1. Spirit Fanfics >
  2. Sasunaru - ABO World >
  3. A visita

História Sasunaru - ABO World - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Meus amores, desculpa a demora. Houve um problema com o computador que eu usava pra escrever a fanfic e eu estava sem celular, por isso não consegui mandar antes. Mas felizmente hoje de manhã minha mãe decidiu comprar um celular pra mim 🤩 E eu irei voltar a postar a fic. Esse capítulo tá meio curtinho em comparação aos outros, pois foi tudo feito as pressas. Mas eu irei postar o próximo capítulo maior e mais trabalhado.

Capítulo 3 - A visita


Kushina: Até outro dia querido. Vai ser bom para curtir suas semanas de ferias que ainda restam. Você já está Matriculado.

Naruto pensa alto

Naruto: Tem como isso tudo piorar de alguma forma?

Encerrando aquele dialogo. Naruto se joga na cama e coloca o travisseiro sobre o seu rosto.

Será que ele realmente me ama?

P.O.V Naruto

O dia tinha se iniciado maginificamente. Minha mãe não me acordou em gritos como de costume. Em vez disso fui acordado por um raio de sol que invadia a minha janela e incomodava meu sonho, mas eu não ligava nem um pouco. E lentamente meus olhos abriam como uma flor desabrochando na primavera. Em alguns livros de literatura romantica, é dito que uma declaração pode tirar o seu sono a noite e pensamentos em claro irão dominar, até que o sol apareça. Mas não foi bem assim que aconteceu comigo, eu apenas adormeci, igual quando jogamos uma pedra pesada no mar e ela vai afundando aos poucos. Isso me fez questionar se isso queria dizer que eu não gostava do Sasuke da mesma forma que ele. 

Era estranho que a mamãe não tenha vindo me acordar, talvez não esteja em casa. Foi o que eu pensei. Apos o ritual de toda manhã, fui descendo ás escadas quando me deparei com os meus pais tomando a primeira refeição do dia, tranquilos. A minha mãe estava de bom humor hoje, isso era preocupante. Geralmente essa é a hora do dia em que ela está mais irritada, até mesmo mais que quando chega do trabalho. Tive um calafrio ao presenciar algo jamais visto antes, um sorriso de canto de rosto de satisfação. Toda aquela combinação de eventos so podia signigicar uma coisa. De jeito nenhum eu poderia visitar o Sasuke, era concerteza um mal pressagio. 

Antes que pudesse tomar qualquer iniciativa do plano de fuga. A mamãe ao me ver me chama sorridente.

Kushina: Narutinho, junte-se a nós. Vou por o seu café da manhã. Desculpe-me por não acorda-lo, o Minato pediu para que deixassemos você dormir um pouco mais. Vai precisar de muita energia hoje.

Minha mãe estava usando fazendo caras que eu nunca vi antes em toda a minha vida. Que situação estranha, era possivel ver uma cara de perversão. Deveria me preocupar? 

Naruto: Pensei muito ontem a noite, e eu não acho que vá funcionar entre a gente. Quer dizer, eu gosto dele como um amigo, mas ainda não explorei o sentimento chamado amor. Não sei se estou pronto para isso.

Um silencio toma conta do lugar. Mas então é quebrado ao Kushina levantar-se e abraçar Naruto.

Kushina: Eu sei meu filho. Não deveria contar isso a você, mas é meio complicado. ômegas são vistos como prostitutas para os alfas se deleitassem. Alguns até possui um extinto que conseguem diferenciar um omega de um beta, por isso eu quero o que é melhor para você. Mikoto me disse que Sasuke já sabia que você era um Ômega, mesmo antes de contar para ele. Mas a opinião sobre ti não mudou. Mesmo que não haja um relacionamento entre vocês, eu quero que vocês sejam amigos. 

Com aquelas palavras um alivio veio em seguida. Ainda em silencio, fechei os olhos e me concentrei nas batidas do meu coração. Eu estava calmo, mas algo dentro de mim mudou. 

...

Finalmente chegamos. Acabamos de passar pela ponte que separa o bairro da area dos Uchihas. Eles eram tão ricos que compraram casas no bairro todo e as reformaram no estilo tradicional japones. Enquanto passeava pelos arredores, olhava maravilhado para onde quer que os meus olhos passavam. Era um lugar lindo.

Naruto: Parece que estamos no japão antigo. Morar aqui deve ser um sonho.

Kushina: Em breve moraremos meu filho, em breve.

Era notorio o sorriso dela de canto. Apenas ignorei, é bom que ela se divita um pouco. Dei apenas alguns passos a frente e dei de cara com o Sasuke. Ele estava usando um modelo de Kimono diferente da ultima vez, em vez de ondas, flores de cerejeira enfeitavam-no, não queria admitir, mas ele estava lindo. Meu corpo inteiro paralisou e eu não conseguia dizer nem se quer uma palavra. Ele estava limpando as folhas que caiam das arvores de um enorme dojo. Não havia percebido a minha presença ainda, essa era a chance perfeita para dar o fora dali. Mas então fui impedido pela minha mãe que além de me segurar, me fez o favor de chamar o nome dele.

Kushina: Sasuke! Que bom te ver meu filho.

Sasuke vira para Kushina quase que imediatamente, olhava-a como se tivesse tomado um susto. Eu nao entendi porque da sua reação, mas resolvi deixar pra lá. Então nos olhamos e por algum motivo ele estava totalmente diferente da ultima vez. Ao me ver o espanto era muito maior que da primeira vez, seu rosto estava totamente envergonhado, ele nem se quer olhava diretamente para mim.  Era fofo, vou provoca-lo um pouco.

Naruto: Oi Sasuke, como está? Bem pelo visto, está muito bonito hoje.

Sasuke estava agindo de um jeito estranho. Suas pernas estavam estrelaçadas como se estivesse querendo mijar, e suas mãos estavam "cobrindo-o". Nunca pensei que iria ve-lo nessa situação. 

Naruto: Cara você deveria ir dar uma pausa. Vai no banheiro e depois você termina de limpar as folhas.

Sasuke: N-Nâo é isso seu estupido. E- E- que- Que perfume é esse que você está usando hoje? Deve ser alguma reação alergica.

Olhei sem entender.

Sasuke: Eu não entendo porque estou desse jeito.

Naruto: Meu Deus do céu.


Notas Finais


Sobre o cronograma por conta da escola e algumas coisas a mais, vou postar o capítulo uma vez por semana ,(provavelmente entre sexta, sábado é domingo) mas como eu demorei de postar a fanfic o próximo capítulo vai sair. Quando vocês menos esperarem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...