1. Spirit Fanfics >
  2. Sannins >
  3. Você também não ajuda Sakura!

História Sannins - Capítulo 5


Escrita por:


Capítulo 5 - Você também não ajuda Sakura!


Sakura acorda com vontade de matar qualquer um que a tirasse de seu sono, por esse motivo resolveu colocar oito despertadores ao redor de sua cama

No momento que aqueles trecos começaram a tocar a mesma levantou rapidamente e descontou sua raiva no despertador que estava em cima de sua pantufa

Aquele coitado tocou apenas uma vez e teve uma morte trágica

Contra sua vontade ela entrou num banho, poupando seu cabelo da água quente

Já escolhendo uma roupa ela pega uma camiseta preta regata e uma calça de couro também preta, com seu coturno

Pega sua mochila e coloca seu notebook lá dentro

- Que se dane esses cretinos- A mesma dizia escovando os dentes

Desde que assistiram barraca do beijo o trio inventou uma lista de regras, que valiam a amizade deles

#regra13 aqueles que estão brigados devem ir de coturno(um tipo de sapato) quando saírem juntos

- Se querem ficar do lado de uma mentirosa, que fiquem

A mesma continua reclamando amarrando seu cabelo em um rabo de cavalo alto

- Que engulam aquela menina

Sakura coloca um chiclete na boca

Ela desce as escadas dando de cara com seus pais

- Não foram me acordar ? - Ela tentava ser o mais gentil possível

- Tá doida, você chegou ontem fincando o salto no chão - Mebuki se pronuncia

- Os empregados entenderam o alerta vermelho e foram dormir, e nós também, nem ousei chegar perto hoje, você tenta ser educada mas tem seus limites

- Vocês estão certos

Sakura pega seu celular e entrar no grupo de Sannins

Shakira digitando... Shakira digitando...

......

Não enviou nada

- Perdeu sua chance - Sakura praticamente sussurrou

Sasuke estava online mas não dizia nada também

Depois de muitos vídeos e fotos, ela resolve sair se despedindo de seus pais

Sakura pega seu capacete que estava numa porta na garagem e sua chave de dentro da mochila

- Não posso dizer que estava com saudades Katsuyu

Naruto

Sem disposição, esse sou eu nesse exato momento, peguei a primeira roupa no closet e por causa da maldita regra 14 tenho que ir de coturno

Pego meu celular e olho no grupo, talvez eu devesse pedir desculpas

"Sakura, a gente pode conversar" apagado

"Sakura, deveríamos conversar" apagado

"Sakura, entenda você estava errada" apagado

- Que merda Naruto, talvez a gente precise de um tempo mesmo

Desço as escadas nem passando na cozinha, com meu humor hoje vou quebrar a regra número 1, não tratar mal nossos pais

Pego meu capacete e minhas chaves

- Que droga Kurama, esperava nunca mais ter que usar você

- Ele foi de moto? - Kushina pergunta

- Foi, a coisa deve estar feia - Minato a olha com preocupação

Sasuke

Esse maldito coturno de novo, essa deve ser a primeira vez que usamos os três juntos essa coisa

Pego meu celular e olho Naruto digitando, mas não enviou nada vejo Sakura online mas também nao disse nada

- Sasuke, come alguma coisa filho - meu pai chama minha atenção

- Obrigado, mas estou sem fome - digo me levantando da cadeira

- Ele está de coturno querido- Minha mãe responde meu pai

- Então foi sério- itachi comenta em voz alta

- Sim, eu vou indo tá bem? Não quero me atrasar - dou um beijo em minha mãe e aceno com a cabeça para os dois

Pego minha chaves e ligo a Aoda, a moto que deu origem ao nome da minha cobra, não tenho criatividade

- Viver naquele inferno sem os dois vai ser difícil

Autora

Os três chegam praticamente ao mesmo tempo tirando seus capacetes dão uma olhada um para o outro

A escola inteira já entendeu, os três de moto

Regra 12 vai de moto aquele que não quer papo com ninguém

Naruto quebrou o braço de um garoto porque ele perguntou as horas num dia em que o loiro brigou com Sasuke

Sakura desliga sua moto e entra na escola sem nem um bom dia ou sorriso amigável para os dois

Sasuke e Naruto se separam quando Naruto entrou no banheiro e o moreno foi para a sala de aula

Sakura tira seu notbook e coloca uma série, escutando com seu fone

Ela olha de canto Sasuke entrando e finge que não o vê

Logo depois Naruto entra também, cada um de um lado da sala mas todos no fundo

Sasuke não tenta puxar assunto, Sakura com fone = diabo com raiva

A professora Kurenai esposa do professor Asuma entra na sala e logo vê a menina com o notbook aberto

- Professora a senhora não vai fazer nada ? - Shion pergunta com deboche

- Shion ela veio de moto, fica quieta ou vai perder um dente- uma amiga sussurra

- Não Shion vamos começar a aula

Alguns devem estar se perguntando, porque a professora não fez nada ?

A resposta é simples, a família de Sakura que banca a escola, ninguém sabe, apenas o diretor Jiraya que diz aos professores não se meterem quando a garota vier de moto

Vai que a menina surta e resolve parar de mandar verbas

- Elétron- Shion responde a uma pergunta da professora

- Parabéns, muito bem

- Aposto que a tinta rosa mexeu com os últimos neurônios dela - Shion faz deboche com Sakura arrancando risos de algumas pessoas

Eles pensaram que ela estava escutando música, mas ela já tinha parado faz tempo

- Não deve nem saber o que é elétron - Ela diz fazendo eles rirem ainda mais

- sao partículas de carga negativa que ficam girando ao redor do núcleo, sabe como eu sei disso Shion - Sakura a olha de uma maneira tão fria que era capaz de congelar o verão, guardando seu notbook e seu fone Sakura repete:

- Eu perguntei, sabe como eu sei disso ?

- c-como? - Ela treme ao ver Sakura se levantar e pegar sua mochila

- Por que minha querida, eu me preocupo em estudar do que dar para o professor de física e ganhar boas notas - Sakura se aproxima - Antes de ousar falar meu nome, lava essa sua boca de pica

Algumas pessoas seguram o riso, ver Shion naquela situação é tudo de bom

- E se falar de mim, fala na porra da minha cara- ela puxa o cabelo da Shion fazendo a cabeça dela curvar para trás- ou eu faço da sua vida um inferno

Sakura sai da sala e olha para Kurenai que estava em prantos, acabará de descobrir que era corna

Sasuke ao ver aquela cena percebe o quão brava estava a garota, para dedicar tantas palavras a alguém mesmo sendo de ódio era porque mataria alguém

Aquela aula acabou de qualquer jeito mesmo, a professora saiu chorando, Shion traumatizada e os burburinhos rolavam soltos

- Sasuke, a gente precisa conversar

- Fala Naruto

- Eu queria pedir desculpas, acabei exagerando sobre a Sakura, você tem razão cara, ela jamais faria com que eu não fosse feliz

- Eu te disse, você não tem um péssimo temperamento, então nao entendi o por que de todo aquele escândalo

- Eu sei Sasuke, vou falar com ela no intervalo

- Acho bom, eu desculpo você mas não posso dizer que ela vai

Sakura estava no refeitório antes mesmo do intervalo começar, quando faltava dois minutos ela pegou seu lanche e foi para o jardim atrás da escola

Sentada debaixo de uma árvore a mesma optou por não ouvir música, estava gostoso os pássaros apesar de que dava para ouvir alguns carros passando na rua principal

- Não Naruto, você não está entendendo zombie servival foi o melhor jogo que eu já joguei na vida- Sakura escuta a voz de Hinata bem animada

Zombie Survival foi Naruto que teve metade da ideia

- A não sou muito fã de jogos online, nem zumbi- Naruto a olhava

Sasuke estava ao lado do amigo tentando achar Sakura

- Sério, você precisa jogar eu acho muito interessante e legal, eu podia ir na sua casa hoje o que acha? - Hinata ri, os três ainda não tinham visto Sakura

- Aham - Ele responde meio sonso sem nem notar o que a mesma falava

Sakura estava incrédula como assim aquele idiota tinha escolhido a Hinata

Ela se levanta jogando o papel do lanche na lixeira ao seu lado e passa pelos três, Naruto e Sasuke na hora se viram ao perceberem o perfume da melhor amiga

A mesma não olha na cara deles

- Sakura ! - Naruto grita, ela se vira e o encara

- O que quer ? Ficou claro que fez sua escolha, espero que seja feliz Naruto - Ela da as costas e vai embora

Um defeito da Sakura é ir embora sem ouvir as pessoas, e o defeitos dos patetas e não ir atrás para explicar.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...