História SaikoMene Saikinhos Saikorikos Saiko - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Rodrigo "Saiko" Ximenes
Personagens Personagens Originais, Rodrigo "Saiko" Ximenes
Tags Goulart, Naruto Saikobem, Paum De Saiko, Saiko, Yaoi, Ycaro, Ycaro Burro
Visualizações 41
Palavras 460
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Fluffy, Hentai, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


AHEM já vi isso em algum lugar cof cof

((Não tem comédia nesse Cap foi focado em romance))

Capítulo 1 - YCARO ME BEIJOU!!


Saikinho POV

Era mais um dia normal na minha vida. Eu  arrumei meu cabelo de princesa, pois eu estava parecendo o Felipe Neto do futuro. Depois escovei meus dentes e me arrumei, eu me olhei no espelho e me perguntei;

- Eu... Tenho futuro?  Os meus dias são como, se meus dias fossem contados... Sempre a mesma coisa... Minha vida vai mudar? Sempre parece que... Eu... Não sei?.. ~Ele fala como se já tivesse falado, com um tom repetitivo e baixo. 

Faço uma cara de deprimido como se não bastasse mais...

-Saiko Acorda são 6:55AM! 

Eu me arrumo de verdade, e logo depois vou de bicicleta para a escola...

Chego na escola... E tinha um garoto estranho sentado na minha cadeira... Eu o encarei e perguntei o fiz uma expressão confusa... Um menino loiro tinha cara de burro.. Eu suspirei coloquei minha mão em seus ombros, o fazendo olhar pra mim, então ele fechou os olhos, balançou a cabeça tirou minha mão de seus ombros e olhou pro lado, me dedeixando confuso e sem geito, então,  eu coloquei minha mão em seu rosto e virei seu rosto para mim, eu olhei em seus olhos e disse:

- Eu me sento aí. ~ eu falei com um tom suave, e com uma cara carinhosa o corando.

-M-me desculpa! Eu, eu, eu! Desculpa mesmo sério! F-foi sem querer! ~ Ele fala meio alto chamando atenção, nossos colegas olham para nós com caras de desconfiados.

Para minha sorte a professora chegou bem na hora. Com sua voz irirritante nos apresentou o Ycaro, Baby ficou o incarando, não sei porque mais isso me deu raiva..

A professora mandou agente se sentar junto, pois não ia há espaço para as cadeiras, e ele tinha um problema de burrice então eu tinha que ajuda-lo.. Imagina um burro ensinar um burro mais burro?

Ycaro olhou pra mim, deu um sorriso tímido, e me deu um papel escrito "Ycaro 9999 6666-6666" eu sem querer li em voz alta o Ycaro pós uma mão em minha boca, e outra no papel incostando sua mão na minha.. eu fiquei indignado

Assim a aula se passou e deu o recreio, Ycaro segurou minha mão e correu comigo até um lugar vazio, ele me sentou então ele se sentou do meu lado, ele põe suavemente sua mão em sima da minha mão,  e devagar coloca meu cabelo atrás da orelha, ele segura minhas duas mãos chega perto de mim e me rouba um beijo, eu fico sem reação e logo cedo o beijo. Nos precisávamos respirar então eu desfaço o beijo... Saio correndo como se estivesse feito a pior coisa da minha vida. E logo me escondo dentro do banheiro feminino sem querer. E me tranco no banheiro, e toda hora ouvia meninas falando e falando! 

-((Elas não saem do banheiro não!?))





Notas Finais


CLARUH QUE VAI CONTINUAR, NÉ!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...