1. Spirit Fanfics >
  2. RWBY: Team JNSE >
  3. Reunião Explosiva

História RWBY: Team JNSE - Capítulo 1



Notas do Autor


Galera essa é o primeiro capítulo reescrito junto com o Crowleyking12, graças a ele eu pude organizar e me decidir melhor sobre a história que por mas que fosse bacana, convenhamos que tava uma bagunça enorme, houve algumas alterações do original para esse novo, mas vou poupar os detalhes e deixar vocês lerem em paz essa Fanfic, espero que gostem e deem seu FeedBack para que eu e o King possarmos estar motivados a continuar escrevendo essa Fanfic

Mas bora falar de coisa boa, bora falar da nova TekPix, kkkkkkk

Chega de enrolação e podem ler em paz esse capítulo

Capítulo 1 - Reunião Explosiva


Fanfic / Fanfiction RWBY: Team JNSE - Capítulo 1 - Reunião Explosiva

No canto mais obscuro de Remnant, Salem e os seus generais planejam os seus próximos passos, os presente na mesa são Arthur Watts, Tyrian e a novata do grupo Cinder.

-Senhor Watts, como está o progresso do vírus para derrubar o sistemas de beacon? - Pergunta a rainha de todo mal, Salem.

-Estou fazendo um sistema de invasão automático chamado de "peão" tão fácil de manusear que até mesmo uma criança poderia usar. - Watts fala em quanto repousa seu olhar sobre Cinder, Tyrian percebe isso e começa a rir fazendo a Cinder se enfurecer mas como essa é a sua primeira a reunião com Salem ela deixou para lá.

-Ótimo, Tyrian como vai a buscar pela donzela do verão?

-Minha deusa ela correu em direção à uma floresta ao Norte essa floresta é muito densa mais eu sei que em uma semana eu a encontrarei. - Fala o fauno com receio de sua deusa não gostar do seu progresso.

-Muito bem Tyrian o tempo é seu. - Com isso o Fauno da uma risada de pura felicidade.

-E quanto você...Cinder e... - Salem é interrompida pela a porta de sua sala sendo a aberta todos olham para ela, revelando assim um homem que aparenta ter 30 anos de idade, uma barba escura com alguns partes grisalhas, olhos frios de cor púrpura, trajando uma roupa parecido com dos Generais de Atlas, só que preta.

Tyrian dá um soco na mesa ao ver o homem, enquanto Watts apenas revira os olhos, Cinder sem entender nada apenas fica apreensiva por sentir seus poderes enfraquecendo a medida que o homem vai até a mesa.

-Grant, eu o convoquei a semanas e você só aparece agora? Me dê um motivo para não deixar Tyrian arrancar sua cabeça agora. - Salem ainda mantém sua postura fria e ameaçadora enquanto Tyrian se diverte de imaginar matando o Grant.

-Ariandel. - Grant fala espantando todos ali presentes os fazendo mudar suas posturas fixando seus olhos em sua figura. -Eu achei a ilha sagrada de Ariandel, o lugar onde os três grandes magos isolaram a ilha do mundo, um lugar onde existe um pouco de magia, eu sei onde ela está, mas...um feitiço impede meu avanço. Mas nos livros antigos falam que em meio a um eclipse a magia perde sua força, então poderei invadir a ilha e tomá-la para você, Salem.

Grant fala isso enquanto se aproxima da mesa colocando suas mãos na mesa encarando a rainha de todo mal, Grant encara seus olhos pálidos e vê beleza. Ela sabe que ele gosta de encarar seus olhos e de certa forma gosta disso afinal todos evitam a olha-la por muito tempo, menos Grant.

-Quanto tempo vai demorar para esse eclipse ocorrer ?

Grant se desanima e se afastava da mesa desfazendo o contato visual e de certa forma isso incomoda a deusa, Grant cruza os braços atrás das costas e respira fundo.

-Dois anos, até lá posso planejar uma ofensiva forte o bastante para acabar com qualquer chance de vitória deles.

-Pois bem você terá dois anos, falando em você Grant, a White Fang está apoiando a investida de Adam Taurus como seu novo "rei"...tem algo a dizer sobre isso?

Grant solta uma risada de canto.

-Sentar no trono não significa que você é um rei, só significa que você sabe sentar. - Grant fala isso em quanto se vira em direção a saída da sala e planejando como vai desmantelar a ilha mais segura do mundo.

 

 

 

 

 

Ilha Ariandel

 

 

Dois jovens de 12 anos estão treinando suas habilidades, em um jogo de gato e rato. Natsuki Katzuo, está em uma grande árvore com seu arco e flecha procurando seu amigo para cumprimenta-lo com uma flecha em sua bunda. Natsuki ao ver uma movimentação nas árvores dispara uma flecha, e saindo do lugar para evitar a flecha aparece Jackie Cunningham, o garoto começa a avançar rapidamente em direção a árvore do seu amigo, enquanto Natsuki continua disparando flechas e ele as rebate com uma espada. Chegando perto da árvore ele pega um impulso e vai até o topo da árvore e fica de cara com seu amigo e recebe um soco no nariz de imediato.

-Droga Nazo, essa doeu! - fala Jackie colocando sua mão em seu nariz que sangrava.

-Você queria um beijo bebezão? -fala Nazo tentando abraça-lo.

-Sai daí - Ambos se sentam e começam a rir e a observar a paisagem do por do sol iluminando toda a ilha com uma luz laranja...a visão do paraíso.

-Jackie em dois anos vamos ter permissão para sair de Ariandel e virarmos caçadores! Eu estou ansioso para montar a minha arma estou pensando em um arco que vira uma espada com poderes de fogo! - Jackie apenas riu do moreno.

-Você no combate corpo a corpo é uma piada.

-Como tá seu nariz bebê? - Falou Nazo deixando a voz mas fina.

-Ha! Ha! Isso se chama golpe de sorte.

-E você Jackie? Vai querer fazer o que quando sair de Ariandel?

-Eu não quero sair daqui, olha para essa paisagem isso aqui é um paraíso e minha família está aqui...o que mais eu poderia querer?

 

 

 

 

 

5 Anos Depois

 

 

Os dois amigos estão cansados de não conseguirem dormir, cansados de combatentes desgastantes e cansados desta chuva que cai sobre eles...uma chuva que para eles não acaba.

Eles estavam rastreando já faz cinco anos, boatos sobre um tal de "Corvo Branco", o homem que fez o lar deles virar um túmulo incandescente, e agora estão olhando para um grande armazém onde a White Fang está se reunindo com uma espécie de gangue local.

-Vamos fazer assim entramos pelo teto e depois nos dividimos, você fica na parte superior com o seu arco enquanto eu fico em baixo.- Nazo em um gesto concorda e os dois invadem o armazém.

E lá eles vem cerca de 15 homens da White Fang e 3 homens usando ternos pretos com gravatas vermelhas. Nazo já em posição aponta o seu arco para os vilões aguardando o sinal do seu amigo.

- Nazo, espere atire só quando tivermos todas as informações. - O garoto de olhos vermelhos fala para o amigo pelo seu comunicador.

-Trouxe aquilo que lhe pedi? - Pergunta o homem que usava o terno preto.

Outro homem cuja estatura era de dois metros e meio, mostra uma maleta.

- Esses caras são barra pesada, cuidado Jackie - Jackie é avisado pelo comunicador que estava no ouvido, se aproxima ainda mas, conseguindo assim ver o que havia na maleta, era apenas Dust...escuro, algo que ele se lembra de ter visto em grande escala a um ano atrás.

Jackie apenas engolia seco, ainda não acreditando que perdeu seu tempo para encontrar Dust e não o corvo de branco que ele tanto procura, seus instintos lhe diziam que era esse o lugar que a White Fang ia fazer uma troca de informações com a Night Shadow. Nazo percebeu algo, mas antes de pudesse falar alguma coisa, uma lâmina de energia de cor azul se aproxima do seu pescoço o mesmo então desliga o comunicador e olha lentamente para trás e dá um sorriso.

Uma silhueta feminina o encarava ainda com as espadas a encostada no seu pescoço, ele olha profundamente para seus olhos e percebe que ela era um fauno, antes mesmo que pudesse falar algo recebe um chute da garota, que o faz voar até a parede do armazém. O barulho chama a atenção das gangues que logo se estranham e começam a brigar entre si, Jackie sem mas escolhas pula na frente dos chefes e pega a maleta para si saindo correndo pela porta da frente. A mesma garota que atacou Nazo vai para cima de Jackie, o mesmo acerta a maleta na garota que tem a sua testa cortada por causa da maleta.

Nazo nota que Jackie está sendo perseguido, ele o avisa e então Jackie vira na direção dos membros da White Fang e saca sua espada, só de balançar a espada, canalizando seu semblante de fogo na sua lâmina e disparando um corte incandescente que acerta em cheio dois membros da White Fang os derrotando.

-Nazo Retaguarda. - O moreno obedece e atira suas flechas de Dust nos membros que estavam longes, e Jackie apenas atacava com o lado da espada que não cortava, ele se segurava para não acabar machucando alguém.

De um em um, ele foi golpeando cada membro da White Fang e Nazo acertava cada alvo sem errar.

Do outro lado a mesma garota que atacou Jackie e Nazo solta uma rajada de energia na direção dos dois, que são atingidos, mas logo de levantam, o moreno retira uma flecha. Mesmo quase acertando, a garota segura e nesse instante a flecha explode.

-Uma flecha que explode em contato com a aura ativada?

-Se impressione mais tarde. - O moreno prepara mais outra flecha e avança para ver como está a jovem que ele atingiu.

Ao se aproximar percebeu que além de desmaiar a garota, percebeu que aura da jovem ficou inativa, mas rapidamente ela se levanta e tenta atacar Nazo com seus sabres de luz, porém o moreno usa o próprio arco para se proteger.

Ela desfere golpes velozes e precisos com aquelas armas, se o arco de Nazo não fosse feito de um material bem resistente, ele já teria sido destruído. A garota faz um salto no ar pulando por cima de Nazo e acerta um chute em seu rosto o deixando desnorteado, ela aproveita a brecha e o corta com ponta do sabre de luz azul a sua perna, que faz a mesma ser congelada além de fazer ele sentir uma grande dor.

Jackie vê o seu amigo e corre para tentar ajuda-lo, mais um dos capangas da White Fang pula na frente dele com dois bastões e começa um confronto com ele, Jackie viu que pela técnica, ele era um cara diferente, ele era forte. Jackie tenta dar uma estocada usando a espada mas ele recebe uma joelhada em seu estômago o quê faz cambalear para trás um pouco, o inimigo acerta os bastões que estavam com um energia elétrica emanando dele na sua cabeça fazendo Jackie gritar, mesmo ele sendo eletrocutado ele libera seu semblante e faz uma aura de fogo a sua volta, afastando o oponente e atacado com um soco de chamas que o acerta e o explode.

-IRMÃO!! - A menina para o confronto com nado e vai de encontro com a nuvem de fumaça feita pela explosão.

Quando a fumaça baixou o homem usando a roupa da White Fang se revelou de verdade agora ele usa uma espécie de armadura protegendo seu braço direito e usa uma camisa preta e uma calça desgastada. A menina também está usando um capote rosa e uma calça preta.

Eles estão de costas um para outro, enquanto a menina encara Jackie com seus sabres de luz azuis e o encara Nazo que mira uma flecha para ela.

Logo Jackie percebeu que eles não são da White Fang, então não houve razão para essa luta durar mais.

-Quem são vocês? Por quê estão aqui? - Pergunta o cara com os bastões.

-Opa opa nós chegamos aqui primeiro, responde você! - Fala Nazo meio irritado.

-"Chegaram Primeiro"? Eu tô infiltrado aqui já faz dois meses! - Respondeu o cara com os bastões.

-Opa então vocês não são da White Fang? - Indagou Jackie.

-Claro que não seu ladrão de merda!

-Certo, com certeza tem alguma explicação para tudo isso, então vamos nos acalmar e guardar nossas armas - Jackie tenta apaziguar a situação enquanto Nazo o lança o olhar de "Que diabos você tá fazendo?"

-Confiar em humanos? Passo. - Fala o cara que junta seus bastões fazendo um cajado. -Vamos pegar o que é nosso e vamos embora.

-Você tá falando disso aqui? - O capanga da White Fang de dois metros com uma motosserra que abre a maleta e retira o Dust Negro e o coloca contra a arma a fazendo libertar chamas negras em quanto o homem ri.- Eu Castor irei mandar suas cabeças para o senhor Adam ele ficara feliz com isso.

-Vem pegar Jason.

Todos ali sacam suas armas, menos Edward pois ele já estava pronto com seu cajado. Que avança sem pensar, Jackie logo em seguida o segue, Nazo prepara uma flecha e dispara, a flecha se dividi em cinco pequenas flechas com Dust de gelo, acertando no Castor. Porém não fez efeito algum nele, Edward puxa uma grande descarga elétrica até o Castor, que sofre um dano relativo.

Sora arremessa uma de suas espadas até o membro da White Fang, que desvia mas sofre um pequeno arranhão na máscara, a arma volta como um bumerangue e quase acerta Jackie. Ela corre ultrapassando Jackie e Edward, mas logo tenta atacar com suas espadas, mas ao encostar na barriga, as lâminas falham e desligam, e atravessam sem causar nenhum dano elemental. Castor a aperta Sora pela cabeça e a joga longe, Nazo corre e socorre ela.

-Aqui beba isso - Ele a mostra um frasco, a mesma desconfia, Nazo percebe e a explica o efeito do líquido que havia no frasco. -Confie em mim, em alguns minutos isso vai restaurar suas feridas e energias. - Sora hesita mas aceita e bebe o que havia no frasco.

Ele fica do lado dela, esperando que o melhor aconteça para a jovem.

Jackie pula e tenta atacar o capanga da White Fang, mas erra e é atingido pela motosserra do Castor no peito. O jovem agoniza de dor, as chamas negras surgiram após o corte aumentando gradativamente a dor. Nazo se preocupa e corre até o Castor, desta vez atacando com o arco, porém o Jason não parava por nada, e o socou, quebrando sua defesa de aura. Ele então decide tentar se comunicar com Jackie, Edward e Sora por telepatia e consegue.

-"Vocês estão bem?" - Perguntou Nazo.

-"Saia da minha cabeça humano." - Edward tenta evitar que Nazo se comunique pela sua mente, mas falha.

-"Chega disso, se quisermos derrotá-lo temos que trabalhar juntos, você goste ou não."

-"Ele tem razão irmão"

-"Até você Sora? Foda-se, vocês perceberam alguma diferença no Castor?" - Resmungou Edward.

-"Sim, a força dele aumentou logo assim que ele colocou aquele Dust na motosserra." - Respondeu o moreno.

-"Mas se pensarmos bem, esse Dust não é comum, seria necessário que a arma fosse muito resistente." - Analisou o cara dos bastões.

-"Então vamos sobrecarregar a arma, mas eu não sei como, vocês tem alguma ideia?" - Perguntou Jackie aqueles que estavam do seu lado.

-"Eu dou conta." - Sora já havia se recuperado.

-"Tem certeza irmã?" - Questionou Edward.

-"Contamos com você garota, eu e Nazo vamos distrair ele, vocês façam o que tem que fazer aí." - Jackie falou e assim fez.

Todos assumem suas posições, Jackie e Nazo atacam na linha de frente, Nazo ativa seu semblante e conjura flechas dos quatro elementos, e as lança na direção do Castor, mas de nada adiantou.

-"Arqueiro eletricidade foi o que mais fez efeito nele use isso a seu favor"- fala Edward.

Nazo capta a mensagem e troca de lugar com Edward que parte junto de Sora para cima do vilão. Jackie tem uma batalha feroz com Castor, os seus golpes de espada fazendo estremecer o seu corpo, cada encontro de lâminas faz as chamas de ambos crescerem e o seu ferimento no peito cada vez mais doer.

Edward aproveita que Castor está distraído e acerta junto da sua irmã atrás dos joelhos do gigante o fazendo cair de joelhos e logo em seguida ele pula em sua cabeça e lança descargas elétricas em sua cabeça o deixando atordoado. Nazo disparo uma flecha especial que era uma quando se abria lançava varias cordas tão resistentes quanto aço no braço com a motosserra de Castor a imobilizado.

Sora aproveita que ele está incapacitado e vai até sua arma e com seu semblante absorve toda energia do Dust negativo, mas não foi tão fácil assim a menina grita de dor enquanto as chamas negras são absorvidas pelo seu corpo e para não enlouquecer com tanto poder ela dispara uma rajada de energia gigantesca em Castor o fazendo se arremessado para dentro do depósito inconsciente.

Sora cai no chão e começa a chorar Edward vai até ela e abraça.

-Você consegui irmã você nós salvou.

Ela abraça o irmão de volta e se levanta, absorver aquela coisa a deixou com sua mente abalada, mais Edward sabe que sua irmã vai superar essa.

-Vamos todos sair daqui. - Fala Jackie para os irmãos que concordam.

-Vocês só vai sair daqui mortos! - Fala castor saindo dos escombros com sua máscara quebrada revelando que ele realmente tem um rosto marcado com uma cicatriz de ferro quente com a sigla SPD, ele retira um detonador do bolso e Edward ja vendo no que isso iria dar, larga sua irmã pega seus bastões os transforma em um cajado e acerta o chão, fazendo as ondas elétricas formarem um campo de força em volta de todos antes da explosão.

Então o deposito explode junto com o futuro time de "ladrões"...mais graças a Edward todos sobrevivem. Todos estão inocentes pela explosão, o bastão do Raders foi destruído fazendo assim o grupo receber um certo dano da explosão não o suficiente para mata-los mais o suficiente para faze-los desmaiar devido ao tremendo esforço.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

[...]


 

 

 

 

 

Jackie se vê no topo de uma árvore vendo o pôr-do-sol de Ariandel, uma visão do paraíso ele consegue sentir o leve frescor do ar se transformar em puro cheiro de sangue...um sangue misturado com cinzas, então um enorme corvo branco aparece no horizonte fazendo o céus ficarem vermelhos ele avança na direção do jovem Jackie que está paralisado de medo perante a criatura que está indo em sua direção, a criatura chegou tão perto do jovem caçador que ele consegue ver seus olhos vermelhos como sangue e então...ele acorda.

O jovem caçador acorda de mais um pesadelo com o maldito corvo branco o monstro que arquiteto de toda a dor que foi infligida a ele nesse último ano, o monstro que ele caça todos os dias.

Ele se vê em uma cama de hospital um quarto todo branco com sua espada ao lado de sua cama, ele de levanta e a empunha se sentindo mais seguro. Então a porta se abre revelando o Diretor de Beacon, Ozpin com uma caneca de café.

Ozpin chega perto do Jovem caçador e lhe entrega a caneca de café e senta em uma cadeira perto dele.

-Cadê o Nazo? - Perguntou olhando para o Diretor de Beacon.

-O jovem Katzuo está bem, ele está dormindo ainda. Eu estou aqui para refazer a minha proposta para você.

-Corta essa Ozpin... - Jackie se levanta da cama de hospital, pegando sua jaqueta preta que estava pendurada. -...vou acordar o Nazo e vamos embora, eu não tenho tempo para ir a aulas inúteis agora. - Ele vai até a porta, mas antes disso Ozpin se levanta.

-O Corvo Branco é esse o ser que você passou cinco anos procurando?

O jovem para e se vira para o diretor que estava com uma pasta na mão, o garoto rapidamente vai até ele e abre a pasta e vê alguns registros polícias, falando sobre um comércio de Dust negativo que está sendo comercializado secretamente a ponto de passar despercebido por vários criminosos.

-E cada um destes postos que descobrimos estão relacionados com um ser ligado a White Fang chamado de Corvo Branco acredito que ele seja um dos generais de Adam Taurus. Eu estou disposto a ajudar você na busca por ele contando que seja um estudante de beacon e aperfeiçoe suas habilidades aqui, então Jackie o que me diz?

O jovem para e pensa um pouco.

-" os recursos de Beacon podem ser úteis para essa missão além que não seria uma má ideia ter uma cama quente e comida descente por um tempo"

-Tá bom Oz...Eu aceito. – Relutantemente Jackie aceita.
 

 

 

 

 

Enquanto isso com os Irmãos Raders...
 

 

Ambos estão acordados e estão diante a Glynda Goodwitch uma das professoras de Beacon, que está lendo a ficha criminal dos irmãos, Sora está devorando a refeição que a professora trouxe para eles em quanto Edward se recusa a comer a comida dos humanos.

-Edward Raders, 17 anos, intelecto de nível gênio, um fauno de espécie desconhecida...

-Obrigado pelos elogios loiras mais eu não cruzo com humanas.

Glynda fica brava com a piada do fauno mais o ignora.

-...Acusado de roubo, violência contra autoridades e um incidente envolvendo o grupo de terrorista White Fang que causou 3 feridos, o que você tem a dizer sobre isso?

-Não serei julgado por humanos, vocês fizeram mal para a minha raça, e caso você queira informações sobre a White Fang pode esquecer não estou envolvidos com eles.

-Mas os procura, por quê?

-Não é da sua conta humana !

Glynda segura a sua raiva mais logo solta uma leva risada.

-O seu braço direito está machucado

-Sim eu machuquei na Batalha contra o Castor.

-Não, os registros mostram que você o machucou tentando proteger os 3 humanos de uma pedra que iria os esmagar...Eles te chamaram de herói.

Edward tenta disfarçar a sensação de alívio por saber que os civis estão bem. Ele não era uma má pessoa em relação aos humanos, mais as feridas do seu passado são muito profundas para ignorar.

-O que vocês querem com a gente?

- O Diretor Ozpin deseja integra-los na academia de Beacon em troca de "limpar" a ficha de vocês, mas caso você queira recusar a Polícia se encarregara de vocês dois, então o que me dizem?

Edward olha para sua irmã que estava com uma expressão de felicidade em quanto devora sem piedade os hambúrgueres que a loira trouxe, ele pensou nela e como ela merece...um período de calmaria conhecer novos faunos e saírem dessa rotina de mudar de lugar por segundo e correr risco de morte todos os dias, mas Edward não iria desistir de encontrar Adam Taurus ele precisava colocar um ponto final na história com o líder da White Fang.

-A gente aceita.
 

 

 

 

 

Horas depois
 

 

Ozpin olha para o horizonte de sua sala enquanto pensa em seus inúmeros erros e como essas 4 crianças são frutos de tais ações. 4 crianças que estão perdidas em meio a pensamentos distorcidos de justiça, ele espera se redimir com eles ou pelo menos tirar essa ideia de vingança sem sentido.

Ao ouvir a porta sendo batida ele fecha os seus olhos e respira fundo.

-Entre.

Glynda Goodwitch entra na sala visivelmente cansada por toda essa correria de última hora.

-Os Raders vão ficar, mas eles exigiram uma longa lista de equipamentos incluindo Dust de alta qualidade.

-Já esperava por isso, o senhor Raders não abaixa a cabeça facilmente. - Fala o diretor se sentando de frente para Glynda.

-Diretor Ozpin eu sei que essas crianças...são um pouco fora dos nossos padrões e um pouco instáveis, mas eu peço que repense a sua ideia de coloca-los no mesmo time.

-Eu entendo a preocupação. Jackie é muito instável e explode de maneira fácil, mais eu vejo que por baixo dessa raiva todo a um enorme vazio, mesmo assim ele nunca deixa de se preocupar com os seus companheiros. Natsuki é o que mais me preocupa, ele está sempre sorrindo e de bom humor...depois pelo que ele passou isso...me parece estranho, mais por um ano inteiro ele ficou do lado do Jackie, isso é uma amizade verdadeira. – Ozpin dá uma pausa, e toma um gole de café.

-Sora Raders...essa é um enigma e tanto, não existem registros sobre ela, tudo que sei é que ela e o irmão desertaram a White Fang depois de um certo incidente que por hora não temos informações, terei que esperar para poder opinar mais sobre ela.

-Edward Raders...esse ai é um caso..."especial" ele foi tirado de sua família com apenas 5 anos e posto para trabalhar nas minas de Dust da família Schnee, digamos que foram tempos difíceis para ele...mais surgiu a White Fang e acabaram o libertando, desde então eles os ajudou com seu intelecto e por falar nisso o garoto é um gênio! Ele constrói de tudo de sistemas de irrigação até programas de segurança que deixariam até mesmo os engenheiros de Altas perdidos.

-Isso não seria um problema para nós? – Indagou Glynda, preocupada com o que o garoto poderia fazer com o potencial que possui.

-Já tomei minhas medidas de segurança contra o senhor Raders.

-Não tô falando só dele, esse time ele vai realmente funcionar?

-Entendo suas preocupações professora Goodwitch, mas eu sei que esses 4 estão destinados a muita coisa juntas.

-Bom amanhã chegaram os alunos para os inícios das aulas, espero que eles se deem bem com o resto das crianças.
 

 

 

 

 

 

 

 

 

Antiga Ilha Ariandel

 

 

Os céus da ilha estão vermelhos como sangue, o oceano a sua volta está na mesma situação. Mostrando como a investida de Grant Ironwood mudou centenas de vidas e vez a própria natureza se curvar perante a ele.

O grande general de Salem estava perdido relendo os livros da biblioteca de Ariandel ,é fascinante como ainda existe registros sobre magia. Grant fica muito decepcionado por não poder usar magia mais ele a estudo a certo ponto de recriá-la de uma forma mais..."sintética".

Ele é interrompido quando um dos seus carniceiros, Wolf aparece na sala.

-Grão general Ironwood, tenho informações que mais uma das operações de Dust negativo foi encontrada.

Grant revira os olhos por ainda não perceberem que essas "operações" que eles tanto perseguem são apenas uma distração para plano principal. É impressionante como Ozpin mesmo tendo tanto conhecimento ainda continua sendo o ser mais idiota da existência.

-Senhor...mais dessa voz foram aquelas crianças de novo, mas dessa vez juntas.

-Então quer dizer que o Ozpin está reunindo arruaceiros para me combater...patético, Wolf com certeza eles vão atrás do Adam então fique de olho nele caso essas crianças ajam de novo.

-Senhor...o senhor está sorrindo?

Grant percebe que está esboçando um leve sorriso, que logo vira uma gargalhada que amedronta Wolf que corre da sala.

-Vocês conseguiram me fazer sorrir...interessante!

 

 

 

 

 

 

 

CONTINUA...


Notas Finais


Desculpem se o capítulo foi mas longo que Vingadores: Ultimato, mas foi escolha minha e do King(https://www.spiritfanfiction.com/perfil/crowleyking12)

Pf comentem e digam o que acharam da Fanfic, e se quiser que ela continue, ou quais são suas expectativas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...