História .save me - yoonseok - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Yoonseok Sope Bts
Visualizações 91
Palavras 385
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Mutilação, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - T w o


Hoseok pov.

Minha mãe estava chorando de novo. Seu choro estava cheio de dor. Ela começou a beber desde que meu pai a deixou por uma mulher mais jovem. 

Seu caso durou seis meses e ele a engravidou. Agora eles têm gêmeos - duas meninas adoráveis. 

Nosso pai esqueceu completamente que também éramos seus filhos e parou de responder às ligações, mensagens ou até cartas de minha irmã. Isso partiu seu coração. 

E minha mãe? Um copo ou dois copos se transformaram em uma garrafa ou duas. A partir desse momento, toda a responsabilidade esteve em meus ombros. 

Eu fui fazer compras, cozinhei, fiz trabalhos domésticos e tive que pular a faculdade porque tinha que cuidar da minha irmãzinha. Foi tudo em mim, mas eu não podia culpá-la.

 Quem poderia culpar uma pessoa quebrada por ser quebrada?

Coloquei meu telefone na mesa, desci e a vi deitada no chão com uma garrafa vazia de vinho.

ㅡ Você tem que se levantar e tomar cuidado, ok? Há estilhaços por todo o chão. ㅡ Eu disse e ela concordou. 

Ela levantou as mãos e eu a peguei em meus braços facilmente, já que ela é magra e leve como uma pluma.

ㅡ Desculpa, Hoseok. Eu sou uma pessoa tão má. ㅡ Ela soluçou no meu peito quando eu a carreguei para o quarto. 

Eu a cobri com um cobertor e ela não conseguia tirar o olhar de mim.

ㅡ O que há de errado, mãe? ㅡ Perguntei confuso.

ㅡ Você parece com ele, baby. Quando você vai desaparecer completamente?ㅡ Ela me perguntou em retorno, mas antes que eu pudesse responder, ela fechou os olhos e adormeceu. 

Peguei garrafas vazias e roupas sujas do chão e fechei as portas.

Limpei o resto da casa e terminei por volta das oito. Fiz uma xícara de chá e sentei-me na sala de estar. 

Minha irmãzinha inaudível veio até mim e me abraçou. Ela ainda é jovem, mas ela entendeu tudo ao seu redor.

ㅡ Ei. O que há de errado, coelhinha? ㅡ Eu sorri para ela.

 ㅡ Não quero estar aqui, Hobi. Mamãe está me assustando ㅡ ela murmurou.

ㅡTudo bem, você não precisa se assustar. Eu estou aqui. ㅡ Eu respondi enquanto ela subia no meu colo.

ㅡ Eu te amo, Hobi. Você é o melhor irmão de todos os tempos ㅡ ela sussurrou.

ㅡ Eu também te amo, coelhinha.

 


Notas Finais


Wow!!

Dois capitulos em um mesmo dia ? Por que não ? :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...