1. Spirit Fanfics >
  2. Se a vida te der limões (Irmãos Sprouse Ventino CNCO N.U.) >
  3. Hoje uma Juliana vai estragar meu dia

História Se a vida te der limões (Irmãos Sprouse Ventino CNCO N.U.) - Capítulo 53


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura!😆
Espero que gostem!!😘

Capítulo 53 - Hoje uma Juliana vai estragar meu dia


Fanfic / Fanfiction Se a vida te der limões (Irmãos Sprouse Ventino CNCO N.U.) - Capítulo 53 - Hoje uma Juliana vai estragar meu dia

Chegamos no sítio e fomos montar as barracas e organizar nossas coisas. Os pais de Juliana ficariam na casa e nós tínhamos que ficar próximos o suficiente para eles nos avistarem e ouvirem nossos pedidos de socorro caso algo acontecesse.

Durante a viagem havíamos decidido como ficariam as cabanas, e adivinhem só, eu ficaria com Juliana. Aparentemente um milagre havia acontecido e Juli não quis dormir com o Zabdiel. Sina ficaria com Sabina, Dylan com o Cole e o Zabdiel com meu irmão, tudo estava perfeito.

Terminamos de armar as barracas e fomos buscar lenha. Eles queriam fazer tudo como se fosse um acampamento de verdade e não tivéssemos uma cozinha com fogão a gás a nossa disposição.

Peguei um galho de árvore caído com a ajuda de Sabina, só aquilo já dava para manter a fogueira acesa um bom tempo. Levamos o galho até o acampamento onde Zabdiel e Dylan descansavam após terem carregado duas lenhas como a nossa.

Um tempo depois os outros retornaram com mais madeira e Cole começou a parti-las em pedaços menores.

_A gente podia ir nadar no rio. _Juliana falou fazendo Sabina se empolgar.

_Vamos! _Ela sorriu nos olhando.

_Só espera eu terminar isso aqui! _Cole falou antes de Zabdiel e os outros meninos irem ajudá-lo.

Enquanto isso aproveitamos para trocar de roupa colocando algo que nos possibilitasse nadar. Infelizmente ninguém havia levado biquíni, pois Juli até então não se lembrava que um rio passava dentro do terreno.

Coloquei uma camiseta e um shorts enquanto Juliana vestia um vestido leve. Como assim alguém colocava um vestido para nadar?

_Amiga, você sabe que essa saia vai te atrapalhar e sua bunda vai ficar aparecendo, não sabe? _Perguntei fazendo-a rir.

_Eu sei! _Juliana deu de ombros antes de sairmos da cabana.

Caminhamos até o rio que não ficava muito longe do local onde estávamos acampados. Cole retirou a camisa assim como os outros meninos, porém por algum motivo aquilo me deixou constrangida, eu já havia visto ele daquele jeito antes, não fazia sentido algum eu sentir vergonha.  

Entrei na água antes de rir da maneira que Sabina olhava para meu irmão, parecia que ela iria devorá-lo com os olhos. Senti as mãos de Cole segurarem minha cintura enquanto ele parava atrás de mim. Me virei recebendo um beijo.

Minhas mãos tocaram as costas de Cole um arrepio percorreu meu corpo. Uma de suas mãos tocou meu quadril antes de Juliana nos atirar água fazendo com que nos afastássemos.

_Aqui não amiga! _Ela riu piscando para mim. Até parece que estava acontecendo alguma coisa séria.


A noite chegou mais rápido do que havíamos imaginado. Dylan acendeu a fogueira enquanto assávamos alguns marshmallows. Zabdiel pegou seu violão começando a dedilhar uma música qualquer. Eles sabiam transformar tudo em uma possível cena de Fanfic.

_Toca baile de favela! _Juliana brincou antes de ele realmente começasse a tocar.

Agora eles haviam destruído as possibilidades daquilo ser uma cena romântica de uma história adolescente.

_Depois toca um sertanejo raiz. _Christopher falou rindo piorando tudo. Daqui a pouco Zabdiel iria começar um modão de viola.

_Pode ser Boate Azul? _Ele perguntou enquanto meu irmão acenava que sim.

_Porque todo mundo toca essa música? _Sina riu indignada.

_É um clássico amiga! _Falei brincando. Boate Azul era péssimo, mas todo mundo amava por ser popular, até me fazia lembrar do Joel.

Baile de favela acabou e Zabdiel começou a tocar a próxima música. Juliana preparou seu vocal dando tudo de si para cantar Boate Azul, pelo menos ela cantava super bem o que diminuía meu sofrimento.

Depois de um tempo à fogueira, fomos para as cabanas dormir. Juliana deitou ao meu lado brincando com uma mecha de seu cabelo, ela parecia bem feliz em estarmos alí.

_Queria que o violão tivesse pegado fogo. Seria engraçado. _Ela falou aleatoriamente me deixando assustada. Definitivamente minha amiga estava doidinha, primeiro ela quis nadar de vestido, agora queria que o violão tivesse pegado fogo. Isso não é normal.

_Meu Deus amiga! _Falei rindo de desespero.

Juliana se levantou colocando a cabeça para fora da barraca.

_O que você tá arrumando? _Perguntei antes dela rir me olhando.

_Você vai ficar brava?

_Depende, o que você quer aprontar? _Boa coisa não era. Impossível ser algo positivo após ela querer ver um violão em chamas.

_Eu já volto.

Juliana saiu da barraca e eu fiquei lá igual uma tonta sem entender o que estava acontecendo. Esperei por ela até Cole entrar deitando ao meu lado.

_Ta fazendo o que aqui? _Perguntei enquanto ele se ajeitava.

_Seu irmão me baniu da minha barraca após ser banido da dele por Juliana. _Então era isso que aquela lagartixa tava planejando? Que safada!

_Eu mato ela amanhã. _Falei fazendo Cole rir.

_É tão ruim assim dormir ao meu lado?

_Não sei, nunca dormi com você! _Dei de ombros antes dele me beijar. _Você que vai odiar dormir do meu lado. Eu me movimento muito, e costumo chutar as pessoas ao lado.

_Acho que eu aguento.

Cole tocou meu rosto com delicadeza antes de nos beijarmos novamente. Ele me puxou para acima do seu corpo fazendo meu coração disparar, mesmo assim nosso beijo continuava e eu só pensava em me afastar antes que eu caísse naquela tentação.

Pode parecer piada, mas eu realmente achava ele uma tentação.

_Cole… _Falei antes antes dele tirar minha camisa me fazendo recuar tão rápido que quase perdi o equilíbrio.

Tampei os olhos dele com o travesseiro, porém usei tanta força que havia uma chance de eu ter o machucado.

_Atrevido. _Falei enquanto ele resmungava alguma coisa. _O que?

_Você tá me sufocando… _Ele falou com dificuldade enquanto eu soltava o travesseiro. _Foi mal.

Ele riu após voltar a respirar. Coloquei minha camisa novamente aproveitando que ele ainda estava com o rosto coberto.

_Você quase me matou do coração!

_E você quase quebrou meu nariz! _Cole rebateu descobrindo o rosto. _Não achei que você reagiria desse jeito.

_Deu pra perceber! _Fiz um bico torto cruzando os braços. _Você tem muita sorte de eu estar de bom humor hoje!

Cole sorriu sentando-se de frente para mim. O que aconteceria agora?


Notas Finais


💟Espero que estejam gostando!
😘Obrigada por lerem!!
Leia também:🌸💜
https://www.spiritfanfiction.com/historia/as-now-united-20041917


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...