História Salvando o Futuro (nome temporário) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Flowey, Frisk, Grillby, Mettaton, Muffet, Napstablook, Papyrus, Personagens Originais, Sans, Toriel, Undyne, W. D. Gaster
Tags Alphyne, Asgoriel, Carrie, Chasriel, Flommie, Flommie2, Frans, Frans2, Grillgaster, Muffeblook, Nathan, Papyton, Smyle, Tonnie
Visualizações 18
Palavras 845
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Fluffy, Luta, Magia, Poesias, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Heya.

Vamos lá, quero explicar algumas coisas:

*Chara e Asriel estão vivos;

*Nessa parte da história, eles estão na linha do tempo original dessa história, ou seja, 2050;

*Eu coloquei um tipo de parentesco entre Alphys, Mettaton e Napstablook: Metta e Napsta continuam sendo primos, e ambos são primos/irmãos de Alphys, por conta da proximidade deles;

*Todos os personagens estão em sua versão humanizada. Porém, eles meio que são híbridos e podem ficar na forma de sua "raça". Ex: Sans, raça: esqueleto, ele basicamente vai ficar na forma dele do jogo (um esqueletinho baixinho muito do seu fofo :3);

*Eu criei ALMAS novas;

*Os personagens originais (sem ser os que eu criei) possuem ALMAS que eu coloquei neles;

*Eu realmente não sei se fará muito sentido essa história, mas espero que gostem.

Capítulo 1 - Prólogo


Ano 2050 - Em algum lugar...


- Argh, o que acha que devemos fazer? - o maior olhou para o outro, irritado.


- Não sei. - deu de ombros, não se importando muito - como de costume. O outro bufou. 


- Deveria ter pensado duas vezes, já que estamos falando de você. - revirou os olhos. Um portal foi aberto e um albino saiu de dentro do mesmo. - Ah, você apareceu. 


- O que queria? - o outro moreno ali presente colocou as mãos nos bolsos da jaqueta preta que usava, se interessando pelo o que o moreno mais alto falaria.


- Já que quer tanto sua AU de volta, vamos fazer o seguinte. Você irá voltar no tempo dessa AU atual e irá fazer um favor a mim. - começou o mais velho.


- E que tipo de favor seria? - por um momento, pareceu que não era o albino quem falara, apesar da pergunta ter saído dele. Foi como se outra pessoa tivesse falado por ele.


Nightmare achou aquilo estranho, mas preferiu que não iria comentar nada.


- Simples: acabará com o romance dos "casais" existentes agora, impedindo que eles fiquem juntos no passado ou coisa parecida. - Nightmare olhou confuso para o maior ao seu lado. - Eu simplesmente não SUPORTO a idéia de que possíveis AUs possam ser criadas por causa dos pivetes que nasceram desses relacionamentos. 


- Por acaso os alvos seriam: Frisk e Sans, Papyrus e Mettaton, Chara e Asriel, Napstablook e Muffet, Alphys e Undyne, e Flowey e Temmie? - perguntou Nightmare, neutro, com uma sobrancelha arqueada.


- Sim. Você sabe como os Criadores caem na tentação de criar "shipps" das AUs. - o perguntado revirou os olhos, olhando novamente para o albino. - E tendo feito isso, eu e Nightmare ajudaremos você a ter os dados das AUs que quiser para reconstruir a sua. De acordo? - perguntou estendendo a mão para o albino.


- É uma boa oferta, C. - murmurou um garoto albino no ouvido do que estava prestes a fazer o acordo. 


"Você acha, Chara?" - questionou, hesitante. 


- Aceite logo, imbecil! Teremos a chance de reconstruir nossa AU finalmente, coisa que aquele pintorzinho de uma figa negou!


"Olha bem como fala comigo, moleque. Mas se você diz, vamos fazer isso então." - decidiu por fim, suspirando.


- Então, Cross? - perguntou novamente o que oferecia o acordo.


- Fechado, Error. - Cross apertou a mão do moreno, decidido.


Nightmare olhou para trás, sentindo que estavam sendo observados. Semicerrou os olhos, cogitando se aproximar de uma pilastra atrás de si - cujo jurava ter visto um vulto se escondendo atrás dela -, mas a preguiça falou mais alto.


Apenas deu de ombros, ouvindo as instruções dadas a Cross por Error.





- INK! INK! INK! - o pintor assustou-se com os gritos de uma voz familiar que o chamava.


- Dream? O que houve? - franziu o cenho, notando a expressão aflita do amigo sonhador.


- E-eu ouvi! E-Error disse que AUs p-precisa de um favor! T-tempo de casais! Nightmare! Cross! - o loiro dizia atropelando palavras. 


- Woah! Woah! Calma, Dream! - pediu Ink, rindo fraco. - Respira e me diz devagar o que você sabe.


O mais baixo respirou fundo, se acalmando. Ink o encarava atentamente, pronto para ouvir. 


- Error fez um acordo com Cross. - o pintor assustou-se. 


- O que? - perguntou incrédulo.


- Sim. Ele quer que Cross dê um jeito para Frans, Papyton, Chasriel, Muffeblook, Alphyne e Flommie não acontecer! - Ink riria, se a situação não fosse séria demais. Mas ainda assim era engraçado saber que Dream também se referia aos amigos de Undertale pelos nomes dos "shipps". - E meu irmão, obviamente, irá ajudar.


- Isso é muito sério. Error realmente passou dos limites dessa vez. - Ink suspirou. - Se ele modificar o passado, o futuro atual de Undertale... - arregalou os olhos. - Ah, não!!


- Como eu temi... - Dream murmurou, mordendo o lábio inferior, inquieto. - E agora?! O que fazemos?! Cross já não está mais fraco como antes para podermos detê-lo tão facilmente! 


- E não podemos ir atrás de Cross e deixar Nightmare e Error aqui sozinhos. Somos guardiões, esse é nosso trabalho. - Ink colocou a mão direita no queixo, pensativo. Uma idéia veio à sua mente iluminando-a como uma lâmpada. - Já sei!


- O que? - Dream perguntou curioso.


- Assim... - o pintor pigarreou. - Pode ser um pouco arriscado, mas e se nós enviassemos os garotos para lá?? Eles são fortes o suficiente para ter essa missão, ainda mais sabendo que Cross pode muito bem chamar por ajuda além de Error e Nightmare. 


Dream encarou o amigo pensativo, analisando a idéia proposta por ele.


- É uma boa idéia! - os olhos de ambos brilharam animados. 


De repente, um alarme dispara, notificando os dois que alguma AU estava sendo atacada. Estranharam. Aquilo não deveria estar acontecendo. 


- Ele quebrou nossa trégua?! - Ink exclamou furioso, pegando seu pincel. - Error, você vai se ver comigo seu filho duma-


- I-Ink... - interrompeu Dream preocupado com qual AU era, ganhando a atenção do amigo novamente. - É em Undertale...




Notas Finais


Tan tan TAAAN


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...