1. Spirit Fanfics >
  2. Running Wild >
  3. Cap 5 Entrevista de emprego e momentos embaraçosos

História Running Wild - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


OI gente! Como o capítulo anterior é muito curto decidir postar um capítulo a mais pra vcs essa semana... espero que gostem
boa leitura

Capítulo 5 - Cap 5 Entrevista de emprego e momentos embaraçosos


 Cap 5 – Entrevista de emprego e momentos embaraçosos

 

Segunda feira havia chegado , e conforme o combinado Yeosang ligou pros meninos que Mingi havia indicado . O mais alto havia lhe dito naquela noite que os garotos eram irmãos, que queriam deixar de morar com a sua tia e por isso iam começar a procurar trabalho. Yeosang interessado em trocar os seguranças o mais rápido o possível e com a permissão de Yunho , seu amigo e dono da Running Wild , conseguiu marcar uma entrevista a tarde com os dois num café em frente ao clube.

A tarde Yeosang chegou um pouco mais cedo no café e pediu algo pra beber enquanto esperava os possíveis novos empregados da boate. Enquanto bebia o seu americano e lia as notícias em seu celular, recebeu uma mensagem no Kakao Talk de um deles. Era do tal de Choi Jongho , o irmão mais novo perguntando exatamente se ele havia chegado e em que mesa estava. Yeosang logo avistou os dois e acenou com a sua mão livre pro que os dois o vissem. Assim que o viram , os irmãos se dirigiram à mesa ,curvaram-se e sentaram-se.

Yeosang conseguia perceber a ansiedade dos dois, afinal era a primeira vez que ambos iam atrás de emprego, nunca tinham feito uma entrevista antes, era normal se sentir da forma em que estavam, por isso pediu que eles escolhessem algo pra beber ou comer que ele pagaria, queria deixá-los relaxados.

As perguntas feitas eram sempre as mesmas. Disponibilidade de horário pra trabalhar, se sabiam alguma arte marcial , se tinham paciência e força pra aturar pessoas bêbadas , valor do salário e por aí vai. É inegável a surpresa que o mais velho teve quando soube que Jongho fazia educação física e tinha força o suficiente pra destruir uma maçã com as mãos ou até mesmo uma melancia com apenas um soco. Sem contar o choque que levou quando o outro irmão , San um menino mais baixo que si e bem magro , contou que o pai deles tinha um estúdio de Taekwondo e que ele era faixa preta 7º dan.

Obviamente , com essa conversa Yeosang os contratou na hora. Achou que eles eram as pessoas certas pra trabalhar nesse tipo de lugar. Mingi os havia indicado e além disso , parecia que os meninos eram sérios , honestos e realmente precisavam do emprego, sem contar que eram bonitos . Por que não tê-los como seguranças num lugar em que a beleza é fundamental?

Y: Então, já que me contaram de vocês , que acham de começarem quinta feira a noite?

Ambos os meninos se olharam sorrindo e concordando com a cabeça.

Y:- Que bom então, venham comigo vou mostrar onde vocês vão trabalhar.

Depois de pagar a conta Yeosang apenas atravessou a rua e pronto estavam de cara pro clube.

Y: Bom, é aqui que vocês vão trabalhar. Mas entrem , vou lhes mostrar o restante do lugar.

Meio envergonhados , os irmãos apenas o seguiam. O mais velho foi mostrando canto por canto. Desde o bar intocável de Seonghwa até o camarim dos dançarinos.

Y: E ai? O que acharam? Gostaram? Acham que dão conta de trabalhar aqui?

S: Claro. - San respondeu sem pensar duas vezes

Y: Então, vai ser o seguinte. Um de vocês ficará na porta cuidando de quem entra e quem sai. O limite da casa é de 1000 pessoas. Tendo mais que essa quantidade de pessoas , o que ficar responsável pela entrada deverá fazer o controle da fila. Sai um , entra 1, saem 2 entram 2...e por ai vai..entenderam?

San e J: Sim

Y: Já o outro ficará dentro do clube e ficará responsável por evitar que os bêbados avancem em nossos dançarinos. E..

Nessa hora Yeosang foi interrompido pelo seu celular e era um número desconhecido ligando , ele não ia atender pois estava no meio de uma explicação , mas reparou que os meninos ainda estavam olhando curiosos pro local então atendeu.

Y: Alô , quem é?

Número desconhecido: Yeo sou eu, Woo. Eu estou ligando do celular de um amigo. Eu estou perto da boate, será que eu poderia aparecer por lá? Eu acho que esqueci meu celular lá ontem.

Y: Claro que pode vir. Eu na verdade já estou aqui, vim entrevistar os novos seguranças. Você acha que vai demorar muito?

Número desconhecido: Nops, eu estou há uns 5 minutos daí. Daqui a pouco eu chego.

Y: Então vem logo, que eu tenho que ir pra loja.

Número desconhecido: Sim, senhor… Mas será que você já pode me adiantar a vida e já ir procurando?

Y: Sério isso? A gente dá a mão e você já quer o braço? Tudo bem, eu procuro aqui , que eu também adianto o meu lado. Agora tchau, Wooyoung.

Número desconhecido: Nossa ,que delicadeza! Tchau hyung do meu coração. Beijocas…

Assim que desligou voltou a dar atenção pros novos membros da empresa.

Y:- Me desculpem por isso , foi uma ligação urgente. Tenho uma primeira missão pra vocês, me ajudem a achar um celular que uma pessoa irresponsável acha que esqueceu aqui.

Os meninos não questionaram o pedido do mais velho e foram procurar . San decidiu ir até o camarim . Ele revirou cada canto e até que por fim achou o tal aparelho. Ao voltar pra pista viu uma cena que o fez rir muito e não querer interromper. Jongho segurava de uma forma hilária o seu chefe . Ele tinha ido ajudar Yeosang a procurar o tal telefone perto do bar. Enquanto procuravam, o mais velho escorregou e quase beijou o chão digo quase porque o mais novo o segurou na hora e evitou a queda.

Yeosang não podia negar que desde a entrevista tinha achado o Choi mais novo muito atraente e depois que lhe contaram como o menino era forte, ai mesmo que Sang soube que iria ser complicado não querer fazer nenhuma besteira com o garoto ( se é que vocês me entendem) . Agora então depois de quase ter caído e ter sido amparado pelo mais novo ele percebeu que seria inútil resistir . Ele queria e iria conquistar o segurança.

Foi bem nessa hora que o dançarino chegou

W:- E então hyung, achou o meu…. - Ai meu deus, cheguei numa hora ruim , hyung? Me desculpa eu juro que…

Y: - Woo não e nada disso que você está pensando , nós estávamos procurando o seu maldito celular quando eu escorreguei e ele evitou que eu caísse – falou totalmente envergonhado sem olhar pro segurança.

W:- Aham , sei ...Mas achou?

Nessa hora San voltou pro salão

San: Com licença moço. Esse por acaso é o seu telefone?

Ao olhar pra quem havia lhe chamado , o dançarino gelou. Quem era esse espetáculo de homem que estava a sua frente? Ele não conseguia parar de olhar pro humano a sua frente . Era possível existir uma pessoa tão bonita quanto esse ser ? Wooyoung internamente se perguntava.

San: Moço?

W: Ah, é sim . Obrigado, mas não me chama assim. Meu nome é Wooyoung e o seu?

San: Eu sou o San. Muito prazer.

Y: Woo, já que você está aqui , vou lhe apresentar. Esses são Choi San e Choi Jongho . Sim , meu caro Wooyoung eles são irmãos e a partir de quinta trabalharão aqui.

W: Sério? Mais dançarinos?

Y:- Não, bebê. Eles são os garotos que o Min indicou pras vagas de segurança.

W: - Ah sim. Eu sou Wooyoung , dançarino principal desse maravilhoso clube. - Disse olhando pro Choi mais velho.

Depois das devidas apresentações, Yeosang teve que cortar o papo no meio. O mais velho não tinha muito tempo a perder , ainda tinha que ir pra loja de bicicletas , Yunho ainda não a havia vendido então ele ainda tinha a responsabilidade de cuidar dela.

Y:- Bom, meninos vejo vocês quinta as 19 h então. E você Woo, mesmo horário de sempre , vê se não vai se atrasar.

W: Pode deixar comandante.

Depois disso , cada um foi pro seu lado. Wooyoung decidiu voltar pro seu dormitório da faculdade e era perceptível em seu rosto como ele estava feliz . Fazia um bom tempo que ele não sorria tanto. Ele havia conhecido um garoto muito bonito , que parecia ser muito simpático e que fazia TOTALMENTE o seu tipo. Ele sabia que com a presença constante desse garoto no clube , chances não faltariam pra seduzi-lo e que com certeza ele conseguiria , ou senão ele não se chamaria Jung Wooyoung.

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...