1. Spirit Fanfics >
  2. Scripted (Nosh) >
  3. I am a bisexual

História Scripted (Nosh) - Capítulo 16


Escrita por: larryisnosh

Capítulo 16 - I am a bisexual


Pov Josh

Todos os dias, eu e Noah ligamos um para o outro conversar. E é bom, eu fico o dia inteiro ansiando para ouvir a voz dele, para ouvir as cantadas horríveis dele (mas que me fazem sorrir e me sentir desejado) e para imaginar um futuro para nós. Nessa semana que eu fiquei aqui no Canadá, eu refleti bastante sobre o que eu devo fazer em relação a ele e eu cheguei a conclusão que eu preciso primeiro me aceitar como eu sou. Então, acho que eu sou bissexual.

Por isso eu reuni toda a minha família, no último dia de minha visita para contar isso. Eles precisam saber por mim e não por uma fofoca que possa rolar no futuro.

-Filho! Fala logo, eu estou ficando tonto só de te ver girando. -meu pai fala, fazendo o resto da minha família rir. Eu estou nervoso demais para acompanhá-los.

E se eles não me aceitarem? E se eu perder o apoio da minha família? Quer dizer, a Joalin é lésbica e não teve problemas para se assumir, mas eu sou o único filho homem, o primogênito (por 4 minutos de diferença), eles podem ir contra.

-Joshua! -minha mãe grita e eu me desperto dos meus pensamentos- Fala o que você quer falar logo que eu tenho que fazer o jantar.

-Achei que íamos comer pizza hoje. -Sofya resmunga e eles entram numa discussão sobre o que iam comer.

-Eu sou bissexual! -falo de uma vez e ouço silêncio.

-Ta, mas cadê a novidade? -Joalin pergunta. Arrisco olhar para os meus pais e eles estão normal.

-Eu estou contando para os nossos pais. -esclareço.

-E nós já sabíamos. -minha mãe fala e eu olho questionando.

-Sim, só estávamos esperando o dia que você fosse contar, mas já sabíamos. -meu pai completa e eu fico chocado. Meus pais e a minha irmã sabiam, menos eu. Quero dizer, no fundo eu sabia, mas...

-Sofya? -pergunto para a garota que olhava as unhas.

-Eu também já sabia. -ela dá de ombros- Quando eu comecei o ballet e você tinha tempo para me levar, eu sei que você ia me levar para ver o meu professor. Você sempre teve uma queda por ele. -acusa e eu fico sem saída. É uma meia verdade, na época eu não me aceitava.

-Eu não tinha um crush por ele. -tento negar, mas Sofya me olha entediada.

-Lembro de você falando “Queria ser um pouco mais velho”, na época eu não entendia porque era uma criança inocente. Até que eu peguei você espiando ele dançando e...

-Chega Sofya! -corto ela.

-Ah, teve aquela vez que você ficou todo boiolinha por um colega nosso. -Joalin lembra e eu coloco as mãos no rosto. Eles vão lembrar todos os meus podres- Como era o nome dele mesmo?

-Jake. -respondo e ela me olha dando um sorrisinho. Mando o dedo do meio para ela.

-Joshua! -minha mãe me repreende- Eu e o seu pai sempre soubemos que vocês gostavam de pessoas do mesmo gênero. -ela se refere a mim e Joalin- É uma coisa que os pais sentem e nós só esperávamos quando vocês se assumiriam.

-Uau! -falo- Então está tudo bem?

-Claro que sim, meu filho! -meu pai fala e me abraça.

-Nós te amamos do jeito que você é, amando quem você ama. -minha mãe completa e vem me abraçar.

Sorrio no meio do abraço, meus medos foram em vão, eles sempre vão me apoiar.

-Ta, mas por que você se assumiu? -Sofya pergunta.

-É verdade... Você não faria isso se não tivesse alguém na jogada. -Joalin completa o raciocínio dela e eu me afasto do abraço, me levantando para ir pro quarto. Eu não vou responder isso.

-Sem contar que ele está passando tempo demais no telefone. -Sofya fala e eu estou subindo as escadas- Josh, volta aqui! -ela grita e eu sei que ela e Joalin estão correndo atrás de mim. Tento ser mais rápido e fechar a porta, mas as duas entram antes de eu conseguir.

-Me deixem em paz! -falo, tentando empurrar elas para fora do meu quarto.

-Só quando você falar quem é. -Joalin tenta me persuadir.

-Eu não vou falar de você para a Sabina. -contra ataco. Ela mexe no celular dela e me mostra uma conversa dela com a Sabina na dm do Instagram.

-Eu não precisei de você. -ela fala vitoriosa. Merda! Elas venceram.

-Quem é o garoto que conquistou o seu coraçãozinho? -Sofya pergunta fofa e sempre quando ela fazia essa cara, eu e a minha gêmea cedíamos as coisas para ela.

-Você sabe que se você não contar, nós pegamos o seu celular e descobrimos quem é.

-Vocês não sabem a minha senha. -argumento.

-Josh, é burrice usar a data de nascimento como senha. Ainda mais quando eu faço aniversário no mesmo dia -Joalin pega o meu celular e desbloqueia fácil, o desespero toma conta de mim porque ela vai saber quem é.

-É o Noah. -respondo rápido e ela levanta o olhar para mim- Eu tô gostando do Noah Urrea.

-Seu par no filme? -Sofya pergunta e eu confirmo- Isso é tão romântico!

-Ah, então é por isso que tem uma mensagem aqui “To pegando no sono, mas queria estar pegando você” dele. -porra, Noah! Não é hora para mandar essas cantadas baratas.

-Joalin... -tomo o celular dela- Nós estamos indo com calma e isso é algo pessoal.

-Mano, aproveita isso! -Sofya me aconselha e eu me pergunto quando ela ficou tão madura, ela só tem 17 anos- Você mais que ninguém merece ser feliz. -ela me abraça de lado e Joalin faz careta- Vem também, joelho! -esse é um apelido que eu e Sofya demos para ela.

Ela bufa, mas acaba se juntando ao abraço de irmãos. Eu vou sentir falta delas, já que volto amanhã de manhã para Chicago.


(...)


-Oi! -falo quando Noah atende, com um sorriso no rosto.

-Quem é? -ele faz que não conhece, mas consigo ouvir ele segurando a risada.

-Haha, muito engraçado Noah. -debocho- Como foi seu dia?

-Foi legal, minha mãe ficou na minha cola o dia todo para descobrir quem é a pessoa misteriosa com quem eu falo. -eu rio.

-E você deixou ela curiosa? É só falar a verdade.

-Você quer que eu fale a verdade? Tipo, tudo?

-Noah, eu me assumi para a minha família hoje. -conto e ele desliga. Estranho, mas só até ele me ligar por chamada de vídeo.

-Eu quero ver a sua reação. -ele fala- Você disse que se assumiu.

-É, eles zoaram comigo porque aparentemente todo mundo já sabia. -rio e vejo um sorriso brotar no rosto dele.

-Isso é bom! Eu fico feliz que tudo tenha dado certo. -vendo o rosto dele, eu percebo o quanto eu tô com saudades dele, ainda bem que depois de amanhã vamos estar juntos.

-Minhas irmãs sabem sobre você. -ele fica vermelho.

-Sabem, é? E o que você falou para elas? -agora quem fica vermelho sou eu.

-Nada demais. -respondo e ele sorri de canto- Pode contar para sua mãe se você quiser.

-Contar o que? -ele me olha malicioso.

-Contar quem é a pessoa misteriosa que você liga. -falo e ele ri.

-Minha irmã descobriu sobre você, ainda não havia te contado porque tinha medo da sua reação. -ele fala sincero e vejo a movimentação dele se deitando na cama- Você não está bravo, não é?

-Não, Noah! Eu estou bem e feliz em muito tempo. -sorrio. Isso é verdade! 

-Eu fico feliz com isso. -ele é tão perfeito.

Alguém bate na minha porta e eu mando entrar, era Sofya arrastando um travesseiro, usando pijama e um tapa olho na testa -O que você quer?- pergunto para ela e Noah fica quieto, fingindo estar fazendo outra coisa.

-Posso dormir aqui com você? É a sua última noite aqui. -ela pergunta triste e eu fico com dó.

-Isso é uma cama de solteiro Sofya. -argumento.

-Por isso que a Joalin está trazendo o colchão de casal para cá. -ela sabe que eu não vou me negar de ficar com elas. Ela vem até mim e senta do meu lado, olhando para o meu celular, onde um Noah Urrea olhava curioso para mim- Noah Urrea! -ela fala meio alto.

-Garota, não grita, nossos pais estão dormindo. -eu falo, colocando a mão na orelha porque ela está muito perto.

-Oi. -Noah acena.

-Eu sou sua fã. -mentirosa! Ela nunca falou nele.

-Obrigado! -ela arranca o celular da minha mão e fica conversando com ele, enquanto eu fico tentando recuperar meu celular e atenção dele para mim.

-Sofya, você falou que ia me ajudar e eu tô carregando isso aqui sozinha. -Joalin chega arrastando um colchão toda esbaforida.

-Noah Urrea está aqui. -ela aponta animada e eu desisto. Perdi ele para as minhas irmãs, já que agora Joalin se ajuntou com ela e as duas conversam com o meu... Crush



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...