História Say... I Love You. - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Oiee, boa leitura.

Capítulo 4 - Capítulo Quatro


Sasuke chega ao Shopping e logo se preparava para liga para Naruto quando o avistou, antes mesmo de se aproxima ele já sentia a inquietude dentro de seu Marido e por esse motivo ele se apressou em se aproxima do loiro que conversa com um ruivo que sorri abertamente em direção a ele e isso o irritou um pouco, o moreno conseguiu sentir o quão seu loiro estava desconfortável com a presença do homem e logo ele ouve as palavras do ruivo o fazendo se anuncia enquanto para atrás do marido.

- Casado... Que bom, fico feliz. – O homem olha diretamente para Naruto. – Inuzuka, não é.r

- Uchiha Sasuke, na verdade.

            Sasuke consegue sentir Naruto se tranquilizar com a sua presença o fazendo sorri minimamente e logo acaricia a nuca do marido se abaixando e lhe beijando a bochecha rapidamente o fazendo sorri minimamente para o loiro que sorri o olhando com cuidado, o mesmo logo se volta para o homem enquanto observa os olhos verdes do ruivo se focam em si, o homem lhe olha dos pés a cabeça e logo sorri se levantando o comprometendo.

- Que interessante... – Ele lhe sorri – Sou Sabaku no Gaara, Naruto e eu já estudamos e fizemos várias coisas juntos.

            O Uchiha nota o sorriso sarcástico do Sabaku que não deixa de lhe olhar em nem um momento o fazendo aperta fortemente a mão do ruivo que lhe sorri, Sasuke pegou os detalhes nas palavras de Gaara o deixando irritado.

- Uchiha Sasuke... Engraçado que ele nunca me contou de você. – Sasuke mantém os olhos em Gaara.  

- Que pena, eu jamais esqueceria o Naruto. – Gaara sorri para Naruto.

            Sasuke observa as palavras de Gaara o fazendo suspira suavemente, o mesmo sabe que a algo em Gaara que deixa Naruto inquieto e a forma como ele fala e ainda mais clara para si que o olha sem desviar dos olhos verdes âmbar do Sabaku.

- Sasu... – Shusui se aproxima.

            Sasuke perde o foco ao ouvi a voz de Shusui que se aproxima o fazendo desviar o olhar para o primo que sorri suavemente enquanto para ao seu lado, logo ele vê Naruto se levanta se voltando a si o fazendo se foca em seu loiro que tem a expressão cansada.

- Acho melhor irmos. – Naruto o olha. – Amor, estou cansado.

            Sasuke se volta totalmente a Naruto e consegue vê e senti o quão está sendo difícil para seu marido o deixando preocupado, com cuidado ele acaricia o rosto do loiro que sorri corando o fazendo se suaviza enquanto sua mão desliza por sobre a pele macia de seu amor e logo ele junta a pequena mão de Naruto a sua.

- Parece cansado mesmo. – Sasuke o beija rapidamente.

- Então... – Gaara tosse falando. – Acho que e sério mesmo, foi bom te ver Na-ru-to.

            Sasuke observa atentamente o sorriso enorme que o ruivo lança e logo manda um beijo a Naruto que fica tenso ao seu lado e o pequeno nem perce, o moreno vê o Sabaku se afasta enquanto seu marido suspira levemente irritado o deixando ainda mais curioso com toda a situação.

- O que foi isso? – Shusui os olha. – Naru e amigo seu?

- Sinceramente eu não quero falar sobre isso agora. – Naruto suspira. – Vamos embora, Sasu.

            Sasuke se volta a Naruto e olha nos olhos, no azul mar que ele adora se banha e possível ver o quão ele está abalado e logo o mesmo se aproxima o beijando suavemente nos lábios e se afasta apenas para acena para o loiro que agradece com um aceno. O moreno e capaz de sentir as aflições que cercam seu ômega e saber disso o deixa levemente intrigado e também curiosa em relação à Sabaku no Gaara, Sasuke sabe que Naruto jamais esteve com qualquer outro homem e ainda que confie em seu marido ele sabe que a algo que o loiro não lhe contou e pode ser a inquietude dele o deixa anda mais curioso. Assim que deixou Shusui em sua casa o mesmo voltou a dirigir em silêncio em direção ao seu apartamento, Sasuke sabe que o fato de ainda estarem neste lugar e algo que desagrada ao loiro que agora pensa no bebê que carrega e enquanto trabalha na Construtora ele também cuida da casa antiga que comprou para Naruto e para si e seu loiro que e apaixonado por antiguidades o fez procurar um imóvel rústico e aconchegante, foi Minato que o ajudou a encontra o imóvel e ele e bem localizado em um condomínio organizado e próximo a casa de ambas as famílias e Itachi e praticamente se vizinho tendo em vista que também mora no mesmo condomínio, a alguns meses ele vem o restaurante e o  fazendo sorri ao imaginar seu loiro quando ver a casa pronta para eles e o bebê o fazendo se perder em seu momento de felicidade.

- Sasu...

            O moreno acorda ao ouvi a voz de Naruto que o olha o fazendo o olha rapidamente enquanto dirige, Sasuke consegue vê o pequeno sorri no rosto de seu loiro e isso o faz sorri também, Naruto nunca sorri forçadamente e sempre que o faz e de forma natural e calma e isso significa que ele está calmo o deixando tranquilo.

- Desculpe... – Ele se volta à estrada.

- Que felicidade e esse? – Naruto olhe pergunta. – Aconteceu algo bom?

- Mais ou menos, na hora certa eu te conto. – Sasuke o olha. – E uma promessa.

            O Uchiha sorri ao ver o enorme sorriso que tem nos lábios de Naruto que se torna suave novamente, ele sabe que seu loiro está com seus pensamentos longes e algo lhe diz que Sabaku no Gaara fez parte disso o fazendo aperta o volante ao entrarem no estacionamento do prédio. Logo que entra em seu apartamento o moreno observa Naruto se sentado no sofá em seu próprio mundo o fazendo puxa o ar, com as mãos cheias de sacolas ele segue em direção ao quarto e lá deposita as nos chão as varias sacolas e logo retorna a sala onde se senta ao lado de Naruto que o olha nos olhos.

- Sabe que pode me contar qualquer coisa!

- Eu sei talvez eu esteja sensível demais. – Naruto sorri minimamente. – Eu... Deve ser impressão minha mais... Eu estou com medo.

            Sasuke suspira ao sentir os medos de seu ômega que se aproxima o abraçando o fazendo sorri ao puxa o loiro para seu colo, ele sabe o quão Naruto e forte e destemido e é alguém que não teme nada e pode ver a vulnerabilidade de seu marido e algo que o faz ver o quão eles estão ligados e isso em nada tem haver com o laço ômega e alfa e algo dentro do coração de Naruto que faz ele abraça apertado Sasuke e o moreno sabe que ele está buscando refúgio e força e o mesmo irá protegê-lo com todas as suas forças o fazendo levantar o rosto do loiro o olhando nos olhos.

- Eu nunca, nunca irei deixa de cuida de vocês. – Sasuke lhe sorri. –Eu te amo e se possível eu paro a Terra por vocês.

            Sasuke sorri levando sua mão a barriga pequena de Naruto que lagrimeja o olhando, logo o loiro segura seu rosto com ambas as mãos e lhe dá vários beijos o fazendo gargalha com o marido que se afasta o olhando nos olhos.

- Do que tem medo?

- De Gaara... – Naruto suspira. – Ele me assusta, a última vez que nos vimos eu... Eu consegui ver o quão ele pode se assustador.

- O que aconteceu?

            Sasuke observou atentamente as expressões que Naruto fez ao conta o ocorrido com Sabaku no Gaara e ele pode entender o medo que o loiro sentiu e ainda sente, o moreno sabe que seu loiro está temeroso em relação ao bebê e isso faz amá-lo ainda mais enquanto o abraça o mimando, o Uchicha acariciou e mimou o loiro o quanto pode assim que terminaram o banho eles se deitaram para dormi e logo Naruto o abraçava em busca de carinho fazendo sorri enquanto observava a respiração do ômega se torna suave o avisando que ele havia dormindo o fazendo sorri o abraçando e fechando os olhos também. Assim que ouve seu telefone toca o mesmo acorda e esfrega os olhos com as mãos, Sasuke sorri o ouvi o baixo resmungo de Naruto que o abraça ainda mais o fazendo sorri enquanto estica a mão e pega o celular o atendendo rapidamente.

*Sasuke querido, bom dia.

* Mãe, bom dia, aconteceu algo?

*Kushina e eu estamos aguardando vocês para um churrasco em casa. – Mikoto gargalha baixo. – Queremos comemorar a gravidez de Shusui, Kami eu vou ganhar dois netinhos.

- Estaremos ai sim, Naruto jamais faltaria essa comemoração.

* Certo, até daqui a pouco, beijo.

* Beijos mãe.

            Logo o mesmo coloca o celular sobre o criado mudo e se volta a Naruto que tem o rosto deitado em peito, Sasuke sorri beijando o rosto adormecido do loiro que sorri e gargalha baixo. O Uchiha dirige somente com uma mão enquanto a olha e acariciada por Naruto que parece leve e tranqüilo e isso o deixa calmo na mesma medida, Naruto está suave e parece ter esquecido o encontro do dia anterior e após a conversa ele sente que os dois estão ainda mais ligados, assim que estaciona o carro ele vê Kushina e Mikoto virem recebê-los e logo o loiro e levado o fazendo sorri ao segui-los para os fundos da mansão Uchiha, Naruto abraça seu Pai e gargalha da preocupação de Minato que sempre faz várias perguntas em relação ao neto e a alimentação dele, o moreno abraça Fugaku que tem um sorriso contido para Shisui que está radiante ao lado de Itachi, Sasuke sabe o quão o casal está realizado em conseguirem gerar um bebê e a relação deles e algo que o moreno esteve sempre a admirar.

- Está a cuida do meu filho e do meu neto, não e Uchiha.

            Sasuke sorri ao ouvi a pergunta de Minato que se aproxima lhe cumprimentando, ele sabe o quão seu loiro e amado e entende bem a paixão do Namikaze por seu herdeiro. Naruto e de uma personalidade alegre e positiva, sempre pra cima e esperançoso e essas coisas o fizeram se apaixonando por ele ainda na escola e ele sabe o quão a beleza de Naruto e algo que chama a atenção, seus cabelos incrivelmente rebeldes em sua pele bronzeada de um jeito natural e suave enquanto que seu sorriso e radiante e combinar em total harmonia com o mar azul que são os olhos de seu marido o fazendo sorri ao olhá-lo em uma conversa animada com Itachi e Shisui.

- Eu morreria por eles... – Sasuke sorri. – Seu filho e tudo pra mim.

- Fico feliz em saber disso. – Minato lhe sorri. – Shisui está radiante, eles realmente estão realizados.

- Sim... – Sasuke sorri. – Sei o quanto eles queriam um herdeiro e ambos estariam feliz em adotar uma criança, eles a amariam e ela seria tão Uchiha quanto qualquer um, kami os presenteou com algo ainda maior, Itachi e Shisui merecem essa felicidade.

- Merecem sim. – Minato sorri. – Lembro quando Fugaku me falou do namoro dos dois. – Minato gargalha. – Não sei de quem ele tinha mais ciúmes, Itachi e seu primogênito enquanto que Shisui e filho de Izuna o irmão que a vida levou cedo demais, e agora ele será avô de dois netos.

- Acho que a felicidade dele é dobrada. – Sasuke sorri.

            Sasuke sorri minimamente, seu pai sempre fora um alfa forte e temido em alguns lugares por onde passava sua mãe lhe contou que ele sempre defenderá seus ideais e jamais desiste das coisas é quando Izuma se foi ele perdeu parte de si, Shisui era tão jovem e jamais conheceu a mãe que o abandou assim que ele nasceu e ao perde o pai ele se viu sozinho no mundo. Uchiha Shisui e registrado apenas no nome de seu tio Izuna e ele era tão amado pelo pai, todos viam o quão Izuna era apaixonado e dedicado ao filho. O moreno lembra-se de o quão o seu Pai ficou abalado ao perde o irmão, uma semana após a morte de Izuna os Uchiha’s se reuniram no Chalé de Madara que e irmão de sua mãe e também o Padrinho de Shisui, um alfa sorte e respeitado dentro da Policia sendo que o mesmo e Tenente e ganhou o cargo com honras e méritos, naquele dia ele viu seu Pai grita com todos que sugeriram a procura da mãe de Shisui em busca de deixá-lo com ela, a reunião terminou com Fugaku pegando Shisui no colo o abraçando apertado e logo todos entenderam e nada falaram ao vê-lo leva o pequeno e choroso Shisui embora, uma semana após isso ele já estava na sala de aula no qual Naruto estudava e o loiro o acolheu de braços abertos o fazendo sorri com a lembrança.

- Amor...

            O moreno acorda de seus devaneios ao ouvi a voz de Naruto que se aproxima a barriga e pequena e pouco notável e isso em nada o impede de achar seu marido o homem mais lindo da terra, Naruto sorri pegando sua mão e logo se voltando ao seu Pai o olhando com o rosto levemente emburrado e o Namikaze sorri abertamente.

- Papai... Me diga que não está a cobra o Sasuke.

- Eu...  – Minato gargalha constrangido. – Eu não faço isso.

- Sasu... – Naruto o olha manhoso.

- Estamos apenas conversando. – Sasuke sorri. – Ele e seu pai, deixa ele se preocupar.

- Ouviu... – Minato lhe mostra a língua.

       Sasuke sorri ao ver a cena dos dois loiros a sua frente, Naruto garante ao seu pai que está a se alimenta e se exercitar em casa, ele cora e gargalhada ao ouvi algumas palavras de Minato que não esconde a preocupação com seu herdeiro e neto que cresce saudável dentro de Naruto.

- Naru... – Kushina lhe chama. – Venha comer, não pode passar da hora.

            Seu marido sorri e logo se aproxima de seu pai lhe beijando a bochecha enquanto sorri, seu marido se vira e lhe dá um pequeno beijo suave e logo se afasta em direção a Kushina que tem um sorriso bonito no rosto. Sasuke observa seu marido sorrindo alegremente com Kushina e isso o faz sorri minimamente, Naruto está ainda mais carinhoso e atencioso com sigo e aqueles medos e receios e algo que esta no passador e pode sentir a vibração e alegria de seu loiro e algo que o aquece de um jeito único, ele sempre amou o sorriso radiante de Naruto e faria o possível para não ter que vê-lo chora o fazendo lembra-se do encontro com Gaara e como o loiro se sentiu abalado o fazendo se volta a Minato.

- Quem e Sabaku no Gaara. – Sasuke fala calmamente.

- Gaara... – Minato suspira. – Não me diga que ele está no Japão!?

- Naruto o encontrou ontem no Shopping enquanto fazia compras com Shisui. – Sasuke suspira. – Ele conseguiu deixa ele assustado e temeroso, ele também me contou do ocorrido em sua festa de formatura.

            Sasuke observa a expressão calma e suave de Minato se torna atenta e levemente aborrecida o fazendo entende que a algo em Gaara que o Namikaze não gosta logo seu sogro se volta a si o fazendo lhe encarar com atenção.

- Antes de entrarmos em acordo com os Inuzuka’s eu tive um encontro com Sabaku no Gaara, ele se mostrou muito inteligente e perspicaz e assim que viu um foto de Naruto em minha mesa ele se interessou por ele no mesmo instante. – Minato olha para Naruto.  –Naquele dia ele se ofereceu em ser o noivo de Naruto, fiquei curioso e lhe pedi um tempo para pensar.

- Naruto me contou que eles estudavam juntos, então...

- Sabaku no Gaara era próximo a Naruto enquanto faziam faculdade e a empresa de seu Pai ser umas das empresas a entra em um contrato com a minha e algo que o fez usar isso no momento do pedido, logo que descobri que ele e Naruto já se conheciam eu soube que algo estava errado e ao negar o acordo ele tentou evita o contrato entre as empresas, fora seu irmão mais velho que o afastou da negociação, Kankuro e um homem sensato e garantiu que Gaara e alguém  que ele desconhece.– Minato suspira. – Kushina e Naruto nem sequer sonham com isso, por essa razão que eu me mantive atento em relações a “amizade” deles.

            Sasuke ouve atentamente as palavras do Namikaze que tem olhos em direção ao filho que sorri enquanto conversa a Kushina, o moreno e sabedor do quão fora difícil para o casal ter Naruto e após 3 abortos as chances de engravidarem era algo difícil e extremamente delicado, Mikoto lhe contou que foi nesta época que as famílias se tornaram unidas e os Uchihas estiverem em todos os momentos da gravidez de Kushina e ao nasce antes do prevista o seu Marido teve que passar um mês na incubadora e por todos essas razões ele entende a preocupação com Naruto o fazendo se volta a Minato que o olha.

- Os manterei seguros e ficarei atento ao Sabaku.

- E o melhor a se fazer, ainda mais neste estado. – Minato suspira. – Naruto se recusar em se afasta da empresa, diz que e cedo demais. Ele e tão teimoso.

- Bem... – Sasuke sorri. – Ele e filho de Kushina no final das contas.

            O moreno sorri ao ouvir a gargalhada de Minato que concorda com sua afirmação, o Namikaze e sabedor do quão a esposa e teimosa e seu Marido ser assim e algo natural, Sasuke também já pediu que o loiro se se afaste da empresa e permanecesse em repouso e a única coisa que conseguiu foi fazê-lo trabalhar somente pela manhã o deixando em casa pela parte da tarde o fazendo sorri ao lembra da casa deles que já está quase finalizada.

            Naruto se despede de seus sogros que lhe sorriem e logo seus Pais começam a fala várias coisas em relação à gravidez e a os cuidados o fazendo revirar os olhos os ouvindo, sempre que se encontram eles falam algo e os três nem ficam tanto tempo separados o fazendo sorri se despedindo deles, assim que chegar a entrada da mansão Uchiha ele sorri para Sasuke que abre a porta para si. Ambos seguem para o apartamento de Sasuke, o fato de morarem no apartamento de solteiro de seu marido e algo que lhe incomoda e antes mesmo deles se resolverem e ainda assim o loiro não conseguiu encontra a forma certa de entra no assunto, enquanto termina de tirar a mesa do jantarem o mesmo sente sua barriga se mexer o fazendo travar no lugar e sorri largamente e logo o loiro grita alto.

- Saaasssukeeeee.

            Naruto não se mexe e logo ouve passos apressados de seu marido que aparece na porta da cozinha, com o cabelo desgrenhado e ofegante ele observa a preocupação de Sasuke que se aproxima o olhando em busca de algo de errado com sigo ou o bebê.

- O que... Dói em algum lugar?

            Naruto nada diz e sorri ainda mais ao ver a preocupação estampada no rosto do moreno que o olha com atenção, o loiro sente-se levemente culpado ao causa a aflição em seu amor e ao sentir a movimentação em sua pequena barriga ele se permite sorri enquanto pega as grandes e quentes mãos de Sasuke e as leva a sua barriguinha de praticamente 4 meses e logo sua pequena princesa se mexe e ao olhar nos olhos ônix de seu amor ele vê lagrimas pequenas enquanto no rosto a um enorme sorri e logo o moreno fica de joelhos no chão enquanto encosta a cabeça em sua barriga e gargalha ao sentir um chute o deixando emocionado.

- Oi minha pequena Hime, eu estou tão feliz em pode sentir você. – Sasuke fala calmamente. – Eu sou seu outro Papai, te amo tanto quanto amo o Papa Naru. – Sasuke o olha. – Estamos ansiosos por sua chegada, você será imensamente amada.

            Naruto não consegue conte as lagrimas que caem de seus olhos, suas pequenas mãos estão sobre os fios negros de Sasuke que começa a da vários beijos em sua barriga o fazendo gargalha, seu marido se põe de pé e ainda sorrindo ele seca suas lagrima o fazendo abraça o Uchiha que o acolhe em seu abraço.

- Eu sou homem mais feliz deste Universo. – Naruto sussurra. – Eu te amo tanto.

- Eu e que sou imensamente feliz, tenho as duas razões da minha vida aqui comigo. – Sasuke o aperta. – Obrigada por existe, obrigada por me deixa te amar e me amada de volta, obrigada por me presentear com esse serzinho que cresce dentro de você.

            Naruto sorri abraçado ao homem de sua vida, Sasuke acaricia seus cabelos o fazendo se derreter nos braços do moreno que o pega no colo e segue em direção ao quarto dos dois, o loiro o beija no pescoço e sorri ao ouvi os pequenos rosnados que Sasuke deixa escapa, logo ele sente o macio do colchão sobre as costa ele observa seu moreno ficar de joelhos na calma e logo começa a tira a camisa azul escura que usa o fazendo se deleita com a pele clara e pálida em músculos definidos que o Uchiha possui, o loiro suspira ao sentir as grandes e gentis mãos dele em sua pernas as acariciando e as apertando o fazendo suspira ao sentir os toque se tornarem mais urgentes enquanto seu corpo fica ainda mais quente e totalmente entregue ao Uchiha.

- Naru...

            Ao ouvi seu nome ao longe ele se permite abri levemente os olhos encontrando os ônix de Sasuke que lhe sorri e acaricia seu cabelo o fazendo sorri também, o loiro puxa o ar e logo se senta sobre a cama e observa sobre os seus pés a bandeja com o café da manhã dos dois o fazendo se volta a Sasuke que se levanta.

- Você dormiu após a gente fazer amor, acordou cedo demais em um domingo. – Sasuke sorri. – Vamos comer aqui e passamos o resto do dia deitados, vou pega suco para nós.

            Naruto nada diz ao ver o moreno se aproxima lhe dando um rápido beijo e logo segue em direção a cozinha o fazendo sorri ao observa bandeja sobre seus pés, tudo bem organizado e ele gargalha baixo ao ver que um prato e mais farto do que o outro e ele sabe que Sasuke lhe fará comer todo o café, se lhe dissessem a 5 anos atrás que ele estaria ali sendo tratado com tanto amor, carinho e devoção ele jamais acreditaria e choraria de tristeza por sonhar que a pessoa que o daria tudo isso iria ser o grande amor de sua vida o fazendo sorri acariciando a barriguinha que lhe prova que não e um sonho.

            Gaara sorri observando a foto em sua mão, na imagem a um Naruto de 5 anos atrás o loiro com seu brilhante e sincero sorriso de sempre, fora esse sorriso que o fez se apaixonar a primeira vista pelo Uzumaki de ar alegre e sempre positivo, o Sabaku  jamais se viu tão fascinado por alguém da forma que e fascinado pelo loiro. O mesmo se lembra bem de como conheceu o Herdeiro Uzumaki e Namikaze, naquela noite ele estava estressado em saber que teria que fazer o Curso de Administração apenas para satisfazer as ordens de seu Pai que o matriculou e em nem um momento o avisou e após uma briga seria ele seguia em direção a Faculdade e enquanto andava pelos corredores o mesmo se via espraguejando os seus antepassados que entendiam que os Sabakus precisam cursa Administração e assim irem trabalhar na Empresa da Família, Empresa essa que Administra negócios por vários países, claro que o ruivo aproveitava o poder que seu nome e o usou o quanto pode e isso fora seu maior erro, Gaara se distraiu com suas próprias dores que nem viu nada a sua frente o fazendo se bater em algo e assim que se preparava pra amaldiçoar o ser que o impedia de continua suas lamurias ele ouviu.

- Eu sinto muito... – Risinho. – Sou muito distraído.

            Assim que Gaara levantou o olhar ele viu, viu um homem baixinho de cabelos loiros e rebeldes de grandes olhos azuis e um rosto bonito e bem desenhado, lábios rosados e pequenos em total concordância com as bochechas coradas e com riscos como bigodes de gato e isso o fez sorri para o loiro que corou com seu olhar observado.

- Desculpe. – Ele desviou o olhar.

- Hei, tudo bem, também estava distraído. – Gaara lhe sorrio. – Vamos começar do zero? O que acha?

- Do zero? – O loiro o olhou?

- Sim, fingimos que não nos esbarramos. – Gaara estendeu a mão. – Sabaku no Gaara.

            Gaara observou com atenção as feições suaves do loiro que parecia pensa sobre sua proposta e claro que ele já sabia que o homem a sua frente e um Ômega, o cheiro de flores do campo e as medidas dele o entregavam e isso o empolgou ainda mais, o ruivo ainda não havia provado um Ômega homem e tão pouco acreditava em companheiros destinados até seus olhos serem capturados pelo homem a sua frente que sorrio corado lhe estendendo a pequena mão. 

- Uzumaki Namikaze Naruto!

            Sabaku no Gaara se viu totalmente e 100% interessado em Naruto, após aquele dia ele se via a observa o Uzumaki a uma distancia aceitável, o ruivo notou os pequenos detalhes de Naruto, o loiro era muito distraído e totalmente concentrado nas palestras, sempre lendo e atento aos professores, ele não conseguia notar os olhares de cobiça em sua direção e sempre sorria de um jeito que deixava as pessoas desconcertadas e isso fazia os seus fãs se multiplicarem, durante a primeira semana de palestras ele sempre encontrava o loiro que sorria e lhe cumprimentava o deixando ainda mais viciado em Naruto, fora no primeiro dia de aula que ele soube que a sorte estava ao seu favor. Assim que Gaara entrou na sala e seus olhos verde mar encontraram os de Naruto ele se permitiu sorri e o loiro fez um aceno e sorrio também, enquanto seguia para a cadeira ao lado do Uzumaki ele começou a maquina seus passos para conseguir o loiro que sorrio corado ao velo se senta ao seu lado.

- Oi. – Naruto o olhou. – Não sabia que cursaria Administração.

- Pra minha sorte. – Gaara lhe sorrio.

            Após aquilo e se aproximou mais e mais de Naruto e o que pensou ser apenas um paixaozinha ser tornou ainda maior, Gaara começou a trabalha na Empresa da Família e logo soube da importância do nome Uzumaki Namikaze Naruto e logo buscou as informações necessárias e a assim que Kankuro lhe contou dos negócios que as empresas riam fazer ele e viu tomando a frente e não pensou em se oferecer para ser o Noivo do Herdeiro de Minato que lhe negou isso ele se viu tentando evitar a transação das Empresas e logo o mesmo fora afastado de seu cargo e isso o enfureceu ainda mais, o mesmo se perdeu ao saber que Naruto ficara noivo de Inuzuka Kiba e após isso as coisas aconteceram rápido demais, e quando percebeu ele já estava em um vôo para fora do Japão e o mesmo ficou anos sem manter contato por Rasar que o obrigado a sair do Pais as pressas, seu Pai garantiu que não o deixaria destruir as empresas apenas por que ele fora rejeitado pelo Herdeiro de Namikaze Minato.

- Pensei que estaria em alguma Balada ou Festa, não e o que costuma fazer?

            Gaara nem se dá ao trabalho de levantar o rosto, ele conhece bem à voz de seu irmão mais velho e Kankuro não consegue esconde o desdém que sente por ele não esta na Empresa assim como ele e Temari o fazendo suspira se voltando ao irmão que o olha com curiosidade e logo observou a foto em sua mão.

- Uchiha Naruto, não sabia que ainda mantém contato com ele. – Kankuro se senta o olhando. – Namikaze Minato se orgulha desse filho.

- Quando ele se casou com o Uchiha?  - Gaara olha o irmão. – Digo. Quando eu fui embora ele estava noivo de Inuzuka Kiba, como isso aconteceu?

-Bem... Duas semanas antes do Casamento com o Herdeiro Inuzuka eles cancelaram tudo, do dia pra noite eles terminaram o noivado, como se nada tivesse acontecido. – Kankuro sorri. – Três meses depois eles anunciaram o noivado de Sasuke e Naruto e em questão de dias eles se casaram, foi uma cerimônia pequena em relação aos preparativos para o casamento de Naruto e Kiba.

- Então foi um acordo? – Gaara o olhou. – Foi um casamento entre as famílias!?

- Não exatamente. – Kankuro sorri minimamente. – A Uzumaki&Namikaze se mantém firme na aliança empresarial com os Inuzukas e também com os Uchihas, nada mudou entre as empresas que continuam com seus acordos empresariais.  

- Como assim? – Gaara suspira irritado. – Diga o que sabe!

- Itachi me contou...

- Itachi? Quem diabos e Itachi? – Gaara o olhou irritado.

- Pare de me interromper, isso e deselegante. – Kankuro o olha irritado. – Continuando, Itachi me contou que as Famílias cresceram juntas, Uzumaki Kushina e  Uchiha Mikoto sempre foram próximas e enquanto estava grávida de Naruto as mães se uniram ainda mais. – Kankuro o olha. – Naruto e Sasuke praticamente cresceram juntos, a amizade das famílias se estendeu para as Empresas.

- Tá entendi, mais onde entre o Inuzuka nessa historia. ?

- Então, Mikoto e Kushina queriam unir suas famílias e matrimonio e logo trataram de fazer um acordo, Sasuke e Naruto teriam que ser casar e isso não aconteceu logo de cara. – Kankuro cruza os braços. – Assim que se descobriu alfa o Sasuke foi embora do Japão e não deu indicio de que iria voltar e menos ainda de se casar, Naruto e um Ômega e sendo filho de quem e ele começou a receber propostas de Casamento e os Inuzukas já tinham uma aliança empresarial com os Uzumaki&Namikaze, então logo os dois estavam noivos.

- Entendi, mais como o casamento não aconteceu?

- Parece que alguns dias antes do Casamento o Sasuke voltou em busca de se casar com Naruto, Itachi me falou...

- Quem caralhos e Itachi? – Gaara se irrita o olhando.

-Infernos... – Kankuro suspira. – Itachi e irmão mais velho de Sasuke, nós estudamos na mesma faculdade e ele e Cirurgião Clinico. Somos amigos há anos, satisfeito?

- Muito, continue, por favor.

            Gaara sorri abertamente ao ver a expressão irritada de Kankuro, ele jamais ira perdoa o irmão por ter o afastado de Naruto, claro que naquela época ele não sabia de sua proximidade com Naruto e achou que o mesmo estava apenas tendo uma paixaozinha pelo loiro e isso o fez assumir a negociação com Minato.

- Itachi me contou que ambos sempre se gostaram, Sasuke temia que Naruto não fosse Ômega e por isso ele se afastou. – Kankuro sorri minimamente. – Ele voltou para o Japão assim que soube do noivo de Naruto, e em questão de meses eles já estavam casados. – Kankuro o olha. – Gaara eles pertencem um ao outro, há alguns meses eles voltaram a se casar e foi uma cerimônia bonita e fechada a mídia não sabe desse novo casamento.

- Novo casamento?

- O primeiro foi simples e somente no civil, na recente união deles eu fui convidado e posso garantir a tanto amor entre eles. – Kankuro o olha seriamente. – Desista do Naruto, ele está grávido e feliz em seu casamento, possui uma marca e é totalmente apaixonado por Sasuke que o ama igualmente ou mais.

            Gaara apenas ouve as palavras de Kankuro que o olha dando um longo suspiro e se afasta o fazendo se volta à foto em sua mão, Naruto tem um sorriso sincero e bonito no rosto o fazendo sorri também. Sabaku no Gaara e tudo menos alguém que desiste daquilo que quer, antes mesmo de saber da existência de Uchiha Sasuke ele já sabia que Naruto pertenceria somente a si e ainda que haja um pequeno estorvo no caminho ele em nada ira desistir do seu loiro o fazendo sorri e enquanto busca o celular no bolso da calça e inicia uma ligação que logo e atendida pelo outro lado.

*Preciso desfazer uma Marca!


Notas Finais


Oie queridos, como vocês estão? Espero que estejam bem e que tenham um bom 2020.
Primeiramente eu peço desculpas pela demora, meu tempo e corrido e a tantos projetos pessoais, mais isso não diminuiu a minha responsabilidade em sempre arruma um tempo para escrever, espero que entendam e me perdoem.
Também peço desculpas pelos capítulos longos, quando estou escrevendo eu nem sequer penso nisso e acaba ficando longo, espero que gostem.

Obrigada pelo carinho em ler
obrigada pelo carinho em continua acompanhando
obrigada muuuuito obrigada.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...