História Sarcasm - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Katsuki Bakugou, Ochako Uraraka (Uravity)
Tags Kacchako
Visualizações 292
Palavras 709
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Linguagem Imprópria, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - One.


– Eu já disse que não vou nem fodendo Kirishima. – Bakugou dizia pela quarta vez na fria tarde de sexta-feira. O garoto já não aguentava mais mostrar sua indiferença com simples expressões, como revirar os olhos. Estava quase explodindo o melhor amigo.

– Por favor cara, eu preciso marcar uns pontos com a Ashido. – Kirishima, implorava mais uma vez ao amigo.

Os dois garotos estavam no quarto de Bakugou e realmente era um momento raro.

– Eu não vou deixar meus treinos de lado só pra você marcar pontos com aquela alien rosa esquisita. – Revirou os olhos e mesmo que fosse totalmente previsível, seus pulsos já estavam eletrizados de tanta raiva. – Eu não vou nesse encontro ridículo. – Disse por fim.

– Se você ir eu faço suas lições por um mês. – Disse entusiasmado, era sua última tentativa antes que corresse o risco de ser explodido.

– Que horas é ? – Bakugou perguntou desinteressado e como sempre. Revirando os olhos.

– Daqui 30 minutos , te espero no hall. – O ruivo avisou e logo saiu do quarto do amigo.

Bakugou tentou controlar um pouco sua irritação, já que poderia treinar livremente sem preocupações por um mês. O Último ano da escola estava sendo o mais corrido de todos como o esperado e ele realmente não se importava em aprender inglês, por acaso heróis precisam ser poliglotas ?

Kirishima havia insistido a manhã inteira para que Bakugou fosse no tal encontro, mas o garoto sabia que a turma toda estaria lá e ele não estava nem um pouco afim de aguentar o nerd inútil que conviveu a vida toda fora dos horários acadêmicos.

O garoto simplesmente tomou um banho breve e apelou para sua costumeira regata preta , calça preta larga e um tênis qualquer. Com sua incrível carranca de sempre desceu para esperar Kirishima.

– Não achei que fosse vir Bakugou. – Denki disse assim que viu o garoto se aproximar do local marcado. A turma toda já estava lá e Bakugou com isso, logo descobriu que eles iriam em uma boate.

Mesmo que ele fosse completamente estressado normalmente e gritasse com tudo e sobre tudo, o barulho o irritava. Principalmente músicas que não continham letra alguma, que era o comum em boates.

– Me lembre de não beber, hoje eu tenho que tentar ter algum progresso com a Mina. – Kirishima disse sorridente, como sempre, ao lado de Bakugou que se limitou a um revirar de olhos.

– Ela não liga pra você cabelo arrepiado, entende isso de vez. – Bakugou disse com toda a sinceridade mas mais uma vez, Kirishima preferiu ignorar e apenas continuar sorrindo com suas ilusões.

Todos se organizaram em grupos ou sozinhos para se dirigirem a boate, a maioria ali já possuía seus meios de transporte. Incluindo Bakugou que continha sua tão amada moto. Preta.

– Bakugou, espera. – Quando Bakugou estava pronto pra sair de lá, ouviu a voz de Kirishima.

Apenas o olhou e esperou que o mesmo dissesse. Observou também que a garota com quem lutou anos atrás estava atrás do amigo, nem sequer lembrava o nome dela.

– Ochako pode ir com você ? Não tem mais espaço no carro de ninguém. – Kirishima apoiava suas mãos no joelho ofegante, afinal teve que correr até lá.

– Não. – Disse simples, direto e ajeitou seu capacete novamente.

– Por favor cara, ou prefere levar Midoryia? – Kirishima fez seu jogo, sabia que daria certo no final das contas.

– Sobe cara redonda e não ative a merda da sua individualidade caso não esteja acostumada com velocidade. – Disse com um tom carregado de sarcasmo.

– Obrigada Bakugou-kun. – A mesma finalmente se pronunciou , agradeceu Kirishima e o mesmo finalmente saiu.

– Vai subir ou não ? Quero que essa merda acabe logo. – Revirou os olhos mais uma vez e jogou seu segundo capacete para a garota.

– Você realmente é como falam Bakugou-kun. – Uraraka disse baixo, mas em tom suficiente para ser ouvida.

– Prefere ir a pé então cara redonda ? – Estendeu a mão para receber o capacete de volta.

Uraraka se apressou a subir na moto e murmurou um desculpa.

– Sua voz é irritante pra caralho. – Bakugou riu sarcástico. Era normal pra ele. Já Uraraka se tremia toda ao chegar perto do rapaz, e percebendo seu jeito provavelmente se cuidaria pelo resto do ano para se manter longe dele como durante todo esse tempo. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...