História Save Me - Min Yoongi - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, Personagens Originais, Suga
Tags Bts, Escolar, Shoujo
Visualizações 40
Palavras 902
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 21 - Fique longe dele


Fanfic / Fanfiction Save Me - Min Yoongi - Capítulo 21 - Fique longe dele

Dia seguinte...

– Mãe, já estou indo.- deposito um beijo em sua testa.

– Tudo bem querida, vá com cuidado.

Aquilo estava começando a soar diferente para mim. Não sei se é porque gosto dele, mas tudo indica que sim.

Sinto o celular vibrar, então olho no ecrã e vejo que é o cara por quem o meu coração acelera a cada dia.


Oi Yoongi.

– Oi, como está?

– Bem, e você?

– Uhum. Vai pra escola?

– Sim, estou à caminho.

– Ok, te encontro lá. Beijos.

Ok. Beijos.- desligo.


Não pude conter um riso. Por que estou agindo assim? Será que é assim que ficamos quando gostamos de alguém?


Guk

– Perfeito Guk. Você está se saindo melhor do que eu imaginava...- sorri torto.

– Já posso ir? Tenho aula agora.- dou de ombros sobre o comentário dele.- E aliás, você também, não é?

– Já disse que tenho coisas melhores para me preocupar do que um simples colégio.- rodopia em sua cadeira.- Mas sim, você já pode ir.

Seu sorriso torto, o modo como gosta de ver o sofrimento e principalmente o que sua influência pode fazer, isso me deixa cada vez com mais nojo. E o pior de tudo que ele é tão "poderoso" que num simples gesto, pode acabar com muita coisa.

[...]

– Atrasado novamente não é mesmo, Seo Guk?

– Desculpe professor Lee.- me curvo.

O mais velho parecia estar acostumado com isso, então não fez tanta questão.

Analiso cada canto da sala, percebendo a atenção de todos para mim. Olho para o assento em minha em minha frente e a pessoa que ocupa aquele lugar não estava lá.

Mais um dia...


Jungkook

Estou jogado no sofá, trocando os canais rapidamente. Nossa... Que tediante...

– Bom dia.- boceja.

– Bom dia, hyung.

– Ué, cadê todo mundo?- pergunta, coçando os olhos.

– Jin e Namjoon foram ao mercado, Taehyung e Jimin foram ensaiar e Yoongi foi pra escola.

– Ué, Yoongi não pega só 9:00 horas no colégio? - pergunta novamente, ainda coçando os benditos olhos.

– Sim, mas resolveu sair mais cedo.

– Jungkook, você não acha que tem alguma coisa acontecendo com o Yoongi não? Ele sempre gosta de aproveitar para dormir mais um pouco...- aproxima-se de mim, mostrando o seu rosto um pouco amassado e inchado.

– É, mas talvez ele tenha saído mais cedo pra poder se exercitar um pouco.- disfarço.

– Pode ser, mas ainda sim é estranho.- droga... Ele está desconfiado.- Bom, vou tomar um banho.- levanta e se dirige ao banheiro.

  E agora? Mais cedo ou mais tarde eles vão acabar descobrindo...


Guk

Já era educação física, a aula favorita da Nyeo, mas nem aqui ela está. Deve estar por aí com aquele cara insuportável. O que ela viu nele?

[...]

Andar em ambientes naturais faz bem para a mente e o corpo, e é disso que eu realmente preciso. Tenho estado muito exausto ultimamente.

– Yoongi, volta aqui!- ouço uma voz  feminina dizer. Eu conheço essa voz...

Tento me conter para não ver pois tenho receio de quem seja, mas não dá. Viro-me para ver quem o chamava e realmente era ela. Eu sabia...

E eles estão ali, correndo um atrás do outro, assim como nós fazíamos antes...

Flashback on

– Guk, volta aqui! Eu vou te espancar!

– Como? Nem me alcançar você consegue!

Continuo a correr, dando pequenas olhadas para atrás, vendo sua expressão cansada e furiosa.

Flashback off

Não posso mentir dizendo que aquilo não me afeta, que aquela cena ali não me deixa abalado. Eu gosto tanto da Minyeo...


Minyeo

– Mi, eu preciso ir, tenho ensaio agora. Queria ficar aqui, mas não posso deixar os meninos na mão.

– Tudo bem, eu entendo.- sorrio.- Vai bem tá? Eu te vejo amanhã.- despeço-me com um beijo demorado.

[...]

É, apesar de ser inverno e consequentemente o clima pareça melancólico, para mim, o dia ainda continua sendo o mais lindo.

– Minyeo.- essa voz soa familiar...

– G-Guk?

– Posso falar com você? É importante.

– Pra você vir aqui e querer falar comigo, deve ser mesmo.- dou de ombros.

– Sem gracinhas, tá? Isso é só um conselho... Fica longe do Yoongi.

– Por que eu deveria?- questiono.

– Não quero ver você sofrer por causa dele.

– Mas não foi ele que me fez sofrer, não é mesmo?- rebato.

– Eu te fiz sofrer? Quando? Tudo que eu faço é pensando em você!- se altera.

– Você resolveu parar de falar comigo pensando em mim? Super lógico isso.

– Eu estou fazendo sacrifícios por você! Sacrifícios! Você tem noção disso??

– Que tipo de sacrifícios?

– Isso não importa agora.- suspira.- Enfim, eu só quero o seu bem. Tchau.

[...]

"Não quero ver você sofrer por causa dele... Eu só quero o seu bem..."

– Idiota... Nem sabe que foi você que me fez sofrer...- sussurro baixo.

– Nyeo, desça! Mamãe trouxe presente pra você!

– Oi mãe... Mas que sacolas são essas?- arqueio uma a sobrancelha.

– Trouxe uma coisa pra você... 

Retira de dentro de uma das sacolas um moletom preto, com todos os nomes dos membros.

– TCHARAM!!- sorri animada.- Gostou?

– Se gostei? Mãe, eu adorei! Obrigada!

– De nada.- sorri.- Ah, filha, aconteceu alguma coisa com o Guk?

– Como assim?

– Passei por ele quase agora e não estava com uma cara boa.

– Ah, isso? É que ele brigou com os pais e veio desabafar.- disfarço.

– Espero que fique tudo bem com ele.- fita o chão por um momento.- Enfim, vou fazer o jantar.

Subo para o meu quarto e tento continuar a ler o livro que estava em cima da escrivaninha. Obviamente a tentativa foi falha pois minha mente estava ocupada pelas palavras de Guk.

"Eu estou fazendo sacrifícios por você!"

  O que ele quis dizer com isso?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...