História Save me ( Malec) - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Shadowhunters
Personagens Alexander "Alec" Lightwood, Clary Fairchild (Clary Fray), Hodge Starkweather, Isabelle Lightwood, Jace Herondale (Jace Wayland), Jocelyn Fairchild, Magnus Bane, Personagens Originais, Raphael Santiago, Simon Lewis, Valentim Morgenstern
Tags Alec Lightwood, Clace, Clary Fray, Isabelle Lightwood, Jace Wayland, Magnus Bane, Malec, Simon Lewis, Sizzy
Visualizações 103
Palavras 710
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem.

Capítulo 8 - Capitulo 7.


Fanfic / Fanfiction Save me ( Malec) - Capítulo 8 - Capitulo 7.

Após dar um beijo de despedida em Sebastian, Magnus seguiu para dentro do Pandemonium encontrando Luke dentro trabalhando, saudou seu amigo e foi direto para seu vestiário, para se arrumar iria começar a trabalhar.

Depois de uns trinta minutos, indo até o escritório informar que já estava presente no clube, assinar seu ponto de trabalho e falar com chefe.

- Magnus, você terá que ir amanhã. Serás exclusivo de um pagante. A pessoa fez pagamento adiantado pela noite. Pagou por sinal muito bom, portanto irá que se preparar. Aqui está o ordenado já recebido e ao final ele paga-lhe o resto. Por sinal deve ser muito rico. – Disse lhe passando o envelope pesado com dinheiro.

- Obrigado, chefe. – Relatou Magnus ainda olhando admirado para seu chefe.

- Agora você poderá pagar algumas contas atrasadas Magnus!

- Ainda bem, Estava precisando de um dinheiro extra. Obrigado chefe.

Magnus saiu dali, deixando seu envelope no seu armário, começando a realizar seu trabalho passeando pelo interior do clube.

Alexander que havia dançado minutos antes. Estava de volta ao bar, bebendo mais uma bebida esperando que alguém de formas asiáticas pudesse se aproximar pela aquela área.

Magnus guardou suas coisas no seu armário, se arrumando melhor a frente do espelho, logo seguindo em direção para centro do clube, esta noite ele não iria fazer nenhum numero de dança, somente passear pelo local onde os possíveis clientes estariam.

Tentar algo essa noite era o objetivo.

Magnus circulou entre algumas pessoas cumprimentando alguns clientes já antigos. Embalado pelo som alto da música ambiente, Magnus começou a ser cortejado por homens e mulheres, até que um dos seguranças do clube, que informou que havia um cliente.   

Alexander havia acabado de chegar da pista de dança.

Magnus pediu para ir ao bar somente para pedir uma bebida. Vendo o segurança assentir indo para o bar imediatamente, onde encontrou sua amiga e pediu uma bebida rapidamente. Enquanto esperava ela completar o drink olhou para um moço bonito moreno, olhando para sua bebida distraidamente.

O asiático suspirou voltando sua atenção para a bartender acabando de despejar a bebida no copo.  Bebendo em seguida sorrindo para amiga, voltando seu olhar para o estranho na esquina do balcão do bar, poucos metros de distancia.

Ele deixou sua bebida na bancada dizendo que voltava mais tarde, para Maia e sorrindo saiu daquela parte da boate. Neste momento Alexander visualizou o homem que estava em seu pensamento algum tempo, não acreditando que finalmente o tinha encontrado.

O seguindo pela boate, para poder conversar com aquele homem. Quando estava se aproximando dele, foi barrado por um segurança.

Avisando que ele estaria ocupado durante a hora seguinte. Vendo o subir acompanhado para os camarotes-quartos que haviam por ali. Alexander perguntou com quem se tratava para poder ficar um tempo como aquele homem.

O segurança o direcionou para onde agendava a hora e reservou duas horas combinado o valor.

Algum tempo depois Magnus terminou seu trabalho com seu atual cliente, em seguida foi direto ao banheiro arrumando com maquiagem algumas manchas  agora aparentes e com ataduras onde estava machucados.

Magnus agora estava seguindo em direção a pista de dança da boate, mexendo seu corpo já no ritmo da batida eletrônica que estava alta no local.

Alexander sorriu ao ver Magnus tão perto novamente.  

Ao se aproximar de Magnus, Alexander começou a sentir seu coração ficando cada vez mais agitado. Seu corpo estava flutuando contra aqueles corpos emaranhados e dançantes. Visualizando um homem todo de preto que parecia ser segurança chegar perto do asiático, falando com ele ao pé do ouvido. Segurando no braço dele.

Alexander sentiu uma vontade louca de chegar mais rápido possível dele, mas o numero de pessoas o impedia.

O segurança tirou Magnus da pista de dança e logo levou para um lugar mais reservado. Logo o aparelho no bolso da calça de Alec começou a tremer e foi seguindo na mesma direção onde estavam levando Magnus.

 

Alguns passos mais a frente.

Magnus olhou para o bar esperando o próximo cliente, recebendo uma bebida por um moço alto e moreno. Sorrindo para Magnus, Alexander o convidou para subir, mostrando o aparelho para o asiático.

- Vamos Subir! - Disse Alexander vendo Magnus sorrir para ele e pegar sua mão indo em direção aos camarotes.


Notas Finais


Desculpa pelos erros.
Beijokas com purpurina colorida.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...