1. Spirit Fanfics >
  2. School 2020 >
  3. Almost a kiss.

História School 2020 - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


Ooooin, desculpe a demora. eu tô meio doente, meio nada... na verdade muito, mas logo estou melhor. E desculpa por esse episódio meio boxta. Eu prometo que no próximo vou recompensar vocês. ,_,

Capítulo 8 - Almost a kiss.


NARRADOR POV


Lucy_ A-aí, que dor de cabeça... -dizia Lucy em quando abria seus olhos e se levantando da cama que a mesma estava deitada-

Wendy_ P-princesa...? MÃE Á A PRINCESA ACORDOU! -Disse a azuladinha deixando a loira sem entender nada.

Lucy_ que... o-que você tá fazendo aqui? Espera... OQUE?! PORQUE ESTOU AQUI?

Grandine_ Lucy! Você acordou! -Correu correu em direção a loira dando-lhe um abraço de urso-

Lucy_ S-senhora Grandine... tá me sufocando...

Grandine_ Oh... mil perdões, sabe como nós deixou preocupados? Fico feliz que esteja bem.

Wendy_ Princesa, você devia ver a cara de preocupação da mamãe.

Lucy_ V-vocês estavam preocupados?

Igneel_ É óbvio que sim garota. Imagina, perder a nora sem mesmo ser oficializado. -Disse igneel entrando no quarto-

Lucy_ N-Nora? N-não, somos amigos... mas... Eu fico feliz que tenham se preocupado comigo. -Sorriu gentilmente-

Wendy_ Princesa, eu vi cara do Natsu de preocupação, tá na cara que vocês têm um rolo.

Igneel_ Wendy minha filha que tipo de linguajar você está aprendendo? Pode ir parando por aí.

Wendy_ Desculpa papai -Disse fazendo bico-

Lucy_ Onde o Natsu está?

Grandine_ Bom... foi dar uma volta, ele parecia ansioso, inseguro e preocupado.

Wendy_ Nee, foi tão legal quando o Natsu chegou pela porta com você nos braços, como num filme romântico. - Falou a azulada com seus olhos brilhando-

Lucy_ Bom... eu não poderia ver infelizmente, até porquê eu estava desmaiada.

Wendy_ Pode Sim, eu... estava tirando fotos do meu rostinho lindo e aí não pude deixar escapar essa oportunidade. -sorriu e pegou seu celular que estava no bolso, entregou para Lucy mostrando a foto que havia tirado-

Lucy_ (Meu Deus, que vergonha!) -pensou arregalando seus olhos ao ver a imagem que a deixou corada-

Grandine_ Eeee?! Deixe me ver? -pegou o celular da mão de Lucy- Tão Lindos!

Igneel_ Ho nosso filho finalmente parou de ser um idiota! -pegou o celular de Grandine para ver a imagem-

Lucy_  Apaga, isso é vergonhoso.

Grandine_ O que? Claro que não, isso é uma obra de arte. O Natsu sendo gentil.

Natsu_ Falando de mim novamente mamãe? -Dizia o garoto encostado seu braço na porta com uma veia pulsando em sua testa-

Grandine_ F-filhinho, quanto tempo você está aí? -perguntou incrédula-

Natsu_ Cadê o celular?

Wendy_ Que celular?

Natsu_ Wendy, vou ter que contar para a mamãe sobre o Romeo?

Igneel_ ROMEO? quem é esse Wendy?

Wendy_ b-bem... meu ursinho de pelúcia que rasguei. -mentiu a azulada um tanto aflita-

Natsu_ O celular Wendy.

Wendy_ Tá, tá. -Entregou o celular ao rosado, o mesmo apagou a foto na mesma hora em seguida devolveu a garota que saiu resmungandodo quarto.-

Grandine_ vamos deixa vocês a sóis- sorriu maliciosa- Vamos igneel?

Igneel_ Vamos. -ambos saíram e fecharam a porta-

Lucy_ Natsu... Bem... obriga... Aí- foi enterrumpida pela rosado quando  lhe deu um tapa de leve em sua testa- Ei! Porque fez isso?

Natsu_ Isso é pra você aprender a parar de andar sozinha pelas ruas.

Lucy_ Eu não estava sozinha.

Natsu_ Ah, claro, você estava com dois estrupadores como companhia.

Lucy_ Eu estava com minhas amigas!

Natsu_ Sério? Eu não vi ninguém. - Arqueou a sobrancelha e cruzou os braços-

Lucy_ Bem... (Não tenho Justificativa dobre isso)

Natsu_ Enfim... Eles fizeram algo com você? -perguntou um tanto sério-

Lucy_ Não... eles não fizeram.-Disse Lucy olhando para o rosado que suspirou aliviado.- Que foi? Tava preocupado? - Falou brincalhona-

Natsu_ É óbvio Lucy...Você é burra?

Lucy_ (Ele confirmou assim tão abertamente...) Espera, eu não sou burra!

Natsu_ Não? Tem certeza senhorita Lucy?

Lucy_ Ah é? -Lucy se aproximou do rosado levando uma de suas mãos em seu cabelo e em seguida puxando os fios rosadas presos em sua mão-

Natsu_ Aí, Aí Lucy, isso dói, solta.

Lucy_ Retira o que você disse.

Natsu_ Não mesmo, estou sendo só sincero, e aliás... é assim que você me trata depois de ter te salvado?

Lucy_ Affs. Você venceu. - soltou o cabelo do rosado- Agora se não se importa... vou embora.

Natsu_ Tá brava? Espera eu também vou.


Lucy agradeceu aos pais de Natsu e se despediu -se de todos, Natsu fez o mesmo e a seguiu para o apartamento. No caminho para casa, eles conversava coisas banais até que veio uma dúvida na mente da Loira.

Lucy_ Ne, Natsu.

Natsu_ O que?

Lucy_ Você já teve amigos uma vez certo?

Natsu_ Já.

Lucy_ E onde eles estão ? -Perguntou a loira-

Natsu_Não quero falar sobre isso.

Lucy_ Poxa Natsu, falaa -Insistiu-

Natsu_ Não.

Lucy_ fala, fala, fala -Lucy falou repetidas vezes a frase, deixando o Rosado vencido pelo cansaço-

Natsu_ Tá. Só cala a boca, por favor -choramingou- 

Lucy_ Ok, então diz.

Natsu_ (Não acredito que concordei em Contar... e não quero mentir para ela. Terei que falar a verdade...) Bem... Lucy. Eles morreram. -falou com sua voz falhando aos poucos, fazendo a loira se sentir culpada por preciona-lo-

Lucy_ Eu sinto muito Natsu... Eu...

Natsu_ Olha. Chegamos -mudou de assunto enquanto acelerava os passos para entrar dentro da casa, deixando a loira para trás-

Lucy_ Poxa... Eu preciso conversar com ele. -Disse a loira em voz baixa abrindo a porta e dando de cara com três garotas aos choros na sala de star, Levy, Erza e Mira-

Pov Lucy

Lucy_ Meninas...? (Merda M-meu preciso conversar com o Natsu) -Levy levanta os olhos que se direciona até mim, ela corre e me abraça. Mira e Erza faz o mesmo sem dizer nenhum A.

Levy_ Onde você estava? Eu fiquei preocupada... - Disse a azulada se engasgado no choro-

Erza _ É tudo minha culpa, eu comprei muita bebida... Se não fosse por isso...

Mira_ Eu deveria ter impedido você de ter saído do karaokê. 

Lucy_Meninas, calma eu estou bem, muito bem. Não acredito que faltou a aula por minha causa.

Erza_ A gente tinha que te procurar...

Mira_ Chegamos agora da Rua.

Lucy_ Aí meninas eu não sou criança. Aliás, eu preciso de um banho, com toda licença.

Mira_ Espera, A gente foi na diretora que ligasse para seu pai.

Lucy_ O que? Como assim! Vocês não podem fazer isso, meu pai não tem nada a ver com minha vida.

Erza_ Desculpa mas pensamos que...

Lucy_ Tá, tá não é culpa de vocês. Licença.

Levy_ Ele não atendeu por sorte.

Lucy_ menos mal. -sai dali e fui ao quarto do rosado bati na porta e logo ele atendeu- Oi... Temos que conversar...

Natsu_ Sobre?

Lucy_ Primeiro -belisquei a bochecha do rosado- Isso é por me deixar para trás.

Natsu_ Aí Luchi, pare com icho. -falou o rosado com as palavras meio distorcidas-

Lucy_ Gajeel tá ai?

Natsu_ Não.

Lucy_ Ótimo! -passei por debaixo do braço de Natsu que estava encostada na porta e deitei-Me na primeira cama que vizualizei-

Natsu_ Lucy, Lucy... Porque tão folgada? O que você quer? -fechou a porta 

Lucy_ Já disse que quero conversar -Disse olhando para o teto-

Natsu_ Então fala logo o que você quer.

Lucy_ É por isso que tenta não ter mais amigos? Porque os seus morreram? 

Natsu_ Já disse Lucy, eu não quero falar sobre isso.

Lucy_ Como assim? Você sabia que eu iria falar sobre isso, e ainda me deixou entrar.

Natsu_ corrigindo, você entrou de entrometida.

Lucy_ Ah, o que custa responder minha pergunta? 

Natsu_ Não vai desistir enquanto eu não responder não é?

Lucy_ Exatamente.

Natsu_ É. Eu não tive coragem de fazer novas amizades... é como se eu estivesse traindo eles.

Lucy_ Não. Se eles são seus amigos... nunca na vida pensaria dessa maneira. Pelo contrário, ficaria feliz se conseguisse mais amizades. Deveria se dar uma oportunidade de tentar. 

Natsu_ Você tem razão Lucy, Obrigado loira! - Natsu se deitou ao lado da loira- mas... como posso fazer isso?

Lucy_ Você é burro? Conversando, não é óbvio?

Natsu_ Eu sei! Sua idiota. Mas...

Lucy_ Começa pelo Gajeel, tenta não ignora-lo seu coração de pedra haha.

Natsu_ Que seja. Mudando de assunto... vamos assistir um filme?

Lucy_ Você tá me chamando pra  sair?

Natsu_ Lucy, não seja lerda, é pra assistir no celular, nem em sonho que vou pagar um cinema pra você.-Disse tirando o celular do bolso-

Lucy_ Affs seu chato -bufei- o que vamos assistir?

Natsu_ Isso. 

Lucy_ Filme de terror?

Natsu_ Tem medo?

Lucy_ Claro que não.

Natsu_ Então tá decidido. 

Lucy_ Certo -Começamos a ver o filme é no primeiro susto eu mandei ele parar- Chega, desliga!

Natsu_ Hahaha. UE você não disse que não tinha medo. 

Lucy_ Bem... Eu menti. -me levantei ficando apenas sentada na cama Natsu fez o mesmo-

Natsu_ medrosa. -Disse o rosado me fitando intensamente, meu estômago foi invadido por borboletas-

Lucy_ O que foi? -perguntei ao ver o rosado se aproximando, dessa vez ele parecia que queria mesmo me beijar. Porém não fechei meus olhos, caso seja outra pegadinha desse Rosado sedutor. Ele se aproximava nossos rostos lentamente até senti qus nossos lábios estava quase se tocando, fiquei suando fria, seria uma brincadeira de novo? Ou é verdade?-

Oh! Perdão o encomodo! Eu não sabia...

Lucy_ Gajeel? (Acho que vou odiar esse menino) -olhei para Natsu que estava um tanto sem graça olhei para Gajeel esse filha ds puta- Vou para meu quarto, tchau. 

Gajeel_ Tchau.

Natsu_ T-tchau.

Lucy_ Gajeel você me paga.


Levy Pov

Minutos depois de Lucy ir atrás de Natsu

Levy_ Não acredito que procuramos a Lucy Na cidade, e ela estava super bem...

Erza_ Frustrante... mas foi merecido, vacilamos com a Lucy.

Mira_ meninas, sabe. Vocês acham estranho? Não sabemos nada sobre a vida da Lucy, só que ela tem um pai... e quando tocamos no assunto  ela muda complemente.

Erza_ Eu já percebi... Lucy é tão misteriosa.

Levy_ Eu quero saber mais sobre ela, mas creio que ela não irá contar sobre isso...

Mira_ então... VAMOS INVESTIGAR.

Erza_ BOA! Tipo detetives... 

Levy_ Não sei... isso não é certo...

Mira_ Ah qual é. Vamos morrer de curiosidade? A Lucy nunca contaria.

Levy_ Bem... isso é verdade. Então eu topo!















Notas Finais


Esse foi o episódio ;-; até o próximo. Perdão pelos erros, não deu tempo para corrigir, mas eu prometo olhar isso tudo.
Leem essa fanfic pessoinhas muito recomendo pra vocês. ;3
https://www.spiritfanfiction.com/historia/fourteen-days-18527208


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...