História Se já estou no inferno porque não abraçá-lo? (Imagine BTS) - Capítulo 25


Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 28
Palavras 765
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


✴️Boa leitura e desculpem a demora, é que eu e a coautora somos muito preguiçosas!!!✴️

Capítulo 25 - 3 meses depois...


Fanfic / Fanfiction Se já estou no inferno porque não abraçá-lo? (Imagine BTS) - Capítulo 25 - 3 meses depois...

3 meses depois

Três meses se passaram e as coisas estavam melhores do que nunca... Tae estava extremamente carinhoso tanto comigo como com nossa baby Yuna.

Yuna que por sinal é a baby mais linda que já vi, é a cara de Taeyhung! Seus olhinhos azuis iguais aos de Tae me encantam sempre que olho seu rostinho gordinho.

Yuna é realmente uma graça que não encanta só a mim, encanta tbm Tae que cada dia mais baba pela filha. Ele brinca, dá banho, cuida... Ele é realmente um pai exemplar, superou todas as minhas expectativas!!

Nesses três meses eu e Tae estamos vivendo um conto de fadas, Tae tem sido o melhor homem do mundo... E confesso ainda estar esperando um pedido de casamento, já que vivemos na mesma casa, compartilhamos a mesma cama... E o mais importante, temos uma filha linda!!

...

Coloquei Yuna na sua cadeirinha no banco de trás do carro e então seguimos para o shopping.

Chegando lá fomos direto onde tinha que ir. Entramos em uma joalheria famosa e então peguei minha encomenda que era uma pulseira com uma medalha  que na frente estava escrito o nome de Yuna e atrás as nossas inicias, minha e de Taehyung. 

Voltamos para o carro onde eu já coloquei sua pulseirinha, cujo ela poderia usar até uns 4 ou 5 anos pois ela regula bem no pulso. 

Saindo do shopping tive a impressão de ter visto Jung dentro de um carro preto... 

O mesmo que agora parecia estar me seguindo, meu coração começou bater na extremamente forte, meu corpo tremia e eu só dirigia cada vez mais rápido... 

... 

Depois de quase 10 minutos dirigindo feito um louco acabei entrando em um beco  sem saída onde um carro estacionou logo atrás de mim. 

Yuna parece que sentia minha tensão, não parava de chorar, o que me deixava mais nervoso ainda... 

Três homens com máscaras que de roupas pretas descerão do carro enquanto o motorista ficou dentro do carro. 

Eles estavam armados, e se aproximaram do carro e com a arma bateram no vidro do carro ordenando que eu abrisse a porta. 

Abri a porta e então eles apontaram a arma na minha testa e mandaram eu ficar quietinho, caso ao contrário matariam a mim e a minha filha. 

Um dos homens abriu a porta de trás e pegou a cadeirinha de Yuna  junto dela. Não liguei pra mais nada, só queria minha menina... 

Empurrei o homem que estava na minha frente e então fui em direção ao outro homem que estava levando minha filha para o outro carro. 

Sai correndo até o carro porém antes que eu conseguisse colocar as mãos naquele canalha, alguém bateu fortemente na minha cabeça fazendo eu cair no chão desacordado. 

... 

Abro meus olhos desesperado, olho para os lados e então reconheço o que avisto, era minha casa...  Sento na cama e então avisto Kim Taehyung sentado na poltrona me encarando. 

Me diz que tudo não passou de um sonho Tae... - fala chorando 

- suspira. Infelizmente não Jimin. 

Não pode ser Tae, nós temos que fazer alguma coisa. Não sei ir até a policia, colocar seguranças atrás deles qualquer coisa Taehyung, é a nossa menina! 

- senta na cama ao lado de Jimin. Eu seu Jimin, já fiz todas essas coisas agora só podemos esperar! 

Esperar?! Não podemos esperar, e se eles venderam nossa filha, e se matarem ela Kim Taehyung? Eu não consigo entender como você consegue estar tão calmo em uma situação dessas! 

E ficar nervoso adianta? Vai trazer a menina de volta?! 

... 

Eles queriam a menina, eles sabiam que eu estava com a menina... A única coisa que eles queriam era a nossa filha, não levaram nada, nem o carro, joias, dinheiro, NADA! 

Jimin você agora precisa descansar, eu vou fazer de tudo para Yuna voltar bem e salva, mas você precisa colaborar, não pode ficar aí nervoso e descontando em mim suas frustrações, isso não vai ajudar em nada, só vai piorar a situação! - Sai do quarto. 

...

Eu não conseguia entender como Tae conseguia estar tão calmo em uma situação dessas, ele fala de um jeito como se estivesse conformado... Mas eu não, e não vou ficar aqui parado sem fazer nada... 

Pego meu casaco e então saio pela porta dos fundos para ninguém perceber, começo a andar desesperadamente e chorando com o celular na mão mostrando para as pessoas a foto de Yuna. 

Quando fui atravessar a rua um carro freia praticamente em cima de mim, um homem desce do carro e logo seu rosto me veio a mente, eu conhecia aquele homem... 







Notas Finais


Continua no próximo capítulo! ❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...