História Run, Run After Your Love - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Os Heróis do Olimpo, Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Annabeth Chase, Bianca di Angelo, Calipso, Clarisse La Rue, Frank Zhang, Hazel Levesque, Jason Grace, Leo Valdez, Nico di Angelo, Percy Jackson, Piper Mclean, Reyna Avila Ramírez-Arellano, Thalia Grace, Will Solace
Tags Adolescente, Alternativo, Amor, Claribeth, Cronos, Depressão, Deuses, Drama, Gay, Guerra, Heróis Do Olimpo, Jasico, Lésbico, Lgbt, Monstros, Morte, Percabeth, Percy Jackson, Pipeyna, Rivalidade, Romance, Solangelo, Submundo, Triste
Visualizações 58
Palavras 3.365
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, LGBT, Luta, Orange, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Juro que daqui pra frente vou trazer só uns capitulozão maiores ksksks

- I love you game foi uma referência a uma tirinha aí heheh

Capítulo 9 - IX - Um descanso para semideuses?


Fanfic / Fanfiction Run, Run After Your Love - Capítulo 9 - IX - Um descanso para semideuses?

Annabeth Chase

Isso com toda certeza só podia ser alguma brincadeira. Percy estava deitado no chão com uma das mãos em frente a boca e ao nariz e Jason flutuava perto de nós. Quando não temos algum inimigo para lutar eles brigam entre si?!
Caminhava até Percy e me abaixava no convés, tocando seu peito e o olhando, sua respiração estava a mil e parecia estar irritado com algo, além de suas roupas estarem totalmente molhadas.

- Mas que merda foi essa? – Olhava para Jason, irritada.

- Ele me atacou – Cruzou os braços e franziu a testa – Jackson não aceita escutar verdades.

- Verdades é? – Percy se sentava cuspindo um pouco de sangue no chão

- Do que vocês estão falando?

- Nada! – Ambos respondiam rápido em couro.

- Sabe que cedo ou tarde eu vou ficar sabendo não é Percy? – Olhava para meu “namorado” repreendendo o mesmo.

Ele apenas virou o rosto em negação e tenta se recompor.
Piper, que não estava lá muito sã, vinha caminhando com cuidado e apoio de Reyna até nós, após ver a pequena cena com certeza também ficou curiosa e/ou irritada por ver os amigos brigando daquele modo. Olhava primeiro para Jason e logo depois para Percy, sua expressão era firme e o efeito do que havia bebido por um momento pareceu ter ido completamente embora.

- Por que estavam brigando? – Sua voz soava doce mas autoritária.

- Jackson não aceita que a relação deles – ele apontava para mim e para Percy – Quase não existe mais.

- Grace diz que ela tem outro semideus – E fechava a cara.

 O silêncio desconfortável, é sério que depois de tudo o que vivemos, todas as lutas, guerras, amigos perdidos, estavam brigando por isso?
Olhava para Reyna e ela fazia o mesmo, logo em seguida nosso alvo foi Clarisse que estava completamente séria com seus braços cruzados.

- Percy... – Pegava em sua mão o ajudando a se levantar – Precisamos conversar.

Ele passava a mão pelo nariz limpando o sangue que insistia em cair e me acompanhava. Descemos um jogo de escadas após sairmos do saguão que levava para um grande corredor, que tinha como destino direto um grande corredor repleto de portas (quartos). Abro uma das primeiras que passamos e sinto meu rosto queimar, eu com certeza estava tão vermelha quanto Percy, que virava o rosto como quem dizia um: “Não vi nada”.
A nossa frente, as costas nuas de Nico, os braços de Will em volta de seu pescoço e as pernas de sua cintura, o rosto do loiro estava completamente corado e sua expressão era de êxtase. Assim que Nico vira seu rosto lentamente para nos olhar, o vejo abrir a boca como quem diria algo mas só consigo fechar a porta no mesmo segundo e sair voando para qualquer outro quarto.

- Taí algo que eu nunca achei que veria – Dizia Percy fazendo uma caretinha de nojo e se sentando na cama. – E então, tem um cara no meio disso mesmo?

- Não Percy! – Talvez uma mulher – Eu... Acho que Jason está certo em partes.

Segurava sua mão e enlaçava nossos dedos com cuidado

- Nós estamos muito distantes, quer dizer, somos semideuses, mais distantes que o comum. E a distância, Percy, ela esfria as coisas. Sinceramente sempre temos algo para fazer, sempre corremos riscos, estamos sempre nos arriscando e colocando nossas missões a cima de tudo, e eu até entendo mas..

- Por isso deveríamos aproveitar momentos como esses... Como Will e Nico – Sua expressão era séria e aqueles olhos mar me encaravam

- é diferente Percy...

- Diferente? Diferente como?

- Apenas é diferente, Nico e Will são estáveis e sabem manter tudo isso, nós não temos ideia...

- Vamos tentar Annie – Ele apertava minha mão de modo gentil – Vamos fazer dar...

- Desculpe – Soltava sua mão com calma e beijava sua testa.

Era de se partir o coração e com toda certeza do mundo doía deixa-lo assim, mas era o melhor a se fazer, eu tinha quase certeza disso e, ele ficará bem.

 

6:00 horas da manhã, Percy estava capotado, Reyna saía pé por pé do quarto de Piper, Nico olhava o teto enquanto Will dormia ao seu lado, Clarisse e Annabeth conversavam baixinho, Thália e Jason estavam pregados no sono e Leo caminhava cuidadosamente para fora de seu quarto com uma panela em mãos.
O garoto ia lentamente para as escadas e trocava olhares com Reyna, que vestia apenas um moletom roxo do Acampamento Júpiter e uma calcinha que nem se quer dava para ver.

- O que foi Valdez? – A romana fazia uma caretinha e falava baixo, quase um sussurro.

- Nada, nada... – Ele sorria e levantava a panela como um cumprimento

- Por que tá acordada por aqui?

- Por que VOCÊ está acordado?

Novamente Leo erguia a panela

Não desconverse RA-RA – Reyna revira os olhos por conta do apelido que não suportava – Saindo de um quarto que eu chuto que não é seu...

Ela ria rápido e sobe as escadas, ainda sem fazer barulho e tentando completamente ignorar a presença de Leo que a seguia sorridente e completamente cuiroso.

A manhã correu completamente calma, Leo e Reyna acabaram por preparar um grande café e acordar todos os semideuses na base da panelada, prontos para aproveitar aquele dia de outro modo, todos pareciam menos pesados, mais calmos e mais confiantes, talvez até agradecidos por não acordarem em seus respectivos chalés, é claro, por mais que ainda houvesse alguns olhares tortos de Jason e Percy, ou até mesmo de Percy para Annabeth.

Um belo dia de sol, quente e perfeito para um banho. O barco estava ancorado em alto-mar, Annabeth e Leo fizeram questão de montar um tobogã em menos de uma hora juntos que dava diretamente para o mar e agora alguns aproveitavam o sol, outros os mergulhos.

- Hey RA-RA – Leo chamava Reyna (que estava encostada na grade do convés) do mar – Pensa rápido!

A bola de Rugby que eles estavam jogando dentro d’água voou diretamente em direção da Pretora romana, que sem muito esforço a segurou com apenas uma das mãos.

- É isso então? – Ela sorria – Vamos ver!

Tá aí outra cena que os semideuses(menos Piper) acharam que nunca veriam, Reyna tirando sua camiseta lentamente e deixando a bela pele clara a mostra, logo em seguida o short e os tênis, revelando um belo biquíni preto que havia caindo muito bem em seu corpo malhado, bem desenhado e até mesmo um pouco forte. Por alguns momentos os olhos de todos os semideuses ali estavam cravados naquele corpo, principalmente os de Jason, que estava na agua, e os de Piper, que estava pegando sol com Will e Annabeth.

A romana novamente pega a bola e a gira na mão, mirando perfeitamente em Leo. Em um lace rápido e carregado de força, ela lança a bola diretamente no peito do filho de Hefesto e salta na água em um belo mergulho. Enquanto Leo recuperava o ar com uma das mãos no peito fazendo aquela cara de dor, Jason e Percy caiam na gargalhada.
Enquanto ambos só conseguiam rir, Annabeth, Piper, Will, Nico, Clarisse e Thália se debruçam na grade, olhando o que poderia estar rolando lá em baixo.

- Tive uma ideia- Dizia Percy passando as mãos pelos cabelos molhados – Vamos fazer equipes, vermelha – Ele apontava para Jason – E azul – Apontava para si próprio - E jogar Quadribol d’água

- Mas que porra...? – Reyna iria dizer algo

Jason já estava pronto para nadar até o lado da Pretora e se oferecer para jogar em sua equipe, mas Leo abraça seu pescoço e bagunça seus cabelos.

- Você vem comigo – Dizia risonho.

- É o seguinte... – Percy erguia dois grandes anéis d’água, um de cada lado – Tipo quadribol mesmo, quem chegar a 10 pontos primeiro ganha.

A essa altura Clarisse e Thália já estavam de biquínis e saltavam na água, prontas para participar do “joguinho”. Thália para a equipe de Percy e Clarisse para a de Jason.

- Então eu sou o juiz – Gritava Annabeth do barco e sorria quando jogavam a bola para ela.

Então lá estam Will, Piper, Nico e Annabeth na “torcida”

- Três ..- Will começava a contagem animado – Dois... Um...

- VAI! – Todos gritavam juntos e Annabeth lançava a bola no ar o mais alto que conseguia.

Percy erguia Reyna no ar com a água e Jason voava em sua direção, Thalia pegava uma carona na onda e saltava em direção de Clarisse que já nadava.
As mãos da Romana agarram a bola e os braços de Jason a envolvem quase como um abraço.

- Solta Reyna! – Ele pedia rindo

- Nem morta! – Mais uma risada e logo ela e Percy trocam olhares – AFUNDA!

A semideusa gritava mais para Percy do que para outra coisa.
Dito e feito, a onda que carregava Reyna e agora Jason se abria como um grande buraco, engolindo ambos e os deixando em uma longa queda, o buraco se fecha  em cima de ambos os semideuses e os engolem para a água. Por Jason estar em baixo da garota, foi quem bateu primeiro e quem levou todo o impacto, a soltando no mesmo instante.
O filho de Poseidon já ia começar a rir, até sentir um calor extremamente desconfortável, ao olhar em volta via Leo não muito longe dele com as mãos quase completamente mergulhadas na água enquanto um jogo de luzes vermelhas e amarelas podia ser visto, com a potência do calor não demoraria muito para aquela parte da água ferver.
Um estrondo alto. Um raio cai completamente do céu batendo diretamente onde estava Thália e Clarisse, a eletricidade chegava a arrepiar qualquer um que estava dentro e fora d’água.

Em cima do barco, uma torcida com direito a gritos, palmas, assobios e risadas animadas.

- Ainda estão lá em baixo – Dizia Piper perto de Annabeth enquanto batia palmas.

- Relaxa- A loira sorria acompanhando a disputa com os olhos – Eles estão bem.

Não deu outra. Reyna voltava a superfície em um pilar de água longo com a bola em mãos, logo atrás de si Jason voando rápido como uma bala, a Romana olhava para o amigo sorrindo e enterrava a bola com tudo no anel de água.

- 1 À 0 PARA EQUIPE AZUL – Gritava Annabeth se divertindo.

Nico fechava a cara e Will ria descontroladamente dele. No fim, a equipe de Thália, Reyna e Percy havia ganhado de 10 à 4 da de Jason, Leo e Clarisse em um toque lindo entre Reyna para Thália.

...

Anoitecendo, todos estavam espalhados pela sala semelhante a um playground. Leo e piper jogavam cinuca, Reyna, Annabeth, Thália e Clarisse truco, Jason e Percy Pebolim  e Will e Nico, apenas riam das cagadas no jogo de cartas.

- Ganhei – Dizia Piper com toda a calma do mundo e dava um gole longo na coca-diet – E você, Leo, é péssimo.

- VOCÊ ROUBOU! – Ele acusava.

Ambos riam e se juntavam aos outros, Piper deitava com o rosto nas coxas de Reyna, que lhe fazia um carinho discreto e Leo foi incomodar o jogo de Jason e Percy.

- Vocês já jogaram “I Love You Game” ? – Perguntou erguendo as sobrancelhas e fazendo aquela cara de quem tinha aprontado, enquanto todos o olhavam.

- É o que? – Jason soltava um xingamento por ter se distraído e levado um “gol”.

- Ah vamos lá então... – Ele dizia puxando os amigos e tirando as cartas da mesa – Nós formamos duplas, as duplas se encaram cara a cara e tem que dizer o quanto gosta e/ou amam o outro e quem ficar sem jeito ou com vergonha primeiro perde e é eliminado, até o grande final.

Leo parecia animado até de mais com a ideia da brincadeira mas por incrível que pareça, quase todos aceitaram a ideia, menos Thália e Will, que justificaram com um “Vocês tem demência?” e “Não sou muito bom com essas coisas”.

- Perfeito, perfeito – Dizia Leo e puxava Percy e Jason, os colocando cara a cara – Vamos começar com uma demonstração que não vale nada.

Ambos trocam olhares e parecem extremamente confiantes.

- Cara... Eu gosto de você – Começava Percy sorrindo

- Na verdade, eu amo você – Jason rebatia

- Eu estou fodidamente apaixonado por você – Percy

- Eu amo seus olhos – Jason

- Eu poderia beijar você bem agora – Percy

- Eu disse que você tem um bom corpo – Jason

- Eu realmente amo seu abdômen, é tão sexy – Percy

A expressão dos ali presentes era completamente WTF

- Cara, só me caso contigo – Jason

- Mas é claro, podemos pular logo essa parte do casamento e ir direto para a lua de mel? – Percy

-  Eu com certeza vou te mostrar umas coisas que você nunca vai se esquecer – Jason parecia a começar a se irritar naquele momento

- Você. Eu. Cama. AGORA! – Percy também não tava lá com a maior paciência

- Você não vai resistir Jackson – Jason

- Eu vou, eu vou Grace. – Percy

- Então eu vou... – Jason

- ESTÁ BEM! PAREM! JÁ O SUFICIENTE! MAS O QUE DIABOS VOCÊS DOIS? – Thália intervinha com uma cara tão horrorizada quanto a dos outros – Não era só uma demonstração?

- É... – Dizia Leo com uma expressão de medo – Uma demonstração... dá pra gente começar logo?

Claramente todos eles os olhavam estranho.

ROUND 1
Percy X Nico

- Nico, eu gost... – Percy apoiava o rosto no punho o olhando

- Pare! – Nico já estava suando e segurando a raiva

- Mas eu realmente gos... – Percy queria rir e isso era muito evidente

- Não! – Nico

- Então você começa – uma risadinha – Diga que me am...

- Impossível...

- Vamos lá, eu sei que você gosta de...

- Eu... – Nico se levanta já com o rosto queimando – Apenas posso dizer que eu já amei você seu maluco!

- E... Você perdeu Nico – Percy colocava as pernas em cima da mesa e sorria

Todos a volta deles riam dando a grande vitória a Percy e nico apenas xingava, voltando para perto de Will que rolava de tanto rir.

ROUND 2
Jason X Piper

- Hey Pipes – Jason se sentava a frente de Piper que estava com um sorriso no rosto – Já disse o quanto eu te amo?

- Oh, claro, eu também te amo tanto Grace – Ela quase fazia um deboche

- Ama? – Ele sorria convencido

- Talvez ame muito mais do que você imagina – Piper dizia baixo movendo os lábios com cuidado, por fim dava uma mordida no próprio lábio e piscava para Jason, que quase virava um tomate – Game Over

Novamente todos riam e Percy se vangloriava por ter ganhado a primeira e Jason perdido.

- HÁ! PARECE QUE O GRACE NÃO É TÃO HOMEM ASSIM NÉ – O filho de Poseidon começava a rir

- Calado Jackson, a sua foi fácil – Jason estava com uma das mãos no rosto cobrindo o quanto estava corado.

- PRÓXIMO! – gritava Leo animado

ROUND 3
Annabeth X Clarisse

Annabeth se sentava na mesa meio sem graça e olhava para a companheira.

- Eu te curto – Começava Clarisse rindo

- Eu... também gosto de você – Qual é? Nem começou direito e a filha de Atena estava quase perdendo.

- Hey Annie – Clarisse a chamava e olhava fundo nos olhos cinzas – Eu amo você.

Com sucesso, Annabeth encosta a cabeça na mesa e se encolhe tentando evitar o cosplay de tomate que estava fazendo naquele segundo. Por que tinha sido tão rápido? Talvez pela ponta de verdade que a loira havia visto nas palavras de Clarisse.

- Uou... – Disse Leo as olhando – Essa foi rápida...

Todos estavam meio constrangidos com aquela em especial, principalmente Percy que fazia uma cara nada contente, enquanto Jason ria silenciosamente.

ROUND 4
Reyna X Leo

- Eu te amo Reeeey – Leo dizia felizão e Reyna não parecia nada feliz com aquela brincadeira.

- Eu não te suporto Valdez – Respondia com uma mão na testa

- Ah, vamos lá, não é assim que se brinca – Ele se aproximava sorridente – Eu sei que também me ama.

- Definitivamente... – Reyna erguia o rosto, ficando quase encostada em Leo – ...

Nada foi dito, seus olhos encaravam o fundo dos do amigo como se sugasse sua alma se ele tentasse continuar, em vez de corar Leo ficou pálido, o que pode se dizer? Reyna tinha um efeito completamente apaixonante, porém completamente amedrontador
Leo engole em seco.

- Você perdeu – Ela sorria gentilmente e batia no nariz do garoto.

Mais uma vez todas as vozes tomavam o ambiente com risadas de pura graça, tirando uma com a cara de Leo, que foi tão convencido achando que de primeira iria fazer Reyna cair nos devaneios do “Team Leo”.

ROUND 5 – Semifinal
Percy X Piper

Ambos se olham, Percy a encara como quem não quer nada e boceja.

- Qual é, essa vai ser fácil – ele olhava para a filha de Afrodite – Eu te amo Piper

- Oh, sério? – Ela ria – Eu também te amo Jackson

- Poderia provar como me ama? – Percy erguia uma das sobrancelhas e olhava de canto de olho para Jason, sabia que lá no fundo havia uma ponta de sentimento que o garoto ainda tinha.

- Talvez... – Piper engatinhava por cima da mesa e colocava a boca perto do ouvido de Percy – Talvez se...

A expressão do garoto ia de calma para algo completamente abismado, boquiaberto, com o rosto totalmente vermelho e com as mãos quase tremendo.

- E... Quem perdeu foi você – Piper ria dando um beijo no rosto de Percy e se levantava vitoriosa.

- Quem aqui que não é homem hein Jackson? - Jason ria pelo fato de que até Percy havia cedido aos encantos de Piper

Já Percy? Nem respondia, estava completamente sem jeito, nem sabia que palavras tão sujas podiam ser ditas com tanta tranquilidade.

ROUND 6 – Semifinal
Reyna X Clarisse

- Não rola – Dizia Clarisse se sentando e olhando para a Romana

- Com certeza não rola – Reyna passava a mão pelo próprio rosto e começava a dizer para que apenas ela escurasse – Mas com a Annabeth...

Reyna abriu um sorrisinho e no mesmo momento Clarisse fica de pé e bate algumas vezes na mesa.

- desisto, desisto, desisto, desisto – Dizia repetidamente fuzilando Reyna com os olhos – Mas você me paga.

Pela primeira vez ali alguém viu Reyna caindo na gargalhada, e como era contagiante, todos riram junto, basicamente ninguém havia entendido o que tinha acontecido, mas todos perceberam que ela era potente em qualquer tipo de competição.

- QUAL O MACETE REYNA? – Leo pedia em meio as risadas – Impossível!!

- Eu tenho meus jeitos – Se gabava ainda sentada.

ROUND 7 – FINAL
Reyna X Piper

Piper ia se sentando na total confiança do universo.

- Eu amoooooooooooooo você RA-RA – Ela sorria

- O que você acha que...

- Eu acho que eu AMOOOOOOOOOOOOO você, querida – Os cotovelos de Piper estavam na mesa e seu rosto apoiado nas mãos.

- Você está morta. – Reyna estava de punhos fechados e expressão intolerante.

- Ah sim – O deboche começava – Você não consegue jogar esse jogo comigo, consegue?

Reyna se levantava no mesmo momento e olhava fixamente para a garota.

- Okay então, eu vou jogar o seu joguinho irritante. – Reyna estendia uma das mãos pegando na gola da camiseta laranja e puxava Piper para perto de si, encostando seu nariz e quase seus lábios – Eu amo você Piper Mclean.

Muito bem, Piper ficava branca, claramente sem reação. Engolia saliva desviando os olhos dos da romana, levava uma das mãos para o braço que segurava sua gola e mostrava estar tremendo um pouco.

- Okay, eu desisto – Pedia sentindo o rosto ficar completamente corado – Eu perdi, agora pare.

Uma longa risada era solta e temos um vencedor.
Todos comemoraram a favor de Reyna e o resto da noite foi até que bem agitado para os semideuses, era sua última noite de descanso e fecharam com chave de ouro (eu acho), por mais que durante a noite houvessem olhares estranhos entre Clarisse e Annabeth, que parecia não conseguir tirar as palavras da cabeça e entre Reyna e Piper, que parecia evitar um pouco a Pretora depois daquilo.

Francamente, não sabiam se agradeciam a Quíron ou se o amaldiçoam, afinal fazia tempo que não descansavam assim.


Notas Finais


Comentários?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...