1. Spirit Fanfics >
  2. Saint Seiya: Shinka >
  3. A Jornada Em Aries

História Saint Seiya: Shinka - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


desculpem a demora

Capítulo 10 - A Jornada Em Aries


Fanfic / Fanfiction Saint Seiya: Shinka - Capítulo 10 - A Jornada Em Aries


 Eu estava me aproximando do santuário, aquela noite era de chutar e devo admitir que o medo me vinha a flor da pele, eu estava prestes a trair Atenas pelo seu próprio bem, estávamos nus aproximando do santuário quando Akashi falou
_ vocês tem noção do que vamos enfrentar?. falou ele
_ temos que subir as "Doze Casas Do Zodíaco" cada casa é protegida por um Cavaleiro De Ouro, ou seja teremos que enfrentar todos de uma vez. Disse Red ao meu lado esquerdo
_ Ares, Touro, Gêmeos, Câncer, Leão, Virgem, Libra, Escorpião, Sagitário, Capricórnio, Aquário e Peixes, são essas as Doze Casas Do Zodíaco, porém uma estamos livres não a cavaleiro na casa de Escorpião já que Tangolf morreu. respondi
_ nisso tudo só temos Doze Horas. a tensão entre nós três era grande, tínhamos uma hora de vantagem já que uma casa estava desocupada, mas ainda avia um problema, mesmo com isso os cavaleiros e ouro não é pra qualquer um, a luta seria acirrada e perigosa, mesmo assim eu e creio que eles também sentiam que era importante a Adaga, então seguimos em frente, devo admitir que a escadaria era grande.
 Começamos a subir mas quando olhei pro lado vi um grande relógio de fogo ligado, nele marcava doze horas, ou seja quando o fogo de Ares se apagar lá iria uma hora, continuamos o caminho, era difícil correr ali já que a chuva da noite não ajudá-va, os degraus, nossas armaduras cabelos e roupas, fora as paredes e pilares destruídos tudo quebrado estava molhado, foi quando em nossa frente senti uma cosmo energia grande e quando olhei ali estava a primeira casa, A CASA DE ARES
 Começamos a adentrar na casa com cuidado sem muito o que fazer, apesar da cosmo energia gigantesca eu não senti o cosmo do guardião dali, é como se o cavaleiro fosse a casa e a casa fosse o cavaleiro, o barulho da armadura pegando no chão mal podia ser ouvido graças a chuva, formos andando de dentro da casa em diante
_ que cheiro é esse?. falou Red, comecei a sentir um cheiro de cerveja e vinha de um canto perto dali,começamos a ir e quando chegamos avia um homem deitado bebendo cerveja, ele possuía cabelos ruivos, pele pálida e soava sem armadura
_ que chuva, en? qu... quem são vocês?. falou ele falando com a gente mas ainda com os olhos fechados
_ quem é você? cadê o cavaleiro da casa de Ares?. perguntei
_ tá falando com ele, eu sou Serfus De Ares. falou ele se apresentando, como assim uma pessoa desleixada daquele jeito, poderia ser um cavaleiro de ouro, ele estava bêbado e todo melado, fora suas roupas que eram apenas trapos
_ Serfus, certo? assim temos que encontrar Atena em doze horas então poderia me deixar passar?. falou Akashi se aproximando dele, logo Akashi coloca a mão no ombro dele, mas do nada ele usa a palma da mão pra fazer uma manobra jogar Fênix no chão e subir em cima dele
_ não! minha obrigação é não permitir ninguém passar por esta casa. falou ele _ dem meia-volta e tenha uma boa noite. logo fiquei surpreso com tamanho poder, ele pode dar um golpe certo em Akashi coisa que eu nunca pude fazer, logo arrumei uma forma de passar
_ só tá evitando lutar porque tá com medo!. respondi ficando de costas pro dourado
_ O QUE VOCÊ DISSE MOLEQUE?. gritou ele furioso
_ você sabe que vai ser vencido por isso não quer lutar. respondi
_ ei Tetsu não fale assim ele é um cavaleiro de... antes que Red pudesse terminar a frase foi interrompido por Serfus
_ quer apostar?. disse Serfus frente a frente comigo
_ sim!, se eu vencer você vai sair do meu caminho, e se eu perder você pode usar meu sangue como bebida. ele logo deu um sorriso e parecia que estava gostando _ isso é loucura Tetsuiya! mesmo que vença temos tempo pra sairmos daqui. disse Akashi tentando impedir
_ então vou aumentar a aposta, enquanto lutamos seus amigos podem passar, e eu até concertarei as armaduras de vocês que estão todas destruídas. falou ele, eu faço sinal com a cabeça concordando, entregamos as armaduras a ele e formos comer e beber.
 Serfus consertava nossa armaduras de bronze e eu, Red e Akashi aproveitavamos pra recarregar as energias, eu tava comendo muchi, curry, carne, macacão e tudo que tinha na frente

_ Tetsu eu e Red vamos em frente, não morra vamos lutando seja rápido!. falou ele num tom bem sério
_ ele tem razão, tenha cuidado e não subestime o cavaleiro de ouro. falou Red
_ Ok. logo saímos pra ver como estava indo, e ele avia terminado os preparos
_fiz o possível, aqui estão as novas versões das armaduras de bronze de Pégaso, Fênix e Dragão, AGORA AMIGOS DELE SUMAM!!. gritou ele, logo Akashi e Red vestem suas armaduras e vão embora, eu coloco e fico frente a frente com o homem que não portava armadura, QUE O ATAQUE COMECE!!.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...