1. Spirit Fanfics >
  2. Saya e hagui de pois do disperta >
  3. O desperta

História Saya e hagui de pois do disperta - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


me descupe pelo erros de ortografia...

Capítulo 1 - O desperta


  Era uma noite de sexta-feira 13, a rainha dos quiropti acordar do seu sono profundo. Ela dormiu por 20anos na tuba da Otonashi, depois que matou sua irmã Diva no treatro. Suas sobrinhas já estão adultas e bonitas vivia com o irmão adotivo da Saya, Cam. Ele não tinha noticia do Hagui, des do dia que ele colocou a Saya no tuba e tocou a ultima musica para a sua rainha dormi. Nesses 20anos, niguem sobe do paradeiro dele a te uma semana atés que a Saya acondace, ele foi vista, mas não entro na tuba onde a Saya descasava. Ele tomou coragem para abrir a porta da tuba e ver o casulo dela, e ouviu a voz da Saya o chamando um tom, que ele não ouvia a muito tempo.

 -Hagui!! -Saya fala com calma -Venha ate mim, meu cavaleiro!!

 Ele se se aproxima , bem devagar para não a assusta ela, quando faltava um metro de distacia para chega no casulo ele ver a mão dela saido. O casulo se parte e ela cai no chão, sem roupa e que cobria o seu corpo nú era so seu cabelo que estav combrido. o cavalheiro se ajoelho na frente da sua rainha.

 -O seu fiel cavalheiro esta aqui, minha rainha... -Hagui fala olhando para baixo -O que você me pedir, eu farei feliz com todo o meu coração!!!

 Saya levanta a cabeça e ver ele, nessa hora o seu cabelo cai na frente do rosto, a mentade dele fica escodido por causa dele, com a cabeça levemente incrinada para a direita. Mas ela cosequia enchega perfeitamente o geito com que o Hagui estava, Saya tentou se levanta bem devagar, ainda tremula por ter dormido por 20anos o seu corpo desacustumado de andar, ela caiu mas ates de encosta-se no chão, Hagui a pega. Os dois ficarão sentado no chão, ela por cima, os olhos dela fica cada vez mais vermelhos com rubi mas que ela nei falou para ele que queria beber, só começou a beija o pescoso dele, au chega no obstaculo da roupa, nesse minuto ela comecou  apuxa a camisa dele, até que os quantro bontoes fossem quebrado, ela delisou a parte do ombro da camisa ate que pudese ver a pele do ombro dele. Saya não cosequia se controlar e com suas presas o morde, e começa a sugar o seu sengue sem para a te que ela caia de casaso em seus braços.      



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...