1. Spirit Fanfics >
  2. Satsuriku no tenshi - Aventura de Zack e Ray >
  3. Capítulo 30

História Satsuriku no tenshi - Aventura de Zack e Ray - Capítulo 30


Escrita por:


Notas do Autor


Mais um capítulo lançado aproveitam a leitura de hoje.
Instagram : Zinfer12
YouTube : ArianaStars14

Capítulo 30 - Capítulo 30


Minutos antes...

Zack.

Eu fui direção aquele homem com a caixa n mão, ele tava tão distraído. Seria vítima perfeita.

- Hum? Ouça, não estou machucado ninguém. Apenas estou procurando por algumas... - quando se virou ele tomou um susto do ser que tava cheio de sangue e com um sorriso no rosto.

De tamanho susto caiu de bunda no chão, o Zack foi pra cima dele sorrindo e dando altas gargalhadas. Quando ia atingir ele que se curvou pra se proteger. 

"Eu sei que o mundo foi cruel com você... mas... Não deixe sua familiaridade com a crueldade te fazer pensar que é algo com o qual você pode proteger. Isso pode fazer com que você se afaste sem... sem que você esteja acordado."

Por quê ele se lembrou justamente das palavras do David naquele exato momento. Percebendo que ele parou naquele movimento. 

Porque eu...PORCARIA! RAY!!

Ele nem conseguia pensar direto e ofegante.

Eu preciso voltar!

Eu não sou uma ferramenta.

Ele se percebeu que ele tava começando a ter um conflito interno.

Eu tenho que manter essa MERDA! Sob controle!!!

- Hahahaha Hahahaha! - ele continuava rindo mais os seus pensamentos tavam em conflitos.

Apenas mais um!

Não! A Ray precisa de mim agora!!

Vendo o homem tremendo de medo de morrer naquele momento.

Ela não vai deixar você continuar se divertindo.

Is-Isso é bom! Contando que ela esteja bem!

Então esta pode ser sua última chance de...

Segurado a minha cabeça com a minha mão e gemendo de dor. Levantei a faca e inserir na minha coxa causando muita dor no local.

O homem viu a vantagem de fugir e saiu correndo. Vendo ele fugir mas eu mania a minha mente ou tentava manter ele sob controle. 

Me curvei de dor na minha coxa.

Idiota estúpido! 

Controla essa P****

Me acalmei um pouco, estou tão ofegante e me lembrei da Ray.

Ray! Eles estavam atrás dela!

Eu a deixei lá sozinha!

Me levantei e me escorando na parede e tava tão cansado. Preciso ir até ela.

Isso é minha culpa, que estamos nessa bagunça! Eu nem pensei que um lugar como esse seria perigoso.

Encontre outro!

Apenas mais!

Ray pode esperar. 

Tenho que controlar a minha mente psicopata logo. Me virando em um beco e andando mancando pela faça que eu tinha inserido em mim.

Eu nunca imaginei que alguém mais poderia ser um ameaça, ou que a Ray estaria em risco aqui! E quando chegou a hora de protegê-la, eu fiquei... Merda... louco!

Ainda há tempo!

Mesmo agora, sinto que se encontrasse outra pessoa, perderia o controle novamente.

Mais! Mais!

Ray não saberá!

Cair curvado de dor no chão e ofegante. Que dor na coxa, não sabia que dói tanto.

E se David aparecesse... e me visse assim...

Me escorei na parede e me levantei e comecei andar devagar e ofegante.

Só foi preciso uma faca afiadas e alguns alvos dignos... Acho que não se pode esperar que os monstros controlaram seus impulsos.

Eu sempre acertei isso... Então por que me sinto tão podre com isso agora??

Chegando perto de dobrar no outro beco.

Porque será que agora que eu te decepcionei?

Assim que dobrei olhei pra uma pessoa na minha frente. Foquei a minha visão e era ela a Ray toda ensanguentada me olhando e segurando um revólver. 


Notas Finais


Terminamos mais um capítulo hoje. Aproveitem pra comentar e avaliar


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...