1. Spirit Fanfics >
  2. Run, Jungkook is a killer >
  3. The beginning of everything

História Run, Jungkook is a killer - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


*sinopse da historia feita por @taegukarma ♡

Capítulo 1 - The beginning of everything


Fanfic / Fanfiction Run, Jungkook is a killer - Capítulo 1 - The beginning of everything

Dias de hoje 06:45 da manhã

Eu estava no quarto e Kim taehyung estava dormindo.

Droga!falei frustado comigo mesmo.O que eu vou fazer agora?Eu nunca devia ter aceito esse trabalho,mas é claro,na época eu só queria ssd rico e me tornar milionário,e É isso que acontece quando você vai contra seu chef e não obdece a suas ordens, e principalmente quando seu chefe é Kim Seokijin.Um criminoso com mais de 100 vitimas e procurado por toda Coreia.

Estava em meus pensamentos quando esculto o prédio todo se agitar,ele ja deve saber que estamos aqui,sabia que hora ou outra isso ia acontecer.

Kim taehyung acorda,prescisamos sair daqui logo-falo balançando ele para que acorda-se logo 

-Ele nos encontrou?-ele pergunta assim que acorda,ainda com os olhos inchados e cara amaçada-O que vamos fazer agora?E se nos matarem?

Alguns meses antes 

Eu estava numa sala escura e pequena,com meu disfarce para não ser descoberto,onde estava meu chefe com uma mascara cobrindo todo seu rosto não queria que descobrissem quem ele era.E uma moça com mais ou menos a mesma idade e um pouco menor que eu.

-E como você quer que eu a mate?-perguntei a Jin meu chef

-quero que a faça sofrer muito-falou a garota com sua voz que ecoou pela sala vazia-Quero que ela morra sofrendo até o último suspiro.

-A senhorita tem certeza disso?-perguntou jin

-Tenho,se ela não vai ficar comigo não fica com mais ninguém!-ela estava realmente brava e com raiva 

-Ok!Jungkook a acompanhe até a saída  e não deixe ela ver onde fica essa sala-eu coloco uma venda na moça me curvo para e saio da sala guiando Tzuyu para fora

Já do lado de fora pergunto-Por que quer matar ela?-sei que nãod devia me envolver,e nem saber de nada sobre a cliente e nem sobre a vitima mas a curiosidade falou mais auto.

-Seu nome é Sana!Nos estavamos namorando,mas a alguns dias ela conheceu Dahyun dona de uma personalidade única, muito engraçada e divertida,deve ter sido realmente fácil se apaixonar por ela!Mas o problem é que eu ainda amo a Sana e não posso vela com outra!-ela estava se segurando para não chorar 

-E por que você não mata ela então  ao invés de Sana?-perguntei realmente curioso-era realmente incrivel ver como as pessoas crianças ódio por coisas atoas e sentia vontade de matar pessoas que elas um dia ja amaram.

-assim como eu sofri vendo Sana indo embora com ela ,quero que ela sofra vendo Sana sendo tirada dela tambem.-seu táxi chega e ela entra nele e eu a vejo indo embora.

●●●●●●●●●●●●●●●●●●

 -E onde ela esta agora?

-Na casa dela,nossa cliente ja pasou o endereço da vitima-ele falou serio na sua cadeira giratoria-se aprese que vc encontra ela ainda em casa e termina esse serviço hoje.-me retirei da sala dele é fui em direção ao endereço que ele me deu 

Alguns minutos e eu chego na casa era uma casa Roxa realmente alegre.

Assim aque chego em frente a porta dou umas batidas a porta se abre assim que a porta é aberta eu entro com tudo dentro da casa e fecho a porta,dava para ver claramente a Expressão de medo na cara dela,me dava PENA,mas meu trabalho exigia que eu a mata-se.

-Oque esta fazendo aqui?Quem é você?

-meu nome não intereça,só oque importa é que você vai morrer.

-não por favor,eu improro-ela falava ja em lágrimas ajoelhada no chão-você não pode fazer isso

-levanta AGORA!-falo rígido 

-por favor nao faça isso!-ela ja estava em pé na minha frente e eu fui andando em sua direção a deixando encurralada de costas para parede sem ter mais para onde ir,pego um canivete afiado e faço um corte em seu pescoço,que no mesmo instante começa a esquinxar sangue para todo lado!-Porra!ja fazia tempo que eu fazia isso mas ainda não me acostumei com essa cena.Deixei ela sofrendo um pouco e logo saquei um revolver do bolso e atirei.

●●●●●●●●●●●●●●●●●●

Sai dali deixando o corpo ja quase sem vida na casa e voltei ao nosso esconderijo para avisar Jin que ja cumpri meu  serviço.Era um trabalho sujo mas alguém prescisava fazer,e como eu quero ser rico e ter uma vida boa esse serviço é perfeito,ja quê me pagam bem por cada pessoa que mato.Apesar de ser Durão eu queria ter uma pessoa pra compartilhar minha riqueza.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...