História Salvadora ou amor para a vida toda? (Gaara e Miukii) - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Visualizações 178
Palavras 1.669
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Hentai, Luta, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Konnichiwa seres humanos;
Deus do céu queria lançar um capítulo todo dia, mas a pessoinha aqui tem vida né ha ha, enfim meus amores boa leitura e espero que vocês gostem de ler tanto quanto eu gosto de escrever. Beijos.

Capítulo 3 - Conectados


Fanfic / Fanfiction Salvadora ou amor para a vida toda? (Gaara e Miukii) - Capítulo 3 - Conectados

Assim que ela saiu e encostou à porta eu vi o urso de pelúcia de Gaara e um papel na porta, assim eu peguei e a li...

“Miukii, hoje te conheci, e em poucas horas eu vi que você é uma pessoa muito legal. Por favor, aceite o meu pedido de desculpas, e também por meu pai te tirar da sua família só para eu ter controle. Então, a partir de hoje eu quero ser o seu amigo e quando eu conseguir controlar o Shukako sozinho, você poderá ir para casa e nesse tempo em que vai ficar aqui você e sua família poderão trocar cartas eu prometo, e como garantia eu te dou o meu urso para lembrar que sempre há esperança,

Do seu possível amigo,

Gaara”

 

Fiquei alguns minutos sem conseguir acreditar no que aconteceu, ele queria ser o meu amigo?

 Achei que ele seria malvado comigo – sorrio só de imaginar de poder ter contato com a minha família novamente – Então Gaara, eu aceito a sua bandeira branca. Logo vi que tinha pouco tempo para me arrumar, então já fui me preparando, a Mizuki realmente deixou tudo preparado para que eu conseguisse alcançar os produtos, pois querendo ou não eu ainda sou uma criança e tenho certas dificuldades em pegar as coisas em cima do armário.

Tomei banho e vesti a minha roupa, hoje seria a minha última semana na academia ninja para me tornar uma genin, então coloquei uma roupa mais casual para as aulas teóricas e fiquei esperando até Mizuki voltar com novar instruções.

- Miukii, agora você será encaminhada para uma sala para continuar os seus estudos – Disse ela após entrar em meu quarto – Você está melhor?

- Sim Mizuki, estou extremamente feliz, olhe – Dava para perceber que seu olhar aliviado ao ver a minha reação.

- Ora, ora, ora, então já conheceu o Gaara não é mocinha?

- É sim – Disse sem conseguir controlar o meu rubor.

- Fico muito feliz por você Miukii – Disse ela me abraçando, parecia mesmo feliz, será que ela teve um passado parecido para ter tal empatia?

- Então, eu queria saber se Gaara vai participar das aulas comigo, porque ele parece ter a minha idade... – Disse ruborizando ainda mais.

- Infelizmente não sei te dizer, mas agora vamos se não você pode se atrasar e o Senhor Kazekage não irá gostar nem um pouco.

Não vi Gaara a manhã toda, eu precisava dizer para ele que eu queria ser amiga dele, estava inquieta. De manhã eu tive aulas particulares com o mesmo conteúdo da academia, percebi que é um pouco puxado, mas mesmo assim gostei bastante, logo após o almoço, escolhi almoçar junto com Mizuki, pois até no cômodo onde todos almoçam, Gaara não estava lá.

De tarde era hora do treinamento, e como qualquer garota antes de ser uma genin, eu não possuía bandana, fico me perguntando que quando eu formar eu vou receber qual das bandanas, a de konoha ou de Suna.

Não havia ninguém ao chegar na área de treinamento, resolvi esperar até que vi Gaara chegando, ele parecia desanimado hoje, seus olhinhos verdes-água estavam tão tristes e quando eu logo eu ia falar com ele, o sensei chegou – Ah não, que raiva, eu preciso falar com Gaara mas é melhor eu me concentrar agora – Pensei abaixando o rosto me preocupada com o semblante dele, dava para ver que a minha resposta não dita estava afetando-o.

Quando acabou a aula, estávamos exaustos de tanto treinar taijutsus e lançamentos de kunais e shurikens, e lá ia eu, me aproximei rapidamente de Gaara antes que eu perdesse a oportunidade novamente:

-Eu li a sua carta

-Ah é? – Perguntou ele esperançoso, mas seu olhar me dizia que o pessimismo tocava forte em seu coração.

-E sim, eu aceito -  Disse sorrindo – Mas eu vou ficar com o urso e nem venha com esperanças de que eu vou devolv... Senti um abraço forte e inesperado, apenas o retribui sorrindo aliviada.

-O-obrigado, você não tem ideia do quanto que isso significa para mim – Foi aí que eu percebi, ele já tinha passado por isso antes, mas eu fui a primeira a aceitar a sua amizade, não consigo imaginar a sua solidão, apenas deixei uma lágrima de felicidade cair, nunca vou deixa-lo isso é uma promessa.

A noite fria de Suna caiu rapidamente, e chegou a hora dos experimentos, estava um pouco nervosa mas seu iria fazer o meu máximo para ajudar meu novo amigo. Fui encaminhada à uma ala hospitalar, mais especificamente em uma espécie de laboratório onde tinha várias máquinas e duas macas. Vi Gaara sentada em uma delas falando com uma médica, que o deixou muito engraçado porque ele já é pequeno, e nessa maca gigante ele fica ainda menor, bom, não posso falar muito já que sou exatamente do mesmo tamanho que ele.

-Olá, você deve ser a Miukii. – Disse a média sorrindo

-Sou sim – Respondi com um pouco de vergonha.

-Venha cá, você irá se sentar ao lado de Gaara.

Sentei ao lado do mesmo, e ela começou a fazer aqueles exames de rotina e então ela deu um breve resumo sobre o meu Kekkei Genkai e do que ele era capaz:

De fato o seu Kekkei Genkai é de escudo, ou seja, você é capaz de se proteger sem nem se esforçar, até imagino que nunca tenha ficado doente. De fato é muito poderoso, você consegue automaticamente se desviar de qualquer arma ninja assim como o escudo de areia de Gaara, porém o seu acaba sendo mais forte em uma escala de 80%, no entanto ele pode ser penetrado por genjutsus e ninjutsus de nível jounin, mas são altamente enfraquecidos. E por isso você é muito importante, e o que faremos hoje é transferir o seu escudo para Gaara, de forma que possa paralisar a biju, evitando que ele o domine.

-Sim e co-como faremos isso? – Disse com um certo pressentimento de que alguma coisa iria dar errado.

-Simples como você não consegue o seu escudo por si só ainda – Deu para perceber quando ela enfatizou a palavra ainda – Tiraremos amostras de sangue toda semana para transferir ao corpo de Gaara, e por isso receberá um treinamento adequado para aperfeiçoar o seu Kekkei Genkai adequadamente.

Apenas afirmei com a cabeça, e assim ela o fez. – Que medo dessa mulher, ela é muito estranha, parece obcecada pelo meu sangue. Quando foi tirar meu sangue parecia que era uma mina de ouro.

No final já estava exausta e querendo dormir então apenas fui me despedir de Gaara, até que ele veio perguntando:

- Já vai dormir?

- Vou sim, estou muito cansada – Disse bocejando e espreguiçando os braços.

-Ah – Disse ele abaixando a cabeça desanimado.

-Ei – Toquei em seu ombro – O que foi?

-Nada não, é que eu queria passar mais tempo com você.

-Eu também, mas você não está nem um pouquinho cansado?

- Na verdade sim, mas eu não durmo, é para que o Shukako não possa me dominar.

-Ah, mas e o sangue que eu te dei já não resolve esse assunto?

-Na verdade eu posso dormir com seu sangue no organismo, mas eles só vão permitir isso depois de algumas semanas, por enquanto só posso tirar cochilos leves.

-Nossa, deve ser difícil pra você.

-Bom, eu diria que é mais costume.

-Mas então, já que você não vai dormir, pode ficar comigo até eu pegar no sono? – Disse com vergonha.

-E-eu posso s-sim, se não for te incomodar – Disse ele ruborizando ainda mais.

Seguimos até o meu quarto e me deitei na cama, ele ficou sentado do meu lado brincando com o urso que me deu.

-Já deu um nome à ele.

-Não, nunca. Mas como ele é seu agora, você tem que dar o nome a ele.

-Bom você me disse na carta que ele era a garantia do nosso acordo e a esperança de eu voltar para casa.

-Sim, o que tem?

-Esperança soa um pouco estranho, então que tal Hope?

-Hope... Gostei bastante – Disse ele com um sorriso iluminado, acho que eu gosto desse sorriso – E-ei! O que foi – Sua expressão mudou para um pouco assustado.

Percebi que eu fiquei observando-o por um bom tempo.

-Na-nada não – Disse me cobrindo com o cobertor, como se ele pudesse esconder a minha vergonha e o meu rosto que sentia que estava vermelho.

Depois de um tempo conversando com Gaara, acabei pegando no sono, era a minha primeira noite em Suna sem pesadelos, é, tenho que admitir que ele me faz bem.

 

Gaara -----

Estávamos conversando muito, até que ela parou de falar de repente, então eu a vi do meu lado, ela estava dormindo, então a cobri com o lençol. Percebi que ela estava abraçando o meu ex-urso recém-nomeado, acabei ficando vermelho – Ué, será que estou com febre? Não tenho costume de ficar assim, bom, não importa.

Não sei quanto tempo eu fiquei observando-a, mas eu queria continuar assim, quando ela dorme, parece ainda mais bonita. Não aguentando mais eu me deitei ao seu lado e puxei o cobertor para me cobrir, então fiquei em sua frente e reuni toda coragem que tinha para beijar sua testa com cuidado para ela não acordar e disse baixinho – Boa noite. - Não tive coragem de ir embora, ela estava se sentindo sozinha e também, não queria deixa-la, ao ficar assim percebi que não queria fazer nada além de ficar olhando para ela até que consegui tirar uma leve soneca, nunca me senti tão em paz.

Acordei revigorado, olhei ao meu redor e a vi, ainda estava dormindo, fiquei mais um tempinho com ela até resolver me levantar, acho que era 06:30 da manhã, sendo assim dormi por uns 30 minutos foi até mais do eu deveria. Fui até a sacada, gosto muito de sentir o vento da manhã em meu rosto e fiquei pensando que falta muito pouco para ser um genin, vou ter muitas responsabilidades, mas eu tenho certeza de que vou fazer de tudo para protegê-la e cumprir a minha promessa.


Notas Finais


Meus mores, hoje eu postei mais cedo porque não vou conseguir fazer isso mais tarde, enfim até semana que vem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...