1. Spirit Fanfics >
  2. Sasuke Uchiha é um pevertido - Naruto >
  3. Capítulo único

História Sasuke Uchiha é um pevertido - Naruto - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Capítulo único


Fanfic / Fanfiction Sasuke Uchiha é um pevertido - Naruto - Capítulo 1 - Capítulo único

Bom, capítulo 18, fanfic feita apenas para mimar as pessoas que leem "Irmã do Naruto" se você não lê ok divirta-se mesmo assim, Yumi é uma personagem criada por mim, e esse é o meu "Capítulo Especial" por ter finalmente finalizado acho que uma das minhas melhores fanfic, falei demais, enfim... boa leitura)


Sasuke não conseguia acreditar, além de estar aguentando viver aquele momento com o pingo de paciência que lhe restava ainda tinha que se controlar sentado naquele maldito sofá naquela boate. Ver sua namorada a alguns metros de distância de si rebolando enquanto bebia com as outras meninas estava o deixando louco.

Yumi era perfeita, ela sabia muito bem oque fazia com o garoto mas mesmo assim se fazia de sonsa pelo fato de vê-lo depois perder a cabeça. Não era idiota para não saber oque a garota estava querendo, seus rebolados, todos seus movimentos sensuais enquanto olhava diretamente ao Uchiha, ela estava dançado pra ele, o menino nunca quis tanto estar em um quarto.

- Fala sério, hoje eu só quero encher a cara - falou Naruto seu amigo enquanto bebia um copo de cerveja quase de uma só vez -

- Você vai acordar com uma imensa dor de cabeça sabe disso né? - avisou o moreno sem tirar os olhos da ruiva que parou para mexer devagar enquanto dava um gole na sua bebida também -

- Só quero esquecer que amanhã começa o último ano do ensino médio - eles ha estavam indo para o 3 ano, e aos poucos teria responsabilidades de adultos, como Shikamaru diria "que saco" -

O moreno sabia que iria crescer, ele também tinha uma linha a seguir, iria cursar fotografia já que não era obrigado levar o legado da empresa Uchiha nas costas, quem faria isso seria seu irmão mais velho. Naquele momento não existia muitas coisas passando na cabeça do mesmo, apenas o quão bonito era a Uzumaki mexendo os quadris com perfeição na batida da música.

"Essa menina vai ser minha perdição" pensou agarrando fortemente a almofada em seu colo que escondia sua ereção. Quase afundou-se naquele sofá tentando ignorar todos a volta focando na garota.

Os cabelos dela estavam balançando suavemente com a cada movimento que fazia, aquela saia preta de couro colada com uma fenda mostrando uma parte da tatuagem que tinha, era uma raposa de nove caudas idêntica a do irmão, ambos tinham a mesma tatuagem. Apreciou cada momento que aquela peça de roupa levantava sutilmente mostrando o desenho, fazia lembrá-lo de todos os momentos que passou suas mãos naquela parte de seu corpo enquanto transavam, cada momento que apertava a cintura dela a ouvindo gemer.

Suspirou involuntariamente mordendo com força seu lábio inferior apenas querendo aliviar o tesão que estava sentindo, seu único pedido era tanto que as pessoas ao redor fossem embora, agradeceu aos céus pelo seu amigo loiro estar bem bêbado pois se fosse o contrário já teria brigado com ele por estar secando sua irmã. Engoliu o seco ao ver o maldito sorriso daquela garota que sabia muito bem oque estava fazendo com o namorado. Mexeu desconfortável no lugar e acabou por causar um atrito entre seu membro coberto pelas roupas e a almofada que disfarçava o quão duro estava, conteve o gemido apertando os lábios um no outro.

Ela estava literalmente dançado pra ele, já que seus olhos azuis intensos o encarava fixamente em todo movimento que fazia, agradeceu pela sorte de todos naquele lugar já estarem quase bêbados ao ponto de não lembrarem dessa noite. O loiro já nem ao seu lado estava devia ter ido atrás de alguém ou algo, sinceramente não se importava. As garotas que dançavam ao redor de sua namorada pareciam também não perceber, era incrível o quão sutil Yumi era fazendo tudo aquilo, só aumentava mais seu tesão olhando-a dos pés a cabeça, a ruiva parecia estar amando aquele jogo.

Admirou quando viu ela colocar suas mãos na cabeça curvando os braços, o sorriso bobo que ela deu de olhos fechados ao saber que Sasuke com certeza ficaria louco, tinha toda a razão, o menino fechou os olhos tentando ignorar a dor que sentia por estar tão exitado.

A Uzumaki não estava diferente dele, estava louca para vê-lo nu em sua frente porém era muito mais divertido levá-lo ao extremo, o Uchiha se contorcia no sofá e ela adorava ver seu rosto de prazer. Apenas os dois sabiam o quão pervertido ele era.

Aquele rosto sério, a voz baixa e calma, o olhar frio e a pose arrogante escondia e disfarçava muito bem o pervertido que amava ver a garota se contorcendo de prazer enquanto estocava fortemente nela. Sua respiração já estava ofegante, quis tanto ter privacidade naquele momento não podia se levantar e ir até onde ela estava pois mostraria o quão duro estava. Olhou para o lado onde tinha um corredor que levava até o banheiro, ele não aguentaria um minuto se quer sentido seu membro pulsar em suas calças.

Levantou-se rapidamente virando pro corredor e jogando a almofada no lugar e caminhando até o banheiro masculino, ele apenas iria ter que se satisfazer com a única opção que tinha, aliviar a si mesmo sozinho. Caminhou até o local torcendo para estar sozinho.

Assim que abriu a porta andou por todo o lugar chegando as cabines vendo se estava sozinho e se trancou no banheiro por dentro não querendo ser encomodado naquele momento.

- Porra - reclamou ao encostar-se na pia fechando os olhos com força, pensando até que ponto aquela garota o levava -

Afrouxou seu cinto e abriu sua calça tirando-a junto a cueca box que usava.

Respirou aliviado ao tocar-se, estava com tanto tesão que seu pré-gozo lubrificava ajudando seu trabalho, passou sua mão na base de seu pau fazendo movimentos de vai e vem imaginando ser a garota. Gemeu baixo enquanto pensava em tê-la ali pra si, o satisfazendo de todos os jeitos, gemendo o nome dele enquanto era preenchida por seu pênis.

Acariciou ainda mais sua intimidade ao pensar em fuder a menina com força até fazê-la gritar seu nome.

"Droga" Aumentou a velocidade dos movimentos ragendo os dentes para controlar seus gemidos fracos que insistiam em sair alto, ele não podia fazer aquilo tão alto quanto queria.

Apertou firmemente na base da pia sentindo seu corpo inteiro aquecer, ele sem duvidas a faria pagar por tê-lo deixado naquele estado péssimo, seria punida por ser uma menina muito má. Deixou sua cabeça tombar para trás sentindo seu ápice se aproximar, ele estava tão sensível que jurou conseguir gozar apenas vendo-a dançar ali.

- Y-Yumi - sussurrou seguido de um gemido baixo enquanto se masturbava pensando na garota -

Passou sua mão na glande fazendo todo seu corpo ter um espasmo, aumentou um pouco mais a velocidade apenas em busca de prazer próprio e gemeu um pouco mais alto não se importando com os outros já que a música estava alto o suficiente para que ninguém o ouça gemer.

- A-Ahh... - saiu arrastado sentindo todo seu sêmen sair fortemente -

Fechou os olhos tentando manter a respiração controlada na medida do possível. Limpou as mãos com a água que caia da torneira e limpou o resto com o papel higiênico por fim o jogando no lixo.

Arrumou seu roupa e passou aguá pelo rosto, olhou para seu reflexo e respirou fundo tentando manter a calma, ele iria acabar com aquela garota.

Saiu do banheiro destrancando a porta vendo que não tinha ninguém esperando para entrar por sorte. Caminhou até o sofá novamente ele não sairia dali para outro motivo a não ser voltar pra casa e iria negar olhar novamente para a droga da pista de dança. Yumi olhou para o sofá vendo que ele tinha voltado, não sabia se ele demorou ou foi bem rápido já que Naruto a chamou e a mesma teve que aturar sua conversa estranha de alguém que estava bem bêbado.

Decidiu ir até o namorado que olhava a almofada em seu colo despreocupado, sua típica cara fechada e olhos pesados, ele era muito bonito de qualquer forma. A Uzumaki sempre o acharia um gato, principalmente naquela roupa, já que sua calça jeans preta valorizava suas pernas e aquela blusa preta que tinha um pano fino a fazia pensar milhares de formas de tirá-la, um casal de pervertido? Sim!

Sentou-se ao lado dele sorrindo assim que o viu olhá-la de forma séria, as vezes até se achava sortuda de ser a única que poderia vê-lo gemer seu nome.

- Oque? - perguntou não querendo cair novamente naquele jogo pois da próxima vez ele não iria se aliviar sozinho -

- Onde foi? - rebateu com outra pergunta olhando-o atentamente, o maior apenas deu de ombros -

- Banheiro - respondeu simples, ele sabia muito bem que a menina estava prestando atenção nele e o provocando ao extremo -

- Fez oque lá? - sorriu sugestivamente a ele vendo seus olhos ônix encará-la com malícia antes de um sorriso aparecer no rosto do mesmo -

- Oque vou fazer com você assim que voltarmos pra casa - disse baixo se aproximando lentamente dela para sussurrar em seu ouvido - Só que com você será mais fundo, mais rápido e com muita força - mordeu o lóbulo da orelha da menor que não conseguiu conter o arrepio de ouvir a voz dele tão rouca e sexy -

- Por que não fazer isso agora? - disse puxando o moreno pela blusa para mais perto, desde que o viu a olhando dançar estava ficando exitada com aquele olhar faminto que carregava tanto desejo -

- Desculpa - afastou-se o suficiente para ler dar um beijo - Mas terá que aguentar até voltarmos, baby - mordeu suavemente o lábio inferior dela -

Yumi sabia que ele a faria pagar por tê-lo deixado duro, porém não era como se importasse com isso, já que adorava vê-lo completamente sedento de prazer e desejo. Sasuke geralmente é o tipo de pessoa que não perde o controle de quase nada, mas quando esta com muito tesão ele vira um outra pessoa, sexo com ele é algo que você tera que saber lidar se ele estiver calmo ou louco pra fuder. O Uchiha é um namorado muito romântico da maneira que consegue demonstrar, mas isso não se aplica muito na cama.

Uma coisa que a menina percebeu era que o moreno gostava de ser submisso, na verdade era mais um fetiche dele vê-la dominá-lo, jogos para saber quem aguenta ser provocado e não se entregar ao prazer primeiro.

O olhou mais uma vez vendo que até que ele parecia bem calmo, respirou fundo cruzando as pernas umas nas outras sabendo que ela estava completamente molhada e sua calcinha talvez esteja enxarcada.

...

Já em casa, Sasuke ofereceu a ruiva para dormir com ele já que seus pais viviam viajando e provavelmente seu irmão estava na casa de um de seus amigos, então a casa estava vazia.

- Me trouxe para cá porque queria algo? - ela sabia que sim, o olhou vendo que estava tirando seus sapatos ainda para entrar -

Ele entrou caminhando lentamente na direção dela, o único pensamento da menor foi que até mesmo andando ele tinha estilo.

- A... você sabe muito bem que sim - passou suas mãos em torno da cintura dela puxando-a para mais perto de si -

- E oque seria? - sua falsa inocência o fez dar uma leve risada antes de afastar os cabelos vermelhos da menor para trás -

- Não de finja de inocente baby, você sabe muito bem que nenhum de nós dois somos santos - passou seus longos dedos pelo couro cabeludo dela puxando seus cabelos para baixo fazendo-a olhar para cima deixando seu pescoço vulnerável a ele - Agora vamos amor - deu um selinho rápido no seu ombro já que a mesma usava uma blusa de alça - Eu vou te foder em todos os cantos dessa casa e eu quero te ouvir gritar meu nome bem alto, certo? - pergunta suavemente dando pequenos beijos pela sua área sensível da nuca e pescoço -

- T-Tá - respondeu baixo o suficiente para apenas ele ouvir, sabia que ficou ainda mais molhada ao ouvi-lo falar aquilo -

Ele não era de dizer muitas coisas durante isso, apenas ia direto ao ponto e sua impaciência de certa forma surpreendia a menina.

Puxou ela para ficar no seu colo, suas pernas entrelaçaram a cintura do maior que já sentia sua ereção pulsar por debaixo do pano de suas roupas. Mexeu lentamente contra a intimidade dela querendo deixá-la da mesma maneira que ele ficou, se a menina soubesse o quão necessitado por isso ela o deixou. Passou seus longos dedos pálidos pela coxa da mesma fazendo sua saia subir, dedilhou o local que tinha a tatuagem e apertou a cintura dela trazendo de encontro a sua tirando um baixo gemido da menor.

- Você é uma garota má Yumi - contraiu seu corpo contra o dela fazendo seus seios serem apertados pelo peitoral do moreno - Merece uma punição - simulou as estocadas olhando-a rebolar em busca de mais contato com ele -

Levou sua mão até a intimidade da garota massageando dua feminilidade ainda coberta pelo pano da calcinha de renda, ai o mais alto percebeu que claramente ela tinha ido para aquela festa com a intenção de provocá-lo de qualquer maneira. Afastou um pouco a mesma e pressionou seu indicador no clitóris dela fazendo movimentos circulares arrancando um gemido sofrego dela.

- Acho que mereço um pedido de desculpas baby - disse rouco perto do ouvido da mesma que apenas agarrou-se nos ombros do maior em busca de apoio -

Passou o dedo pela fenda dela vendo o quão molhada a garota estava e sorriu convencido, os dois sabiam o quanto exitavam um ao outro. Ameaçou colocar um dos dedos dentro da mesma mas rapidamente os tirou ouvindo um resmungo de decepção e raiva.

- Sasuke - o chamou e o mesmo entendeu oque ela queria, mas era sua punição -

- Você tem pedir... ainda vou te punir - encostou sua testa na dela fazendo aqueles olhos azuis oceano o olharem atentamente -

- P-Por favor Sasuke - suplicou e em resposta recebeu um beijo sedento cheio de luxuria do menino -

Suas línguas brigavam por espaço em suas bocas enquanto suas salinas se misturavam, o beijo afoito que eles davam apenas demonstravam o quanto queria aquilo, já faziam um tempo que não transavam afinal os dois nos últimos tempos tiveram que sair com suas famílias para passar as férias de verão e arrumar tudo para o último ano de ensino médio, não seria um ano fácil porém aquele dia foi o único que conseguiram para se divertir antes de começar as aulas.

Sem avisá-la penetrou um dedo no interior dela a ouvindo gemer contra o beijo. Ele apenas ficou mais exitado sentindo o quão quente e apertada ela era, a respiração pesada dele se fez presente. A ruiva rebolou em seu colo querendo mais e enfiou mais um dedo fazendo os dois ouvirem o sons dela gemer.

- Você ainda não se desculpou querida - sorriu olhando o rosto de prazer da menina sabendo o quão irritante ela achava quando ele fazia a mesma pedir desculpa -

Aumentou a velocidade das estocadas ouvindo o som de seus dois dedos entrarem e sairem dela com facilidade pela lubrificação natural que tinha. Seu ventre se contriu e ficou mais quente Sasuke Uchiha era muito bom no que fazia e principalmente em fazer um oral, mas tinha certeza que ele não faria isso já que teria que ser "punida". Sentindo seu orgasmo chegar apertou seus braços ao redor do pescoço dele arqueado seu corpo e tombando sua cabeça pra trás.

Antes de vê-la gozar o Uchiha tira seus dedos de dentro dela a deixando surpresa e com raiva por ter seu ápice cortado.

- Lembre-se que é uma punição - respondeu autoritário com o semblante sério fazendo-a ficar com as pernas bambas -

Não sabia se isso poderia ser considerado sadomasoquismo mas adorava olhá-lo quando estava com aquele rosto sério e autoritário, ele ficava incrivelmente sexy quando tomava sua postura de alguém que passava respeito para alguém.

- Me responda, onde ainda não fizemos? - perguntou segurando a Uzumaki pelo colo caminhando pela casa -

- C-Cozinha - ainda ofegante respondeu a pergunta dele que sorriu satisfeito caminhando até a cozinha de sua casa -

- Ótimo - olhou para o lugar sabendo que se sua mãe descobrisse o mataria, mas ele não iria contar e muito menos Yumi -

A encostou no balcão de mármore, fazer sexo na cozinha nunca foi uma das coisas que achou que faria um dia, mas até que era uma fantasia exitante já que o lugar ela bem chique e limpo. A Namikaze desculpou-se mentalmente a senhora Mikoto por fazer aquilo em sua cozinha, tinha um grande carinho pela mulher, mas realmente transar com Sasuke ali seria uma experiência interessante.

Ajudando a mesma atirar suas roupas também tirou sua blusa e calça ficando apenas de cueca box, vendo sua namorada pelada no balcão, sorriu da própria piada que lhe veio a mente. "Minha refeição" riu internamente com aquele pensamento.

Puxou a nuca dela selando seus lábios em um beijo necessitado. Nunca cansaria de beijar o menino, sua boca era tão quente e tão macia, seus beijos sempre eram viciantes e a fazia querer muito mais, Sasuke tinha uma boca divina. Ele abaixou sua cueca assim ficando nu igual a ruiva que ainda esperava ansiosamente pelo momento que o teria dentro de si.

- Ainda toma comprimido? - questionou por saber que um tempo atrás, antes das férias a mesmas tomava anticoncepcionais -

- Sim - segurou os fios negros do namorado fazendo ele dar deixar sua cabeça cair para trás -

Ele esfregou sua glande na entrada da garota que tentou se aproximar em busca de mais contato, porém apenas foi interrompida por ele segurando fortemente sua cintura. Beijou os lábios vermelhos e inchados da menor enquanto provocava a mesma, massageou o clitóris dela com a cabeça do seu membro arrancando um gemido manhoso que ele tanto adorava ouvir.

- Eu espero que me avise se eu te machucar - falou recebendo um aceno dizendo que sim, lhe avisaria -

Sem avisar penetrou todo seu membro na intimidade da garota que pareceu o envolver fortemente. O moreno fechou os olhos com força tentando manter a calma para não machucar sua namorada pois acima de tudo ainda a amava e tinha jurado lhe proteger.

- Ah... Sasuke... - a ouviu gemer próximo ao seu ouvido, aquilo fez seu membro pulsar no interior quente dela -

- Droga Yumi - murmurou apertando firmemente sua cintura sentido seus corpos colados um no outro -

Os seios da garota sendo pressionados contra seu peitoral apenas o exitava mais, os mamilos dela estavam duros e fazia sua mente estar a um passo de ter um lapso mental. Mexeu seu quadriu fazendo seu pênis mexer um pouco assim atingindo involuntariamente seu ponto G, a ruiva apertou forte os ombros do garoto gemendo alto.

De maneira rápida saiu de dentro dela e entrou novamente fazendo ambos gemerem pelo prazer que sentiram. O Uchiha sempre tentou ser o mais calmo possível mas naquele ponto sua sanidade já tinha se esvaido e o tesão tomou conta de seu corpo fazendo ele sair por inteiro deixando apenas sua cabecinha na entrada dela e metendo tudo novamente e com força, o barulho erótico que ecoava pela cozinha, o som dos seus corpos se chocando e seus líquidos se misturando o fazia delirar.

- Aw.. A-Aw... - ouvi-lo gemer de uma forma tão arrastada assim era sinal de que ele claramente estava muito necessitado -

- S-Sasu... - não terminou a frase pois gemeu quando o sentiu atingir seu ponto sensível novamente -

- Porra Y-Yumi, você t-tá tão apertada - falou aumentando ainda mais a velocidade das estocadas fazendo os seios da mesma se moverem no ritmo que ele entrouduzia seu pau nela -

- Ah... - arfou apertando o membro dele ainda mais, sentiu as mãos do menino pararem na sua cintura e puxarem seu corpo em direção a ele -

Suas intimidades se chocaram fazendo um barulho prazeroso e erótico para os dois. Ele saiu dela e pegou sua perna direita a colocando em seu ombro dando melhor visão da feminilidade dela molhada, escorregou seu membro novamente para dentro dela agora tendo uma visão ainda mais exitante da sua namorada enquanto a penetrava. Ela estava deitada no balcão grande e a cada movimento que ele fazia com os quadris para introduzir seu membro nela fazia seus seios pularem, ele lembraria sem duvidas desse dia.

- Argh... - gruniu por ter sentido uma onda forte de prazer assim que seu pênis foi apertado pela intimidade da menina -

Os gemidos dela estavam o deixando maluco, cada momento em ouví-la sentir prazer deixava sua mente em branco sem pensar em nada além de seus movimentos, apenas o som. A puxou para mais perto, deixando-a se apoiar em seus ombros enquanto continuava os movimentos com ela em seu colo, jogou sua cabeça pra trás dando a visão para a Uzumaki de todo seu pescoço que mostrava sua pele pálida, branca, que era ótima de marcar. A cada som de prazer que o Uchiha dava a mesma via seu pomo-de-adão mexer pelos seus gemidos roucos que dava.

Segurou ela perto de si e voltou a penetrar rapidamente fechando seus olhos com força tentando atingir seu ápice.

- Sasuke! - gemeu o nome dele alto antes de ter seu orgasmo se derramando no membro dele -

O moreno apenas se moveu mais algumas vezes antes de gozar dentro dela a abraçando com força. Suspirou exausto caminhando para seu quarto ainda com a menina em seu colo, sabia o quão cansada ela estaria para andar.

...

O moreno abriu os olhos após sentir a forte luz do sol bater em seu rosto.

Olhou irritado para o sol, e xingou mentalmente a si mesmo por ter deixado a cortina aberta. Virou-se para o lado abraçando o corpo pequeno da sua namorada não querendo sair daquele lugar que estava confortável.

Assim que fechou os olhos novamente para voltar a dormir, se levantou assustado olhando para onde estava seu celular. Saiu da cama ainda com rapidez tentando não acordá-la e saiu pela casa a procura de seu celular, o achou dentro de sua calça que ainda estava na cozinha, ele olhou ao redor sabendo que logo teria que arrumar tudo ou pelo menos metade antes que as empregadas cheguem.

- Merda - disse frustrado ao ver que claramente estavam atrasados pro primeiro dia de aula do ensino médio -

Pegou suas roupas, olhou um pouco pra cozinha para saber se dava para desconfiar se algo e voltou a andar pela casa pegando suas roupas e as levando novamente pro seu quarto.

Viu a ruiva deitada na cama usando sua blusa depois que finalmente ele conseguiu terminar de dar banho nela. Era o primeiro dia de aula e quase ninguém iria, então não tinha tanto problema assim, fora que todos deveriam estar de ressaca dessa noite já que a maioria da sala estava naquela festa.

Colocou suas roupas na cadeira e voltou a deitar-se junto a menina, abraçou o corpo da mesma de forma protetora, aproveitaria o momento antes de ter que aturar o irmão dela reclamando por tê-la levado para sua casa e também ouvi-lo choramingar por ter bebido muito e estar com muita dor de cabeça, além de seu irmão falando que não deveria faltar a aula.

Cobriu seu corpo novamente e fechou os olhos apenas querendo desligar-se do mundo novamente, poderia adorar cada momento de prazer com a Yumi, mas muitas vezes preferia quando terminava e podia sentir a felicidade de ser abraçado calorosamente por ela quando dormiam juntos.

Sasuke Uchiha é um pervertido, mas talvez seu lado romântico que guardava para si era até maior que seu "eu" tarado.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...