando-a sobre os ombros em seguida. 

— Você está mesmo se importando com um plano quando estamos a ponto de irmos para Hong Kong, provavelmente ter a melhor noite de nossas vidas? 

A ida a Hong Kong possuía sim um propósito, mas não era apenas Hoseok, na verdade, para Taehyung, não tinha nada a ver com o mesmo, ele buscava apenas uma noite livre, longe de todos os problemas e claro, diversão ao extremo.

— Você está certo. — Jimin disse rindo. Sem demora, os dois partiram em direção ao carro do moreno, que logo deu partida em rumo ao aeroporto particular. Seria um pequeno voo para uma grande diversão. 

[... ]

— O que está fazendo aqui? 

A loira perguntou assustada pela presença do moreno no quarto. Jungkook possuía um enorme sorriso de satisfação em seus lábios. Observar o corpo da loira coberto apenas pôr um pequeno pedaço de pano o deixava em êxtase, e a ideia de que, por baixo dele, ela estava completamente nua o deixava louco.

— Eu vim cuidar de você. 

Disse sorrindo de lado. Lentamente, o moreno ficou de pé andando alguns passos para próximo do corpo de Candy que se afastou do mesmo modo. 

— Você enlouqueceu?! O Jimin irá chegar a qualquer momento. 

O medo era evidente no olhar da garota. E obviamente, não era para menos. Candy, mais do que qualquer outra pessoa sabia quais seriam os riscos caso Park encontrasse Jungkook em seu quarto ao lado dela. 

— Pelo visto você não olha muito o seu celular.

Jungkook andou para próximo da loira que prendeu sua respiração ao sentir a parede atrás de si. O moreno encostou o seu corpo ao da garota, ele conseguia sentir toda a tenção que a mesma carregava, o que proporcionou um pequeno sorriso do mesmo.

Com seu braço direito, ele estendeu-o até sua mão encontrar o aparelho móvel, trazendo-o para próximo de Candy, entregando-lhe o mesmo. Jungkook recuou dois passos enquanto seus olhos continuavam presos sobre Candy que, trêmula, desbloqueava seu celular. 

 

Tenho negócios a tratar em Hong Kong, não voltarei para casa essa noite. Prometo recompensá-la depois.

 

Candy bloqueou o aparelho depois de ler a mensagem do Park, encarando Jungkook que possuía seus olhos fixos sobre ela. 

— Não é porque ele não virá hoje que eu irei transar com você. — Candy disse, andando para longe do moreno que riu negando. 

— Não, mas você irá transar comigo porque, nesse momento, o seu queridinho está fazendo o mesmo. 

Jungkook disse, segurando-a pelo braço, impedindo-a de se afastar. 

— Me solta, Jungkook. 

Candy disse baixo fechando seus olhos ao sentir os beijos do moreno em seu pescoço.

— Me deixe te fazer gozar como nunca antes alguém fez Candy. 

A loira mordeu seu lábio inferior, abrindo seus olhos e devagar, virando-se de frente para o moreno, encarando-o. 

— Porque acha que será melhor do que ele? — Candy perguntou, sorrindo divertida enquanto passava seus dedos pelos botões da camisa do maior.

— Porque eu realmente sou, e depois que eu terminar, você mesma irá me dizer isso.

Transar com Jungkook não seria nenhum sacrifício para a loira, na verdade, era uma das coisas que ela mais queria fazer, e mesmo que ela sentisse algo por Jimin, ela não iria deixar barato o que ele havia feito com ela. Afinal, porque ela não poderia se divertir do mesmo modo que ele poderia?

— Eu realmente espero que você seja. 

Candy disse, e sem demora, chupou os lábios do moreno num beijo rápido e duro.

E devagar, mais um item seu estava sendo completado. Conquistar Jeon Jungkook estava em andamento e possivelmente, logo estaria completo. 


Notas Finais


• Link do grupo: https://chat.whatsapp.com/GZaOCDD9M9u4ZUCUpysQgK
• Link do Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=uxmbTkBMIYQ&feature=youtu.be
• Deixem suas opiniões, significa muito para mim saber o que estão achando.
• Até o próximo ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...