História Se me ama, faça tudo por mim, e me ame (Imagine Jimin) - Capítulo 19


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Jimin, Jungkook, Roamance, Suspense
Visualizações 32
Palavras 782
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, LGBT, Romance e Novela, Seinen, Shoujo (Romântico), Yuri (Lésbica)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 19 - E as coisas lindas, são mais lindas, quando você está.


   Dois dias já se passaram desde a morte da Isa, meu relacionamento com o Jimin não está o mesmo, não nos falamos mais. Ele respeita que eu estou sofrendo e tenho que me recuperar, mas ele não gosta disso, e nem eu. Só como uma vez ao dia, e não vou para a escola, porque foi lá que tudo começou. Não falo com ninguém, mas a minha mãe tenta falar comigo ao máximo, e ela até falou que Dae e Hee não tinham nada haver.

 

S/n off

Jimin on.

 

   Passou dois dias depois da morte de Isa, meu relacionamento não é o mesmo, s/n não fala comigo, e eu entendo. Tentei ir até a escola quarta, mas não aguentei, me lembrei de Hee, de Dae e de Isadora, um nome que para mim é tão difícil, porem tão lindo.

 

Jimin off

Jungkook on

 

   Isa para mim foi aquela pessoa que eu olhava e queria sair, ao contrário das outras, fiz um trabalho apenas com ela, ela era tão legal, mas parecia que não conseguia falar com ela, talvez eu estava tímido, ou eu sou tímido com ela. Não fui mais a escola, e só vivo me lembrando que eu deveria ter falado com ela. Mas uma pergunta que não para de surgir pela minha cabeça, quem mataria ela?

 

Jungkook off

Pri on

 

   Dois dias depois do assassinato e eu ainda não estou bem. Queria ter ido até a casa dela para dar apoio, mas não, estava simplesmente assistindo TV, e passando gloss. As vezes um amigo é a melhor coisa que tem, e o pior que você só percebe depois que você o perde para sempre.

 

Isa off

Você on

 

   Hoje é o dia do funeral de Isa, eu vou tentar ao máximo ir até o funeral, não sei se os outros vão, mas eu vou.

   Me arrumei e fui até o funeral. Chegando lá vejo Jimin com um terno, olhando para o caixão. Vou até ele.

 

Jimin: Você veio!

Você: É claro, hoje é o funeral dela. Não foi Dae nem Hee que mataram ela.

Jimin: Como sabe?

Você: Eles estavam trancados o dia inteiro, as câmeras mostram.

Jimin: Quem será?

Você: Não sei, mas vamos descobrir.

Jimin: E como?

Você: Vamos ver depois.

 

   Logo depois veem Jungkook e Pri. O velório começou e com uma missa. O padre falou que era para estarem as duas amigas de pé para falarem um pouco sobre ela, então levantamos. Começou a Pri falando.

 

Pri: A Isa era como uma irmã, estudávamos no mesmo colégio, estudávamos juntas, quase todo o dia eu ia até a casa dela. Ela foi quem me abraçou, enxugou as minhas lágrimas, me deu conselhos. Ela era tão especial para mim, e depois vem isso... (sai uma lagrima) quero dizer, ela era tudo na minha vida, então sem ela, uma parte de mim está vazia (sai um monte de lágrimas).

 

   Ela se senta e eu começo a falar.

 

Você: Isa? Bom, ela me visitava em Busan todo o mês, desde pequenas. Brincávamos muito e depois de crescer, eu e ela passávamos maquiagens uma na outra. Ela sempre dizia para mim ser quem eu sou, depois de ela falar isso tudo na minha vida mudou, eu mudei, e para melhor. Mas ela não conseguia ser quem ela era... e depois de um dia é assassinada. O mundo ele mudou tanto, ou é eu que não estou acostumada? Eu só queria dizer para ela que eu a amo, e sempre vai ter um pedacinho do meu coração ocupado por ela (choro).

 

   O velório continua e depois foi o enterro, demos abraços nos familiares de Isa e nos pais. Depois Jimin, Jungkook e Pri nos reunimos em um lugar reservado para discutir.

 

Jungkook: Eu vou ser direto, quem matou a Isa?

Jimin: Eu não sei.

Jungkook: Foram... (interrompo ele)

Você: Não foram eles.

Pri: Então quem?

Jimin: Alguém que a conhece?

Você: Ela só tinha a gente como amigos.

Jimin: alguém que ela se envolveu?

Pri: Ela não tinha ninguém além de nós e a amiga colorida dela.

Jimin: Então quem seria?

Jungkook: O ajudante.

Pri: Que ajudante?

Jungkook: Todo o assassinado tem um cumplice.

Você: Sim, o cumplice era o Hee.

Jungkook: Quem matou a Rio?

Jimin: Dae e Hee o ajudou.

Jungkook: Um assassino não mata só uma pessoa, senão não seria um assassino. Matar vicia, é como uma droga. Mas na noite do assassinato de Isa, Hee e Dae estavam presos, seja em um hospício ou em uma cadeia. Então não teriam a matado, significa que há outro.

Pri: Então, quem seria o ajudante deles?

Jungkook: E é aí que vem a pergunta: quem? E como vamos saber?

Você: Dae!


Notas Finais


Compartilhem :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...